História Wings - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, V
Tags Anjo, Demônio, Jungkook, Kookie, Pecado, Tae, Taehyung
Exibições 41
Palavras 3.575
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Fluffy, Luta, Magia, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OI OI GENTI!
Venho agora trazendo uma Fic de Capítulo Único,por que tive vontade de fazer faz um bom tempo.
Viajei legal nessa Capítulo,tipo,muito!
Desculpe se parecer confuso!
E boa leitura,espero que gostem
(Totalmente nervosa)

Capítulo 1 - Capítulo Único:Pecador


Fanfic / Fanfiction Wings - Capítulo 1 - Capítulo Único:Pecador

 Dizem que anjos não existem ,dizem que são apenas criaturas inventadas ...mitológicas.Mas,sim,existimos,sobrevoando os céus e lutando para o bem das pessoas ,dos mortais.E com isso,demônios também existem.Pecando,causando medo e terror aonde passam,se divertindo com os desesperos das pessoas em sua volta .

Desde de pequeno a curiosidade sempre me consumia.Era jovem,puro de todos os sentidos,sempre olhando a terra sobre um nuvem,querendo saber mais sobre o mundo.E o que mais me fascina eram os demônios,os seres que tanto dizem serem maus,pecadores,que não tiveram o direito de entrar no paraíso.Apenas isso,mas não me contentava.Queria mais,saber mais,Saber de onde vim ,por que somos separados deles,por que são assim.Mas os anjos superiores,experientes que já pisaram na terra e confrontaram esses seres  nunca me contava,diziam que era muito novo para saber disso e deveria esquecer .Que era  uma calunia me interessar por esse “seres inferiores”.

Porém nunca me abalei com o que ouvi,sempre mais e mais curioso .Por isso deveria ser cauteloso,o que não fui.Com minha falta de consciência ,os arcanjos resolveram me deixar o mais longe possível da terra e dos anjos pecadores.E agora,estou aqui,com meus dezenove anos como anjo ,observando de longe as pessoas.

Suspiro,sentindo a brisa bagunçar meus cabelos .Fecho os olhos,segurando minhas pernas perto de meu corpo .

—Jeon Jeongguk ...

Abro os olhos ao ouvir meu nome ser pronunciado .

—Sim,senhor? —Digo,me levantando rapidamente ao ver que era um anjo superior,ou seja,um arcanjo.

—Venha comigo .

"O que será que fiz de errado agora?"

Me perguntei,mordendo o lábio.Com esse interesses,sempre fui um anjo travesso que tentava a todo custo burlar as regras e pesquisar sobre o mundo dos asas negras . Isso sempre acabava com um sermão e mais um milésimo de anos sem poder descer a terra.

Sobrevoamos as nuvens,podendo ver os anjos retornando ao céus depois de passar um tempo cuidando dos humanos .Logo o sino seria tocado,para mais um retirada dos membros que eram escolhidos especialmente para isso.Alguns novatos estavam presentes e assim que me viram,deram um sorrisinho,como deboche.

"Ah,isso é permitido no céu?!"

Como éramos mais jovens,ainda não tínhamos a plena responsabilidade.Então,tínhamos liberdade para algo,mas francamente ...

Como não tinha muitos amigos,era solitário.A maioria me achavam louco de pensar em algo como isso,mas não me importava.E outros debochavam e jogavam na minha cara que puderam ver os humanos de perto.

—Kookie !

—Hm?

Murmurei,vendo Jimin —um dos meus poucos amigos —Acenar para mim,sorridente.Acenei de volta ,com um breve sorriso.Mas logo que ele viu o Arcanjo me guiando,fechou um pouco a cara e me lançou um olhar de “O que você aprontou?” .Mas apenas dei de ombros,como se dissesse “eu não sei” . Ele suspirou,balançando a cabeça .

Park Jimin,ele me dizia que era extremamente maluco de ter interesse sobre Anjos Negros ,e que deveria esquecer para meu próprio bem ou se não,poderia ser considerado um pecador ou traidor .

