História Wild - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Personagens Originais, Suga
Tags Abo, Alfa, Amor, Beta, Chimchim, Jimin, Ômega, Suga, Yoongi
Visualizações 30
Palavras 1.096
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Hentai, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii gente, antes de lerem, quero informar que vou atualizar a fic com um prazo de cinco dias, com no máximo 1 dia de atraso. Obrigado pela atenção e boa leitura!

Capítulo 3 - Nuvens


Fanfic / Fanfiction Wild - Capítulo 3 - Nuvens

Nuvens.

Era assim que eu me sentia.

Eu me sentia tão leve a ponto de ficar ao lado das nuvens e tudo isso pelos ainda castos selos do Min no meu pescoço. Eu senti que hoje seria diferente, geralmente quando ele entrava no cio era bruto, um verdadeiro lobo, mas hoje não, não tem pressa, não tem força, suas mãos deslizavam por meu corpo como se eu fosse uma boneca de porcelana. Havia algo além de luxúria ali, mas minha mente já se nublava de desejo a ponto de eu nem conseguir entender as entrelinhas de suas carícias suaves.

Não que o moreno fosse agressivo, muito pelo contrário, era segunda pessoa mais doce que eu já conheci. Só não estava acostumada a tanto cuidado, a tanto carinho, em momentos como esse.

Ele retornou sua boca a minha e passamos a um beijo mais intenso, ainda lento, mas muito profundo, enquanto isso eu o sentia pressionar seu corpo no meu, transmitindo o calor de seu tronco para o meu.

Passei minhas unhas levemente sob seu abdômen ainda coberto, o vendo arrepiar e retesar a área, soltando um arfar fraco. Ele desceu suas unhas curtas pela minha perna ainda vestida pela calça jeans, me custando um arfar baixo, foi a vez dele de sorrir.

Seus dedos ágeis foram para a barra da minha camiseta e brincaram ali, separei nossos lábios para que ele a tirasse e assim o fez, exibindo meu tronco já desnudo, seus olhos brilharam e ele passou a distribuir selares, desde a clavícula até o vale dos seios. Nossos olhares se interligaram e ele passou a dar beijos e mordidas em meu seio esquerdo, brincando com o biquinho enquanto chupava com voracidade.

Intenso.

Sem quebrar o contato visual, eu levei minhas mãos aos seus cabelos e os puxei fraco, apenas para liberar um pouco o tesão em meu corpo. Seu cheiro amadeirado era como uma droga e eu a viciada, queria me afundar nele, queria esse cheiro impregnado em tudo.

Delicioso.

Era assim que eu poderia descrever tudo o que ele faz, cada toque, beijo ou palavra, era tudo uma delícia para mim. Era impressionante como meu corpo respondia a um mínimo arfar seu.

O moreno desceu seus beijos até o cós de minha calça e enquanto a abria voltou a me beijar. Normalmente sua lentidão me irritaria, mas hoje estava sendo ainda mais prazeroso, então o deixei continuar na velocidade torturante, enquanto descia o pano azul junto da calcinha rosa bebê, dava mordidas fracas por toda a extensão da perna.

Retornou ao seu principal interesse dando um beijinho no meu pontinho ao mesmo tempo em que eu me contorcia em ansiedade, logo introduziu sua língua, conhecendo pela enésima vez minha cavidade apertada e quentinha.

-Ah…

Os gemidos já passaram a correrem soltos pelo ambiente, a cada simples ofego o mais velho encarava como um estímulo para ir mais rápido, mordendo meus lábios vaginais e me fodendo com seu músculo tão molhado como eu.

-Pequena, você gosta quando eu faço isso? - Introduziu a metade de dois dedos em minha intimidade e eu arqueei as costas em resposta, vendo seu sorriso divertido nem me preocupei em responder, porém acho que ele não gostou da minha atitude - Responda!

Ouvi um rosnado e logo em seguida ele passou a estocar os dedos inteiros, com a mesma lentidão de antes.

-Sim! - A resposta saiu mais como um grito visto que ele juntou o trabalho de seus dedos a sua boca em meu clitóris, puxando, chupando e mordendo.

