História Wolf Girl...(sendo reescrita) - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin
Exibições 12
Palavras 734
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura, povo que come pão com ovo

Capítulo 10 - Capítulo 9


Acordei com uma barulheira na cozinha, desci de pijama mesmo e fui ate lá, Sun, Kyung e Yang-Mi estavam brigando por nada, entrei e sentei masa, a briga era divertida, a sombra estava a me observar de longe, olhei para porta um garoto com cara de esquilo entrou e parou na porta da cozinha. 


"Quem seria você?" Levantei, fazendo ele pararem de brigar, eu sinto que já conhecia esse garoto de algum lugar.


"Me chamo Kim Miseok" Miseok será que é ele o garoto que brincou comigo e depois de um tempo tentou me matar. "Soo ira compra com a gente a fantasia"


"Não, irei mais tarde com a Lee" Miseok olhou para mim e sorriu de canto e acenou para Kyung e foi embora. "Ira do que mesmo Lee?"


"Lorene Warren e você?" Peguei o celular, vendo as lojas mais próximas. 


"Irei de Ed Warren, vai se trocar para irmos compra as fantasias"


Levantei e subi para o quarto, peguei a rosa em cima da cama e coloquei junto as outras e entrei no banheiro, tomei um banho, sai e coloquei uma roupa para sair e desci novamente, Kyung já estava lá fora, sai e segui caminho para loja Junto a Kyung, A sombra vinha nos observando o caminho intero, eu queria saber como as pessoas na rua não vêem ele, chegamos a loja, uma moça atendeu a mim e a Kyung, a fantasia ficou muito boa, não mostraan as pernas, pagamos a fantasia e fomos ate a praça. 


"Você percebeu que tem uma sombra nós seguindo?" Sentamos no banco em frente ao lago do parque, é la vem ele falar da sombra.  


"Kyung essa sombra e meu guardião, ele nunca me fez mal e também não é louco para fazer" olhei para o lago, tinha um reflexo estranho de um garoto. "Vamos"


Levantei puxando Kyung junto comigo, acelerei o passo para chegar em casa, quando chegamos em casa estava um barulho, entrei Yang-Mim estava no chão, fui ate a cozinha e lá estava Park Jimin.


"Me entregue a pedra ou Sun morre Lee" Ele estava com uma faca, a vida de Sun estava praticamente nas minhas mãos. "Se demora corto a cabeça dela"


"Tome, a pedra" Retirei o colar em forma de chave. "Primeiro quero saber oque queres com a safira crono"


"Eu quero entra na mansão onde morava e regatar oque pertence a minha família, mais alguma coisa" ele largou Sun e veio ate mim, ele não sabe que precisa de mim para abri a casa.


"Não ira entra em minha casa" Seguirei seu pescoço e comecei a aperta. "Lei numero um de híbrido: Se um humano quiser te machucar ou machucar um híbrido, ele deve sofrer" o joguei na parede, fazendo o mesmo cair no chão. "Não ouse entra na minha casa novamente e se tentar machucar algun híbrido, eu não irei ter do de você Park Jimin, o ladrão"


Ele sai correndo, cai no chap chão, nunca tinha usando tanto da minha força, levantei e subi para o quarto a sombra estava no mesmo lugar de sempre, deitei na cama e dormi

 

                           {Lembranças/narradora on}


Hoje 31 de outubro, aniversário de Lee, a mesma não gostava muito dessa data, por ser Halloween uma data que ela odiava do fundo de seu coração, esse dia era considerado o dia de caça para os humanos, Lee sempre viu muitos de seus amigos morrerem, mais algo mudaria nesse dia, Minseok e Zhang estavam lá fora a brincar, Lee desceu e foi a procura dos meninos.


"Lee como esta bonita" Minseok elogiou a menor, que corada estava pelos os elogios que recebia do mais novo. 


"Obrigado Min-senpai" a mesma sentou se no banco, não podia bricar por que estava de vestido. "Ira dormi aqui hoje né Min?"


"Sim, meu appa diz que aqui é mais seguro para nos" Minseok parou de brincar e sentou ao lado de Lee, que brincava com os dedos. "Esta nervosa, fique calma irei te proteger" o mesmo depositou um beijo na bochecha de Lee.


"Min-Senpai, eu sei me defeder sozinha" a mesma levanrou e seguiu para dentro da cozinha. 


Lee era um menina treinada, sabia tudo sobre defesa, mesmo de uma vez matar um cabrito de raiva, não emtedia muito sua força, ela não podia usar demais sua força se pedia o controle dela, uma vez isso aconteceu e quase matou sua propia irmã. Mais e agora será que Lee ira deixar de lado seu medo de perder o controle? ?


                         {Lembranças/narradora off}




Notas Finais


Obrigado por ler, desculpa o capítulo curto e ate o proximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...