Ah,céus!O que tem de errado querer saber um pouco mais sobre o mundo fora do paraíso?

—Chegamos .

—O que? —Murmurei,saindo do meus pensamentos .

Então me vi diante ao castelo dos arcanjos .Engoli em seco,a coisa é seria então,muito séria para eles me chamarem aqui .

—Entre.

Apenas assenti com a cabeça,voando vagarosamente até o grande portão e pousando na entrada,receoso.Segui o caminho,observando outros seres divinos voando de um lado para o outro,atarefados.Senti alguns olhares sobre mim,o que me fez encolher o corpo e ruflar as asas,deixando meus pés a centímetros do chão,indo mais rápido.Depois de alguns minutos,já me encontrava diante a uma grande porta de Ouro e prata.Suspirei,vendo a porta se abrir e ver bem a frente,o Arcanjo.Não consegui evitar de prender a respiração por um momento ,sentindo minas asas fraquejarem.A presença deles era muito,muito forte.Não era a toa que estavam nessa posição tão importante.

—Aproxime-se, Jeongguk .

Encolhi mais meu corpo,ao ouvir a voz forte soar em meus ouvidos.Abri minha asas ,planando vagarosamente ao encontro deles .

—Desejam falar comigo? —Perguntei,uma pergunta idiota,mas perguntei .

—Sim .

—O que o senhor deseja? —Perguntei,pousando e recolhendo minhas asas para meu corpo—podemos esconde-las quando queremos —depois me ajoelhando.

Ele suspirou .

—Você meu jovem, está afastado dos humanos,por qual motivo?

—Porque sou muito curioso ...

—E ? —Fechei os olhos ,virando por um breve momento a cabeça para o lado .

—Por ...por que tenho interesse em saber sobre os anjos Negros . —Respondi ,prensando meus dentes um contra outro.

—Sim,os pecadores.

—Com todo respeito senhor ,mas o que quer ? —Perguntei,me amaldiçoando mentalmente.Sempre fui um anjo considerado “rebelde” digamos assim,falando sem pensar ,impulsivo ...o que acaba me deixando em enrascada .

Jimin sempre disse: “Aprenda a controlar essa boca e o que você fala ,jeon!”

Ele fechou os olhos,provavelmente acostumado ,como já esperasse que eu dissesse algo do tipo .

—Bem ,você tem talentos incríveis,consegue fazer muitas coisas com perfeição e aprende rápido .

—Obrigado,senhor .

—Mas é curioso demais.Por isso achamos muito perigoso te mandar como anjo guardião.

—Mas ... —Tentei falar algo,porem parei ao ver sua mão levantada,como um pedido para parar.

—Porém,quero dar uma chance a você —Disse.Meus olhos se arregalaram e quase coloquei minhas asas para fora de tanta felicidade.

—O que? —Murmurei,desacreditado .

—Se levante,Jeongguk!

Assim fiz rapidamente,o fitando esperançoso e feliz .

—Você tem a autorização para sair ...

—Obrigado,obrigado!

—Com uma condição ...não poderá infligir nenhuma regra e nem se quer pensar em ter algum contato com os anjos negros.Você é puro,inocente ,não sabe como é o mundo fora do céu, —Propôs .Olhei bem no fundo de seus olhos ,então suspirei .

—Sim,tudo bem .

—Você tem habilidades incríveis ...confio em você . —Disse,depositando sua mão em meu ombro.Abri um mínimo sorriso,com os olhos baixos . —Pode ir agora ,se sair tudo bem ,poderá ate se tornar um guardião e ter o privilégio de cuidar do humanos ...se não,voltará a ficar no céu por mais milésimos de anos .

—Posso me retirar? —Perguntei .

—Sim .

Andei calmamente até a porta e assim que já me via fora da sala , um sorriso travesso apareceu em meu rosto.Abri minhas Asas e sobrevoei os Anjos a toda velocidade,sentindo o vento forte chocar contra minha pele .

