História White on black - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kakashi Hatake, Karin, Kiba Inuzuka, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Suigetsu Hozuki, Tsunade Senju
Tags Drama, Naruto, Nejihina, Romance
Exibições 44
Palavras 1.142
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Sci-Fi, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bom pessoal esse é o terceiro capitulo espero que gostem....

Capítulo 3 - And white black won the first colors


Fanfic / Fanfiction White on black - Capítulo 3 - And white black won the first colors

��"O mesmo dia, a mesma lua
24 horas por dia nos 7 dias da semana, tudo se repete
Minha vida está no meio disso
Desempregado, vinte e poucos anos, com medo do amanhã
É engraçado, você acha que tudo é possível quando criança
Até você sentir como é difícil passar por um dia
Continua sentindo como se controlasse a batida, continua baixando
Cada dia é uma repetição de ctrl+c e ctrl+v

Eu tenho um longo caminho a percorrer, mas por que eu estou correndo no mesmo lugar?
Eu grito em frustração, mas ecoa no ar vazio
Espero que amanhã seja diferente a partir de hoje
Eu apenas espero

Siga seu sonho como um destruidor
Mesmo se der tudo errado, oh vai melhorar
Siga seu sonho como um destruidor
Mesmo se der tudo errado
Não volte atrás, jamais

Porque a madrugada é escura mas depois o sol nasce
Mesmo num futuro distante, nunca se esqueça o você de agora
Onde quer que você esteja agora, você está fazendo apenas uma pausa
Não desista, você sabe

Não demore muito para chegar, amanhã
Não demore, amanhã
Não demore muito para chegar, amanhã

O amanhã que estávamos esperando se torna o nome de ontem em algum momento
Amanhã torna-se hoje, hoje torna-se ontem, amanhã torna-se ontem, e está atrás de mim
A vida não é sobre ir vivendo mas ir sobrevivendo
À medida que você sobrevive, você desaparecerá algum dia
Se você continuar se distraindo, você será varrido
Se você não tem coragem, confie
Tudo se tornará ontem de qualquer maneira, então qual é a utilidade?
Eu queria me tornar alguém feliz e forte mas por que estou me tornando mais fraco?"��

 

Hinata P.O.V

 

​O professor ainda estava dando aula,quando o sinal tocou e ele logo saiu,derrepente em um pisca de olhos,ao meu redor estava um monte de gente,vários estudantes me perguntando coisas como: Você é mesmo de Nova York? Quantos anos você tem? Oque você tá achando daqui?

Todas​ Aquelas perguntas que eles devem fazer a todos os alunos novos,o garoto do meu lado levantou e saiu da sala (acho que ele não gostou daquela situação) bom eu também não gostaria se tivesse no lugar dele! Acabei respondendo eles,mas é claro, sem expor muito detalhes.....o intervalo tocou e todos aqueles alunos finalmente me deixaram respirar,parece que estavam apressados para compra o lanche,já que a maioria não levava bentô,falando nisso,a minha mãe ficou essas duas semanas praticando,e estudando sobre culinária japonesa, so pra preparar o meu.

Eu já tinha terminado de comer,então decidir sair da sala, para compra uma bebida,se tem uma coisa no Japão isso são maquinas de comida,em cada esquita tem uma diferente,já estava pegando minha bebida quando vi o tal do neji e uns cinco garotos ao redor dele,deduzir que eram seus amigos,porem algo não parecia certo ,o neji parecia estranho,me escondi e decidi ouve oque estava acontecendo,os garotos estavam tirando dinheiro dele,e è claro que aquilo não era normal,ninguém sai por ai dando dinheiro assim aos "amigos",eu então decifrei que aquilo é oque chamam de bullying, não acredito!aquele garoto que pareci tão arrogante sofrendo bullying?

Acabei por me entrometer naquela situação

​- É rapazes oque está acontecendo? Por acaso da dinheiro para os outros è moda aqui no Japão? 

