História Who Knows Crimson - JiKook - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Bts, Btskids, Fluffy, Jeon, Jikook, Jimin, Jungkook, Park
Exibições 166
Palavras 636
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drabble, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Capítulo 05 - "Beijinho"


Fanfic / Fanfiction Who Knows Crimson - JiKook - Capítulo 5 - Capítulo 05 - "Beijinho"

CAPÍTULO CINCO

 

— Minnie, me empresta o seu lápis azul ? – requisitou.

— Aniyo. Eu 'tô usando ele agora Kook-ssi. – indagou levantando o lápis na altura da visão do outro, logo voltando a colorir seu desenho.

— Mas hyung! Eu preciso dele agora! – proferiu batendo o pé no chão em uma clara birra, enquanto em seus lábios nascia um bico manhoso.

— Se você não me deixar em paz eu não vou brincar com você hoje JungKook! – ameaçou, fazendo o outro arregalar os olhos e correr de volta para eu respectivo lugar.

O sinal tocou alguns minutos depois, anunciando o intervalo para o lanche. JungKook e JiMin deixaram suas coisas em cima da mesa mesmo – ainda iriam utilizá-las mais tarde – e pegaram suas lancheiras como as outras crianças também faziam, logo saindo no meio do tumulto.

— Hyung, me dar um pouco de seu achocolatado ? – pediu fazendo aegyo, piscando repetidamente os olhinhos.

— Só se você me dar um pedaço do seu biscoito. – propôs, logo recebendo um manuseio de cabeça do outro que estendeu em sua direção o biscoito enquanto inclinava a cabeça para perto da caixinha com o chocolate. Sugou um pouco do conteúdo doce, logo sorrindo para o amigo.

Quando terminaram de comer deixaram ambas as lancheiras com uma das cuidadoras, logo voltando novamente até o parquinho com os dedos mínimos enroscados. 

— Vamos brincar hyung ? – pediu, percebendo que o outro recusaria como regulamente fazia apreçou-se em acrescentar — Por favorzinhoo... – alongou o último "o" enquanto fazia bico. 

— 'Tá! – aceitou contragosto.

Então decidiram brincar de pega-pega, a brincadeira preferida do Jeon. 

Corriam um atrás do outro gargalhando e se divertindo. Estava na vez do JiMin ser o quem corria atrás. Decidido a pegar o outro rapidamente, JiMin começou a correr com mais rapidez, subestimando sua capacidade e por conta disso sentindo ambas as pernas tremerem, perdendo as forças dessas e caindo com tudo no chão. 

Ao perceber que o JiMin já não corria mais atrás de si, JungKook parou de se disparar para longe do outro, procurando esse por todo o parquinho. Ao visualizar seu hyung sentado no chão correu até este gritando por seu nome:

— JiMin-ssi! JiMin-ssi! – gritava enquanto apressava seus pés até estar em pé na frente do Park que estava de cabeça baixa — Hyung, você está bem ? – interrogou preocupado.

— A-aniyo... – murmurrou choroso — Apa! Apa! – reclamou de dor, sentindo as palmas das mãos arderem junto ao joelho que sangrava levemente.

JungKook sentou-se na frente do amigo o olhando com tristeza. Seu amigo estava chorando e a culpa era toda sua.

— Miane, hyung. – desculpou-se vendo o amigo chorar — E-eu vou fazer parar! – indagou se aproximando mais de JiMin. Levando os dedos com delicadeza até o joelho machucado limpando os resíduos de areia que havia alí, logo se curvando e beijando com delicadeza o local surpreendendo o mais velho.

— O-o que você 'tá fa-fazendo, Kook-ah ? – proferiu confuso.

— Minha omma me disse que quando você beija o local dodoi, ele cura mais rápido por causa do amor. – explicou agora puxando ambas as palmas avermelhadas do mais velho, deixando um beijo em cada uma — 'Tá melhor ? – interrogou esperançoso.

— Aniyo. Não está. 

— Mas pelo menos você não 'tá mais chorando hyung. – sorriu feliz.

— Ma-mas não melhorou! – rebateu com birra. 

— Ottoke ? – sussurrou coçando o queixo pensativo — Ahh! – sorriu se aproximando novamente, mas dessa vez do rosto alheio, colando delicadamente os lábios na bochecha acerejada do outro.

Talvez não tenha melhorado a dor dos machucados alheios, mas com certeza fez algo dentro do mais velho nascer.

Porque mesmo JiMin sendo apenas uma mera criança, sabia que seu coração estava abundantemente acelerado exclusivamente por conta do mais novo.

Pois, as únicas vezes que sentia o seu coraçãozinho bater tão ferozmente em seu peito era quando sabia que estava encrencado. 

E agora JungKook com certeza era mais um dos motivos a serem inclusos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...