Sabia que esse era um risco muito grande ,mas estava feliz demais para me importar .E claro que aproveitaria para saber mais sobre eles ...sobre o outro mundo .

—Jeon!

—Jimin! —Gritei de volta,me esbarrando nele .

—Você está doido?!Por que voa tão rápido?! —Perguntou,me segurando para não cair .

—Desculpe e que vou sair do Céu!

—O QUE?! —Gritou,logo se contendo—Como assim?!

—O  arcanjo,ele me liberou! —Expliquei,animado .

—Que legal!Então vá ...mas não faça nenhuma besteira—Sussurrou,me soltando.Fitei seus olhos e ele suspirou,sabendo que iria aprontar uma,não adiantava me alertar.

Ouvi os sinos tocarem,então voei em direção,vendo os anjos descerem do céu . Segui,só que com mais velocidade,sorrindo,sorrindo como nunca.E lá estava,mortais ,humanos andando calmamente ao saber da volta de seus “anjos da guarda” . Todas vezes que isso acontecia ,eles paravam para admirar o seres celestiais descerem ao seus encontros .Sim,eles podiam nos ver. E claro que poderíamos ficar invisíveis aos seus olhos,mas não havia necessidade.As pessoas nos adoravam ,clamavam por nos ....diferente dos demônios,que eram repudiados.Então não tinha problema eu sobrevoar que nem um doido sobre ele e entre eles ,o que me deixava muito,muito feliz .

Pousei,sem saber aonde começar a olhar.De repente algumas crianças aproximaram de mim,sorrindo,podia jurar que seus olhos brilhavam ao visualizar minhas asas.Sorri,agachando para ficar do mesmo tamanho e erguendo uma de minhas asas em suas direções. Elas sorriram mais e tocaram levemente as penas ,eufóricas.

Simplesmente mágico.

—Como é o seu nome? —Uma menina perguntou ,acanhada .Sorri ,levando minha mão até seus cabelos .

—Jeon ... Jeongguk—Respondi ,me levantando e guardando minhas asas .Ela correu de volta ao que parecia ser a mãe,dizendo algo empolgada enquanto a mulher sorria,pegando em sua mão.

—Jeongguk—Alguém me chamou,então me virei vendo um anjo superior .

—Sim,senhor?

—Não se aproxime muito dos mortais ... é uma regra —Disse.

—Mas ...eram apenas crianças —Expliquei .

—Não importa,é um regra para todos os anjos,especialmente você —Insistiu,levantando voo.Bufei,voltando a andar pela cidade,tudo o que tinha que fazer era patrulhar.

(...)

A entardecer ia chegando ,o que significava que logo o toque de recolher iria chegar ,para todos,menos os guardiões,Já que tinham anjos que podiam voar livremente em todos os lugares, não apenas o céus, já que os guardiões tinham o dever de patrulhar,cuidar e proteger os humanos,obrigatoriamente.

Respirei fundo,olhando o céu em várias cores diferentes e lindas,sob uma arvore.Resolvi passear mais um pouco pela cidade,antes de ir embora, quando ...

—Está na hora

"O que?"

Me perguntei em pensamento ,vendo que havia um grupo de guardiões logo abaixo de mim.

—A caçada irá começar,estejam prontos .

"Caçada ?"

Então me toquei ...iriam atrás de demônios,ou seja,anjos negros!Sempre ouvi que eles atacavam ou apareciam mais a noite.Por isso sempre tinha um toque de recolher a noite para os anjos que não eram dessa guarda e os humanos!

Haveria um confronto!

De repente trombetas foram tocadas pelos anjos,o que me fez olhar para o céu por um instante. Voei em direção,porem hesitei,mordendo o lábios.

"Jeon,você vai entrar em uma enrascada."

