História Worth It? - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, D.O, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Xiumin
Tags Abo, Alfa, Baeksoo, Ômega, Sexing, Xiuhan
Exibições 678
Palavras 2.420
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OLHA QUEM VOLTOU DEPOIS DE SÉCULOS HDJDJD nem tanto assim. MAS VOLTEI.

KELL, NÃO DESISTA DE MIM.
BEA, EU TERMINEI.
LAY, EU ACHO QUE ISSO FICOU BOM, QUALQUER COISA ME MATA.

Boa leitura e desculpem os erros.

Capítulo 7 - Extra


Dias depois.

 

 

— Porque eu tenho cabelo liso e o cabelo da Minah é um pouco enrolado? — YunHee perguntou e BaekHyun riu. — Sério tio, olha só como tá enroladinho aqui na pontinha.

 

— É porque ela acabou de acordar amor, não é assim, eu tenho os cabelos lisos e o KyungSoo também, então ela tem os cabelos lisos. — BaekHyun tentou explicar e a menor riu. — Trouxe todas as suas coisas? Sabe que vai passar uma semana aqui conosco.

 

— Sei sim. — YunHee riu quando Minah se encolheu no sofá. — Tio Baek, porque eu tenho que ficar aqui mesmo? Tio Hun disse que é porque o papai vai ficar com o papai Lu, mas como assim ficar?

 

— Pelo amor de deus, Sehun. — BaekHyun reclamou pegando a bolsa da mais nova. — Seus pais precisam namorar um pouco sabe? Que nem nos filmes de romance quando os casais saem para jantar e passear.

 

— Ah, entendi. — ela sorriu. — Ai depois eles vão fazer bebê?

 

— YunHee!

 

— Mas foi o tio Sehun que disse. — ela deu de ombros. — Cadê o JongIn?

 

— Tá dormindo. — BaekHyun disse — Vá até a cozinha que eu vou acordar a Minah para que vocês tomem café.

 

— Sim senhor.

 

— Eu preciso escrever com pincel vermelho em um grande cartaz para nunca esquecer disso; nunca deixar meus filhos com o Sehun. — BaekHyun murmurou.

 

 

 

— Claro que eu vou ensinar coisas boas ao meu filhote, Zhang Yixing! — Sehun bufou voltando a se deitar na cama. — Eu só disse a verdade, nada demais, YunHee é muito inteligente.

 

— Você falar que os pais dela vão fazer um bebê enquanto ela está fora, não é ensinar uma coisa boa e muito menos contar uma verdade, ela é uma criança.

 

— Criança bem esperta, e outra, é verdade sim porque o Luhan tá doido para ser pai e o Minseok também.

 

— Não sei o que pensar sobre isso.

 

— Você não tem nada para pensar, não é um 3some Yixing, é apenas os dois ali. — Sehun suspirou. — Deita aqui comigo e me dá carinho.

 

— O que mais você quer amor? — Yixing perguntou beijando todo o braço de Sehun, o ômega apenas riu. — E eu só me preocupo com o Minseok, vai que Luhan faz aquilo de novo.

 

— Dessa vez ele está preparado. — Sehun sorriu. — O que eu quero agora é sua boca na minha, por favor.

 

— Seu desejo é uma ordem. — Yixing disse encostando os lábios nos do ômega.

 

— Eu sei. — Sehun riu antes de começar o beijo.

 

 

-x-

 

Minseok ainda estava dormindo por isso Luhan já tinha levado YunHee até BaekHyun pedindo para que o médico olhasse a pequena por uma semana, pois deixar ela com Sehun seria um perigo quase imenso para a humanidade. Luhan tomou essas decisões na noite passada quando sentiu o cheiro de Minseok mais forte, o ômega também estava carinhoso e manhoso demais e Luhan já fazia uma certa ideia do porquê, arrumou tudo e agora só esperaria para Minseok acordar, poderia não ser naquele dia, mas Luhan sabia que seria naquela semana que Minseok entraria no cio.

