História Wings - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Exibições 94
Palavras 1.290
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Consegui postar, aleluia senhor!! Coloquei todo meu amor nesse cap, um pouco mais que os outros já que meu Utt é nosso personagem principal. Se divirtam e boa leitura<3

Capítulo 4 - First Love


First Love

-VOLTE AQUI!!! – ri da cara dele e sai correndo – você vai ver só, sua praga vestida de menina.

-Eu te amo Yoongi – gritei fofinha e só ouvi ele bufar.

-Quando eu pegar você, ahhhh meu bem, se prepare – soltou sua risada maligna e o vi surgir na sala – venha aqui agora, ou enfrentara as consequências depois – falou ameaçador e eu sorri.

-E o que você vai fazer? Me punir? – como eu estava com uma regata curta e colada, puxei a barra da minha calcinha e depois soltei, causando um estalinho.

Sorri vitoriosa depois de o ver morder os lábios. Fui me aproximando devagar, enquanto o olhava sugestiva. Parei a sua frente, esfregando meus peitos no seu e com o meu indicador, peguei um pouco de chocolate que estava no seu nariz e comi da forma mais sensual possível.

-Você não deveria me provocar desse jeito – sorriu maléfico.

-E se eu te provocasse assim? – lambi seus lábios também sujos com chocolate.

Ele me suspendeu no ar e me beijou ferozmente, enquanto me prensava na parede, derrubando algum quadro que havia ali. Eu ri do desespero dele, mas gemi assim que ele apertou meu bumbum com força. Passei minha por dentro da sua blusa e arranhei seu peitoral semi definido. Separei nossos lábios e sorri maléfica.

-Hoje não estou afim Yoongi, e também, e esqueci-me de avisar que estou naqueles dias – dei batidinhas em seu ombro e pulei do seu colo.

-E você vai me deixar assim? – vi certo volume no seu short.

-Me desculpe – ri e voltei para a cozinha.

-Eu vou ter me aliviar agora – revirou os olhos e ficou triste.

-Pode se aliviar enquanto eu coloco um short para podermos ir ao mercado. Como o dia é nosso, quero comprar vários doces e ver filmes com você o dia inteiro – lhe dei um breve selar e fui até meu quarto.

Vesti um short de um pijama qualquer que estava em cima da cama e um chinelo. Prendi meu cabelo em um coque bagunçado e peguei as chaves.

Já perto da cozinha, ouvi o barulho mais maravilhoso da minha vida. Encostei na parede da cozinha e vi Yoongi de costa, com uma mão apoiada na pia e a outra mexia freneticamente. Seus gemidos eram altos e vez ou outra gemia meu nome de forma intensa. Claro que eu estava excitada em ver aquela bela cena, mas não iria molhar minha calcinha agora. Ele atingiu seu limite gemendo arrastado e com o peito subindo e descendo. Depois de se acalmar, ajeitou o short e lavou as mãos.

-Foi bom? – ele levou um susto e depois fechou a cara.

-Podia ser você fazendo – pegou sua carteira em cima da mesa e veio até mim.

-Quem sabe amanha? Hoje serão apenas beijos leves e carinhos, sem nenhuma mão boba ou qualquer gemido. Ficou claro senhor Yoongi? – cruzei os braços e ele bufou.

-Ok, mas só porque é seu aniversario. No meu será bem diferente – pegou minha cintura e foi nos guiando até a porta.

Tranquei a mesma e logo me virei, vendo Yoongi agachado.

-Suba! – sorri com aquilo e subi em suas costas.

Ele se levantou e começou a caminhar até o super mercado que tinha aqui perto. No caminho fomos rindo da cara das pessoas que passavam e nos viam daquele jeito, principalmente de pijama. Eu fazia carinho em seus cabelos e pensava o quanto eu amava Min Yoongi.

-Eu te amo Yoongi – abracei seu ombro e encostei minha cabeça em suas costas, sentido seu cheiro de café.

-Eu também te amo, boba – ouvi dar um riso leve e o apertei mais.

Tomei um susto quando ele me virou e me colocou calmamente em um carrinho. Ele puxou o mesmo e começou a andar até a entrada do super mercado.