Pensei ,voltando para a terra .Não poderia perder essa chance,a curiosidade era maior que a responsabilidade!Desci,pousando no chão e ouvindo o ultimo ressoar das trombetas. Escondi minhas asas e peguei sabe-se lá aonde um casaco para esconder os meu rosto. Sentia meu coração acelerado,dando até para sentir bater em meu peito.

Me escondi ao ver alguns anjos em minha direção, já com lanças e arcos nas mãos. As pessoas retornaram as suas casas para não ter riscos de se machucarem ou verem o confronto entre anjos e demônios .De repente ouvi um forte bater de asas presente e uma sombra passar .Arregalei os olhos,dando pequenos passos para trás .

"Anjos negros"

Murmurei, vendo os anjos celestiais erguerem seus arcos ,lanças e espadas. Alguns não possuíam arma alguma,quer dizer que tinham poderes ...assim como eu.As sombras riam,gargalhavam brincando sobre o ar e zombando dos anjos .

—Aparecem,pecadores! —Um guardião gritou,o que fez algo ser lançando sobre ele ,que desviou .

Arregalei os olhos vendo uma luta começar. Nunca,nunca avia vivenciado uma cena como está,o que até me assustava ,mas ao mesmo tempo me fascinava. Liberei minha asas,voando para longe. Os anjos negros não costumavam aparecer,apenas se transformavam em sombras e borrões negros,o que me decepcionava.

Mas o que não imagina e que iria encontrar o anjo negro mais procurado e temido de todos,por seus pecados e maldades que dominaram quase todos os humanos de uma aldeia que protegemos,levando-os para um caminho de pecados e ruínas. Ele agonizava de dor, sozinho, suas asas estavam com feridas e seu corpo ensanguentado,ele chorava,chorava muito.Se encontrava totalmente fraco.

E Lá estava o tão temido Kim Taehyung

Se houvesse outro anjo a não ser eu,teria claramente aproveitado a situação e o matado,mas eu,eu não consegui. Ele me fitou e percebi o quanto era lindo e atraente,algo que alguns demônios tem para persuadir e enganar.O mesmo engoliu em seco,me olhando profundamente,me pedindo ajuda mudamente. Se aproximou,cambaleando .

—Vai ...me matar,anjinho? —Disse,mesmo parecendo que não queria .

—N-Não ... —Gaguejei ,me aproximando.

—Por que? —Perguntou,confuso —Você não parece um ...Argh!

Ele caiu de joelhos,então corri até seu encontro,agachando e o ajudando a se apoiar em uma arvore.

—P-Por que está ...me-me ajudando?! —Perguntou,enquanto curava seus ferimentos —Você é um anjo da luz!

—Fica quieto! —Repreendi,me concentrando. Ele calou-se,fitando o céu.

—Qual é o seu nome,anjo? —Sussurrou,sem me olhar.

—Jeongguk .  —Respondi,terminando de curá-lo .

—Você já deve saber o meu ... —Respondeu.

—Sim...Kim Taehyung.

—Então por que me ajuda,guardião? —Perguntou,confuso.

—Não sou um guardião. —Respondi,olhando em seus olhos .

—Como não?!Por que está ...ignorou o toque de recolher? —Perguntou,sorrindo maroto.

—Sim ... —Murmurei —E a primeira vez que vejo humanos e ...demônios de perto.

—Então é a sua primeira vez aqui? ...então saiba que somos inimigos e você deviria me matar agora,anjinho.

—Sim,eu sei,Mas tenho curiosidade sobre vocês —Expliquei .

—Uau,você e bem diferente dos seus amiguinhos celestiais  ...gostei de você,acho que não vou matá-lo—Disse,segurando meu queixo para fita-lo —Então vamos começar de novo ...

—Como assim?

—Prazer,Kim Taehyung—Se apresentou,estendendo a mão .

—Jeon Jeongguk —Disse,pegando em sua mão,sentindo suas garras relarem contra minha pele.

(...)

—Aonde estava,Jeongguk?! — O arcanjo Daniel perguntou,nervoso —Sabe que deve voltar quando as trombetas forem tocadas!