O alfa foi fazer o café quando se assustou ao ser abraçado por trás, sorriu tentando se virar, mas os lábios de Minseok estavam pelo seu pescoço o beijando.

 

Luhan... — O nome saiu mais como um gemido do que com um pedido, o alfa se controlou ao se virar e ao máximo levar o ômega de volta para o quarto. — Luhan-ah.

 

— Oi amor. — Luhan retirou seu pijama enquanto Minseok o encarava da cama, o cheiro do ômega já estava tomando conta do quarto e Luhan já se sentia a beira de um desmaio.

Vem cá.

 

Como Luhan sentia falta daquela voz manhosa, como sentia falta daquele jeitinho de pedir na hora que estava necessitado do alfa, o alfa estava mesmo se controlando pois fazia um bom tempo que não tocava no corpo de outra pessoa, não sabia se agradecia por voltar a tocar no corpo de alguém e esse alguém é ninguém mais ninguém menos que Minseok, ou se ficava um pouco perdido por fazer anos sem tocar no ômega.

O alfa apenas de boxer foi até a cama ajudando Minseok a retirar sua roupa – que não era muita já que ele dormiu apenas de boxer e uma camisa grande-, o ômega estava aos poucos sentindo seu corpo quente e sua mente aos poucos sua mente ficando bagunçada e apenas de uma coisa ele tinha certeza naquele momento, queria Luhan dentro de si. Fazia tanto tempo que o ômega não se relacionava com alguém e que não sentia aquilo novamente, todo o cio ele pedia para Sehun ou Yixing cuidarem de si, ficava dopado e acordava apenas para comer e voltava novamente a dormir quando o casal o dopava logo em seguida.

Luhan estava enlouquecendo, parecia que suas mãos estavam pegando fogo ao tocar na pele de Minseok, cada vez que encostava seus dedos um suspiro saía de sua boca e a vontade de gemer ficava maior, saudades daquele corpo. Assim que Minseok ficou nu, pareceu que naquele momento ele tinha entrado realmente no cio, gemeu sendo deitado na cama, não perguntando ou falando, apenas colocando uma de suas mãos para acariciar seu mamilo direito e a outra dando atenção ao seu membro o masturbando enquanto Luhan o encarava e retirava sua última peça de roupa.

 

— Eu não acredito que consegui ficar longe de você por tanto tempo, eu mereço mesmo um tapa na cara. — O alfa disse passando as mãos pelas coxas do ômega e subindo beijos pelas mesmas. — Tanto tempo sem te tocar, mas isso não importa agora, o que importa é te dar prazer. 


Minseok nada disse, apenas gemeu sentindo os lábios do alfa pelo seu corpo, mordeu seu lábio quando Luhan chegou em sua virilha, o alfa apertou a cintura alheia escutando os gemidos do ômega, sorriu olhando para o membro do ômega e decidiu não demorar mais, o ômega queria prazer e Luhan queria o dar prazer. 

Luhan lambeu toda a extensão do membro alheio, ainda lembrava bem como Minseok gostava de ser tocado com as mãos e os lábios, sorriu ao escutar o ômega o chamar. Pois o membro do ômega em sua boca e relaxou bem a garganta ao sentir Minseok colocar as mãos em sua cabeça, o ômega queria mais, queria gozar de uma vez e Luhan sabia como ele deveria estar se sentindo, não tinham tempo para ir com calma. 

Enquanto tentava acomodar Minseok em sua boca o alfa levou dois de seus dedos até a entrada do ômega, não demorou a sentir a entrada molhada e ansiosa por algo mais. 


— Luhan… — Minseok chamou e o alfa penetrou seus dois dedos no ômega o fazendo soltar um ofego satisfeito, mas ainda era pouco para ele. — Mais Hannie! 


Luhan se afastou do ômega o fazendo gemer em protesto, riu virando o ômega de bruços na cama fazendo o mesmo gemer ao sentir o seu membro entrar em contato com os lençóis se mexeu querendo se dar alívio de uma vez, mas foi impedido por Luhan que levantou seu quadril. O peitoral do ômega estava deitado na cama e seu quadril elevado e sendo segurado pelo alfa. 


