História Yoonmin - colega de quarto - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Chimchim, Jimin, Minyoongi, Parkjimin, Suga, Yoonmin
Exibições 80
Palavras 1.417
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


PS: to meio chorosa hoje, então vai ficar meio depressivo assim mesmo euheu

Capítulo 3 - Melhores amigos


Fanfic / Fanfiction Yoonmin - colega de quarto - Capítulo 3 - Melhores amigos

Por: Jimin

 

Suga parecia tão frágil perto de todas aquelas pessoas. Sempre que eu olhava aquele rosto olhando tudo em volta e apertando a minha mão para não se perder, via que não parecia o mesmo que tinha o total controle sobre mim.

- minha língua ainda está doendo – disse baixinho no meu ouvido me fazendo rir.

Ouço um eco chamando pelo meu nome e logo tem alguém puxando pelo meu braço - vêm, Jimin! Algumas pessoas querem conhecer você.

Juro que não quis fazer Yoongi se sentir mal, mas ele pareceu não se importar em ficar sozinho.

 

Por: Yoongi

 

O universo todo parecia estar naquele lugar. Depois de um tempo fui vendo o Hobi se aproximando do Taehyung. (?) Ele nunca suportou ele e do nada estavam ali dançando e sorrindo.

 

Por: Jungkook

 

Depois de umas 10 bebidas eu acho que tenho coragem de falar algo que vem me sufocando com o Tae.

- Taeh... - antes que eu terminasse de citar minha frase de efeito vejo o Hoseok beijando seu pescoço enquanto ele sorri.

Eu já não simpatizava com os amigos do Yoongi, agora odeio todos. Eu não deveria ir berrar no pé do V como um idiota, mas não suportava ver aquele garoto flertando com ele.

Eu dei alguns socos no Hoseok e ouvi um estalo.

 - o que está fazendo? Vêm, eu vou te ajudar.

- não prec... - eu falei isso pensando que seria comigo enquanto o Taehyung levantava o Hoseok.

- você ficou louco? O que deu em você?

- Taehyung, venha cá. Preciso te falar algo.

- o quê? Vai se fuder.

- não... - eu tento calar a boca dele com um beijo, mas eu tava muito bêbado pra ter controle sobre mim.

- caralho, você tá muito bêbado, Kookie.

- ele é um idiota. Deixa ele, Taehyung. Vamos sair daqui um pouco.

Ótimo. Eu acabei uma amizade com meu melhor amigo pelo motivo idiota dele me deixar louco.

 

Por: Suga

 

Do outro lado estava Jin e Namjoon. Namjoon já havia me dito algumas coisas sobre Jin e embora ele não saiba, ele gosta muito dele.

De acordo com Namjoon só Jin sabe o jeito certo de cortar frutas, de sorrir de acordo com a ocasião e saber exatamente o que falar para reconfortar as pessoas.

Ele continuava tentando abraçar Jin enquanto ele o empurrava e ria, e ele tentava novamente. Depois segurou nos seus braços e eles se olharam por alguns segundos. Namjoon ficou sem jeito e coçou a cabeça, então voltou a beber.

Eu deveria dizer a ele que ele está MUITO apaixonado, mas ele não é muito do tipo que fica com meninos para ver como que é.

E falando nisso. Onde caralhos o Jimin está? Se eu o procurar provavelmente me decepcione, pois nunca conseguimos passar 3 horas sem brigar.

Ele me segura por trás me fazendo quase cair enquanto me dá um beijo na bochecha.

- quero que veja uma coisa. Jiminnie segurou pelo meu braço e ele estava tão lindo que não conseguia mais prestar atenção sobre nada a minha volta. Eu ainda não tinha o elogiado pelo seu platinado meio lilás, eu tinha vontade comer aquilo.

O amigo Chanyeol (acho que era esse o nome) estava se apresentando cantando enquanto Jiminnie tocava no violão.

 

Por: Jungkook

 

- Tae... Não pode ficar com raiva de mim. Somos amigos.

- saia daqui, Jungkook - ele sabia que eu não sairia, pois era o único momento da festa que ele havia ficado sozinho enquanto o Hoseok colocava gelo no nariz.

- você sabe que não vou sair se não falar comigo. Eu não quis ser rude com você.

- eu te desculpo, agora pode ir.

Puxei para perto de mim - eu estou muito bêbado, mas quero que saiba que eu te amo, tipo muuuito pra muito mesmo. E eu não sou gay. Eu sou Vsexual.

- mas o que você têm, hein?

Eu tentei beijar o Tae e ele me empurrou.

- eu não quero ficar com você e você não sabe o que diz.