- Anh é não! disse um dos garotos nervoso

 - Sério? Porque se for è melhor eu saber,não quero ser pega de surpresa!afinal sou nova aqui e não sei quase nada

- Claro que não! Essa é uma brincadeirinha que estamos fazendo com nosso querido Neji! Certo pessoal?

- S-Sim! disseram os garotos em uníssono 

 

- OK então, mas é melhor não brincarem desse jeito,outras pessoas podem acabar entendendo errado

- A sim obrigado por nos informa

- De nada

Os garotos acabaram devolvendo o dinheiro e indo embora,o neji por sua vez veio em minha direção, com uma cara de poucos amigos

 

- Moda no Japão? Serio? Aquilo parecia normal pra você? 

- Claro que não! Tá me achando com cara de estúpida? A propósito ao invés de vim me questionar,deveria me agradecer, acabei de te ajudar,ou melhor agora você tem o dinheiro que eles irão te roubar amanhã! 

- Ata,Obrigado por me "ajudar" nunca mais irei esquecer dessa sua grande ajuda! falava com tom de deboche

​-​De nada

Ele já tinha me dado as costas,estava indo embora,quando eu falei com ele

- Ei,porque você não se defende,sei lá,faz alguma coisa! Fala alguma coisa pra alguem, conta pro seus pais, eles vão tentar te ajudar ​

- Meus pais? Eu não tenho pais,porque acha que,eles estão fazendo isso comigo? 

- È-È

- Sabe porque? Porque eu sou um órfã que vem de um orfanato,que não tem muito dinheiro,e que so ta aqui  por causa de uma bolsa que ganhou!

- Ta mais e dai? Fala pra diretora,ou pro kakashi,ele parecia uma pessoas boa com certeza te ajudaria!?

- Acha mesmo que se isso fosse verdade, eu ainda estaria passando por isso? Eles não vão se importar com um órfão, pobre,que não tem nada a oferecer a essa escola? Acha que vão ficar do meu lado ao invés dos deles? Aqueles garotos tem pais influentes, são de família rica, ajudam na boa imagem da escola,e seus pais auxiliam nas verbas,acha que preferem acreditar em alguem como eu ou como eles? Mesmo eu sendo a vitima aqui,eles não vão se importar!

Naquele momento eu fiquei estática, aquele garoto era como eu! Quando eu estava passando pelos meus problemas,e ninguém resolveu ou puniram os culpados,a diferença era que enquanto eu era cercada de amigos,e tudo que podia,depois todos sumiram quando eu mais precisava,e o meu mundo ficou preto e branco,mas eu tinha meus pais que deram mesmo que um pouco, cores pra mim. Já o neji nunca teve ninguém, o mundo dele,sempre foi preto e branco,nunca teve cores,aquilo me fazia sentir vontade de ajudá-lo, porque eu meio que sentia que o salvando,poderia salvar a mim mesmo

- Ok,então me deixa te ajudar?

- Me ajudar?porque você faria isso?

- Bom,porque eu odeio injustiça, por isso vou ajudar você, sabe fazer uma boa ação, além disso não gosto daqueles garotos covardes! 

- Então é isso? Vai me ajudar,em troca de nada?tudo bem então, sinceramente to cansado de ser tratado dessa forma! ​

- Então temos um trato?​

- Sim

- Bom ainda não nos apresentamos direito certo?​

- Sim! Prazer Neji Hyuga!

- HYUUGA!?​

- Sim HYUUGA!

- Espera! Você não disse,que era órfão? Então como você sabe seu sobrenome? ​

- Bom essa é uma das poucas coisas que eu sei sobre mim! Porque?

- ​Bem por nada! Esquece! Bom eu me chamo Hinata prazer!

 

​​

​È estranho ele ter o mesmo sobrenome,mas tudo bem né? É normal ter o mesmo sobrenome certo! Ou não? Aquilo não saia da minha cabeça, tinha algo estranho sobre o neji ter o mesmo sobrenome que o meu!.....

 

Continua.....

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Então é isso!

Bye......e até a próxima ×~×


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...