História Yn Yang - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Tsunade Senju
Tags Sasuhina
Visualizações 168
Palavras 1.175
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa tarde! Cadê meus comentários maravilhoso??? Estou sentindo falta! Faremos o seguinte! Se tiver comentários até três horas eu posto outro capitulo! Esta na mão de vocês!
Bjs e boa leitura!

Capítulo 12 - Capitulo XII



  Um zumbido em meu ouvido me fez acorda desorientado, olhei para os lados e não entendia o que eu estava fazendo preso a correntes, me sentia fraco mas não sabia o porque, fleshs de memórias passavam em minha cabeça, isso! A Hinata... Ela... Não com certeza não era ela, me recuso a acreditar que ela teria a capacidade de me trair. Apertei meus olhos em um tentativa de tirar aqueles pensamentos da minha cabeça. Meu foco agora seria me libertar, mas eu me sentia muito fraco. Olhei para os lados e pude ver que meu sangue estava sendo drenado em uma especie de tubo, que levava um tipo de caixa metálica. O que porra estava acontecendo?

 Olhei para os lados e vi uma garota deitada em um jaula, eu conhecia aquele cabelo! Era ela!
 - Hi...  Hinata! - Tentei chama-la, mas a minha voz saiu um pouco fraca, ela continuava deitada. - Hinata! - Dessa vez saiu um pouco mais alta o que a fez abrir os olhos e me olhar, logo eles encheram de lagrimas, sim, aquele sim era os olhos que eu conhecia.
 - Sasuke! - Ela falou em um fiu de voz. - Você tem... - Ela levantou enchugando as lagrimas. - Você tem que ir embora! Você tem que reagir. Eles vão tirar seu sangue, eles precisam para a conjuração do poder de Kaoi.
 - Hinata! Eu... Não tenho forças! Acho que metade do meu sangue já se foi! - Respondi cansado.
 - Não! Você tem... - Antes que ela terminasse de falar Kaoi abriu a porta do lugar onde estavamos.
 - Que bom que acordaram! - Ele falou se aproximando de me. - Muito obrigado Hinata! Você foi explendida, fez seu dever direitinho.
 - Do que você está falando! - Ela perguntou o que fez o mesmo a olhar.
 - Como você acha que conseguimos capiturar o Uchiha tão rápido! - Ela não respondeu. - Você... Foi você quem o trouxe!
 - Eu não fiz nada seu idiota! - Ela agritou.
 - É verdade, você não fez. Eu fiz, aprendi com meu pai o feitiço de manipulação. Mas ainda assim você vai ter sua parcela de culpa na morte do seu namorado! - Ele disse o que fez mais lagrimas saírem dos olhos da Hyuuga.
 - Solte-a! Você quer a me e não ela! - Eu falei fraco.
 - Não posso! Antes terei que apagar sua mente, mas primeiro ela vai ver você morrer aos poucos, ai quando eu apagar a mente dela, direi que ela é minha esposa! E pronto! Final feliz para o casal que ira conquistar o mundo ninja. - Ele falou sorrindo.

 O sangue de Sasuke continuava saindo do deu corpo, e Hinata pensava em como salva-lo, pois não tinha muito tempo. Tinha que agir, ela precisava agir.
 - Você não precisa apagar minha mente para me ter! - Ela falou.
 - Hahaha acha mesmo que vou cair em seu joguinho Hyuuga. - Ele respondeu.
 - Não é joguinho Kaoi, você diz que o Uchiha é meu namorado, mas para sua informação não é ele quem amo! - Ela falava convicta o que fez Sasuke a olhar, ela nem um momento o olhou, ela não podia, tinha que manter-se firme. - Quem eu amo irá se casar com outra... - Ela meio que omitiu essa parte, mas ela sabia que um dia isso iria acontecer pois se Naruto e Sakura estavam namorando com certeza o próximo passo era se casar. - Eu nunca tive o amor dele, e nunca terei. Então se você me quer para si eu aceito.
 - Eu relamente ouvi falar sobre seu amor platônico pelo próximo Hokague de Konoha, mas você ainda não me convenceu. - Ele falou e se aproximou de onde a Hyuuga estava. - Dê-me um beijo! E eu a libertarei, pois assim saberei que serás minha.
 Ele se aproximou da menina perto da grade da jaula e ela foi também em sua direção, Sasuke olhava aquela sena com fúria nos olhos, mas infelizmente não podia fazer nada e com aquela sena ele apagou, a fraqueza o dominou! A Hyuuga realmente havia o traido.
 Com pouco espaço de distância entre os lábios de Hinata e Kaoi, a Hyuuga abriu os olhos e com as mãos ágeis acertou um ponto crítico de Kaoi que como estava apaixonado pela Hyuuga não pensou que ela poderia feri-lo, mesmo ele tendo noção da força dela, o impacto foi tão grande pela raiva da garota por tudo o que ele havia feito Sasuke passar que Kaoi voou para o outro lado da parede que quebrou e o corpo do mesmo ainda utrapassou mais duas paredes a frente. 

A fúria ainda tomava o corpo da Hyuuga, pois quando um dos capangas  do Kaoi apareceu foi até ela com uma espada, e com o primeiro golpe da espada a menina segurou a lamina com as duas mãos e puxou para depois com a mesma lamina cortar umas das pernas do homem, que caiu gritando no chão, como a lamina era bem afiada ela usou para abrir o cadeado a libertando. Ela focou em Sasuke que estava desacordado e por um fiu da morte, ela entendia um pouco de medicina pois os tempos em que virara melhor amiga de Sakura a mesma havia lhes ensinado algumas dicas de sobrevivência.
 Com outra agulha e outro tubo a menina fez com que o sangue que havia saido de Sasuke voltasse para o mesmo. Mais ainda assim seria um processo demorado. Ela ouviu passos vindo em sua direção e ativou o byakugan e viu que eram uns sete homens, ela então com seus punhos gentis esperou pela chegada, logo a porta se abriu com violência.
 - Eu matei o Kaoi! Então vocês decidem se querem morrer com ele ou fugir! - Ela falou com um voz segura o que assustou alguns capangas e os fazendo correr para onde vieram, mas ainda assim três continuaram, e com suas espadas a atacaram.
 Os três de uma vez a atacou com suas espadas,  ela usou seus punhos gentis para quebrar a primeira espada, segurar a lâmina do segundo e toma-la para si e com a mesma cortar a mão do terceiro, que gritou com a dor. Os outros dois a olharam amendrontados e sacaram kunais, e jogaram nela que se livrou com a espada. Ela colocou chácara na espada e a mesma ficou com um brilho azul e os atacou, fez um corte nas costas de um o que o fez cair desacordado e o outro ela usou a mão o deixando desacordado no chão, seu objetivo não era matar nenhum deles pois sabia que eram apenas piões, por isso nenhum deles morreram, exeto Kaoi que sem pensar ela havia batido com muita força em um ponto vital o fazendo morrer.
 Ela olhou para Sasuke e ele havia acordado, ele a olhava sem entender o que havia acontecido naquele lugar por está daquele jeito.
 Hinata sorriu e se aproximou dele. - Espero que sobreviva Uchiha. - E sentou-se ao lado do mesmo cansada. 


Notas Finais


Iai? Gostaram? Comentem meus amores! Tchauzinho!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...