-Certo, o que a madame vai querer? – olhei para ele e sorri.

-Ala dos doces motorista, por favor – ele começou a correr e eu só ria.

Ele fazia curvas grandes, que quase faziam o carrinho virar. Freou bruscamente e quase voei para fora do carrinho.

-Aqui estamos – meus olhos brilharam ao ver todos aqueles doces calóricos e salgadinhos gordurosos.

-Bom, deixe-me ver – ele começou a andar  pelo corredor – nuttela, bombons, refrigerante, massa de panqueca, calda de panqueca, sorvete de creme e de chocolate – ele ia pegando tudo que eu falava – pudim enlatado, pizza congelada, de frango ok? Acho que só isso mesmo – olhei pra ele, que me olhava boba – o que foi? – ri.

-Nada, gosto de observar você falando de um jeito tão alegre – se aproximou e ficamos cara a cara.

-Eu vou ficar com vergonha desse jeito Yoongi – fiz carinho em suas bochechas.

Ele revirou os olhos rindo e colou nossos lábios. Sua língua invadiu minha boca e brincou com a minha. Exploramos bocas alheias e nos separamos por falta de ar.

-As pessoas vão achar estranho – olhei ao redor e vi pessoas observarem tudo, com caras feias.

-Que se fodam as pessoas, a única coisa que importa é que eu amo você, e eu amo demais – me roubou um selinho e voltou a empurrar o carrinho.

Sorri toda feliz com aquelas palavras. Yoongi podia ser frio e insensível as vezes, mas eu sabia que dentro daquela pedra havia um coração cheio de sentimentos.

Fomos andando até o caixa, quando eu arregalo os olhos e me virou para ele.

-Você pode tocar para mim? – apontei para um piano que estava em exposição.

Você esta louca? No meio desse monte de gente? – ele arregalou os olhos.

-Que se fodam as pessoas Yoongi, quero ouvir você tocar. Por favor, é meu aniversario – fiz bico.

Ele suspirou, hesitou por um instante e logo se deu por vencido. Pegou minha cintura e me tirou do carrinho. Fomos até o instrumento e nos sentamos no banquinho que estava junto. Ele passou os dedos de leve pelo piano como se estivesse o estudando e sorriu feliz.

-Já faz um certo tempo, então-

-Só toca seu bobo – lhe dei um leve empurrão e ele riu.

Começou a tocar com muita calma, seus dedos se moviam com cautela e ele parecia extremamente concentrado. Yoongi sempre soube tocar piano e foi por causa dele que nos conhecemos.

Eu estava procurando a sala onde eu iria estudar. Estava totalmente distraída  e acabei entrando na sala de musica, mas meus olhos se perderam com a imagem dele tocando aquele objeto tão bem. Nunca acreditei em amor a primeira vista, mas tenho certeza que me encantei por ele ali mesmo, sem nem saber que era ou o que tocava.

-Sabe – voltei a realidade. Ele havia parado de tocar e estava me chamando – vocês dois foram os meus primeiros amores. Me apaixonei por ele assim que vi em uma vitrine de uma loja quando eu tinha sete anos. E me apaixonei por você, a primeira pessoa que eu realmente amei na hora em que eu virei e vi você com aquela sua cara de monga, olhando para mim como se eu fosse um bicho esquisito – ele riu e eu o olhei brava.

-Você é um bicho esquisito Yoongi – ele me olhou com os olhos cerrados – é o meu bicho esquisito – encostei minha cabeça em seu ombro.

-Vou ser sempre seu – me deu um beijo nos lábios e sorriu – vamos voltar agora – seu levantou e fomos ate o carrinho.

Pagamos as compras e fomos pra casa do mesmo jeito que viemos, mas com certa dificuldade pro causa das sacolas.

O resto do dia foi incrível. Vimos todos os tipos de filme e começamos outra serie. Engordamos quilos com toda aquela comida e olha, não sobrou nada. Mas no final, foi cheio de caricias e beijos empolgantes, mas que não viram nada.

Yoongi foi o meu primeiro amor e com certeza será o ultimo.


Notas Finais


Obrigada por lerem e até o proximo<3

PS: me desculpem qualquer erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...