História Yoonmin ou TaeGi? - À procura do amor - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jimin, Jungkook, Namjin, Suga, Taegi, Taehyung, Vkook, Yoonmin
Visualizações 162
Palavras 2.160
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oioi, gente!
Demorei um pouco, mas aqui estou eu.
Bom, não sei mais o que falar kkkkk então espero que gostem.
Boa leitura.

Capítulo 23 - Os Teus Lábios (Yoonmin)


Fanfic / Fanfiction Yoonmin ou TaeGi? - À procura do amor - Capítulo 23 - Os Teus Lábios (Yoonmin)

"Apenas deixe-me provar dos teus lábios. Quero viciar-me no teu beijo."

♡ ♡ ♡

-Mostre para as fãs como se chega numa garota, Hoseok.- Jungkook ria, vendo o mais velho fazer pose e desfilar até o meio do pequeno palco, fazendo os fãs e membros rirem.

 

 

-Você é padeiro? Porque seu pai é um pão.- Hoseok parou, rindo.- Desculpa, tô nervoso.

 

Todos estavam bastante agitados naquele fansing, sem nenhuma confusão ou clima ruim entre algum deles. Depois que Taehyung saiu da sala de seu chefe, se sentiu mais confiante e determinado; feliz por pela primeira vez conseguir ganhar em ameaças e discussões.

 

Namjoon, Hoseok, Jin e Jimin estavam juntos na última mesa dali, rindo e conversando, enquanto Yoongi fazia caras fofas e tirava fotos. Jungkook e Taehyung estavam sentados lado a lado, sorrindo e cochichando coisas engraçadas e fofas.

 

-Não acha que deveria ser outro a dizer sua sexualidade?- o moreno sugere, vendo Jungkook arregalar os olhos e engolir em seco.- O que foi? Não é nada demais.

 

-Não acha que irei prejudicar o grupo com isso?

 

-Mais um assumido não fará diferença.- Taehyung apertou sua bochecha, se levantando e segurando o pulso do mais novo.- Jungkook quer falar algo à todos.

 

O mais novo queria muito matar seu hyung naquele momento. Por que fizera aquilo? Ele não queria falar nada naquele fansing. Já não era muito óbvio o que ele gostava depois daquela Sex Live ser enviada do site oficial pelo Jimin? Agora precisava falar - com palavras, da sua boca - que era homossexual? Seria vergonhoso? E se não concordassem com aquilo? E se só aceitassem apenas Yoongi e Taehyung?

 

"Vou te matar, Tae." Era isso que seu olhar queria dizer enquanto fitava o maior, que sorria.

 

Nervoso, pigarreou e olhou para os fãs, a maioria atenta e parte agitada. Seria mesmo bom falar sobre sua sexualidade ali, naquele momento e naquele dia?

 

-Eu... depois daquela Live TaeKook que mandaram no YouTube e no V App, comecei a duvidar muito do que gostava...- Jungkook estava completamente vermelho, com a respiração sempre cortada pelo nervosismo.- E-eu apenas queria dizer que sou homossexual, assim como Taehyung e Yoongi. E espero que me a-aceitem.- mais nervoso, mordeu o lábio inferior ao ouvir alguns comentários, um dentre eles sendo:

 

"Vai me dizer que o grupo todo é gay? Isso já tá cansando."

 

O mais novo suspirou pesadamente, sentindo uma mão em sua coxa. Taehyung acariciava com o dedão o local, afim de acalmar o menor. Todos tinham que aceitar sua sexualidade.

 

A maioria dos fãs começou a discutir, deixando Jungkook mal e nervoso, fazendo-o sair daquele pequeno palco e ficar atrás da cortina, tentando segurar o choro.

 

-Não fica assim. Por favor.- o moreno o seguiu e lhe deu um abraço forte, nele tentando transmitir calma e qualquer sentimento.