Ele levantou me deixando sozinho e em algum momento encontrou Hoseok com qual se abraçou. Ele sabia como fazer o Tae sorrir, mas eu daria tudo o que ele nunca conseguiria dar. Não no sentido malicioso.

 

 . . .

 

No outro dia na escola foi bem pior, pois nos ignoramos até o intervalo até que ele esbarrou em mim.

- foi mal ai, Jeon - definitivamente ele me odiava.                       

Não via a hora de ir pra casa. Eu sentei na última mesa e vi o Hoseok sentando no colo do meu alien.

- o que você tem? - disse Jimin sentando do meu lado.

- você viu o amigo do Yoongi? Se esfregando no V.

- sim. E daí?

- "e daí?" a-ah...

- você está com ciúmes, Kookie? TAEHYYYUNG, VEM SENTAR AQUI.

- nã-ao. Argh!

- oi - eu nem consegui virar o rosto pra cumprimentá- lo de tão estático que estava.

- e aquele Hoseok? Huummm...

- cala a boca, Jimin - falei.

- ele é muito legal. Não sei porque não gostava dele.

- vocês já...

- não - ele riu enquanto eu estava muito aliviado. - mas ele é muito... - Tae percebeu meu bico. - esquece.

- fala - não sei porque fui dizer isso.

- ah, Jungkook... O que você quer de mim?

 - quando todos começaram a amar esse Hoseok?

- ele é legal - Jimin realmente não me ajudava - mas quando vão me contar o que aconteceu?

- nada demais - pra você, Kim Taehyung - mas Hoseok quebrou o nariz, Jeon - ele continuava me chamando de Jeon - passamos a noite toda no hospital por isso. Quando eu tentei me aproximar de você, você falou que éramos amigos, e somos apenas amigos.

Meus olhos naquele momento ficaram cheios, pois ele tinha razão. Não podia cobrar nada do Tae.

Mas eu engoli o choro junto com o refrigerante.

. . .

Por: Jimin

 

Todo o tempo eu estava me sentindo fraco, provavelmente tenham colocado alguma coisa na minha bebida. Isso não importa.

Mensagem de texto Yoongi:

Não esqueça que estou te esperando.

Jimin: Não vou <33 estou chegando, Yoongi.

Yoongi: Uhum.

No caminho sinto um gelo e não suporto meu próprio peso. Não lembro até então, mas imagino que deve ter sido bem constrangedor ficar lá no chão. Acordei no hospital junto com o Taehyung e o Jungkook do meu lado preocupados.

- por que vocês estão me olhando?

- PUTA QUE PARIU, VOCÊ QUASE MORREU!

- fala baixo, E.T. Estamos num hospital.

- pensamos que nunca mais iria acordar, Chimchim.

- não, não pensamos. Tae que é exagerado mesmo.

- tá falando isso porque te dei um fora.

Puta merda... O hyung vai me matar e ainda tinha aqueles dois apaixonados brigando, não mereço isso.

- vai ficar na minha casa.

- não, na minha tem mais espaço.

- vou ficar com o hyung.

- vai ficar nas segundas e terças na do Taehyung e o resto na minha. Mas nos feriados pode ir ver seu hyung.                       

Eles ficaram assim a viagem toda brigando sobre o horário.

Quando cheguei o hyung me deu um soco no peito -aoohhh - berrei.

- me deixou esperando de novo, dongsaeng.

Então todos entraram na frente e recomeçou toda a discussão sobre data e o que havia acontecido.

Decidimos (decidiram) que todos cuidariam de mim.

O hyung colocava a mão na minha testa a cada hora pra ver se eu estava vivo ou já tinha hibernado. Depois fez uma sopa pra mim e deitou do meu lado me abraçando.

- está me mimando muito, hyung. Estou bem - ele beijou minha testa e me abraçou. Não foi tãao ruim assim ficar doente.           

Hyung disse que eu não dormiria sozinho, pois poderia ter uma convulsão e queria que alguém estivesse lá pra me ajudar. Enquanto ele saiu para comprar algumas coisas o Tae ficou me olhando com o Jungkook, mas eu não conseguia dormir com os dois conversando.

- será que a gente tem que ficar mesmo aqui, Kookie?

- silêncio, Tae! Vai acordar ele. Hyung disse que sim.

- você...

- cala a boca, Tae.

- ok.

- Tae... Você... Sabe...

- não.

- nem sabe o que eu ia perguntar.

- não estou com raiva de você.

- ia perguntar se gosta do Hoseok.

- esqueça ele, Jungkook.                       

Jungkook acabou dormindo com a cabeça no ombro do Tae.

. . .


Notas Finais


Eu preciso parar de fazer o Kookie trouxa só porque ele é um maknae fofo ;- -;


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...