História Yami No Ou - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Vocaloid
Personagens Gakupo Kamui, Kaito
Tags Bdsm, Gakukai, Gakupo, Kaito, Lemon, Lord Of Darkness, Lorde Das Trevas, Vampiro, Yami No Ou, Yaoi
Exibições 72
Palavras 1.338
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Keke XD link da música no final do cap ><

Capítulo 2 - Yami no Ou...Yuugani mau


Fanfic / Fanfiction Yami No Ou - Capítulo 2 - Yami no Ou...Yuugani mau

- Vo-você.... - Eu engoli em seco - VOCÊ É UM HOMEM!?!?! 

Vi ele me fuzilar com o olhar e rosnar, o que me fez ter um frio na espinha.

POV'S GAKUPO ON

Ha? Ele acabou de perguntar se sou homem!? Mas o que!? Eu o puxei, com força, fazendo ele cair em cima de mim, rolei em seguida invertendo as posições e ficando por cima dele. 

- Se eu sou homem?- Eu sorri malicioso - Você vai ver.... 

- O-o que!? - Ele pareceu se assustar e isso me causou um arrepio. Ele se debatia, mas não tinha força o suficiente nem para fazer minha mão se mover. Segurei seus pulsos em cima da cabeça, apertado-os com força e vendo-os ficarem rosados e não vermelhos. Eu o encarei confuso.

- Você é anêmico!? 

- O que!? - Ele rosnou - Quem é você!? Como consegue segurar o lorde das trevas com tamanha habilidade!?

Eu ri. 

- Então além de anêmico você tem um parafuso a menos? Lorde das trevas!? - Eu ri mais alto - Quem você pensa que é!? O diabo?

Vi o rosto dele se transformar numa cara raivosa.

- Olhe aqui! - Ele abriu a boca, me mostrando um par de presas salientes. Oh! Então é isso....

- Então você diz ser um vampiro? - Eu sorri e fui até a curva do pescoço dele, lambendo até chegar na orelha onde mordi a pontinha - Porque não me tira de cima de você se é o lorde das trevas? - Chupei o lóbulo dessa vez, ouvindo ele arfar baixinho em baixo de mim.

- N-não posso, como você mesmo disse.... Estou anêmico... - A voz dele saía entre um suspiro e outro enquanto eu mordia toda a cartilagem da orelha dele. 

- Não pode ou não quer?? - Eu o olhei totalmente corado - Olha só.... Já está duro com tão poucos toques....- Passei meu joelho entre as pernas dele e massageei o seu membro por cima da roupa, ouvindo ele gemer longamente em seguida.

- N-não fale besteiras!! Me solte!

- Você quer mesmo que eu te solte? - Eu arranquei o seu casaco juntamente com sua camisa com certa dificuldade, pois não podia soltá-lo, e foi então que eu tive uma

ideia. Peguei o cinto dele e amarrei os pulsos na cabeceira da cama, olhei para aquele corpo seminu e senti meu membro pulsar dentro da calça. Ele não era uma mulher..... Mas era tão atraente quanto uma....

Fui até o pescoço e o lambi, mordendo em seguida e depois chupando, marcando a pele leitosa. Desci lambendo até os mamilos rosados que já estavam rijos.

- Parece que está gostando lorde das trevas... - Eu o olhei com malícia.

- U-uhnn... Por favor... - Ele me olhava com um pouco de tristeza e medo - Me deixe ir.... 

- Você não me perguntou se eu era homem? Pois agora vai saber a resposta.... 

- Eu não vou.... - De repente ele fechou os olhos, como se tivesse dormido. Ele.... Desmaiou!?! Eu dei um tapinha de leve no rosto dele e ele não se mexeu.

Olhando friamente como um boneco

Incapaz de perguntar qualquer coisa mais...

Mesmo aqui minha existência foi negada

 

Soltei os pulsos dele e o deitei mais confortavelmente no colchão. Olhei ele dos pés a cabeça.... Ele me lembrava alguém.... Senti uma pontada na minha cabeça. Aquela imagem de novo.... 

- Tsc! - Coloquei uma das mãos na cabeça, como se isso fosse diminuir a dor, e o olhei novamente.... Não pode ser. Suspirei cansado e resolvi ajudá-lo e me livrar dele em seguida. Desci até a cozinha e peguei uma pequena faca, voltando ao quarto. O frio na minha barriga era intenso... Eu não sou nem um pouco masoquista.... Respirei fundo e cortei um pedaço do meu pulso, abrindo a boca dele e deixando o sangue escorrer em seguida. 