—Sim,senhor... —Murmurei de cabeça baixa —Mas como foi minha primeira vez ,acabei me esquecendo —Disse e ele suspirou.

—Tudo bem,mas não vou aceitar outro erro,entendeu?

—Sim...

—O importante é que está bem,agora vá para seus aposentos.

Segui,deixando um sorriso escapar.

Depois daquele dia,eu apenas não só podia sair do céu e voar perto dos humanos,como tinha um novo amigo ...um demônio.

TaeTae —seu apelido — me contava como era seu mundo e as coisas que aprontava toda vez que nos encontrávamos as escondidas,para ninguém saber.E eu sempre dizia como era o paraíso,o que fazia seus olhos brilharem.E tudo o que falavam sobre os anjos negros me pareciam mentira agora. Ele era engraçado,me fazia rir a todo momento,Atrapalhado e bobalhão.Cada dia que passava me sentia bem ao seu lado.

Sim,eu poderia ter me apaixonado por ele.

Fitávamos o por do sol,enquanto ele fazia carinho em meus cabelos e minhas costas se apoiavam em meu peito .

—Kookie-ah ... —Chamou .

—Hm?

E sem dizer uma palavra,ele me abraçou por trás,apoiando seu cabeça sobre a minha .

—Ta-Tae?! -- Perguntei,sentindo minhas bochechas arderem de vergonha .

—Posso ficar abraçado a você? —Perguntou em meu ouvido,deixando sua voz rouca ecoar dentro dele .Um leve arrepio percorreu meu corpo.

—Sim,claro --Respondi,logo percebendo e tendo a certeza que ...Estava amando Kim Taehyung!

—Tae ... —O chamei ,abaixando a cabeça .

—Que?

Então me virei e dei-lhe um pequeno beijo nos lábios .No primeiro momento ele ficou surpreso,mas logo segurou delicadamente meu rosto,aprofundando mais,em um beijo cálido.Sentia seu língua percorrer minha boca,me deixando fora de consciência . Era bom,muito Bom estar experimentado o proibido .Não sabia como fazer,apenas segui seu movimento até que o ar faltasse. Nos fitamos,colando as testas.

—Jeon ...eu te amo,mesmo que seja um Anjo puro ,estou pouco ligando. —Confessou,acariciando meu rosto.

—Eu te amo,mesmo sendo um Anjo Negro . —Correspondo ,sorrindo .

Ele me beija de forma suave ,e ouço o som das trombetas .

—Preciso ir . —Digo,me levantando .

—Até amanhã,anjinho!

—Até!

Assim começamos a ter um relação,o que tornava tudo mais perigoso e incrível . Taehyung com o tempo também foi mudando,sempre querendo fazer o bem,mas acabava não conseguindo por sua aparência .Eu queria ajudá-lo,queria mostrar o paraíso para ele .Queria que ele se sentisse feliz,ajudar as pessoas ...que fosse livre sem ser odiado.Ele queria ser puro,para que pudesse voar comigo entre as nuvens .Eu posso fazer isso,porém com um preço muito caro,que estava destinado a pagar ...naquela noite .

Ele finalmente seria puro!

—Tae ... você pode fazer algo por mim? —Perguntei,corado .

—Sim,claro!

—Então ...me faça seu ! —Pedi,sentindo minhas bochechas arderem como nunca.

—O-O que?Kookie,o que está dizendo? —Perguntou .

—Eu quero mais que apenas beijos. ..eu quero te sentir—Disse,chegando perto de si e dando-lhe um beijo necessitado.Fiz ele sentar ,para que pudesse ficar por cima.

—Jeon ... —Gemeu,quando beijei a pele de seu pescoço —Tem certeza?

—Sim ...

—Mas e se acontecer algo?

—Não vai  .

Mentira.

E naquela noite,me entreguei para Kim taehyung .Nunca me senti tão amado,tão bem ...o proibido é tão gostoso .Ele beijava cada parte de meu corpo,trazendo sensações incríveis e surreais ...isso era o pecado?