 

-E-Eu estraguei tudo. Eu sei disso.- fazendo beiço e arregalando minimamente os olhos para afastar as lágrimas, disse. Aquela cena acabava com Taehyung, que queria protegê-lo, abraçá-lo mais uma vez e nunca mais o soltar. Ver lágrimas naqueles lindos olhos partia seu coração. Mas ele era capaz de fazer o impossível para fazer o mais novo sorrir e afastar a tristeza dos dois.

 

-Você não estragou nada. Os fãs verdadeiros vão nos apoiar. Eles só não estavam preparados. Calma.- acariciou os fios do menor, o acalmando.- Têm fãs ali que estão orgulhosos de você ter tido coragem para dizer a todos sua sexualidade. Têm fãs que te amam independente do que você goste ou seja, Jungkook. Eu sou um desses fãs, torcendo por você.- Taehyung sorriu fofo, sendo retribuído. O que o pegou de surpresa foi o abraço que o mais novo seu rapidamente em si, muito melhor com o que ouvira.

 

-Muito obrigado, Tae. Você sempre sabe o que dizer para me acalmar.- Jungkook se desfez do abraço ao ver os outros membros se aproximando. Não estavam com uma cara boa. Eles haviam se despedido? O fansing terminou e Taehyung e Jungkook não puderam se despedir? Passou muito tempo ou o evento foi menor que o normal?

 

-O que foi? Já acabou?- Taehyung se virou para todos, preocupado.

 

-A maioria dos fãs saiu e a equipe achou melhor finalizar o fansing.- Yoongi disse, depois havendo um terrível silêncio entre todos.

-Jungkook, você por acaso perguntou para algum de nós se podia contar isso para todos?- Namjoon perguntou, fazendo o maknae se sentir mais culpado e abaixar a cabeça.

 

 

-Maneger vai brigar muito.- o líder concordou com Jin.

 

-Sabe que apoiaremos você sempre, certo? Não importa o que os outros diguem.- Jimin sorriu fofo, olhando Jungkook levantar a cabeça e lhe olhar mais calmo.

 

-Jungkook, precisamos conversar agora.- Maneger apareceu, mais sério e bravo que o normal. Todos os membros olharam preocupados para o maknae, torcendo para que a bronca não fosse tanta.

 

O adulto se virou e andou até o corredor, abrindo uma das várias portas e esperando o mais novo o segui-lo.

 

-Eu até não interfiro no relacionamento de vocês, mas não têm o direito de falarem alguma coisa sem antes me consultarem. Você piorou nossa imagem, Jeon Jeongguk! Agora haverão diversas notícias na Internet sobre a burrice que você fez.- Maneger estava furioso. Já não era a primeira vez que aquilo acontecia.- Por sorte, Yoongi e Taehyung foram aceitos e bem ditos por todos, mas você não é nenhum deles. Você estragou tudo. E só digo uma coisa.- o adulto se aproximou seriamente do menor, que estava assustado e nervoso.- Pouco me importa se você namoram, só não quero que isso saia daqui. Se alguém descobrir, vocês vão pagar.- e foi a última coisa que seu chefe disse antes de mandá-lo embora, bufando.

 

-Você está bem?- Taehyung encontrou o maknae, mexendo em seus cabelos - tal coisa que o menor adorava.

 

-Não... Foi uma péssima ideia falar aquilo, Taehyung. Eu estraguei tudo.- chateado, Jungkook decidiu se afastar do mais velho, a caminho da vã para voltarem aos seus dormitórios.

 

Taehyung suspirou, se sentindo culpado. É... foi uma péssima ideia.

 

♡ ♡ ♡

 

-Temos que treinar até tudo ficar perfeito.- Hoseok disse para todos, ajeitando sua calça enquanto olhava seriamente para o espelho.- No Mama, eu e Jimin começamos. Vamos.- olhou para o baixinho, que se aproximou um pouco.

 

Os dois começaram a dançar, tendo a atenção dos outros. Ainda não achavam que estavam dançando perfeitamente, mas logo chegariam àquilo. Porque eles nunca fazem nada mal feito para seus fãs.

 

Demoraram longas horas treinando, finalmente sentindo que estavam melhores e que poderiam descansar. Jin, Jimin, Yoongi e Hoseok eram os mais cansados.

