História White Noise - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Girls' Generation, Got7, TWICE
Personagens Baekhyun, BamBam, Chaeyoung, Chanyeol, Chen, D.O, Dahyun, Jackson, JB, J-hope, Jihyo, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Jungyeon, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Mark, Mina, Momo, Nayeon, Rap Monster, Sana, Sehun, Suga, Suho, Sunny, Taeyeon, Tao, Tiffany, Tzuyu, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Chanbaek, Jikook, Kaisoo, Mas Um Monte, Vhope
Exibições 12
Palavras 1.078
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Orange, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpa a demora, tentei fazer uma capítulo maior, mas não deu certo...
Desculpa os erros.

Capítulo 3 - Capítulo 2


  - Chanyeol, é você?
  Por quanto tempo esperei por essa momento.
    - Baekhyun!


  Não sabia como reagir, já tinha me acostumado ao fato de nunca mais ver seu rosto.

    E que rosto.

  Ele parecia ainda mais lindo do que antes.

   -Faz muito tempo né?

   Ele disse, me tirando do meu tranze. Não tinha percebido que o encarava.

    -Sim, bastante.

  -Pra ser mais específica, 5 anos, quando você simplesmente parou de falar contigo sem nenhuma explicação - ele me olhava com uma expressão de desafio.

   Não sabia o que dizer perante aquilo.

   -Então? Não vai me explicar porquê me abandonou?

    Eu não queria dizer o verdadeiro motivo, mas eu não conseguiria mentir olhando naqueles olhos tão brilhantes e encantadores. Nós nunca mentimos um para o outro, era uma promessa. E por mais que o tempo tenha passado, meu coração batia mais rápido.

   Como ele estava lindo naquele momento.

  -Eu…

  -Hyung, a cobr… Ah, desculpa interromper.

   Não acreditava na minha sorte.

   -Tudo bem Tae - disse ele, ainda olhando pra mim.

 Acho que esse Taehyung merece um ponto na média.

   -Vocês se conhecem?

  -Sim, muito bem. Não é mesmo Channie?

    -Sim…

Eu me sentia bem desconfortável, por mais que o tempo tivesse passado ele ainda mexia comigo.

   -Eu preciso ir - Baekhyun disse, me tirando dos meus devaneios.

   -Ah, claro, a vontade.

   E assim ele foi...pela segunda vez, pra longe de mim.


           ~~~~~~~~~~~~~


Foi um pouco desconfortável aquela reunião, além de ter sido bem chata, não conseguia ficar quieto, principalmente com aqueles olhinhos pequenos do homem que mais amei no mundo à me observar a todo estante.

  Depois que a reunião terminou, saí o mais rápido possível para que não tivesse o perigo de encontra-lo de novo, o que graça a Deus deu certo. Entrei na sala dos professores, mas quando dei o primeiro passo, vi que Deus não me amava tanto assim, escorreguei eu alguma coisa que não era água…Que porra é essa, isso é... café?

  -Me desculpa, eu derramei meu café e fui buscar um pano pra limpar - um homem com mais ou menos minha idade adentro a sala com pano na mão.

   Ele estendeu a mão livre pra me ajudar a levantar.

   -Sou Do Kyungsoo, professor de geografia, prazer te conhecer - ele disse, com o semblante sério... assustador.

   -Sou Park Chanyeol, professor de Português com a bunda doendo, também é um prazer te conhecer.

  Ótimo, agora teria que andar por aí com as calças sujas de café. Essas coisas adoravam acontece comigo.

   -Tire as calças - o baixinho de olhos grandes ordenou.

    -Que? Você tá louco? - eu perguntei, revoltado. Não é assim que as coisas funcionam, primeiro a gente saí, depois namora, depois pensa em tirar as calças.

   -Eu tenho calças sobrando, vai ficar justa, mas é melhor que ficar com o bumbum com cheirinho de café - o baixinho saiu da sala sem dizer mais nada.

