História Wings Society - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jikook, Namjin, Não Usem Dorgas, Surubangtan, Taejin, Vhope, Vmin, Wings
Exibições 122
Palavras 1.435
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Lemon, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Vocês sabem que eu sou acumuladora de fanfics então eu nem faço mais promessas.
Agradecimentos: BTS por serem tão lindos e me destruírem tanto, as meninas do grupo Punish me, Daddy (vcs são insanas, amo vcs.), a todo mundo que fez teoria sobre wings porque vcs foram meu material de pesquisa pra essa fic.

Mesma coisa de sempre: não copiem os coleguinhas, aproveitem a fic e bem-vindos ao inferno.

Te amo você só por ler essas notas. E é Taejin porque o MV me destruiu e eu shippei mesmo.

Mas vai ter muito surubangtan, não se preocupe. Todo mundo vai dar uns beijo em todo mundo! <3

Capítulo 1 - Prologue


Fanfic / Fanfiction Wings Society - Capítulo 1 - Prologue

Prologue

Jin levanta da cama em um impulso,  o mesmo suava frio,  as mãos estavam agarradas ao lençol da cama.  Com a respiração pesada ele olhava em volta,  observando o tão reconfortante quarto. 

Mais um sonho.  Dessa vez pareceu muito mais real que os anteriores,  estavam em uma espécie de jardim,  tomando algo que se assemelhava a chá em uma mesa grande.  Isso lhe lembrou a cena de Alice no País das Maravilhas a qual ela encotra o chapeleiro e a lebre.
Jin passou as mãos pelos fios de cabelos agora tingidos de rosa.  Foi apenas um sonho,  nada mais do que isso.  Não que ele devesse estar surpreso, isso sempre acontecia.

Bocejando, o mesmo pegou o celular no criado mudo que ficava ao lado da cama e olhou as horas, 6:20. Acordou 10 minutos antes do despertador, ainda tinha tempo, então resolveu ir tomar uma ducha para esclarecer as ideias.

Após sair da ducha,  Jin secou os cabelos úmidos e colocou o uniforme de sua escola.  Olhando as notificações no celular ele enviou uma mensagem para seu namorado Namjoon contando do sonho,  que logo respondeu:

"Que louco (carinha rindo)!  Não se preocupe príncipe, foi apenas um sonho. Agora vai tomar seu café,  e não esqueça que hoje temos a escursão para o museu. "

Jin se pegou sorrindo,  Namjoon era sempre tão atencioso consigo que mais parecia seu pai. Ele achava adorável.  O mesmo respondeu um breve "okay" com um coração e então desceu para o café da manhã. 

Para variar seu pai havia saído mais cedo para trabalhar e sua mãe estava na academia.  A casa era de um tamanho médio,  porém estava completamente vazia,  o que fazia com que ela se parecesse uma mansão.  Jin não gostava de admitir,  mas odiava ficar sozinho em lugares muito grandes,  então ligou a  TV para que não se sentisse tão sozinho. 

Abrindo a geladeira ele viu que tinha alguns yogurtes ( o qual ele não podia tocar pois eram de sua mãe),  queijo,  ovo e leite.  É,  precisariam ir no supermercado de novo.  Jin,  criativo como sempre, decidiu fazer um omelete. 

Comeu seu café em silêncio,  apenas vendo um programa qualquer na televisão e logo foi escovar os dentes e ir para a escola.  Jin não estava tão animado como os outros com o passeio,  claro,  já foi lá com seu pai várias vezes e não havia nada de interessante. 

Era outono,  o que significava que as folhas começavam a assumir tons de marrom,  vermelho e laranja,  o tempo esfriava e Jin se sentia muito melhor.  Ele não entendia o porquê,  mas sempre preferiu outono,  sentia como se no outono toda a natureza mudasse.  Tecnicamente morria para que pudesse renacer mais radiante do que antes. 

A caminho da escola Jin observava as ruas movimentadas e as árvores do parque. O mesmo andava e olhava para o mundo ao seu redor atentamente até que um vulto preto passa na sua frente. Assustado,  Jin para imediatamente e olha na suposta direção que o vulto tomou,  mas nada viu além de árvores,  porém,  olhando para baixo Jin pôde notar uma pena negra.

"Estranho", ele pensa,  pegando a pena.   O negro da pena causava um contraste considerável em suas mãos pálidas.  E,  por um motivo que nem mesmo ele entendeu,  resolveu colocar a pena no bolso,  continuando seu caminho até a escola. 

Em poucos minutos ele chega em seu destino e é surpreendido por Taehyung,  seu melhor amigo desde...  Sempre?  Pelo fato das mães de ambos terem sido muito amigas os dois cresceram juntos,  e após a morte da mãe de Tae os dois ficaram muito mais próximos. 

Taehyung possuía uma irmã mais nova,  Lisa,  que era loira assim como ele.  Ambos vira e mexe estavam na casa de Jin,  mais para evitar o pai do que qualquer outra coisa.  Infelizmente seu pai havia começado a beber após a morte da mulher e... Bem,  não era mais o mesmo. 

