História Yes , daddy? - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Mark, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, Chanbaek, Hunhan, Jikook, Kaisoo, Kristao, Markson, Namjin, Taeyoonseok
Exibições 171
Palavras 875
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Festa, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


A fic entrará em hiatus depois do dia 5 de dezembro , pretendo postar a pat.2 ( final ) nessa semana

Desculpe por estar pequeno ( amo vocês )

- Kissus

Capítulo 15 - I'm a bad boy , daddy


Fanfic / Fanfiction Yes , daddy? - Capítulo 15 - I'm a bad boy , daddy

LEIA AS NOTAS ACIMA ( OBRIGADA , BOA LEITURA )

Saio correndo o mais rápido possivel , quem me vê acha que eu estou louco , apenas quero chegar em casa e quebrar tudo que meus olhos verem , quero saber o do porque Chanyeol gritou comigo , quero saber com quem ele estava falando , quero saber de tudo , quero Chanyeol calmo me mimando com doces e ficando comigo , não quero ele gritando comigo ou muito menos me xingando , por mais que ele tenha gritado comigo , não ter me dado atenção e me xingar de puta , eu o perdoo , mais a raiva é tanta que precisa quebrarvalguma coisa , quando ele chegar em casa vou querer muitas explicações , mais irei fazer um jogo com o mesmo , não irei tocar no assunto , quero que ele fale comigo , e que ele mesmo me explique oque aconteçeu
  Mesmo assim as lágrimas continuam a cair , chego na entrada da minha rua e vejo dois casais felizes , sorrindo , rindo , se abraçando , trocando carícias , isso me faz querer chorar ainda mais , continuo a correr , chego em minha casa , adentro na mesma e fecho a porta com força o bastante para que um barulho se estalasse pela sala e cozinha , pego um vaso que estava em cima de um criado mudo e o jogo no chão , pego um pedaço do vidro , agora inútil , e me corto com o mesmo , nunca fiz isso , é tão bom..ouço a campainha , paro de me cortar com o pedaço de vidro e corro para meu quarto pegando um moletom que encontro jogado no chão e o visto , corro para a porta e vejo a pessoa que menos queria ver e que ao mesmo tempo queria o ver , Chanyeol entra sem direcionar nenhuma palavra para mim , a sua cara estava fechada , seus olhos se direcionaram para mim , viraram rapidamente para o celular do mesmo que estava tocando , subiuvas escadas e foi até meu quarto se trancando lá por um bom tempo

¤¤¤¤¤ quebra de tempo ¤¤¤¤¤

Chanyeol estava em meu quarto já fazia uma hora , decido ir até a porta e escutar com quem que ele tanto fala , na hora que me aproximo da porta , ela se abre , Chanyeol olha para mim e faz um sinal para eu entrar , entro no mesmo e ouço uma porta sendo trancada , sento na beirada da cama e Chanyeol fica em pé em minha frente me observando , abaixo a cabeça envergonhado por causa de seu olhar estar quase a me comer , Chanyeol pega em meu queixo com certa força me fazendo levantar a cabeça , ficamos calados por um tempo observando um ao outro até que Chanyeol decide falar algo

- Oque eu estava fazendo aquele hora que eu te xinguei Baek? - Chanyeol pergunta com um tom meio sério
- Falando com alguem pelo celular oppa..- As vezes o chamo de oppa só para o provocar
- E quais são as regras? - Tira a mão de meu queixo e a coloca em minha coxa , faz a mesma coisa com sua outra mão
- Nunca trair o daddy , não irritar o daddy , ser educado com o daddy , obedeçer o daddy , deixar o daddy em paz quando ele estiver fazendo algo , realizar os fetiches do daddy e... - Ele me interrompe
- E qual regra você derrespeitou? - Falou se sentando na cama e me puxando para seu colo , apertando minha cintura
- A quinta regra daddy.... Eu fui um garoto mal daddy , oque você ira fazer? - Falo começando a revolar em seu membro
- Te punir humm baby - Chanyeol começa a gemer baixo
- Oque será daddy? Spankies? Bondages? Tortura? - Mordo o lábio inferior
- Surpresa baby..- Chanyeol me retira de seu colo - Vá tomar um banho , tem uma surpresa lá no banheiro para você

Me levanto e vou para o banheiro , adrento no mesmo e tranco a porta , vejo uma sacola rosa e logo a abro , dentro havia uma com uma fantasia de gatinho , ligo a torneira da banheira e logo entro na mesma relaxando meus hormônios que estão a flor da pele , fico por alguns minutos na banheira e saio da mesma , me enrolo na toalha e vou escovar os dentes , porque né , você não iria beijar seu boy com sua boca fedendo a peixe morto , visto a fantasia e saio do banheiro , encontrando um Chanyeol só de box , com os cabelos dessarumados , massageando seu membro , sento ao seu lado e retiro a mão do membro do mesmo a substituindo pela minha

- B-Baek...hum.. - Fala tombando a cabeça para trás
- Me fassa seu daddy.. Eu vou te fazer meu - o beijo , ele pede passagem e eu cedo , nos separamos por falta de ar
- Eu já sou seu , só falta você ser meu - Ele me deita na cama e fica por cima de mim

Continua..


Notas Finais


Desculpa , mil desculpa , ta pequeno? Ta , desculpa de novo ;-;


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...