História You and me - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias The 100
Personagens Anya, Bellamy Blake, Clarke Griffin, Dra. Abigail "Abby" Griffin, Indra, Lexa, Lincoln, Marcus Kane, Octavia Blake, Raven Reyes, Roan
Tags Clarke Griffin, Clexa, Clexa Au, Lexa, The 100
Visualizações 69
Palavras 1.684
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Survival, Suspense
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


mais um capitulo :)

Capítulo 3 - Capítulo 3


LEXA POV

 Oi meu  nome é Alexandra Woods mas pode me chamar de Lexa, vou falar um pouquinho a minha vida, então vamos voltar no começo...

Tudo na minha vida mudou quando eu recebi um e-mail de um velho amigo da faculdade, o nome dele é Finn Collins e ele trabalhava para a CIA quando roubou um monte de segredos do governo, segredos os quais são muito importantes e de segurança nacional, segredos que te fazem ser morto só de você saber sobre eles e eu só sei que esses segredos foram baixados no meu cérebro e agora por causa disso eu corro perigo.

Então a ANS mandou um dos melhores agente deles pra me proteger e o nome dela é Raven Reyes e devo confessar que ela me da um pouquinho de medo e agora pra melhorar ela trabalha no compre mais disfarçada .

A CIA mandou a melhor agente deles também,o nome dela é Clarke Griffin,  pois é eu sei acreditem ela pediu pra mim confiar nela, mas como qualquer pessoa ela tem um passado, e agora ta fingindo que é minha namorada.

[...]

-Raven para, para é só um jogo de videogame-Lexa disse segurando o braço de Raven que estava com a mão fechada pronta pra dar um soco no ladrão de videogame-não tem vidas em perigos ok...relaxa não queremos uma morte aqui.

Octavia veio correndo pra me ajudar a segurar Raven

-Nossa ela trabalha aqui há um dia e leva o serviço mais a sério do que eu .

-Isso porque ela é uma doida psicopata-disse Lexa sem ar de tanto que correu atrás de Raven

-Diga alguma coisa que já não me disseram antes-Reyes disse entre dentes segurando o garoto pelo colarinho da camisa e já tirando ele dali

-Ela leva o trabalho dela muito a serio parece doida-Octavia disse ao lado de Lexa vendo Raven se afastar

-Você nem faz ideia O-Lexa disse num suspiro, pois a amiga nem imaginava o que tinha por trás de tudo isso.

Lexa olhou para o outro lado da rua e viu Clarke com um uniforme de frente com uma loja Clarke acenou para ela e Lexa acenou de volta com um sorriso e então viu Clarke entrar na loja

-Vamos voltar a trabalhar comandante

-Vai indo na Frente O já estou indo

 

Lexa foi em direção a loja que Clarke tinha entrado

-Clarke me diga uma coisa o que você esta fazendo aqui-disse Lexa olhando em volta

-Eu trabalho aqui agora Lexa

-Porque esta trabalhando aqui?-disse confusa

-Vigilância, daqui eu posso te monitorar no compre mais e garantir sua segurança - ela disse sorrindo- é só um disfarce.

-Ta eu entendi é só um disfarce e faz parte do plano e com todos esses segredos do governo trancado no meu cérebro  eu acho que sou um problema de segurança nacional certo?

-Nos temos um plano e encontramos alguém que pode nos ajudar será que a gente podia falar sobre isso hoje a noite? Que tal um encontro? Eu te pego as 8 pode ser.

-ta bom eu gostei da ideia, ate mais tarde então eu tenho que voltar pro trabalho agora-disse Lexa já saindo da loja

 

[...]

 

Lexa estava esperando Clarke na frente de caso quando ela chegou parando o carro um Porsche 911 preto

-Entra- disse ela sorrindo para Lexa que já foi entrando no carro

-Então o que a gente vai fazer, um cinema, um jantar?-disse Lexa enquanto colocava o cinto

-não exatamente- disse Clarke já saindo com o carro e indo em direção ao compre mais

O caminho todo foi em silencio ate que Clarke parou o carro

- o que a gente esta fazendo no compre mais posso saber porque isso não me parece nada romântico

-tem um medico vindo aqui te ver ele trabalho na configuração do intercetorial o computador que o Finn destruiu, e que esta na sua cabeça ele esta vindo te examina, esse medico é a melhor forma de te ajudar é o que você quer não é tirar esses segredos da sua cabeça?

-sim é o que eu mais quero-Lexa disse isso mas na sua cabeça não era realmente o que queria

Lexa fez todos os exames sobre o intercetorial analisando as imagens, mas por segurança o medico não podia vela já por motivo de segurança. 

.........

-seu paciente é digamos fenomenal eu nunca imaginei isso-doutor

-o que não imaginou?-disse Clarke

-uma pessoa sabendo todos os segredos do intercetorial todos nossos segredos em uma só mente

-você acha que pode remover os segredos da cabeça dela ?-Clarke

-sim acho que posso -doutor

 

[...]