 

-Eu vou comprar algo para a gente. O que querem?- Jungkook se levantou do chão, ofegante.

 

-Ah, sabe aquela lanchonete que Jimin adora ir? Sei que é longe, mas vocês topam comer o que sempre compramos lá?- Yoongi sugeriu, olhando os outros pensativos.

 

-Uma boa ideia.- Jimin assentiu.

 

-Quer que eu vá contigo? Já está de noite.- Taehyung se preocupava muito com o menor. Sempre queria o proteger, pois o amava muito.

 

-Fica tranquilo. Vou demorar um pouco, mas trago tudinho.- Jungkook sorriu fofo, sendo retribuído. Se levantou e caminhou até a porta da sala de treino, desejando entrar debaixo do chuveiro e tomar um banho frio.

 

♡ ♡ ♡

 

Minutos depois, Jimin e Yoongi decidiram sair um pouco, pois o mais velho queria ir para outro lugar. Mesmo que não pudesse, precisava beber.

 

-Hyung, você sabe que não pode, certo? Vai prejudicar você.

 

-Não vai nada. Vai ser só um copo.- Yoongi disse simplista, logo adentrando o pequeno bar próximo da empresa.

 

Ambos entraram e se sentaram. Jimin apenas observava tudo ao seu redor, atento e preocupado.

 

-Tem certeza de que não quer voltar para o dormitório?- suspirando, fitava de forma preocupada o hyung, com medo do que pudesse acontecer caso Yoongi bebesse demais ou se qualquer outro membro descobrisse.

 

-Jimin, se você quiser voltar, pode. Só queria sua companhia.

 

-Não é isso. Desculpe...- sem saber o que dizer, apenas observou o mais velho pedir um copo de qualquer bebida alcoólica. Jimin achava que tudo era a mesma coisa - levava sempre ao mesmo lugar.

 

Depois de alguns minutos conversando e de alguns copos, Yoongi parecia ainda sóbrio, mas será que estava mesmo? Enquanto ouvia a música que estava sendo tocada, se sentou ao lado de Jimin, suspirando pesadamente.

 

-Sabe, eu sou um completo idiota.

 

-Por que diz isso?- o mais novo virou o rosto para o maior, curioso.

 

 

-Não sei como dizer, mas me sinto inútil por ter corrido atrás de alguém que sempre amou outro.

 

-Está falando do Taehyung? Sabe, nós somos muito confusos. Primeiro você dizia gostar de mim, depois do Taehyung. Eu gostava do Jungkook, agora de...- engoliu em seco e arregalou os olhos ao perceber que quase falaria besteira. Mas como Yoongi não era lerdo, se aproximou curioso.

 

-Você gosta de mim?- depois de alguns segundos olhando o baixinho, sem receber sua resposta, falou:- Perto de você, sinto algo maior do que já senti perto de qualquer outra pessoa. Eu adoro quando você está por perto.- o loiro sorriu fofo, deixando Jimin corado.

 

-Você está bêbado, Yoon. Vamos para o dormitório.- se levantou, se assustando ao ter seu pulso puxado e sendo posto novamente sentado naquela poltrona, muito próximo do mais velho.- Y-Yoon, por favor para.- o baixinho não estava preparado para aquilo. Seu coração batia tão rápido que chegava a doer. Jimin ainda não queria que nada acontecesse.

 

-Eu não estou bêbado.- segurou o rosto do menor, olhando no fundo de seus olhos.- E mesmo que eu esteja; me deixe te beijar.- sorrindo, aproximou mais seu rosto, fechando seus olhos e acabando com a distância de ambos os lábios.

 

Felizmente, Jimin não se afastou; retribuiu o beijo e deixou seu corpo menos tenso, procurando se acalmar e aproveitar aquilo. Não pensava que teria a boca de Yoongi na sua, mas mesmo que tivesse com medo daquilo acontecer, jamais negaria ou se afastaria se tal coisa acontecesse.

 

Yoongi colocou a mão na cintura do baixinho, o trazendo para mais perto de si e aprofundando o beijo.

