História World Of The Dead - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Holland Roden, Norman Reedus, The Walking Dead
Personagens Carl Grimes, Daryl Dixon, Glenn Rhee, Maggie Greene, Michonne, Personagens Originais, Rick Grimes
Tags Daryl Dixon, Fuckzbiebzumbie, Holland Roden, Norman Reedus, The Walking Dead
Exibições 462
Palavras 1.133
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Canibalismo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey amoreeeeees, eu só queria agradecer aos comentários anteriores, gente, sério eu amei, sempre, SEMPRE, podem comentar e deixar a opinião de vocês ai, não importa qual seja ela, mas a deixe.

AVISOOOOOOOO. FIZ O TRAILEEEEEER. Link nas notas finais, deixarei ele aqui e no prologo, espero que gostem.

P.s.: Não sou nada profissional em fazer trailer's igual em blogs, porem eu prefiro fazer o meu próprio em que pedir, pois é mais fácil para editar, então deem uma chance para euzinha.

Capítulo 8 - Terminus part 1


 

 

 

Chloe P.O.V.

 

Ao amanhecer voltamos a seguir o trilho até o santuário, o que achava estranho um lugar aceitar pessoas tão facilmente, estava andando ao lado de Carl, enquanto Daryl, Rick e Michonne andavam na frente.

— O que você fazia antes disso tudo? – Carl perguntou enquanto andávamos pelo ferro do trilho tentando nos equilibrar.

— Era uma grande advogada. – disse orgulhosa – e você?

— Eu brincava muito, tinha vários gibis e jogos, sinto falta disso.

— Eu adorava jogar vídeo game com o meu irmão, ele ficava tão bravo quando perdia. – disse me lembrando dos meus momentos com ele.

— Como ele morreu? – perguntou doce.

— Tem como vocês andarem mais rápido? Tempos que chegar antes do anoitecer. – Rick veio ate nós junto ao Daryl.

— O que estão fazendo? – Daryl perguntou risonho.

— Uma aposta, e eu vou ganhar! – provoquei Carl.

— Não mesmo, o chocolate é meu!

Ao ver Carl sorrir, não teve como eu não ficar feliz ao encontrar, ele era como o meu irmão, o me lembrava de tanto, se eu pudesse colocar um sorriso em seu rosto, então eu colocaria, ele é uma criança que esta vivendo em um apocalipse, perdeu toda sua infância e agora sua adolescência, o máximo que eu poderia fazer era perde aquela aposta, então me desequilibrei “caindo”.

— É garoto, parece que o chocolate é seu. – sorri pegando o chocolate que estava na minha bolsa e o entreguei.

— Obrigado. – pegou e o quebrou ao meio. – aqui a sua parte. – me estendeu uma metade.

— Apostamos, ele é todo seu.

— Qual é desde que nos conhecemos dividimos as coisas, vai pega. – sorri e peguei.

— Agora podemos ir mais rápido? – Rick pergunta agradecendo o fim da nossa brincadeira.

— Okay, papai – falei sarcástica e passei por ele revirando meus olhos e ficando ao lado de Michonne.

 

Quando avistamos o Terminus, seguimos o caminho por dentro da floresta para ver qual era a movimentação do lugar, tudo parecia calmo, o que mais uma vez era estranho.

— Vou esconder essas armas aqui, não sabemos o que tem lá dentro e por conta disso, não quero levar todas, tudo bem? – Rick olhou para nós esperando nossas respostas.

— Guarde a minha arma junto, não vou precisar dela – o entreguei.

— Tudo bem – guardou a minhas armas e as escondeu enterradas. – Vamos nos separar e dar uma olhada depois nos encontrou aqui para entrar, Daryl...

— Eu vou com a Chloe. – interrompeu o Rick.

— Tudo bem. – riu – Michonne e Carl vêm comigo. Tenham cuidado. – veio até a mim e beijou minha testa. – Gosto muito de você ruivinha, então tome cuidado, a pesar que o Daryl vá cuidar muito bem de você.

— Tome  cuidado você também, não tire os olhos de Carl. – o mesmo assentiu.

Daryl me puxou colocando seu braço envolta de meu ombro, caminhamos lentamente observando cada detalhe do local, eles pareciam muito bem hospedados, parecia não ter muitas pessoas, demos mais uma volta e depois voltamos ao lugar combinado.

