História You Are Mine 》 Park Jimin 《 - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Personagens Originais
Tags Ahn Daniel, Ahn Hani, Armas, Família, Máfia, Roubo
Exibições 209
Palavras 1.381
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Hentai, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Esse álbum gente, sem palavras.

Capítulo 16 - Sixteen


Fanfic / Fanfiction You Are Mine 》 Park Jimin 《 - Capítulo 16 - Sixteen

Carta

"Hani, querida. Me perdoa por sair sem dar explicações é um assunto importantíssimo, Amo você .
Prometa não dar chilique, alguém pode se machucar. Aliás você estava linda dormindo com o dedo na boca."

Hyomin fecha a carta e me encara com ar de risó. Revirei os olhos e me joguei na cama.Ela não consegue se segurr e ri igual uma louca.

-Estava linda ! -repete Oque tinha lido.-Que amor!, Por quê não disse que ficou com esse cara ? Aigoo, somos amigas, pra que esconder? -Contei o motivo de ter sumido; meu ralacionamento, Coral, menos a parte sobre traficantes e também minha mãe.

Jimin sumiu assim que acordei no dia seguinte, ele parecia animados antes de deitar, porém não tocou no assunto e dedicou aquelas horas pra mim aproveitando que o meu pai descansava. Quando li a carta senti vontade de mata-lo, mas pensei bastante e entendi o lado dele.

Apesar de tudo ele trabalha, mesmo que não seja honesto.....

Meu pai anda muito cansado e com muitas dores de cabeça, não estou tão próxima como antes, mas também não destrato, ele ainda é meu pai. Já perguntei se foi ao médico e é sempre a mesma coisa 'Estou cansado do trabalho, não se preocupe'.

-Para Hyomin....-peço cansada.-depois ele vai ter que se explicar -Ela da de ombros, se levanta e vai atender o celular.

A mesma arregegala os olhos e da alguns pulinhos, soltei uma risada baixa com a sua felicidade e presto atenção.

-Macho novo ?-pergunto.

-Macho alfa minha filha -Diz afastando o celular do ouvido. -Não amor, não falei com você.-volta afinar a voz pra falar com o rapaz.

Depois de terminar a ligação ela volta correndo pra cama e começa:

-Ele é incrível Hani!, em todos os sentidos.

-Sei....-faço uma expressão de desconfiada.-Nome ?

-ãn?

-O nome dele praga!

-Ah sim, Yoongi -Sorri. Yoongi .....puta merda.-Min Yoongi ou Suga.

- Ele não..

Hyomin fica me olhando com aqueles olhinhos castanhos esperando minha resposta.

Tanto moloque pra se relacionar e logo ele, um traficantezinho....não posso falar, meu namorado é um.

-E o que esse Yoongi faz da vida ? -pergunto sorrindo sem graça, ela da um intervalo e depois responde.

-Ele me disse que era garçom! -sorriu empolgada.

-para de mentir!

-Ai tá bom, a verdade é que eu não sei -bufa e faz um biquinho fofo. -Mas ele é um cara legal!

-não porque ele pode parecer legal que possa ser de confiança, não se relacione com homens assim, sem conhecer direito. É errado! - tento explicar. Ela me olha surpresa depois ri debochada e cruza os braços.

-falou a garota que se relaciona com um cara casado!

-Noivo!! E ele logo vai deixar ela! -isso já estava me irritando.

-Da no mesmo! - ela responde alto. -O Yoongi é confiável, você nem o conhece!

Ela vai ver só!

Quando abro a boca pra responder meu pai abre a porta sorrindo, olha ao redor e nos encara novamente. Ela o olha com vergonha e fingi mexer no celular.

-Licença garotas! Não quero atrapalhar os assuntos.

-Não atrapalhou nada -respondemos juntas.

-Que bom -Niel assente. -Hani o fotógrafo ligou de novo, quer marcar uma sessão. Acho melhor não perder essa chance de novo filha. -Diz com candura.

-Claro, Depois eu ligo de volta.

Ele assentiu e antes de sair se virou novamente.

-Quem é Yoongi ?-Franze a testa. E agora?

-é....um amigo meu que gosta de cavalos e Hani não foi com a cara dele só isso. Cá entre nós ela tem mesmo é inveja -Sussurra para o meu pai e depois me olha rindo.

Aham

Ele solta uma gargalhada. Quando o vejo abrir porta, lembro-me de perguntar sobre Jimin.

-Por quê quer saber? -Cruza os braços.

-Eu e ele ficamos amigos -respondo calma.- só perguntei. -Niel assente e descruza os braços colocando as mãos dentro do bolso da calça.

-Ótimo ! -Hyomin da um sorrisinho discreto. Vadia.

-Eu vou deitar, divertem-se. -Sorri antes de sair.

Ufa!

-Ele desconfiou ....tenho certeza.-murmuro.