— Hannie, dói. — Minseok disse virando a cabeça agora encostada na cama, as mãos apertando os lençóis, o ômega abriu a boca em um grito mudo quando Luhan o penetrou. 


Mesmo perdido nas sensações que o seu cio trazia, lá no fundo ele se sentia muito mais que satisfeito, não só por estar sendo desejado novamente, mas por ter Luhan dentro de si. Gritou quando Luhan apertou sua cintura com demasiada força enquanto se movimentava sem nenhum pingo de dó ou preocupação, e Minseok não iria reclamar, gostava quando Luhan era assim antes e naquele momento gostava mais ainda. 


O alfa puxou o ômega para se sentar em seu colo, estava sentado sobre seus joelhos e por mais que a posição seja um pouco dolorida Luhan não estava se importando no momento, fez o ômega abrir um pouco mais as pernas e começar a subir e descer no seu membro, beijava ora seus lábios e ora as costas do ômega ouvindo seus gemidos ora grossos e finos, Minseok para Luhan sabia gemer de diversas maneiras excitantes. O alfa levou uma de suas mãos para o membro até agora intocável do ômega, e começou uma masturbação de acordo com os movimentos que fazia ao penetrar o ômega. Minseok gritou já sentindo que estava perto e ao perceber Luhan puxou os cabelos do ômega fazendo a cabeça do mesmo tocar em seu ombro ficando assim com o pescoço exposto, ainda masturbando o ômega, Luhan sentiu quando o mesmo gozou em sua mão, a entrada do ômega se contraiu e Luhan não perdeu tempo mordendo o pescoço do ômega de uma vez. 


Minseok gemeu ao sentir a mordida e o Nó de Luhan quando este chegou em seu orgasmo. 


-x- 



Uma semana depois. 


— Será? — YunHee perguntou e Yixing riu enquanto batia na porta do apartamento de Minseok. — Tio Sehun disse que pode ser. 


— Seu tio fala muita besteira. 


— Mas eu ía ficar feliz tio Xing, porque meu papai ia ter uma marca que nem o tio Sehun e o tio Baek, e ele ia ser só do meu pai. — A alfa disse e Yixing ia falar quando Luhan abriu a porta. — Pai! Que saudade.


— Que mentira, KyungSoo me contou que ontem você estava chorando falando que queria morar com ele. — O alfa disse a menina bufou.


— Eu tive que falar aquilo, Minah ia ficar chateada se eu falasse que estava com saudade de casa. — a menina disse como se fosse óbvio. — Tchau tio Xing, obrigada. — YunHee disse e entrou dentro do apartamento. — Kim Minseok, eu voltei pra você.


— Sério, toma cuidado com o seu filho, Yixing. — Luhan disse pegando a bolsa das mãos do outro alfa. — Sehun ensina essas coisas pra YunHee que nem é filha, imagine quando o seu filhote nascer. 


— Não me coloca medo. — Yixing murmurou. — Não vai fazer merda dessa vez, não é? 


— TIO YIXING, MEU PAI TEM UMA MARCA BEM GRANDE NO PESCOÇO! — YunHee gritou. 


— Acho que isso te responde. — Luhan sorriu e Yixing assentiu. 


-x- 


1 mês depois. 


— Para de besteira, ele te marcou idiota, você tá grávido e ele já sabe. — Sehun disse andando pela sua casa. — Baek me ajuda. 


— Eu já te disse para ficar sentado. — O médico brigou e Sehun revirou os olhos. — Você está beirando os oito meses seu idiota, ficar andando por aí vai te deixar com mais dor nos pés e nas costas, ainda mais porque Jisung é bem gordinho. 


— E o Yixing falando que eu não como. — Sehun bateu na nuca de Minseok. — Volta pra casa e grita que está grávido, YunHee e Luhan vão ficar muito felizes. 


— É verdade, Min. — BaekHyun sorriu. — Ai, só vou parar depois da sua gravidez, eu ia parar na do Sehun, mas vou acompanhar a sua também. 