— Alguma coisa? – Rick perguntou.

— Nada e vocês? – disse com esperança.

— Nada, vamos entrar, tomem cuido!

Em vez de irmos pela “porta” da frente, entramos pelo outro lugar que Rick havia encontrado, quando entramos literalmente, encontramos uma mulher fazendo tipo um churrasco, parecia que entramos em um bom horário, sentindo o cheiro da comida, meu estomago deu seu sinal de vida.

— Foram espertos por entrarem por outro lugar. – a mulher disse ao perceber nossa presença.

— Não sabíamos o que iriamos encontrar aqui. – Rick se explicou

Comecei a olhar em minha volta, reparando em algumas coisas, como uma manta que eu conhecia muito bem que estava com uma mulher e a outra coisa era a armadura da prisão que o Glenn usava contra os zumbis, percebi que eu não era a única a reparar nas coisas, Rick também tinha.

—Onde esta Glenn e Maggie? - apontou a arma na cabeça da mulher a segurando pelo pescoço.

Automaticamente, levantamos nossas armas apontando para as outras pessoas que estavam ali dando cobertura ao Rick, para que ele não fosse atacado.

— Responda! Onde estão os nossos amigos? – Rick pergunta mais uma vez.

Parecia que eles já sabiam da nossa vinda, pois não pareciam nem um pouco assustados ou surpresos por ter nossas armas apontadas para eles. Em um movimento rápido, vejo Rick dando um tiro de raspão em um dos homens, assim começou uma pequena guerra entre nós. Atirávamos enquanto corríamos pelo o local tentando fugir do mesmo.

Mas as únicas coisas que encontramos eram vagões, várias porras de merdas de vagões, algum barulho vinha dele, mas não nos importamos. No momento que iriamos continuar a nossa jornada para sair daqui, ouvimos tiros, mas eles atiravam em nossos pés, o que fez a gente parar.

— Parem agora ou iremos atirar em suas cabeças! – um dos homens gritou do teto. Assim fizemos.

— Agora quero que coloquem suas armas no chão!

Em movimentos lentos, tirávamos nossas armas e colocávamos no chão onde eles pudessem ter em vista.

— Você xerife, com calma e sem palhaçada, quero que ande ate o vagão, parando em frente a ele.

Rick ficará um tempo parado sem fazer o que pediram, mas logo andou lentamente ate o vagão, parando em sua frente.

— Agora, o cara da besta, faça o mesmo, ande lentamente até o seu amigo e fique atrás dele.

Daryl por sua vez, parecia não pensar duas vezes ate começar a andar, olhava para mim a cada passo que dava, para ver se eu ficaria bem, o que eu acreditava que sim.

— Samurai, sua vez, fique em fileira. – Assim a Michonne fez.

— Ruivinha, sua vez gatinha, mas sem palhaça, minha arma esta apontada para essa sua bunda linda.

Respirei fundo, antes que pegasse minha arma novamente e desse um tiro em meio a sua testa, não admitia falar daquele jeito de mim e do meu corpo, não sou nenhuma vadia. Mas por ainda ter eu e Carl em mira, apenas o obedeci andando até o vagão, mas sempre olhando para trás para ver Carl. Após eu ter entrado na fileira, parecia que se havia passado séculos ate falarem de novo.

— Okay garoto, vá ate eles.

Carl veio andando com passos largos, como se temesse ficar lá sozinho, o que eu não duvidava, quando ele ficou por trás de mim, estiquei minha mão direita para trás o fazendo segurar e assim tentei passar um pouco de conforto a ele.

— Agora, quero que você, xerife, abra o portão do vagão e entre, em seguidas os outros!

Rick subiu os degraus lentamente e abriu o portão, andou entrando no vagão e assim fomos entrando, Daryl veio ficar do meu lado fazendo que eu pegasse em sua mão enquanto a minha outra segurava a mão de Carl. Olhamos para o fundo do vagão e vimos surgi algumas pessoas e entre elas estavam Glenn e Maggie fazendo que ficássemos todos surpresos.

— Vamos mostra-los que mexeram com as pessoas erradas.


Notas Finais


Link do Trailer: https://youtu.be/SRsavFxsiEw

COMENTEM, CRITIQUEM, DEEM OPINIÃO, FAVORITEM.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...