Nossos gemidos foram ouvidos,nossos corpos se chocando em sintonia enquanto descia e subia em seu membro,deixando que o mesmo visualizasse meu corpo.

Naquele entardecer,eu soube o que era o pecado,o desejo ...a luxuria.

Nos amamos de forma proibida.

E agora ...eu era um pecador,um traidor.

Sentindo cada beijo e mordida em minha pele,enquanto gemia seu nome e ele me tocava de forma indecente sobre minha intimidade.No céu,gostas de chuva começaram a cair e trombetas altas e fortes foram ouvidas assim que nos derramamos de prazer ,gemendo um o nome do outro,arranhando as costas,prensando fortemente.

Agora,havia entregado toda a pureza e inocência que avia em meu corpo,possuindo todo a escuridão que avia nele.

Nossas asas abriram instantaneamente ,esticando o quanto pudesse igual ao nosso corpos,reagindo ao espasmos. Olhei para ele,para meu amado,vendo suas Asas tornarem-se brancas como a Neve .

—Tae ... —Sussurrei,sorrindo . Quando ele percebeu,seus olhos arregalaram.

—O que está acontecendo?!

—Você agora é um anjo,Tae! —Disse,sorrindo .

—Jeon,suas asas! —gritou,desesperado ao ver que algumas Penas caiam. —Por que fez isso?!

Mais um vez as trombetas tocaram,e a chuva aumentou,o céu se tornava escuro.

—preciso ir ... —Sussurrei,dando-lhe mais um beijo.

—Espera! —Gritou,voando em minha direção.

Olhei ao redor,vendo os humanos me olharem com repulsa e os anjos ao céu,desapontados e raivosos .

—Traidor ! —Todo gritaram ,o que me fez fechar os olhos . Me aproximei ,ajoelhando em frente aos arcanjos .

—Você não é mais bem vindo aos céus! —Gritou,apontando uma lança contra mim.

Senti meus olhos pesarem e arderem. As penas brancas de minhas Asas caiam frutando no Ar,no céu. Meu corpo se tornou pesado,e quando percebi me encontrava caindo.O céu se tornava negro,a chuva aumentava a cada instante. Sentia meu corpo cair em alta velocidade,se chocando contra o vento .

Estava em uma queda livre,minhas asas não tinham forças ...não tinham penas,estava pequena.

O céu chora por mim,penumbra,anunciando que havia um anjo caindo sobre a terra ...eu.Fechei meus olhos por um instantes ,e quando os abri novamente, visualizo Tae desesperado.

—JUNGKOOKIE! —Grita em plenos pulmões,chorando em prantos —Por que?!

Ergo minha mão em sua direção,sorrindo pequeno.Vejo ele voar em meu encontro ,com o braço erguido para me segurar,mas algo o impede em um certo momento ...uma barreira invisível,para que nenhum anjo tenha contato com o pecador,comigo.Ele se choca contra ela,impulsionando para trás ,mas logo retorna,batendo os punhos fechados.

—KOOKIE! —Gritou,chorando fortemente,batendo mais um vez na barreira.Sorrio ,deixando um lágrima cair.

—Não chore ... —Sussurro,fechando o punho —Não se sinta culpado,você foi a razão da minha vida .

—NÃO! —Gritou,surrando a parede,como se algum momento fosse quebrar.

—Eu escolhi esse destino ... por você —Termino,fechando meus olhos e esperando o impacto no chão.

—O que adianta se não ficarmos juntos?! —Gritou.

As últimas penas de minhas asas caem e sinto meu corpo se chocar contra a terra fria,sentindo meu corpo doer.

—JEON!JUNGKOOK! —Tae Grita,até sua voz começar a falhar e não ter mais forças para chamar por mim.