— Obrigado Baek. — Minseok suspirou. — Eu tô com medo da reação do Luhan.


— Agora ele está preparado, ele quer isso. — BaekHyun disse. — Vai logo. 


Minseok assentiu se despedindo dos amigos e saindo da casa de Sehun. Queria chegar logo em casa e contar a Luhan, estava feliz sim, porém o medo de ser largado de novo ainda estava ali o perseguindo mesmo que Luhan tivesse o marcado, o medo continuava ali. 



O ômega chegou em casa e estranhou, estava silencioso demais e o que aquele apartamento menos era; silencioso. YunHee estava sempre correndo com xiuhan ou brincando com o pai pela sala, Minseok reclamava, mas gostava da bagunça que seu alfa fazia com a filha. 

Foi até o quarto da alfa e não a encontrou, ficou confuso e foi em direção ao seu quarto e ao abrir a porta riu, YunHee estava sentada na cama de frente a Luhan, os dois estavam sérios e se encarando. 


— Quem ri perde? — Minseok perguntou e Luhan fez um sinal com a mão. — Ei Hannie, eu... Eu estou grávido. 


— Você riu, pai! — YunHee disse pulando na cama. — Espera, eu vou ter um irmão? 


— Vai… Han? — Minseok chamou e Luhan o encarou com um sorriso no rosto. — Está preparado para os próximos meses?


— Completamente. — Luhan disse. 


-x- 


Luhan não brincou quando disse que estava preparado, o alfa praticamente não deixava Minseok fazer nada e com a ajuda de YunHee ele conseguia e Minseok tinha que aceitar, eram dois contra um, pois para YunHee o irmão não contava. Quando Minseok estava para completar três meses, Jisung nasceu fazendo quase todos largarem suas atividades, pois o alfa nasceu em uma terça feira onde todos estavam trabalhando. Yixing quase desmaiou quando segurou o filho pela primeira vez e Sehun apenas riu do jeito bobo do marido, KyungSoo gravou tudo e disse que iria assistir no natal para rir do amigo. 

Aos cinco meses, Minseok e Luhan acabaram estabelecendo o que realmente tinham, o ômega disse que não queria casar, já tinha a marca do alfa e usava uma aliança dada pelo mesmo, estão estava bom daquele jeito e Luhan concordou. YunHee agora tinha o nome de Luhan em seu registro e andava sempre pulando e dizendo aos quatro cantos que tinha dois pais e um irmão. 

Aos seis meses o casal descobriu que Minseok esperava um menino, Luhan chorou ao ver na tela o seu menino mexendo. Luhan fazia todas as vontades de Minseok e tinha horas que pedia desculpas pelo que fez antes, mas Minseok apenas negava e dizia que aquilo havia passado, não tinha porque lembrar. 

Próximo a ter o bebê, Minseok e Luhan deram a YunHee a decisão de escolher o nome e a menina escolheu: Jooheon

Quando Jooheon nasceu, Luhan viu que seu lugar sempre foi e sempre seria ao lado de Minseok, e isso nunca seria uma coisa ruim. Por mais que ele tenha feito as coisas mais idiotas no passado, ele e Minseok passaram uma borracha naquilo, pois agora eram uma família, os dois mais YunHee e Jooheon, e sem esquecer de Xiuhan o gatinho branco. 




Notas Finais


Tentei o meu máximo para sair algo pelo menos bom, vi bem uns 5 pornôs rápidos dudjdk deu nisso e espero que tenha sido legalzinh.

vem ainda: o extra Sexing e BaekSoo, sem lemon gente, sério dudhdk e um extra das crianças. E eu botei o Jooheon porque eu amo o Jooheon djsjej não foquei em BaekSoo nesse final porque vai ter muita coisa deles no extra e vai ter KrisYeol também :)
Vejo vocês em breve, a fanfic vai estar como finalizada ok? Mas não tirem ela da biblioteca pq ainda vai vir os extras.

Twitter: xbearcute


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...