História Wiil it a be dream? - Jin - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jin, Kimseokjin, Ksj Bangtanboys, Seokjin
Visualizações 75
Palavras 610
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Survival, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 37 - (Thirthieth-Seventh)


Fanfic / Fanfiction Wiil it a be dream? - Jin - Capítulo 37 - (Thirthieth-Seventh)

Jin Pov On

Fui ao quarto de hóspedes e fui buscar a chave da porta, pois era a mesma fechadura em todos os quartos.

Fui até ao quarto que Minah estava, e abri a porta silenciosamente. Vi que a mesma estava deitada na cama, mas felizmente não estava chorando.

Me sentei no colo dela, sem fazer muito peso e a mesma olhou para mim arregalando os olhos.

Minah: Como você entrou aqui?

Jin: Isso não interessa, você está sendo muito dramática eu quero é saber porque levou aquilo do criminoso tão a sério.

Minah: Então.. você perde a memória por causa de um acidente, QUE NEM SABE O QUE FOI, e depois diz que o criminoso está lá fora e que me pode fazer mal. Se ele me sequestrasse em vez de eu perguntar "o que estou fazendo aqui" eu perguntava "Há Oi! Poderia me dizer o que me fez antes de perder a memória? É que o MEU MARIDO NÃO ME CONTA" e depois-

Minah não dizia coisa com coisa, então a interrompi dando um beijo em seus lábios.

No início Minah não retribuía mas logo acedeu.

Logo quando Minah ficou sem ar,eu me deitei em cima dela, continuando a não fazer peso, e fui descendo os beijos para o seu pescoço dando mordidas e chupões, em seguida desci para o seu ombro, puxando a manga da camisola e a sua alça de sutiã com os dentes para o lado, continuando com os chupões mas desta vez em seu ombro.

Quando Minah começou a gemer, eu coloquei os meus dedos em seu clitóris, ainda em cima de sua roupa, fazendo movimentos circulares.

Minah: J-Jin o que você vai fazer ? - Disse com dificuldades por conta dos gemidos.

Jin: Você anda muito estressada, vou fazer algo para você se acalmar, apenas confie em mim, de novo.

Pude ver que Minah engoliu seco, e a mesma tentava não gemer.

Fui descendo a sua calça jeans, sem parar com os movimentos circulares que fazia com os dedos.

Logo me aproximo de sua calcinha, e substitui meus dedos pela minha língua continuando os memos movimentos.

Logo Minah geme bem alto, se agarrando aos lençóis.

Eu sei que Minah iria pedir.. em 3..2..1..

Minah: J-Jin por fa-favor - Disse começando a rebular em minha língua.

Logo tiro a sua calcinha com os dentes lentamente, a torturando mais.

E logo coloquei um dedo dentro de si, fazendo Minah rebolando ainda mais rápido e intensamente.

Eu já estava com tesão vendo Minah gemendo, e rebolando à minha frente, e eu precisava rapidamente acabar com aquilo para depois me aliviar.

Nem cheguei a colocar o segundo dedo, e coloquei logo a minha língua na sua intimidade, fazendo movimentos levando Minah à loucura.

A mesma estava quase chegando ao seu orgasmo, e coloca suas mãos no meu cabelo me acariciando pedindo por mais.

Sem parar de gemer, Minah chegou ao seu limite, gozando em minha boca, e eu bebendo todo o seu líquido.

Deixei Minah controlar a sua respiração, e depois falei:

Jin: Já está melhor? - Ela assentiu - Então vá fazer as suas higienes para acampar-mos. - Disse sorrindo maliciosamente, ainda tinha as minhas técnicas que resultavam.

Minah se vestiu e com dificuldades foi ao banheiro.

Fui a outro banheiro da casa e me aliviei sozinho, pensando em Minah gemendo e rebolando à minha frente como se tinha passado à alguns minutos atrás.

Logo fui ao sótão procurando a tenda, que eu e Minah já a tínhamos usado para acampar noutros dias.

Passado uns 5 minutos encontrei a tenda, e fui limpando o pó que ela tinha, pois já estava no sótão mais de 3 meses.

Fui levando as coisas para o carro, e olhando para a minha volta para ter a certeza que o criminoso não entraria em minha casa.

Desta vez teria muito cuidado.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...