História Would you love me? - Imagine Jungkook - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Seventeen
Personagens Hansol "Vernon" Chwe, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Idiotice, Imagine, Imagine Bts, Imagine Jungkook, Referencias, Romance
Exibições 801
Palavras 1.090
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - Só eu posso te tocar...


Fanfic / Fanfiction Would you love me? - Imagine Jungkook - Capítulo 11 - Só eu posso te tocar...

Jungkook POV

Já se faziam duas semanas desde que eu e S/N nos beijamos.
Ela disse que não queria já partir para um relacionamento sério, e eu disse que entendida. Então estamos saindo por enquanto.

As vezes ficávamos no telhado do colégio nos beijando ou só sentados no chão passando o tempo. Eram nossos momentos de tranquilidade.

Hoje não seria diferente.
Certo?

Errado!

Hoje chegaram novos alunos no colégio, Vernon e Woozi...
Woozi até parecia legal, ele era bem tímido.
Mas Vernon não tirava os olhos de S/N o dia todo. Ele foi se aproximando dela devagar e no meio do dia já eram muito amigos...
O que não me deixou nada feliz...

Errr... Não entenda errado! Eu só não gosto disso porque ele pode arruinar a aposta! (N/A: Me engana que eu gosto...)

Não posso deixar que ele ganhe o coração dela...
Ele vai estragar tudo...

E fala sério... Eu não vou me apaixonar por ela!
Amor é uma perda de tempo...

Enquanto ando pelos corredores vejo S/N e Vernon conversando, e do nada ele da um beijo na bochecha dela, que fica corada, o que faz meu sangue ferver.

No final do dia ela irira ver só...
Eu sou o único que pode tocá-la...
Pelo visto terei de deixar isso o mais claro possível para ela.

S/N POV

Hoje na hora do intervalo eu e Vernon estávamos conversando. Ele era muito simpático e sorridente, sem falar que era muito interessante conversar com ele.

De repente ele me da um beijo na bochecha, que me faz corar.
Pensei ter visto alguém no final do corredor mas acho que foi só impressão.
Perguntei para ele o motivo do beijo, e ele me disse que eu era muito fofa, e que lembrava sua irmãzinha que faleceu ano passado...
Abracei ele e o sinal tocou, então voltamos para a classe.

Quando chegamos na classe Jungkook olhava pela janela e me ignorava totalmente, então só fui para o meu lugar lá atrás.

Garoto bipolar...

-Quebra de tempo-

S/N: Jungkook espera! Aonde estamos indo?

Depois que a aula acabou Jungkook somente me puxou para fora da escola pelo braço e me arrastava para algum lugar sem falar nada ou olhar para mim.

Desisti de perguntar onde íamos, então só esperei.
No final ele havia pegado um atalho para a sua casa.
Quando entramos não tinha ninguém. Ele só me levou até seu quarto e trancou a porta me jogando na cama, mas ele ficou de pé.

Jungkook: O que você fez hoje me irritou muito S/N...

S/N: Do que está falando? - perguntei me sentando na cama.

Jungkook: Você... - ele se aproximava de mim -...e o Hansol... Ficaram se beijando no corredor...

S/N: Oh... Então você viu... Mas foi só um beijo na bochecha de amigos! Ele disse que é porque eu lembro a irmãzinha dele.

Jungkook: Você não deve deixar que outros te toquem... - ele não estava bem, estava fora de si.

Ele so aproximou e me derrubou na cama de novo, dessa vez ficando por cima de mim. Ele me deu um beijo de tirar o fôlego, e depois foi descenso até o meu pescoço, dando lambidas, beijos e chupões no local, me fazendo gemer baixo.

Jungkook: Isso S/N... Geme pro Oppa vai... - disse com a voz rouca e sexy, mas fazendo gemer ainda mais.

Suas mãos passaram por debaixo da minha camisa, indo até meus seios e apertando eles, me fazendo gemer mais alto e manhosa.

Jungkook: Não geme manhosa assim amor... Olha como você me deixa...

Olhei para baixo e vi o volume nas calças dele. Eu deixei ele assim?

Jungkook: Os seus gemidos estão me fazendo perder a cabeça S/N... - disse baixinho no meu ouvido - Eu quero tanto te foder S/N... Você não tem nem ideia...

Nesse momento o resto da minha sanidade foi embora.
Toquei nossas posições ficando por cima dele e tirei minha camisa, ajudando ele a tirar a sua logo em seguida.

Me levantei de seu colo e quando vi que ele iria reclamar pedi para que ficasse calado e deitado. Ele obedeceu e ficou encarando o teto. Terminei de me despir, ficando completamente nua, e fui para o colo dele de novo, aproveitando que ele estava de olhos fechados e comecei a rebolar em sua ereção, ouvindo ele arfar e gemer meu nome.

Quado ele abriu os olhos pareceu surpreso pela minha falta de roupas, mas depois sorriu safado para mim. Sentou-se na cama, ainda comigo em seu colo e abocanhou meus seios, mordendo e chupando um e depois fazendo o mesmo no outro. Levei minha mão aos seus cabelos e puxei de leve, gemendo seu nome alto.

Senti uma de suas mãos descer até minha intimidade e brincar com ela enquanto eu gemia cada vez mais alto.
Parou de brincar comigo e me deitou na cama, acabando de despir-se e depois ficando por cima de mim de novo.

Novamente levou a mão até a minha intimidade introduzindo um dedo. Foi desconfortável no início, mas depois eu já gemia muito. Ele introduziu mais dedos com o tempo e quando achou que eu estava pronta me penetrou de uma vez.
Doeu muito, sentia as lágrimas escorrendo pelo meu rosto, mas ele secou elas e deixou beijos por todo o meu corpo.

Quando me acostumei com o seu tamanho disse que ele podia se mover. Ele saiu quase todo de mim e estocou forte e fundo, fazendo com que eu gritasse de prazer.

Jungkook: Ah...S/N.... Você é tão apertadinha querida...

S/N: Hunnm.... Jungkook.... Se mexe...

Assim o fez, ele começou a estocar forte e fundo cada vez mais rápido, e eu revirava os olhos de prazer.

Mais algumas estocadas depois eu cheguei ao meu ápice, fazendo minhas paredes apertarem o membro de Jungkook, fazendo-o chegar ao seu ápice dentro de mim.

Ele encostou nossas testas tentando regularizar a respiração assim como eu.

Me deu um beijo e se deitou ao meu lado. Mas arregalou os olhos.

Jungkook: S/N... Não usamos proteção...

Ri baixo da sua preocupação e ele me olhou como se eu fosse louca.

S/N: Desde que você não tenha nenhuma doença tudo bem. Eu tomo pílula.

Jungkook: Não, não tenho nenhuma doença. - ele sorriu aliviado e me puxou para perto. Nossos corpos estavam muito suados.

S/N: Precisamos de um banho...

Jungkook: Uhum.

Ele me carregou até o banheiro e tomamos banho juntos.

Depois voltamos para o quarto e ele colocou uma roupa leve e eu coloquei minha calcinha e uma camisa sua.
Deitamos na cama exaustos e dormimos abraçados.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!!
Bjos de coxinha! :3 <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...