História Wrong Experience (Imagine Jimin - BTS) - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Lisa, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Suga, V
Tags Híbrido, Imagine Bts, Imagine Jimin, Jimin
Visualizações 535
Palavras 1.101
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Chegay chegando!

Perdoem a demora, me deu um bloqueio de criatividade enorme.

Eu pensei nesse capítulo enquanto estava na escola (KKKK)

Tá, eu vou parar de digitar e deixar vocês lerem o capítulo.

Boa leitura! <3

Capítulo 5 - Chapter Four


Fanfic / Fanfiction Wrong Experience (Imagine Jimin - BTS) - Capítulo 5 - Chapter Four

Chapter Four

Jimin onn

E novamente, estou arrependido com o que fiz com Siyeon, eu sei que ela não faz isso por querer, mas essa experiência errada está arruinando a droga da minha vida!

Eu sei que sempre que nós "brigamos" eu volto depois, todo docinho pedindo desculpas, e dessa vez não será diferente.

Eu já sou um homem irritado e ela ainda faz as coisas que faz, até agora eu me pergunto como que ela conseguiu falar com Taehyung, meu inimigo de infância e trazer aquele canalha até aqui. Ainda bem que ele não fez nada com ela, senão iria sair daqui em um caixão. Ela é minha, só minha.

(...)

Saio do banho com uma toalha nos ombros, meu corpo implorava por um quente e bom banho. Agora irei falar com ela, só espero que me ouça e me perdoe, de novo.

— SeoYeon? – Chamei pelo seu nome, vendo-a sentada no sofá encolhida. Ela não me respondeu, então voltei a chamá-la novamente. — SeoYeon?

Não obtive respostas. — Tudo bem, se você não quer falar comigo, eu não irei forçar. – Disse já saindo de lá da sala e indo rumo a cozinha.

SeoYeon onn

Certo, eu estou de fato triste com o oppa. É sempre a mesma coisa, ele se irrita comigo, eu fico emburrada, ele me pede desculpas e eu toda trouxa aceito, e isso irá se repetir eternamente, a menos que eu tome uma atitude.

Acho que vou dar outra volta na rua, não vou sair desse quarteirão para não me perder, só espero que o Jimin deixe.

— Opp... digo, Jimin, posso ir um pouco na rua? Não irei muito longe para não me perder. – Falei o mais seca possível.

— Claro, cuidado. – Falou vidrado em seu celular

— Certo, irei tomar um banho e botar as roupas que você comprou.

Não esperei sua resposta e fui pegando logo umas peças de roupa para tomar um banho.

(...)

Após esse ótimo banho, ignoro totalmente a existência de Jimin ao meu lado e pego um biscoito no armário, não posso morrer de fome, né?

Vejo as horas no relógio e percebo que ainda são 18:30, umas 19:30 ou 20:00 eu já devo voltar, não posso ficar zanzando por aí sozinha, vai que as pessoas do hospital ainda estejam a minha procura?

Enquanto caminho pela rua vazia e escura, começo a pensar sobre o que realmente está acontecendo.

Desde que Namjoon — meu antigo dono — me deu novamente para aquele lugar horrível por dinheiro, eu estou completamente perdida na vida.

Não gosto nem de lembrar do dia em que aquele covarde teve a cara de pau de me trocar por míseros 2 mil reais. Se eu pudesse, falaria pro Oppa Jimin dar um soco na cara dele e...

Espera! Eu estou pensando no Jimin de novo? Mas porque meu dono idiota que se irrita comigo estaria em meus pensamentos?

Aish Jimin! Olhe o que você está fazendo com sua pobre gatinha!

Sento-me em um balanço do parquinho que achei pela rua e me balanço levemente. E por um momento, o dia em que Namjoon me deu pro hospital de novo veio em minha mente, será que realmente vale a pena lembrar disso?

Flashback onn

— Oppa Joonie, onde vamos hoje? – Perguntei com um leve aegyo a ele

— A um lugar especial, até porque hoje é seu aniversário de 18 anos e precisamos comemorar. – Sorriu mostrando aquelas covinhas que eu tanto amava nele

— Mas precisamos ter cuidado, eles podem me pegar. – Disse abaixando as orelhas

— Fique tranquila, hoje o dia será calmo.