 

Entre bebida e os lábios de Jimin, vocês provavelmente já sabem o que mais vicia Yoongi.

 

♡ ♡ ♡

 

-Taehyung, Maneger tá te chamando.- Jin gritou da cozinha, deixando o moreno confuso.

 

-Por que eu? Eu não fiz nada.

 

-Deve ser coisa boa. Aposto.- como sempre, o mais velho do grupo era positivo e confiante. Isso era uma das coisas que mais amavam em si.

 

-Boa? Ata.- riu irônico, revirando os olhos.- Ele me odeia. Deve ser coisa boa para ele.

 

-Ele deve querer conversar contigo sobre isso. Agora vá, antes que ele fique bravo.- Jin empurrou o menor de leve, sorrindo.

 

-Será que Jungkook chega nesse meio tempo? Ele está demorando muito.- Taehyung estava começando a ficar muito preocupado, imaginando várias coisas ruins que podiam ter acontecido, o deixando em pânico.

 

-Hey, ele vai chegar antes do Jimin e do Yoongi. E, aliás, eles estão saindo agora? Nunca vi um grupo mais confuso.- o mais velho pegou os copos e os pôs na mesa, fazendo seu saeng rir pela sua forma propositalmente exagerada.

 

-Maneger está na sala dele?

 

-Não. Um dos seguranças lá de baixo disse que é no... Sabe onde gravamos o mv Fire? Então, é naquele andar.

 

-Obrigado. Eu já volto, hyung.- acenando com aquele lindo sorriso quadrado, Taehyung caminhou até a porta principal e saiu do dormitório, indo até o elevador.

 

Estava um pouco nervoso. O que seu chefe queria agora? Tinha sequestrado Jungkook ou feito algo com ele? Taehyung já se imaginava socando o adulto com todas as forças, o que trazia uma raiva em seu corpo. Suspirou pesadamente ao ter as portas do elevador abertas, caminhando confuso pelo andar. Jin não falara qual sala era, e havia tantas naquele andar. 

Como o idiota que era, Taehyung decidiu que iria abrir uma por uma, para acabar logo com aquilo. Tentou diversas portas, porém todas estavam trancadas.

 

Por que Maneger o mandara para aquele andar se o mesmo nem estava ali? Foi alguma brincadeira? O chefe estava fazendo de propósito ou Jin que havia dado a informação errada?

 

Depois de verificar todas as portas dali, bufou e voltou para o elevador, revirando os olhos por ter ido até lá em cima à toa. Voltou ao dormitório, prestes a dizer que havia voltado e perguntar se Jungkook já tinha chegado, porém ficou sem reação assim que olhou para o sofá.

 

-J-Jungkook? O que houve??- completamente preocupado, Taehyung caminhou super rápido na direção do mais novo, se ajoelhando na sua frente e tocando delicadamente seu rosto machucado. Ignorava os outros que estavam ali no cômodo, também preocupados. O que importava naquele momento era Jungkook.

 

Ao ouvir a pergunta, o mais novo começou a chorar, tampando o rosto. Se sentia culpado. Pensava que se não tivesse aberto a boca naquele fansing, tudo estaria bem; ele não seria agredido por dois caras.

 

 

Quem foi capaz de fazer aquilo? E por que logo nesse momento o Maneger sumira?


Notas Finais


BAGULHO TÁ TENSO.
Mas vocês não sabem o que vai acontecer hihihi.
Sou uma escritora cruel. ADORO acabar na melhor parte.

Spoiler: Em breve, Taehyung descobrirá algo que o fará ver seu chefe de outra forma.

Aaaaaah. Agora lembrei que a fanfic provavelmente chegará hoje mesmo em 500 favoritos, e queria agradecer de coração a todos. Cada notificaçãozinha me alegra; saber que os seguidores e os favoritos estão aumentando me alegra mais ainda.

Tenham uma boa noite ♡ ♡ ♡
E feliz dia das crianças.
Porque dentro de nós, ainda há uma.
Beijos >~<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...