História Wings of Love - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Suga, V
Tags Lemon, Romance, Vhope, Yaoi, Yoonmin
Exibições 88
Palavras 1.012
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura

Capítulo 7 - Apenas siga o seu coração


Fanfic / Fanfiction Wings of Love - Capítulo 7 - Apenas siga o seu coração

~Jimin~

Sim! Eu posso ter ficado completamente maluco! Praticamente eu assediei alguém... Contra a sua vontade, ou não... Confesso que posso estar me deixando levar, pelo tratamento que Yoongi me proporcionou. Eu nunca me senti a vontade com ninguém antes, mas com ele é diferente! Bem é o que eu acho pelo menos... Posso estar falando besteira por causa do pouco tempo que o conheço, mas... Eu acho que amo ele! Acho? Isso não é certeza para muita gente, mas para mim um simples acho já é o muito que eu preciso. Yoongi em poucas palavras é perfeito! Eu sei que dizem que ninguém é perfeito, mas ele é perfeito para mim e nada nem ninguém vai me fazer mudar de idéia!

Onde eu estou agora...? No lugar mais belo diante dos meus olhos ‘’o quarto de Yoongi’’ depois do momento de amor que tivemos o mesmo não conteve o cansaço e dormiu em meus braços... Ah! Só de lembrar-se dos gemidos dele... Como esse garoto consegue me deixar assim? Nunca avia experimentando tamanho sentimento parecido, talvez por não amar e ser amado... Por trás disso ah uma história triste para variar, um tempo ridículo da minha vida de rico.

‘’Talvez’’ eu tenha sofrido muito por ainda ser muito pequeno e não entender o mundo que me cercava. Devia ter por volta dos seis anos de idade quando minha mãe faleceu de um câncer no cérebro muito avançado, na época eu não entendia direito então eu sempre sonhava com esse tal ‘’câncer’’ que na imaginação de uma criança ingênua não passa de um monstro de armário. O que não era diferente para mim, quando escutei pela primeira vez essa palavra me veio na mente um ser sem olhos com uma estrutura muito magra e pálida sendo assim um monstro, que atormentava os sonhos de minha mãe. E sempre que eu sonhava com o tal lembro-me que minha mãe mesmo doente vinha para mim deixando os aconchegos de seu quarto de lado e assim ela me acalmava dizendo sempre com uma voz doce e gentil que tudo iria ficar bem porque a mamãe sempre estaria comigo. Mas não foi bem assim... Em uma manhã de domingo o cheiro de rosas recém cortadas tomava conta de todas as instalações da grande mansão, minha mãe amava este cheiro então meu pai agradá-la todos os dias colhia rosas para ela e pedia que os empregados ‘’enchessem’’ a casa com essas belas flores, mas aquele dia aparentemente normal foi o ultimo dia em que vi meu pai sorrir... Como de costume ele se dirigiu ao quarto de minha mãe com as rosas em mãos, mas ao que abriu a porta vejo as flores despencarem de sua mão e um grito desesperado ser dado, minha mãe se encontrava no chão... Ela estava pálida e gelada eu mesmo a toquei! Não tinha consciência do que estava realmente acontecendo, mas ao ver meu pai chorar desesperadamente não contive minhas lagrimas e sabia que tinha alguma coisa a ver com o ‘’monstro do câncer’’. Como eu disse aquela manhã o ultimo sorriso de meu pai foi dado em frente a porta com as belas rosas recém colhidas em suas mãos...

Porque eu disse que esse foi um tempo ridículo de minha vida? Simples! Após toda dor e sofrimento que toda a família passou meu pai começou a me tratar diferente, diferente a nível extremo! Ele sempre estava com o semblante fechado, quase nunca me dirigia à palavra e quando o fazia era para me tratar com desleixo e deboche, com o tempo comecei a ser tratado como um robô eu já não era mais uma criança... Fui transformado em uma maquina de estudo e obrigações!

-Jimin...? –ouço aquela voz rouca e baixinha e acordo de meus pensamentos- porque esta chorando?

-Eu... Eu não sei... Só veio de repente... –não avia sentido as lagrimas em meu rosto e nem vontade de chorar

-Não chore, por favor! –Yoongi me envolve em seus braços e me abraça forte

-Yoongi... Eu gosto de você... Ou melhor, eu te amo... Namora comigo?! –sussurro em seu ouvido com a voz chorosa

-J-Jimin... Eu não posso aceitar, me perdoe... –ele se afasta colocando as mãos em meu rosto e limpando minhas lagrimas com seus polegares

-Porque não?

-Eu gosto de você Jimin, mas isso não é o suficiente entende? Eu não posso dar o amor recíproco que você merece... Desculpe-me

_Trilha sonora_Tiger JK_Reset_ OBS: música coreana

-Eu lhe faço me amar! Darei tudo de mim para você... Eu o farei se apaixonar por mim... Só me de uma chance e namore comigo huh? –percebo que ele se põe pensativo não deixando nenhum segundo seus olhos se desencontrarem com os meus

-T-Tudo bem... Eu aceito namorar com você, mas me prometa que não fará nada que eu não quiser... Ok? –vejo um sorriso tímido em seu rosto e um tom mandão em sua voz ‘’tão fofo’’

-Eu prometo! –abro um sorriso de orelha a orelha e o abraço forte, ate parece que todas as minhas preocupações deixarem de existir

Não sou capaz de explicar o quão feliz estou... Yoongi, Min Yoongi agora é MEU namorado... Por ele serei melhor, por ele mudarei tudo em mim se precisar! Quero o fazer ser mais feliz possível. Estou sendo um pouco apresado? Sim! Estou! Mas quem disse que o amor tem que esperar? Olhe para mim pareço um tolo falando essas coisas... Para quem não acreditava no amor, amar assim tão facilmente é realmente uma vergonha... Mas se for ele, se for Yoongi eu não me importo de ser um tolo e passar vergonha! Por mais apresado que tenha sido tenho certeza que o que esta em meu coração é amor...

‘’Amor...  Ah jovem imprevisível do coração apaixonado saiba meu caro que para o amor ser recíproco ele tem de ser merecido e sincero... Essa palavra que soa tão doce e afetuosa também tem seus defeitos, pequeno seja forte de ante do amor, seja confiante! E o mais importante, não tenha medo de errar e arriscar... Apenas siga o seu coração. ‘’ 


Notas Finais


Beijinhos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...