POV'S GAKUPO OFF

POV'S KAITO ON

Eu escutei uma voz secreta e inaudível na minha cabeça​

Ela continuava dizendo "adeus"

 

Minha cabeça doía.... Abri meus olhos lentamente tendo de piscar várias e várias vezes até que a imagem embaçada se tornasse nítida e eu pudesse ver com clareza onde eu estava. Me sentei devagar, vendo que eu estava num beco, deitado num monte de feno. Senti algo colando no canto da minha boca, passei o polegar..... Sangue seco....

- O que aconteceu? - Eu olhei os arredores e vi que estava perto da minha casa. Tentei me lembar da noite anterior, mas a única coisa que eu lembrava era de ter entrado na casa da princesa do dia e ver que ela era um homem..... Como eu vim parar aqui? Será que tudo isso não passou de um sonho? De quem é esse sangue? Estranhamente eu não me sentia tão fraco quanto de costume....

Resolvi voltar pra casa, e quem sabe, de noite voltar na casa da tal princesa travesti....

POV'S KAITO OFF

POV'S GAKUPO ON

Eu forçava a minha memória com todas as forças que eu tinha.... Ainda me lembrava claramente daquele dia.... Mas não pode ser.... Ele estava tão diferente.... 

Flash Back On

- Papai! Mamãe! Onde vocês estão!? - Um garotinho estava encolhido no centro da praça chorando. Tudo estava coberto pela neve branca.... O natal se aproximava.

- Hey... O que houve? - Fui até ele, tocando em seu ombro. O menino me olhou e dos dois cantos da sua boca escorriam filetes de sangue. Seus olhos eram grandes e azuis como o céu, assim como os cabelos. Ao ver o sangue eu senti um calafrio, mas agora não podia mais voltar atrás.

- Meu papai e minha mamãe sumiram... - Ele falou com a voz tristonha - Você pode me ajudar? - Ele me olhou chorando.

- É claro que sim!

Nós andamos pela pequena cidade inteira até achar um casal que o reconheceu como filho e ele como os seus pais, eu me despedi dele e já ia indo embora quando senti ele me abraçar por trás.

- Muito obrigado onii-chan*.... Eu te amo.... Amor de vampiro que dura para sempre! - Ele sorriu fazendo as pequenas presas aparecerem.

- De nada.... - Eu sorri de volta.

Flash Back Off

Mais, mais profundamente me imergindo

Nesse amor, sem ter mesmo estado ciente

Destruído tão cruelmente como acordado de um sonho 

Incapaz de escapar da realidade

Mas no que diabos eu estou pensando!? Corei de leve e balancei a cabeça tentando afastar esses pensamentos que na minha opinião eram ruins....

POV'S GAKUPO OFF

*****

POV'S KAITO ON 

O dia dava lugar a noite.... Acho que vou voltar a mansão dele.... Mas aquelas expressões.... Aqueles olhos..... Eles me lembravam de alguém.... E eu sei quem é.... Ele era sem dúvida o Onii-chan* que á muito tempo atrás me ajudou a reencontrar meus pais... Ele tinha o mesmo cheiro, os mesmos olhos....

Quem diria que eu iria me lembrar de uma coisa dessas tão repentinamente!? Esse mundo é realmente pequeno...

" Eu te amo....Amor de vampiro que dura para sempre!" 

Ri com esse pensamento.... E agora que me toquei que ele nunca me respondeu o "eu te amo " de volta....

Eu não posso mais retornar àquele dia 

Quando te abracei fortemente por trás

Inconsciente de que o amor, o amor, o amor poderia salvar

Ao invés de ir na casa dele, resolvi mandar uma carta. Quem sabe ele não se lembra de mim?

POV'S KAITO OFF

*****

POV'S GAKUPO ON

"Agarrado apenas nesse precioso e efêmero sonho, que dissipou apenas para desaparecer pelo céu.

Mais e mais, é levemente doloroso. Não importa o quanto eu busque, eu ainda não consigo encontrar aquelas cores...

Mesmo que você me odeie, eu ainda te amo muito, então por favor não me diga mais nada, apenas me abrace firmemente. 

Você sabe do que eu estou falando, certo? 

- Lorde das Trevas."

Era isso que aquele pequeno pedaço de papel agora levemente molhado e amassado dizia. 

- Sim.... - Murmurei pra mim mesmo - Eu sei do que você está falando.....

 


Notas Finais


Mas tia Yuma kd a comédia que ocê prometeu? Então gafanhotos ela vai chegar kkkk mas era preciso esse pinguinho de drama ><
*Onii-chan - aqui se refere a alguém mais velho e não a um irmão ( é tipo moço aki no BR)
Espero que estejam gostando XD
Link da música ----> https://youtu.be/EtnnNRws48A
Bye bye sayonara e kissus de morango pra vcs >3< ~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...