    Tá, eu tinha imaginado outra coisa, mas não é muito normal alguém do nada pedir pra você tirar suas calças.

      Tirei minhas calças. Parece uma coisa, só porque hoje venho com uma calça clara acontece uma coisa dessas.

    -Voltei.

    Levei um susto com o aparecimento repentino do baixo.

     -Nossa, como você foi rápido.

    Ele carregava uma sacola. Me deu ela.

    -Deve servir, é do meu... amigo, ele é mais ou menos do seu tamanho.

     -Por que você carrega uma calça do seu “amigo” por aí? - muito estranho isso…

     -Bom... isso não é dá sua conta - disse ele, com cara emburrada.

     Ele virou para sair da sala, mas ele acidentalmente escorregou e caiu no meu colo, e como minha vida é uma maravilha, no momento que ele caiu no meu colo, em um lugar não recomendado, alguém chegou e ficou olhando nós dois naquela cena constrangedora. Aí você se pergunta, quem é essa pessoa? Nada mais, nada menos que Byun Baekhyun, meu grande amor.

    -Me desculpa…

    -Não é nada disso que você tá pensando - eu disse, me levantando bem rápido, fazendo o outro baixinho cair no chão - Desculpa…

      Ajudei ele se levantar. Quando olhei de novo para onde Baekhyun estava, percebi que ele me olhava com os olhos arregalados. Eu iria me pronunciar, mas antes que eu dissesse qualquer coisa, ele saio correndo.

    -Baekhyun, esp… - ia atrás dele, mas lembre que estava sem minhas calças.

     Aí cara, eu só posso ter dançado Crazy in love na tumba de Jesus Cristo…


         ~~~~~~~~~~~~~~


         Taehyung pov’s

  Por que ele estava fazendo aquilo? Ele disse que me amava, então por que estava saindo com outro?

   -Taehyung, você tá me ouvindo?

     Percebi que tinha me distraindo e não prestando atenção no que ele falava.

   -Ah, desculpa, pode repetir?

   -Eu estava perguntando o que você acha sobre eu sair com o Yoongi, acha que pode dar certo?

    -Eu não sei…

    Por que ele estava me perguntando aquilo? Logo pra mim…

     -Eu preciso ir, a vaca da noiva do meu irmão quer levar a gente pra comer fora - ele acena com a cabeça e eu me levanto, pegando minha mochila.

     Por quê? Ele não deveria sair com outro estando apaixonado por mim.

     Comecei a andar em direção a porta de saída da sala, mas parei e virei. Eu nunca tinha reparado que ele era tão bonito…

     -Hoseok?

     -Sim?

    -Você é incrível e merece tudo de melhor.

     Ele sorriu, aquele sorriso lindo que só ele sabia dá.

     -Obrigado.

     Retribui o sorriso, e voltei a andar em direção a porta. Hoje o dia seria cheio…


         ~~~~~~~~~~~~~~


   As coisas eram piores do que eu imaginava…

    -Vamos Taehyung, ajeita essa cara de chato.

    -Sinto muito hyung, é a única que eu tenho.

      Não bastava ter que jantar com aquela vaca, ela resolveu ir pro cinema também. Seria muito bom, se aquela combra não estivesse junto. Depois ela nós levou para um café que tinha alí perto. Você deve está se perguntando: o que ela te fez? Bom, pra mim nada, mas pro meu irmão sim. O que ela fez? Simplesmente obrigou ele a casar com ela. Eu realmente não entedia o por que ele ainda defendia aquela vaca.

  -Faz um esforço, ela tá tentando ser legal.

      -Entenda uma coisa hyung, ninguém me faz gostar dela.

    -Ela tá tentando, por que você tenta também?

    Eu ia responder, mas ela chegou com três copos de café nas mãos. Ela me deu um dos cafés e deu outro pro meu irmão. Eu até pensei em derramar aquele café, mas eu tenho um lema de nunca desperdiçar café.

     


Notas Finais


Até o próximo❤💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...