História Who Are You - Capítulo 89


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Ciume, Comedia, Drama, Harry Styles, One Direction, Romance, Sexo
Exibições 478
Palavras 1.664
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 89 - 89


(Love me Like You Do/ Ellen Goulding)

Harry aprofunda o beijo segurando a maçaneta com uma mao, fecha a porta, o outro braço envolvendo-a pela cintura, Dani o abraça pelo pescoço na ponta dos pes, correspondendo o beijo apaixonado, as linguas se procuram ansiosas... Ele solta a porta e a suspende do chao, a outra mao deslizando pela coxa, fazendo-a abraça-lo com a perna.
Dani enfia a mao nos cabelos da nuca um tanto arrepiados, estao curtos mas os dedos ainda afundam nos fios macios, o abraça com as pernas, ele a prensa contra a parede, subindo as duas maos por baixo da camisetinha do baby doll, segurando os seios com vontade, geme rouco, tomado pelo tesao, a respiraçao dificil.

Dani levanta os braços enquanto ele puxa a camisetinha para cima, Harry a olha encantado enquanto deixa o tecido cair no chao:
__ Sweetheart, me desculpe, nao consigo me controlar, que saudade! Vai ser rapido agora, mas te juro que depois eu te recompenso.
__ Quem disse que quero que seja devagar? Estou esperando por isso ha quase dois anos, meu bem_ Dani sorri safada, puxando o camisao que ele ainda esta vestindo pela cabeça, ele a ajuda e volta a abraça-la pela cintura, procura sua boca, Dani o beija, agarrando-o pelo pescoço, suga, mordisca, provoca a boca sensual ate sentir ele todo tenso e arrepiado.

Harry caminha ate o quarto quase derrubando o vasinho que fica no corredor, os dois riem baixinho, entram no quarto, ele a coloca em pe em cima da cama, se afasta um pouquinho olhando-a penetrante enquanto tira as botas e abre a calça.

Dani morde o labio inferior, seduzindo, desliza as maos pelo corpo, agarrando os seios, apertando um no outro, segura no coz do short do baby doll e vai descendo, ondulando os quadris em um strip tease sem musica, o silencio deixando a cena ainda mais provocante, joga o short na cara dele.

Harry assiste sorrindo com malicia, apanha o shortinho com os dentes, deixando o tecido pendurado na boca, o olhar sacana, despe a calça, segurando com as maos e envolvendo-a pela cintura, puxando-a para perto.
Dani se deixa levar, agarrando o shortinho, Harry nao solta como se fosse um cachorrinho brigando por um brinquedinho, Dani ri, abraçando-o pelo pescoço, ele permite que ela tire o short, a beija com loucura, joga a calça de lado e a pega no colo, deitando-a na cama gentilmente, ambos brincando com os labios e linguas.

Dani sobe as maos pelas costas largas sentindo a pele arder com a temperatura elevada, Harry desliza as maos pela cintura, puxando as laterais da calcinha, a olha admirado:
__ Linda! Linda demais, exatamente como eu lembrava...

Dani sorri satisfeita, quase ficou insegura por segundos, afinal, seu corpo mudou um pouco, tem poucas estrias nos seios, sao clarinhas mas estao la, e tambem ja nao sao tao firmes como antes, por causa da amamentaçao, porem ele a olha como se estivesse em frente a uma das maravilhas do mundo.

Harry se inclina e abocanha um seio, sugando lentamente, Dani aperta os olhos:
__ Harry, vem!_ Desliza as maos pelo bumbum dele, enfiando por dentro da cueca e pressionando contra si, Harry geme baixinho, fazendo movimentos circulares no mamilo com a lingua, se afasta e começa a despir a cueca.

Dani desliza as maos pelo abdome hipnotizada pelo corpo adorado, desenhando as tatuagens com as pontas dos dedos, Harry deixa a cueca de lado e volta a colar o corpo no dela, se perdem no olhar um do outro, tocando as faces com carinho, cheios de delicadeza, os narizes se acariciam antes dos labios se unirem em mais um beijo ardente, entrelaçando os dedos e as pernas.

Harry arruma a postura, posicionando o corpo por cima do dela, a olha tomado por aquela emoçao unica que so se sente por uma pessoa na vida, Dani se abre para recebe-lo, o coraçao descompassado.
Ele a beija:
__ Eu sou tao seu, Dani_ Sussurra baixinho.
__ E eu sua, sempre_ Dani o acaricia na face.
Voltam a se beijar, ele a penetrando devagarinho... Parece que e a primeira vez porem sem nenhuma barreira de virgindade, ela esta tao apertada! Os dois gemem abafado, tentando nao acordar o bebe no berço.

Harry inicia as estocadas gentil, tentando conter a onda violenta de prazer que o invade, a olha extasiado, apaixonado, 100% entregue a emoçao do momento, sem se importar por ser um naufrago nos braços de sua sereia.
Dani mergulha no verde brilhante daqueles olhos, seus gemidos se misturam aos dele, discretos e ofegantes, o brilho do suor deixa as peles translucidas... 

Pura emoçao, um reencontro de almas, ela aperta os olhos, o coraçao parece flutuar de tanto amor, nao evita que lagrimas deslizem pelas faces, ele a beija, acaricia o rosto, olhando-a com lagrimas nos olhos:
__ E voce, Dani, sempre foi voce...
__ Sim..._ Dani o beija_ Te amo tanto! 
__ Eu te amo, te amo, Danielle_ Harry a beija, o corpo ja tenso, vai ser tao rapido! Nao! 
Dani corresponde o beijo, seu corpo afunda contra os travesseiros a cada estocada, ele esconde o rosto em seu pescoço aperta os olhos parando de se movimentar tentando conter, porem geme alto, explodindo dentro dela.
Dani se abre um pouco mais ao ve-lo perder o controle, sentindo que esta vindo, levanta a cabeça do travesseiro gemendo alto quando atinge o orgasmo intenso, enlouquecida de prazer... 