Agonizo de dor,fechando meus olhos fortemente .Grito,sentindo pontadas dolorosas em minhas costas ,como mil agulhas saindo de dentro do meu corpo.As asas  estão crescendo novamente,agora negras,escura como a noite.Vão se formando,com as penas crescendo uma por uma,formando seu desenho.Levanto cambaleante,abrindo-as como um leque,suspirando e abaixando-as.

Antes leves e puras,agora pesadas e escuras.

 Olho para os céu,colocando meu braço sobre meus olhos.Tudo clareou novamente,e bem lá em cima,vejo Tae no mesmo local,chorando.

Não sou mais bem vindo aos céus,ao paraíso.

Ruflei as Asas pesadas,olhando as pessoas me fitarem com lanças,armas e tochas inundadas do fogo que a consumia.

—Tae! —Grito,voando em sua direção de jeito desengonçado  ...pesadas,muito pesadas .

Assim que chego ao seu encontro,nos fitamos,colocando nossas mãos uma de frente para outra,ansiando pelos toques ,mas a barreira impedia .

—Kookie ...por que? —Sussurrou ,quase sem voz.

—Já fui feliz,agora é sua vez —Respondi,sorrindo .

—SEU IDIOTA! —Gritou,batendo mais um vez na barreira .

—Já chega!Afaste-se do Paraíso,pecador! —O Arcanjo gritou e de repente uma onda de choque consumiu meu corpo,me fazendo uivar de dor e fechar meus olhos fortemente.Aos poucos,sentia minha consciência esvaziando  e minhas Asas cessando os movimentos.

Estava caindo novamente.

Caindo...

Caindo...

Pagando pelo meu pecado

Mas agora ,meu único amor ,que me fez feliz e vivenciar coisas incríveis está em um lugar melhor ...era tudo o que queria ,sua felicidade.

Jeongguk!

"O que?"

Me perguntei ,olhando o céu de forma embaçada e agora,diferente da outra vez,visualizando alguém descer em minha direção,para me amparar em seus braços.

"Taehyung?!"

Murmuro,sentindo o mesmo me abraçar fortemente no Ar ,esperando o impacto.

"Mas como é possível?!A barreira..."

Penso,tentando raciocinar tal situação impossível e o porque de ele não voar e escapar.Mas não consigo,por que logo chocamos contra o chão e ouço um zumbido em meus ouvidos .Porém não sinto dor,e sim algo macio.Me levanto desnorteado,apoiando minhas mãos em um pano e quando vejo ...

—T-Tae ...  —Sussurro.Meus olhos lacrimejam,segurando em seu rosto desacordado. —Tae! —Grito,sentindo um medo crescer dentro de mim.

Seus braços fortes rodearam a minha cintura e seus olhos negros se abriram vagarosamente.

—Jeon ? —Sussurra,dificultoso.

—Sim,sou eu! —Disse,desesperado.

De repente ele levanta,ignorando todos os machucados que conseguiu na queda e me abraça fortemente.

—C-Como?! —Perguntei —Como está aqui comigo?!

—Abri mão das minhas Asas por você ...

O vento sopra sobre a terra,levando com elas as ultimas penas que sobraram de sua lindas Asas brancas,que dançavam e flutuavam graciosos e sumiam, desagregando,enquanto meus olhos iam se arregalando ao ver tal cena.

Não posso ser anjo,se não poder viver com você,Jeongguk!

—T-Tae  —Sussurro,chorando contra seu peito de forma desesperada,querendo liberar todos os sentimentos que me sufocavam . Apertei fortemente sua Camisa,molhando o local com minhas lagrimas.Sinto um selar de seus lábios em minha cabeça ,que vão descendo até meu lábios,iniciando um beijo de forma delicada,como se quisesse expressar todo o amor que tem por mim,sem dizer uma palavra.

Sobre a terra,vivem dois opostos apaixonados,como prova de que demônios podem sim amar,inclusive se esse amor for um Anjo...e eu sou um deles.


Notas Finais


E ai?O que acharam?Comentários?!De incentivo ou críticas boas e ruins?!Digam para mim,por favorzinho!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...