História Who are you? {JiKook} - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Bunny Psicopata, Jimin!uke, Jinkook, Jungkook!seme, Kookmin, Mensagens De Texto
Visualizações 54
Palavras 443
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Colegial, Drama (Tragédia), Fantasia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Slash, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Alguém: você demorou um pouco né quirida!
Oiee unicórnios! Demorei mais cheguei isso é culpa do wi-fi da minha casa ;-;
Enfim vão ler!

Se ficar confuso avisem!

Capítulo 8 - Kokkie. My mochi.


Fanfic / Fanfiction Who are you? {JiKook} - Capítulo 8 - Kokkie. My mochi.

》 Passado《


- hyung promete sempre estar com migo?


- sim Kokkie-ssi, enquanto podermos sempre vamos ficar juntinho, prometo de dedinho! 


E assim, aquelas duas crianças se despediram. Já no carro JunKook só pensava em quando volta se a reencontra se seu hyung de novo.


Mas tarde um acidente acontece os pais de Jungkook falecem e isso se tornou um grande trauma para o menino, que além disso desenvolveu um transtorno de possessão, ele era apenas um menino de oito anos.


Ele conheceu Bethanie com onze seu segundo amor, mas naquilo tinha interesse, Bethanie iria para Busan então Jungkook viu a oportunidade perfeita para fazer uma amizade e poder rever seu hyung amado. Mas a garota o desprezou. 


Depois disso ele só piorou seu estado psicológico, com dezesseis anos se envolveu com mais garotas, e aí sua sede começou, ele via aquelas pessoas sentindo prazer e começou uma vontade louca de acabar com aquilo. Ele fez sua primeira de várias vítimas. Em um ano depois, seu corpo não era mais o mesmo ele já tinha aparência de um homem feito. Encontrou Bethanie se vingou, mas ele nunca esqueceu seu hyung Chimchim. Se envolveu com Sonjoo um rapaz que tinha aparência como a de Jimim, Jeon via Jimim e não Sonjoo cansado disso Soojo quis terminar, mas o que acabou foi a vida dele.


Após matar vários inocentes, por dinheiro, ele retornou à Busan. E em apenas uma semana encontrou Jimin e via que seu adorado hyung sofria agressões e matou Song e Kwan. 


Mas quase foi pego pra polícia, e ficou conhecido como Bunny o terror da cidade, ele já era conhecido, pelo menos Bunny era, Jungkook não, então é a fácil perambular por lá sem problemas. 


As pessoas da faculdade de Jimin começaram uma lenda que dizia que quem agredir Jimin seria atacado por Bunny, o que realmente verdade, ou melhor é. Todos ligaram os homicídio dos jovens com o fato deles agredirem Jimin, espertos não? Por isso Taehyung foi desafiado a isso, e saiu digamos que ileso, apenas um braço quebrado e um corte no rosto.


    -


- você prometeu hyung... casar e viver juntos


- e você não morreu Kokkie, achei que tivesse te perdido, e agora você é o Bunny... Por que se tornou o Bunny Kookie-ah? Você era um menino doce.


- traumas... Você nunca entenderia -se vira de costas- perder os pais ser criado por uma louca, ser iludido, matar. Matar é tão prazeroso hyung, um dia você poderia experimentar. 


- Não! Eu quero meu Kookie e não o Bunny!


- desculpe, transtorno de personalidade. Mas é agora Jimin hyung é capaz de " gostar" de mim?


- talvez, agora de um abraço em seu amado hyung!



Notas Finais


[Beijos] ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...