Clarke e Lexa já estavam na frente da casa de Lexa

-o que você acha eu passei no teste

-você foi ótima Lexa

-e esse medico você acha que ele pode tirar esse segredo da minha cabeça

-eu acho que sim

-então ta bom –Lexa estava quase saindo do carro- e eu quase me esqueci de te dizer  amanha tem um jantar em casa com a minha irmã e o namorado dela  eles querem te conhecer.

-a tudo bem é uma boa ideia

-conhecer a família seria um grande passo se o nosso relacionamento fosse de verdade.

-então ate amanha Lexa, Boa noite.

-Boa noite Clarke

Dia seguinte

Lexa estava se arrumando para mais um dia de serviço quando Anya apareceu abrindo a porta

-esta tudo bem com você?-Lexa confirmou que sim com a cabeça e Anya entrou sentando ao seu lado-você viu isso?-Anya mostrou o jornal que tinha a foto de Finn estampada na primeira pagina com a manchete “executivo de banco morre em assalto” Lexa sabia que aquilo era mentira – você sabia que Finn estava morto?

-Não eu não sabia, e sei lá eu passei tanto tempo odiando Finn por ter causado minha expulsão de Stanford e nem sei como me sinto sobre isso, mas não consigo ter raiva dele agora.

-Você é uma pessoa tão boa Lexa e eu admiro e te amo muito nunca se esqueça disso

-Te amo também Anya-e Anya saiu do quarto

Lexa estava incomodada porque não podia contar nada a sua família sobre seus segredos e sobre o que tinha na cabeça e ao mesmo tempo tinha medo de por a vida deles em risco.

 

No compre mais

Raven veio em direção de Lexa com uma cara carrancuda

-não da pra você confiar na Clarke, e não quero que você tenha encontros particulares com ela você esta me entendendo ou quer que eu desenhe?-Lexa apenas concordou e saiu andando quando recebeu uma mensagem de Clarke

“Lexa preciso falar com você urgente venha à loja mais rápido que puder”

Serviço de Clarke

-Lexa sem encontros particulares com a Raven okey

-Mas espera ai, o que tem de errado com vocês ?

-Ela te falou a mesma coisa?-Clarke bufou indignada-  mas é claro que falou

-Eu não estou entendendo nada, qual é o problema?

-O medico que fez os testes com você ontem ele foi morto em uma explosão dentro de um carro logo depois que foi embora

-O doutor que ia resolver meu problema?

- Sim ele mesmo e só encontramos um telefone destruído dentro do  carro, eu queria que você olhasse  esse telefone e vê se consegue lampejar alguma coisa

No mesmo instante que Lexa olhou informações vieram a sua mente

-Isso em um explosivo da ANS um explosivo especial pra eliminar qualquer vestígio e foi isso que fez o carro explodir

-Advinha quem trabalha pra ANS Lexa?

-Mas porque a Raven faria isso?

-Porque ela é uma matadora esse é o trabalho dela, ela já tentou nos matar e não duvido que esta tentando de novo, ela recebe ordens e talvez foi mandada pra fazer isso

-E agora o que eu faço com uma assassina no mesmo lugar que eu trabalho?

-Você vai voltar lá e vai fingir que esta tudo bem e que não sabe de nada você vai conseguir confio  em você

-okey não sei de nada eu vou voltar para o serviço-disse Lexa e depois saindo pra fora da loja

 

 

 

Logo depois que Lexa saiu Raven entrou na loja

-O que você falou pra Lexa?

-Que você é uma assassina fria, falei alguma mentira?

-Não, mas eu sei que só eu e você sabíamos do doutor e do teste em Lexa e como eu não matei ele suponho que foi você, e vou ter que te prender.

 

Quando Raven estava sacando a arma Clarke que observava seus movimentos no mesmo instante pegou uma faca em baixo do balcão  e lançou na sua direção da morena  assim acertando na mão e assim a arma caindo no chão ,então Clarke pulou o balcão e quando ela ia dar um golpe indo em direção a Raven levou um soco na cara da mesma que e se desequilibrou e bateu de costa no balcão, Raven veio atacando ela de novo e quando ia dar mais um soco Clarke colocou a mão na frente bloqueando seu movimento e deu um soco na barriga  de Raven que perdeu o ar, Clarke aproveitou pra passar por baixo dela e pegar um cabo de vassoura que estava no canto e foi em direção a Raven que desviou de primeira mas na segunda vez que tentou não teve tanta sorte e Clarke a acertou no rosto com cabo a morena não se deu por vencida  então pegou uma cadeira e jogou em Clarke que desviou do ataque mas Raven foi rápida e atacou de novo e deu um chute na perna da loira que desequilibro e caiu em cima da mesa  mas Raven vacilou e Clarke deu um chute no estomago a jogando por cima do balcão e a fazendo ir parar do outro lado então Clarke subiu em cima do balcão e já estava pronta para atacar Raven de novo quando de repente uns garotos entraram na loja e ela desviou o olhar e quando foi olhar de novo viu que Raven não estava mais lá e tinha fugido morena  tinha fugido pela cozinha ,Clarke bufou, esse assunto ainda não tinha acabado.E se tratando que nem ela nem Raven tinham matado ele algo estava errado.


Notas Finais


postei e sai correndo :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...