-Acho que não.-Diz ela pegsndo novamente o celular. Suspiro cansada e me encosto na cabeceira da cama. Onde ele está ?

-Hani ? -ouço ela me chamar.-Essa Coral é bonita?

-pior que sim, a Naja é bonita....-Falo encarando o teto.

-Me chame quando for arrebentar ela -dou risada quando ela fecha o punho e da um chute no ar. -Ninguém mexe com seu homem!

-Não mesmo...

-Se anima! Jimin logo volta. Você pode sair um pouco agora. Os cavalos sentem sua falta! -Me cutuca sem parar.-Quer vê-los semana que vem?

Não tem como não aceitar. Deixo um sorriso escapar e aceito.
....

-Não confia na gente!! -Jin grita desesperado. Os meninos sem entender nada perguntam para Yoongi.

-O que ele tem? -Jungkook se aproxima.

-Frescura. Só porque descobriu que estou ficando com uma garota -Murmura ele. Passa a mão nos cabelos que agora estão pretos. -Sem chilique Jin!

-Você está namorando e não conta pro seu Hyung?! -Aponta para si.

-O que eu te fiz?!!

-Seokjin! Para com esse show, se ele não quis contar é porque não quer. Deixa ele. -Namjoon o repreende, estava sentado no sofá; limpava duas pistolas pratas.

-Mas ele mentiu! -o mais velho tenta argumentar.

-Que chato! -Suga diz nervoso.

-Ei! -da uns petelecos no menor.

-Hyung, terminou ?- Jungkook pergunta ansioso ao líder. O mais velho assente e entre uma das pistolas.

-Pronto. Agora são suas! -ele entrega. O mais novo sorri e segura a nova arma.

-Que merda -Taehyung ri da cara dele.

-Para! -Ele diz bravo.

-Eu ainda não entendo o motivo do Jimin viajar derrepente -Hoseok fala de frente para TV. Não tirou os olhos da tela, era a vez de EXID aparecer no programa, não perdia nada delas.

-Ele ia se encontrar com alguém -disse Yoongi fugindo de Jin.-Para! Eu já disse o nome dela caralho! Não é suficiente?!

-Não, quero ser amigo dela e pronto!

-Agora sei que não vou apresentar minha namorada pra ele -Jungkook diz baixo.

-Sua o que ? -Jin pergunta sério. -Me mostra!! -grita do outro lado da sala.

-Que barulho infernal...-Taehyung sussurra antes de se trancar no quarto.

...

Cínico dias depois.

-Hyomin não! Por favor! -Eu grito. Será que ela não emtende que estou cansada?!

-Ai para com isso! É só uma aposta. Ninguém mandou não comer nada no café da manhã. -A magrela continua a correr pelo centro de equitação.

Não tenho culpa se o cheiro do queijo tava ruim.

-Aquele queijo fedia, posso fazer nada. -resmungo.

-Ruim? Ele estava ótimo!

-Pra mim estava....-Continuo a resmungar.

-Você é fresca! -Ela faz cara de nojo. -Até com um tapinha na teta -da um tapa. Sinto aquela região arder, eu sentia um pouco dolorido. Soltei um gremido de dor. -Viu?! Fez escândalo.

-Para , eu só gemi. Nem vem.

-Tá foda-se -Caminha até onde os cavalos estão. -Hani...quem é aquele homem? -aponta para um rapaz logo na frente, que usava uma jaqueta jeans, uma calça preta um boné, não conseguia ver direito seu rosto.. -Ele ficou observando. -Sussurra. Ela é medrosa pra essas coisas.

-Apenas ignora. -A vejo concordar.

-O seu namorado te ligou?

-Não, mãe me mandou uma mensagem. -Sorri de lado. -eu desconfio que aquele ordinário levou a noiva junto.

-Bate nele amiga.

Olhamos uma para outra e começamos a rir. O mesmo rapaz de antes se aproxima dos nossos cavalos e tira do bolso um pedaço de chocolate, reconheci pela embalagem, de primeirs elas não aceitam, mas depois comem.

-Ei!! -Corro até ele.-Não pode dar doce para eles, e se os cavalos passam mal?! -o encaro séria. Só pode ser doido de oferecer essas porcarias para os bichos.

-Não vai fazer mal, é só um doce . -Responde calmo.

-Só um doce? Mas logo ali existe uma placa 'Não alimente os animais' - Minha amiga puxa as rédeas das éguas e leva pro estábulo.

-Nunca mais faça isso. Elas não estão acostumadas com esse tipo de alimento. -digo mais calma. O rapaz põe aw mãos de volta no bolso e tira mais um pacote de doces. Me oferece e apenas nego com a cabeça.

-Prometo que não irá se repetir -Ele sorri e assente. -Como se chama ? -Tira uma bala, abre e coloca na boca.

-Lee Hani, e você 'Homem dos doces'? -ironizo.

-Yugyeom, prazer!




Notas Finais


Espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...