História Yoonmin - colega de quarto - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Chimchim, Jimin, Minyoongi, Parkjimin, Suga, Yoonmin
Exibições 49
Palavras 1.297
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Não sei como eu crio a personagem e ainda fico com raiva dela, mas se fosse eu com o Kookie seria bem pior ;--;

Capítulo 5 - Novata stalker


Fanfic / Fanfiction Yoonmin - colega de quarto - Capítulo 5 - Novata stalker

Por: Park Jimin

 

Ninguém merece a primeira aula de matemática num frio infernal. Minhas mãos mal fechavam e eu ficava tentando esquentar esfregando na calça. Yoongi percebeu meu incomodo e logo tirou seu casaco e colocou em cima do que eu já estava usando.

 

Por: Min Yoongi

 

Eu estava tentando me concentrar, mas ele ficava massageando minha perna e pedindo ajuda com as equações. Eu fiz cara de que estava prestando atenção na aula, mas ele começou a subir pela minha coxa.

Percebeu que estava ficando excitado e deu um sorrisinho. Eu ri também e tirei sua mão.

- você entendeu, dongsaeng?

- uhum. - fez que sim com a cabeça.

Depois tentei colocar a mão no seu membro e ele me deu um tapa - eeei.

- ma-as...

 

Por: Park Jimin

 

Olho pro lado e tem uma garota fazendo cara de nojo. Mas fazíamos um casal bonito até.

Éramos tão diferentes um do outro que isso nos tornava fofos. As mãos do hyung eram grandes e com veias e as minhas sumiam no meio das dele. Suas pernas eram finas e extensas enquanto as minhas eram torneadas. Era apenas 1 cm de diferença que nos deixava feito opostos.

 

Por: Hoseok

 

Entraram alguns alunos novos da escola, com isso teria uma espécie de noite do pijama para todos se conhecerem; show de talento, luar e essas coisas na escola. Teríamos que dormir lá, mas as pessoas tratavam aquilo como se fosse woodstock. Só se falava disso sendo que seria apenas uma noite.

- Mandy, escolha um lugar! – disse o professor Luhan.

- ao lado daquele garoto - aponta pro Jungkook.

- mas eu sento aqui.

- dê seu lugar a Mandy, Taehyung.                       

Agora sento mais pertinho do V. Olhei pro Jungkook e ele estava me comendo com os olhos.

 

Por: Jungkook

 

Eu estava sempre tentando fugir daquela garota, mas ela aparecia em todos os lugares.

- e então... - eu levo um susto que bato minha testa no vidro. - com quem vai pra noite de boas vindas?

- não pensei ainda nisso, mas se for...

- poderíamos ir juntos então. – ela disse isso sorrindo muito, me assustava.

- ... levarei o Taehyung.

- sério? Ele me parece bem ocupado. - aponta pro Tae beijando Hoseok.

- somos melhores amigos, ele faria qualquer coisa por mim – digo isso fechando a porta do armário com força pra fazer barulho, e por mais que eu fechasse pra bater novamente eles nem piscavam e continuavam se beijando. Esbarro no Tae pra eles supostamente perceberem meu incomodo, mas Hoseok só beija mais ele.                       

 

Por: Taehyung

 

- Hobi, se importa se eu convidar o Kookie? Ele não parece bem e somos amigos.

- logo ele?! Ele me odeia.

- óbvio. Vocês dois brigam por mim.

- não vou dividir você com ele.

Embora Hobi tenha dito isso e eu goste muito dele, não iria deixar o Kookie triste. Então sai procurando pela escola toda aquele garoto.

- novata, você viu o Jungkook?

- estávamos falando sobre a festa agora.

- então convidou ele?

- convidei.

- oh.

Parece que o Kookie já havia me esquecido. Que mau gosto.   

. . .

Eu prometi que iria com o Hobi, mas Jungkook estava esticando o braço para que eu dançasse com ele. Os dois sorrindo pra mim. Os dois estavam lindos. Hoseok fez uma cara sexy enquanto Jungkook uma expressão de fragilidade. Oh, isso era torturante.

Parei no meio e esperei o que me conduziria, mas os dois seguraram nos meus braços. Eu achei que ficaria louco com aqueles dois disputando pela dança.