Quase dois anos desde a ultima vez!

Harry termina exausto, deixa o corpo cair em cima dela, abraçando-a apertado, Dani tambem o abraça, acariciando os cabelos agora umidos, ficam assim por varios segundos trocando carinhos delicados, beijos suaves.

Harry desliza de cima dela devagarinho sem querer quebrar o contato, Dani vira de lado, se aconchegando nos braços fortes, voltam a trocar um beijinho, Harry da um risadinha sapeca:
__ Nosso anjinho nao acordou.
__ Ele dorme igual uma pedra_ Dani sorri.
__ Puxou a tia_ Harry se refere a Gemma.
Dani o acaricia no torax, o beija no peito:
__ Ainda esta aqui!_ Acaricia a tatuagem de coraçao pela metade quase apagada.
__ Uhum_ Harry afirma com um meio sorriso, os olhos fechados.
Dani mordisca o maxilar anguloso enquanto ele arruma o edredom, cobrindo-os, o ajuda.
Harry a beija na testa, se olham, Dani respira fundo:
__ E agora?
__ Agora a gente viaja para Londres como o combinado. Jeff vai cancelar todos meus compromissos nos proximos dias, vamos ver o que acontece.
__ Super desnecessario essa situaçao.
__ Ela queria me atingir, Dani, foi no principal alvo, que e minha imagem.
__ Mulher vingativa e horrivel. Eu nao sei qual seria minha reaçao quanto a essa situaçao se estivesse no lugar dela mas jamais me exporia... Ai, nao sei.
__ Essa exposiçao e bom para ela, faz parte da manipulaçao da midia... Vai ser a historia de sempre, eu vou ficar como o canalha indecente mulherengo e ela como vitima_ Harry fala com certa magoa_ Nao estou negando que errei, porque errei, nao consegui resistir mas... Fui honesto com ela.
__ E... Deixa isso pra la, nao tem como consertar.
__ Tem razao, deixa pra la_ Harry a beija na fronte, Dani o beija no rosto, suspiram contentes:
__ Nao importa o que aconteça, daqui pra frente vou dormir e acordar sendo o homem mais feliz do universo.
__ E eu a mulher_ Dani sorri languida, fecha os olhos, Harry a beija na testa:
__ Espera ai, tem que trancar a casa e apagar as luzes, deixa que eu vou.
__ Ta_ Dani permanece de olhos fechados, ele levanta devagarinho, segura a cueca, veste e pega o roupao, colocando por cima dos ombros, sai do quarto...

Ao voltar, caminha rapidamente, deixa o roupao pendurado no gancho atras da porta e para junto ao berço, cobre Nick, olhando-o com carinho, se inclina e deposita um beijinho na testa...
__ Amor, vem pra cama_ Dani resmunga sonolenta, de bruço, ainda de olhos fechados.

Harry a olha e caminha ate ela, deita e a abraça:
__ Estou aqui.
Dani se aconchega carente, ele acaricia os cabelos lisos olhando-a cheio de ternura:
__ Sweetheart? Ja vai dormir?
__ Aham, voce sugou minha energia_ Dani sorri de leve.
__ Mas eu nem comecei!_ Harry fala baixinho, rindo.
__ Estou desacostumada, preciso pegar o ritmo_ Dani brinca, Harry a beija no rosto:
__ Brincadeira, descanse.
__ Uhum_ Dani relaxa ainda mais com as caricias dele em seus cabelos, se permite adormecer...

Harry ainda a observa por um tempo atravez da pouca iluminaçao do abajur, estende a mao e apaga, voltando a abraça-la, fecha os olhos com um sorrisinho... Adormece logo em seguida.

No meio da madrugada desperta de bruço sentindo unhas deslizando por sua costa e beijos provocantes dispensados em seu ombro direito, os seios estao pressionados em um de seus braços... O perfume dela e afrodisiaco, imediatamente seu corpo corresponde, vira, abrindo os olhos, esta escuro, nao consegue ve-la...
Dani passa o corpo por cima dele, se inclina procurando os labios, o beija, a mao segurando o membro ja ereto, desliza por cima dele.
Harry geme excitado contra os labios dela, estende a mao apalpando o criado mudo, ascende o abajur, a agarra pelos cabelos da nuca enquanto ela o cavalga sensualmente.
Se olham ofegantes, os rostos expressivos, Harry franze o cenho tomado pela sensaçao gostosa, assistindo a expressao dela como se fosse um reflexo seu, mesma intensidade de prazer:
__ Babe! Oh, fuc..._ A agarra pelo quadril com as duas maos, travando os dente metendo com força tomado por suas necessidades mais primitivas.
Dani geme alto sentindo ele invadi-la o mais profundo, o agarra pelos ombros estremecendo, sorri enlevada, o corpo dando boas vindas ao orgasmo... Isso acontece mais uma vez ate que ele a acompanhe.

Dessa vez, o chorinho manhoso de Nick quase os interrompe, porem o bebe volta a dormir assim que o silencio se instala, alheio as sacanagens que os pais cometem na cama ao lado ate quase o dia raiar...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...