História WOLF - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Tags Exo
Exibições 13
Palavras 744
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Canibalismo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


FOTO DE CAPÍTULO:
SÍMBOLO DO LUHAN

Capítulo 1 - .MINHA MALDIÇÃO.


Fanfic / Fanfiction WOLF - Capítulo 1 - .MINHA MALDIÇÃO.

                                                                                              WOLF

-CAPÍTULO 1-

-LUHAN-

Não sei direito como fui amaldiçoado, mas não gosto disso. Não posso sair por aí, sou um fugitivo, as pessoas tem medo de mim. Os humanos tem medo de eu os matar.

''O que você está fazendo?''

''Ele é um monstro!''

''Sua roupa está suja de sangue.''

''Ele quase me mordeu!''

Essas frases já ditas ecoavam pela minha mente. Eu era um WOLF, uma criatura odiada por todos, um demônio que não podia amar ninguém.

Meu irmão Kris tinha orgulho de ser um amaldiçoado, ele dizia que nós éramos os mais fortes, privilegiados, mas eu não achava que éramos os mais poderosos...

Kris era uma pessoa totalmente fria, solitária, ele não conversava com ninguém além de mim, nem muito comigo. Dizia que não gostava e nunca gostou de ninguém.

''Kris você gosta de mim?''

''Não Luhan''

''Entendo...''

Apesar de Kris dizer que não gostava de mim, eu gostava dele e acho que ele também apesar de tudo.

Eu não conheci minha mãe nem meu pai. Minha mãe morreu quando eu nasci. Kris disse que nosso pai começou a amar nossa mãe e morreu. Sempre achei essa história estranha, se meu pai não gostasse da minha mãe ele não teria ficado com ela, certo? Mas tudo bem, eu sei que os WOLF não podem se apaixonar, se não morrem.

''Luhan, nunca se apaixone.''

''Por que Kris?''

''Você vai morrer por dentro''

''Como?''

''Você vai sentir uma dor na barriga, vai sangrar como se estivesse suando e vai desmaiar, se tiver sorte não vai morrer.''

''Ok, Kris''

-Ei baixinho! Cude do nossa esconderijo que está na hora da caça. Kris falou colocando a mão no mu ombro enquanto eu olhava pela janela a grande cidade dos humanos e viajava em meus pensamentos.

- Anm? Falei voltando do transe de meus pensamentos. - Ok.

- E não...Falou Kris enquanto eu o interrompia

- Não deixe que nenhum amaldiçoado entre aqui... já sei.. Falei o interrompendo.

-Isso. Kris falou saindo do meu quarto e pulando as extensas escadas do nosso esconderijo, que por acaso é um prédio abandonado.

Toda madrugada Kris saía para procurar algum humano na rua para devorar e ele sempre trazia alguma coisa para mim.

Depois que vi que Kris saiu pela porta secreta, em andares baixos, fiquei andando pelo quarto e pensando em algo que sempre vinha a minha cabeça:

''Como Kris pode ser meu irmão se seu símbolo não é igual ao meu? Meu símbolo WOLF é no punho, seu símbolo é na mão , na parte de cima e não parece nada com o meu. Parece um símbolo do grupo BLACKER, mas ok... Se ele diz ser meu irmão não posso fazer nada, minha mãe e meu pai morreram, eu não tenho testemunhas. Se ele não fosse meu irmão acho que já teria me deixado.''

Fui andando pelo quarto observando o porta-retratos que ficava na minha cômoda, cuja foto era minha e do Kris juntos. Eu olhava pela janela, a espera do meu irmão, pois eu já estava ficando com fome. Kris dizia que eu era um fracasso na caçada.

''O que você trouxe Luhan?''

''Uma perna, serve?''

''Você é um fracasso Luhan''

''Desculpa Kris''

''Nós não pedimos desculpas Luhan!''

Então Kris achou melhor eu esperar pela caça e cuidar do esconderijo em vez de caçar.

Eu realmente não gostava de comer carne humana, mas esse era meu extinto WOLF e não podia mudá-lo.

Ouvi um barulho vindo dos andares de baixo. Franzi as sobrancelhas e dos muitos andares de baixo, ouvi:

-Awoooo!

Esse era um sinal meu e do Kris para sabermos que não era um amaldiçoado qualquer.

Esperei sentado na beirada da cama enquanto Kris subia as escadas correndo e pulando na maior velocidade.

- O que você trouxe? Perguntei.

- Isto. Kris falou entrando no meu quarto e jogando uma mulher morta no chão.

Meus olhos se tornaram vermelhos e fiquei sem meu ''auto-controle'' normal, como acontecia toda vez que eu ia comer algo. Meu símbolo amaldiçoado se tornou azul, que brilhava. Cada vez mais eu queria devorar quela humana caída no chão.

- Você está esperando? Kris falou.- Não temos todo o tempo do mundo Luhan.

Saí da beirada da cama e sentei perto da mulher. Fui arrancando seus pedaços com as presas que cresciam toda vez que eu comia.

- Isso mesmo. Kris falou enquanto eu espalhava o sangue inocente pelo chão sem o mínimo controle de mim mesmo.

                                                                                   -FIM DO CAPÍTULO 1-


Notas Finais


Espero que gostem, esta é a minha primeira Fanfic com um pouco de Terror e Horror.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...