Kookie se afastou apenas no momento em que Hobi me puxou e deu um beijo longo. Desde então o vi aceitando dançar com a novata.

 

Por: Park Jimin

 

Yoongi estava com um pijama rosa de seda que embora fosse folgado estava marcando cada movimento que ele fizesse, o que me fazia não conseguir concentrar em nada da altura da cintura pra cima.

Normalmente eu o puxaria e morderia todo, mas eu só gostaria de ouvir naquele momento algo que mostrasse que ele queria algo a mais que minha boca, mas sei que isso nunca sairia do Min Yoongi.

- o que você não pára de olhar?

- nada. - preciso ser mais discreto.

 

Por: Jungkook

 

Tae desgruda por um segundo do Hoseok pra falar comigo - a novata disse que se visse você falasse que ela está te procurando. Qual o lance entre vocês?

- eu só dancei uma música com ela.

- ela também me perguntou seu signo e tipo sanguíneo.

- você não respondeu, não é?

- ah-h. Vocês são praticamente namorados.

- droga, Kim Taehyung.                       

Era um péssimo momento como sempre, mas não aguentava mais o fato que tantos idiotas já haviam beijado o Tae e eu não.

Virei seu rosto e eu estava decidido que beijaria ele ali e perguntaria de uma vez o que ele sentia por mim, mas só batemos os dentes e doeu muito.

- JUNGKOOOK, ainda bem que te achei. Achei que estivesse fugindo de mim. - a novata sequer sabe pronunciar meu nome.

- todos fogem de você. Por que ainda está aqui? Não somos namorados, nem amigos e você me dá medo, novata.

Quando disse isso algumas pessoas calaram em volta e ela começou a chorar na minha frente. Eu me sentia um monstro.

- n-não precisa também chorar.

- meu nome é Mandy, M-A-N-D-Y.

Taehyung me olhava com um olhar desprezível, e até o Jimin evitou olhar pra mim. Eu não queria ser grosso, sabe?! Ela colocou na mesa os copos que tinha trago para a gente beber e ficou o resto da festa no banheiro chorando. Ou só não a vi depois disso.

Não preciso nem comentar que o Tae me odiava mais que nunca enquanto abraçava Hoseok.

 . . .                       

Por: Jin

 

O Namjoon estava dançando com uma menina e claramente ele não sabia o que fazia. Era uma música romântica e ele continuava fazendo ondinha.

Eu deveria falar um oi, mas acho que atrapalharia. Só que somos amigos, então ela que vá procurar outro cara pra seja lá o que estejam fazendo. Me enfiei no meio deles e comecei a realmente dançar com o Namjoon, mas ela continuava se insinuando se achando muito sensual.

Me pergunto qual a droga tinham colocado naquela bebida pra eu pressionar minha cabeça sobre a dele e começar a chupar a boca daquele garoto. Fui acelerando o ritmo até que ficou um roxão. Ele pareceu gostar, então eu mordi.

- ecaaaa – a garota que não achou nojento se esfregar no Namjoon estava achando nojento aquele ato de amizade. - que nojooo.

Quando ela disse isso ele se assustou e ficamos feito dois idiotas fingindo que nada havia acontecido.

 

Por: Min Yoongi

 

- não precisei dizer que eles estavam afim um do outro. – disse ao Jimin acenando com a cabeça pros dois.

- qual será o passivo?

- o quê?

- nada.

- Jin.

 

. . .

 

Por: Jin

 

Todos dormiram um em cima do outro, bêbados e fedendo. Quando abro os olhos Namjoon está lá olhando fixamente pra mim. Faço barulho de susto.

- shhh, fala baixo.

- por que está me olhando? – ficamos os dois cochichando.

- eu fiquei pensando sobre hoje mais cedo.

- esquece isso, Namjoon. Somos amigos.

- eu não sou gay, você sabe.

- tudo bem, você pode gostar do meu beijo.

- eu não disse isso, porra.

- me acordou por que espera que eu te tranquilize? Volte a dormir.

Ele se aproximou de mim tocando no meu rosto e gentilmente me deu um selinho. Depois colocou a cabeça sobre meu peito e dormiu feito um gatinho de estimação.

A novata saiu do banheiro com a maquiagem bem borrada e deitou dormindo abraçada junto a nós.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...