História Why so rude uncle(Imagine Jungkook) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 161
Palavras 1.174
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 11 - Cap 11


Fanfic / Fanfiction Why so rude uncle(Imagine Jungkook) - Capítulo 11 - Cap 11



Jimin se soltou do Jungkook e lhe deu um empurram fazendo o mesmo cair na areia. Kook ia pra cima dele, mas eu me meti bem no meio dos dois e coloquei minhas mãos no peito de cada um, evitando de se matarem bem aqui.  



- Parou por aqui! - olhei os dois 



- Qual é o seu problema cara, você não é pai dela pra querer proibir ela de tudo - Jimin falou alterado 




- Não posso ser o pai dela, mas ela está na minha casa e tem que me obedecer - rebateu Kook 



- Como foi que você nos achou ? - olhei ele 



- Essa é a única praia por perto que está dando um festa - explicou - E eu sabia que ia dá merda caso eu não viesse, e eu tinha razão - olhou colocar ódio para meu amigo 




- Isso não é preocupação de Tio, tá parecendo um homem possessivo por uma mulher - disse Jimin e eu engoli em seco 



- Chega, se querem se matar fiquem a vontade, eu vou voltar pra casa de táxi - larguei os dois e fui pegar minhas coisas 




Dei uma olhada pra trás e os dois estavam discutindo, eu só espero que não se matem. Peguei um táxi e fui pra minha casa descansar, cheguei tomei um banho e me deitei sem roupa mesmo, Tava muito cansada pra vestir algo. 




(...)




Acordei no meio da noite sentindo alguém do meu lado, abri meus olhos e era Jungkook com um corte na sobrancelha, mas ainda mantinha seu sorriso no rosto.  



- Dormiu assim só pra me provocar é? - sorriu malicioso 



- Eu Tava cansada demais pra vestir roupas,  apenas isso - revirei os olhos - Vocês brigaram, não foi ? - toquei em seu corte 



- Ele me deu um soco e quando eu ia partir pra cima dele, uns caras chegaram e acabaram com nossa discussão - explicou 



- Nem pra brigar você serve - brinquei 




- Culpa sua, tinha mesmo que está beijando aquele moleque?  - me olhou irritado 



- Ele não é moleque, é mais homem que você, porque você estava comigo e transou com uma loira, ainda disse pro Tae que ela ficaria sem andar - apertei os olhos de raiva por lembrar 




- Perdão, eu sou homem e estava na vontade, já que minha garota não queria me ajudar nesse caso - me levantei com tudo 



- Enfia esse perdão no cu, e você ainda velho querer jogar a culpa do que fez em mim ? - o olhei indignada - Depois o moleque é o Jimin - comecei a rir 



- Perdão, você está certa, perdão - ficou pedindo ajoelhado na cama 




- Esta perdoado - ele sorriu - Mas acabou aqui, e eu não quero você atrapalhando minha vida - disse por fim 



- Como assim? Você não quer mais ficar comigo ? - se aproximou com tudo 



- Não! - afirmei - A gente não dá certo, você é muito mulherengo e não se controla, já eu quero alguém apenas para mim, alguém como o Jimin - seus olhos expressaram ódio e ele bufou de raiva 



- Certo!.bom aproveito com esse moleque - saiu pisando duro do meu quarto



Eu senti vontade e chorar, chorar por ele ser assim, mulherengo, safado e galinha. Jungkook me sufoca demais e não me deixa falar com ninguém, já ele pode falar em ficar com quem quiser, se for pra ter uma relação assim eu prefiro ficar solteira. Eu sei que foi a coisa certa a se fazer, vai ser estranho conviver com ele, mas terei que ser forte e resistir a tudo isso e principalmente a esse homem. 




(...)




Acordei pela manhã tomei um banho rápido e vesti uma roupa. Desci e dei de cara com Jungkook tomando seu café da manhã, sempre bem vestido com seu terno preto, que lhe deixa lindo e sexy. 




- Bom dia! - respondeu seco e nem me olhou 



- Bom dia! - fui seca também 



Me sentei e comecei a me servir, e ele tomava seu café enquanto lia seu jornal. Mas eu sempre percebia seus olhares em mim, mas continua sério com seu jeito arrogante. E o silêncio reinava nessa cozinha.  



- Vai querer carona? - cortou o silêncio 



- Não precisa, tenho pernas! - respondi simplista sem lhe olhar 



- A ignorância não é um bom caminho - disse friamente 




(...)




- Desculpa por ter dado um soco no seu tio - Jimin me pediu desculpas assim que entrou na sala 



- Relaxa, eu achei bem feito, ninguém mandou ele atrapalhar nós - sorri e lhe puxei pra um beijo - Eu gostar dos seus beijos - ele sorriu e me beijou de Volta 




- Caramba, eu pensei que depois de ontem você nem iria querer olhar na minha cara - sorriu enquanto apertava minha cintura com suas mãos 




- Eu não quero olhar na cara de Jeon Jungkook - falei o nome dele em um tom sério e Jimin gargalhou 




Logo o professor entrou na sala s começou a dar a sua aula. Eu sempre notava os olhares de Jimin em mim, e quando eu pegava ele me olhando ele sorria de uma forma linda que seus olhinhos fechava. Acho que será bom ficar com ele, ele é fofo, carinhoso e confiável. Tudo que meu tio não é, quer dizer, ele é um homem fofo misturado com sexy. Affz já estou pensando naquele gostoso da porra, foco no Jimin  (s/n).




(...)



- Vamos sair hoje? Mas eu juro que dessa vez vai ser legal - sorriu enquanto sentávamos na mesa do refeitório 



- Eu aceito, vai ser bom - sorri e volta 



- Que tal um filme na minha casa ? - sugeriu e mordeu sua maçã 



- Hmm, filminho na casa do Chimchim, eu aceito - ele sorriu fofo 



- Vai ser incrível, eu prometo - me deu um selinho e sorriu 



- Como você já se torna incrível - seus olhinhos brilharam 




(...)



Jimin pediu pra me deixar em casa e eu aceitei. Assim que ele estacionou seu carro na frente e casa eu lhe dei um selinho e me despedi dele, segui para a porta e quando abri dei de cara com Jungkook se chupando no sofá com uma loira. A loira quando me viu sorriu falso, e ele engoliu em seco quando me notou naquele cômodo.  




Safado, não muda mesmo! 



- Relaxa titio, pode voltar a engolir uma de muitas das suas puras - sorriu debochada 



- Como é ? Você fica com várias? - a mulher se levantou e o olhou indignada 




- Eu tenho cara de quem fica apenas com uma ? - olhou a mulher - Mulher pra mim é tudo igual, só serve na hora na cama - sorriu cínico 




- Você como tio devia dar exemplo pra sua sobrinha - ditou pegou sua bolsa e saiu pisando fundo de nossa casa 




- Você não presta! - me olhou irritado 



- O sujo falando do mal lavado - sorri vitoriosa e subi 




Continua...


Notas Finais


Tipo Jungkook safado 😑💔


Jimin melhor pessoa ❤



Até mais ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...