Deve ter passado uns bons minutos nessa prazerosa tortura até que eu me desfiz, despejei todo meu líquido o qual ele fez questão de saborear.

Minha respiração estava completamente fora de controle assim como o meu peito que descia e subia como louco, eu estava coberta por uma grossa camada de suor e seu corpo quente colado em mim não ajudava muito.

-Eu sou um completo insano, seu corpo me faz perder toda a consciência, tudo que eu consigo pensar é e te fazer ficar sem andar por uma semana - Junto das palavras o moreno soltou um rosnado, dei um beijo em seu pescoço.

Yoongi se levantou e passou a se despir enquanto mantinha seus olhos presos ao meu corpo, quando finalmente expôs sua nudez, minha boca salivou ao ver seu membro duro feito rocha, expelindo pré-gozo e a cabecinha roxinha.

Ia me levantar mas ele não deixou, deitou seu corpo em cima do meu e nossas respirações se mesclaram, seus olhos eram duas pérolas negras, escuras e profundas, mas carregadas de um brilho encantador. Seu lado animal estava aflorado, era nítido, tão nítido como a minha ansiedade.

-Não quero que me toque - Sussurrou rouco, me causando arrepios. Ele levou sua destra ao meu rosto e fez um carinho em minha bochecha - Ao menos não ainda…

O senti se ajeitar embaixo de mim, pondo seu membro em minha entrada sem penetrar, colocava a cabecinha e tirava, eu estava chegando a beira da loucura, eu queria isso, eu precisava disso, precisava dele.

-Yoongi-ah - Gemia feito uma cachorrinha manhosa.

-Me diga o que quer - Mordeu meu lóbulo.

-Eu quero você!

Falei até rápido demais e pela primeira vez na noite eu vi sua agilidade, me penetrou de uma só vez, forte.

Ele se manteve parado esperando eu me acostumar, enquanto isso trocavamos selares simples. Quando senti que estava mais relaxa rebolei para ele, o que eu não esperava era que a lentidão voltasse. Não que eu estivesse reclamando, longe disso, era realmente bom sentir ele ir bem fundo em mim.

-Isso Yoongi… - Soltei um gemido mais alto quando o moreno achou meu ponto G e ele sorriu, se concentrando em acertar apenas ali.

Ele pegou minha perna e a circulou em sua cintura, obtendo ainda mais acesso a onde queria. Quando ele decidiu finalmente me enlouquecer levou seus dedos até meu clitóris e ficou acariciando ali na mesma velocidade que me invadia.

Eu enchia suas costas de vergões vermelhos, por parte para descontar todo o meu tesão acumulado e em outra por achar suas costas ainda mais belas quando marcadas por mim.

Isso o fazia gemer rouco ao pé do meu ouvido, foi o estopim, eu me desfiz, logo após mais algumas estocadas e uma mordida que rasgou o travesseiro ao seu lado e o rapaz também gozou.

Um silêncio se formou entre nós, tudo que se ouvia eram duas respirações completamente perdidas.

Eu me sentia leve novamente, talvez até mais do que antes.

Eu estou aqui novamente.

Nas nuvens.

O Min se sentou e me colocou em seu colo me puxando para mais um beijo, um pouco mais rápido, mas ainda sim profundo.

-Não está achando que acabou, não é?

Pois é, parece que eu ainda vou fazer mais algumas boas visitas ao céu.


Notas Finais


Oii gente, mais um capítulo de Wild, estou gostando bastante da história e espero que vocês também, já que esta sendo um prazer escrevê-la. Espero que tenham gostado, comenta comentários são sempre são bem-vindos! Aqui embaixo eu vou deixar uma outra fic minha pra quem quiser ler. Até o próximo capítulo!

Stalker:
Jimin, o líder do clube de computação, é extremamente apaixonado pela namorada de um de seus melhores amigos, _______, mas para não perder a amizade ele apenas a observava, e a observava da maneira mais íntima possível, até certo dia…
https://spiritfanfics.com/historia/stalker-9496861


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...