Confiando totalmente em meu oppa, entrei no carro dele e fomos por um caminho bem conhecido por mim.

— O-Oppa, tem c-certeza que é aqui? – Falei já trêmula

— Me desculpa, gatinha. Mas eu preciso de dinheiro. – Falou sorrindo sacana e saindo do carro e em seguida me pegando no colo enquanto eu me esperniava.

— Hwang SeoYeon, eu estava com saudades, linda! – Uma enfermeira falou ao me ver dentro daquele lugar

— Namjoon, eu achei que você realmente gostasse de mim!

E assim que disse isso, pude ver ele sorrindo novamente e uma agulha me espetando, depois disso não vi mais nada.

Flashback off

Desde aquele dia, só acordei muito tempo depois, fui mantida em coma e quando me acordaram apenas me forçaram a virar gata, botaram uma coleira em mim e me botaram na rua. Fiquei lá (na rua) durante uns 2 ou 3 dias, aí vi minha salvação, ou como preferir chamar, Jimin.

Acho que ele também não gosta de mim e deve fazer o que o Namjoon fez, estou realmente preocupada.

Assim que me dou conta, estou com lágrimas nos olhos e saio correndo para casa, talvez eu apenas precise de um abraço amigo e apertado.

Jimin Onn

Pode não parecer, mas eu fiquei muito chateado com a Siyeon me ignorando, por mais que eu mereça. Quando ela saiu, eu apenas fui pro meu quarto pensar no quão burro eu sou e tentar conversar virtualmente com Yoongi.

(...)

Estava sentindo um grande aperto no peito, lembrei de SeoYeon e logo vesti uma roupa adequada e sai de casa, logo avistando ela na esquina correndo e chorando.

— SeoYeon! O que aconteceu? – Perguntei acolhendo ela em meus braços

— O-Oppa, promete nunca me largar? – Falou ela com os olhinhos inchados e vermelhos, me dando uma visão extremamente fofa.

— Mais é claro que não, eu jamais faria uma coisa dessa, você é minha gatinha, apenas minha. – Respondi sorrindo e beijando o topo de sua cabeça

— Obrigada...

— Mas, o que te fez pensar que um dia eu te largaria? – Espero não estar me intrometendo em sua vida pessoal

— Vem, vamos pra casa que eu te contarei tudo. – Respondeu pegando minha mão e me guiando até lá.

(...)

Quando ela me contou a covardia que aquele idiota do Namjoon fez, eu quase sai por aí a fora a procura dele pra socar aquela cara, onde já se viu fazer isso com uma menina/gata tão legal e fofinha como ela?

Agora entendo um pouco de seu lado, ela é muito inocente, e por ser inocente demais acaba fazendo coisas que não eram pra fazer.

SeoYeon é de fato, a melhor gatinha que você pode ter. A partir de agora, acho que vou ser mais compreensivo com ela, parar de gritar e não ficar com raiva dela quando ela se meter e me meter em mais confusões.

SeoYeon onn

Talvez, só talvez, eu ame o Oppa ChimChim, ele é tão legal comigo. Por mais que ele seja chato, rabugento e irritado às vezes, eu posso compreender, já que ele está quase se formando e eu não ajudo muito, só faço cagada.

Ele foi tão fofo me ouvindo e limpando minhas lágrimas que insistiam em cair enquanto eu contava a história da minha horrível vida.

Talvez, só talvez, eu tenha certeza de que realmente amo esse menino.


Notas Finais


A SeoYeon se declarou mentalmente! *-*

Mano, fiquei tão feliz com os comentários do capítulo anterior! Poderiam fazer isso de novo? Eu fico tão animada!

Espero que tenham gostado desse capítulo todo fofinho, que eu fiz especialmente para vocês!

Essa história realmente não está na reta final, ainda tem muito drama pela frente, muito mesmo.

Não se esqueçam de favoritar!

Sabe o que eu percebi? A Fanfic tem mais visualizações do que favoritos ;-;

Vocês tem que favoritar, comentar and botar na biblioteca.

Enfim, até o próximo capítulo, bolinhos! ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...