De fato,  após a morte de um ente querido ninguém é mais o mesmo,  mas Tae se esforçava para ser o melhor que conseguia,  tanto para seus amigos quanto para sua irmã. 

- Ai meu Deus!  Você pintou mesmo o cabelo! - zombou Tae,  em seu típico bom humor.  - Você é oficialmente Pink Princess agora!  Parabéns. 

- Cala a boca!  - riu Jin,  ele sabia que Tae teria uma reação exagerada,  afinal ele era o Kim Taehyung.

- Oi gente!  - disse Jimin,  logo se aproximando dos dois.  - Jin seu cabelo ficou ótimo.

- Obrigado Jimin.  - sorriu Jin.  - Ansiosos para o museu? 

- Qualquer coisa que me faça passar menos tempo possível fora da sala ta valendo.  - respondeu Tae.  Jin revirou os olhos,  sorrindo. 

- Qualquer coisa que me faça passar mais tempo com o Jungkookie ta valendo.  - Jimin respondeu,  olhando em volta para ver se achava o mais novo. 

Jimin e Jungkook começaram a namorar recentemente e nem o corpo de bombeiros da cidade inteira poderia dar conta de apagar o fogo dos dois. Jin riu,  esses eram seus amigos,  tão diferentes dos sonhos que normalmente tinha...

Logo um par de mãos cobriu seus olhos,  pegando Jin desprevinido,  logo ouviu a voz familiar:

- Adivinha quem é? 

- HM...  Eu vou chutar,  o Namjoon? 

- Seu Namjoon.  - corrigiu ele, tirando as mãos do rosto de Jin e passando o braço direito sobre os ombros dele,  depositando um selar em sua bochecha. 

- Vocês são tão fofos que eu tenho vontade de vomitar.  - Zombou Tae. 

- E você e o Hoseok se engolindo não é?  - rebateu Namjoon. 

Jin e Jimin deram risada. 

- Touché.  - disse Tae, admitindo a derrota.

***

Pouco tempo depois todos já estavam no museu. O lugar era gigante, cheio de estátuas e quadros, fascinante. Realmente, algumas coisas haviam mudado desde a última vez que Jin esteve lá, mas nada demais.

Jin se sentou ao lado de Jimin no onibus, que estava emburrado porque Jungkook disse que precisava estudar com Namjoon para física, e mesmo sendo bom em quase tudo o ponto fraco de Jungkook era física. Então o pobre Jin teve que aguentar Jimin a viagem até o museu reclamando do quanto Jungkook não lhe dava atenção.
Provavelmente era Carência Pós Namoro.

Mas, apesar de Jimin não parar de falar Jin só conseguia pensar em uma coisa: seus sonhos. Eles estavam cada vez mais frequentes e estranhos, e todos eram extremamente realistas. E seus amigos eram sempre tão diferentes.

Completamente diferentes. Mas mesmo assim tão familiares... Jin não conseguia entender. E sempre tinha essa aura perigosa no ar, ele não sabia descrever a sensação que sentia quando estava lá. Se sentia poderoso e ao mesmo tempo tão vulnerável.

E observando os quadros e estátuas do museu Jin pôde perceber que,  realmente,  as coisas podiam mudar bruscamente.  Ele olhou em volta. 

Namjoon estava com um livro nas mãos,  tentando explicar para Jungkook as leis de Newton,  Jimin conversava com Yoongi e Tae provocava Hoseok.

Por um momento Jin encarou Yoongi, seus cabelos negros estavam perfeitamente penteados hoje e ele parecia tão sereno. Ele e Jungkook eram irmãos, e eram tão diferentes um do outro. Jungkook era tão doce e tímido, já Yoongi era tão sincero e falava tudo o que lhe vinha a cabeça, nisso ele e Tae tinham muito em comum. E, olhando para os fios negros de Yoongi Jin se lembrou da pena que havia guardado no bolso.

O mesmo voltou sua atenção a pena que retirava do bolso. Ela parecia grande demais para ser de um corvo... E como aquela pena havia caído ali? Ou será que já estava no chão e Jin estava vendo coisas?

Haviam tantas perguntas em sua mente que Jin nem notou o quadro em sua frente. O professor havia pedido para que escolhessem uma obra e fizessem uma redação sobre ela. E como Jin não estava nem um pouco afim de ficar escolhendo resolveu fazer o trabalho sobre a primeira coisa que visse.

Esse quadro Jin nunca havia visto na vida, e o mesmo lhe assemelhava a uma grande bagunça com anjos ou algo do tipo. Olhando mais de perto o quadro lhe lembrava um de seus sonhos. Aquele o qual ele estava procurando por alguém? Mas quem?

E de repente Jin viu uma pena cair na sua frente, e mais uma, e outra. O garoto de fios cor de rosa olhou para cima, e parecia como se estivessem chovendo penas de todos os tipos. O mesmo se virou para perguntar aos amigos para ver se estava alucinando porém eles não se encontravam mais lá.

E tudo ficou escuro.


Notas Finais


Obrigada por ler! Espero que tenha gostado!
Desculpe se ficou pequeno, eu escrevi pelo celular entom...
XD prometo que os outros serão maiores!
Qualquer erro/crítica contrutiva me avisem, por favor <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...