História You Are Mine - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Bts, Jikook, Jimin, Jungkook, Kookmin, Lobos, Namjin, Vhope, Yaoi
Visualizações 250
Palavras 2.597
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fantasia, Ficção, Lemon, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Voltei \o/

Desculpe a demora;-;
Mas estou muito corrida ultimamente, muita coisa acontecendo ao mesmo tempo e fico sem tempo para atualizar...
MAS AQUI ESTOU!!!

TENHAM UMA BOA LEITURA*-*

Capítulo 12 - Capítulo 12


Após o almoço, Jungkook o levou em uma volta pela cidade, que incluiu uma visita a sua clínica. A instalação era impressionante. Era fácil ver por que ele era altamente respeitado por seus funcionários. Jungkook realmente tinha duas salas de espera, uma para seus pacientes humanos e outra para os animais. Ambos estavam cheios. Era óbvio que a sua prática era muito lucrativa.

- Como você é capaz de tratar seres humanos e animais? Você não tem medo de processos por erro médico? Ou são todos como você?

- Sim, eles são como eu, eu sou licenciado para a prática de ambos. Já que meu pai era o veterinário anterior da cidade, eu cresci ajudando.

- Quantas horas você trabalha? Tenho certeza de que sendo o veterinário apenas algumas horas, mas você também é médico. E você é o alfa do bando. Você tem certeza de ter tempo para um relacionamento? - Jimin não era uma pessoa carente, mas ele queria passar algum tempo com seu companheiro.

- Eu já considerei. Chanyeol está quase terminado sua faculdade. Eu tenho pensado em trazê-lo como um sócio, e ele está interessado. Eu também estou tendo com a idéia de criar algum tipo de programa de estágio para estudantes do ensino médio que estão interessados em se tornarem veterinários.

Jimin ficou muito impressionado e fez uma anotação mental para considerar um estágio para seu negócio. Abertura de uma loja na cidade não apenas a manteria ocupado, mas proporcionaria outra fonte de emprego para os residentes locais. Encontrou o lugar perfeito durante sua excursão: um prédio vazio localizado quase no centro da cidade. Jungkook disse que tinha sido uma loja de ferragens. Depois que o dono morreu, sem ninguém para assumir, o negócio faliu. Se perguntou se este era o local que Namjoon havia se referido. O edifício estava disponível para locação ou venda. Se ele fosse abrir uma empresa, ele estaria interessado em comprar. Tinha certeza de que poderia negociá-lo.

A Operação Jungkook havia começado. Seu objetivo era convencer Jungkook de seu amor e compromisso através de suas ações, já que ele ferrou totalmente com as palavras.

Havia bastante capital em suas outras três lojas facilmente para financiar esta compra. Ele pode até decidir operar sua loja de Internet deste local. Havia muito para ele considerar.

Quando chegaram na casa de Namjoon e Jin, Jimin ficou surpreso ao encontrar Namjoon em casa. Ainda estava dentro do horário normal de expediente. Ele os cumprimentou antes de virar para Namjoon.

- Estou surpreso de ver você aqui. Eu achei que você estaria trabalhando.

Ele riu. - Isso é uma suposição razoável. Desde que eu comando a única farmácia da cidade, normalmente estou fechado aos domingos e segundas-feiras. Esses são normalmente os dias mais lentos do negócio. Meus clientes sabem como me encontrar se houver uma emergência.

Uma das vantagens de trabalhar em uma pequena cidade, Jimin pensou.

- É muito bom que você possa fazer isso. Evita que você se desgaste e lhe permite passar mais tempo com sua família.

- Por que você não vem para a cozinha comigo e me fazer companhia enquanto Jin e Jungkook vão verificar a paciente? Você pode me dizer como você gosta de nossa pequena cidade. - Ele abriu o caminho para a cozinha. Havia panelas chiando no fogão e algo que cheirava divino borbulhando em uma frigideira. Jimin alcançou a pia e viu como ele agitava o conteúdo de uma panela.

- Eu estou surpreso por ver homens como vocês cozinharem.

- Eu não posso responder por todos os homens na cidade, mas gostamos de cozinhar, principalmente quando é para nossos companheiros. Óbvio que Jin é muito melhor do que eu, mas ele nunca reclamou da minha comida. - Namjoon riu da própria fala. - Aliás, eu sei que Jin pode parecer bem invasivo, mas ele só quer ajudar, ele ja passou por isso então ele realmente te entende.

Jimin ficou aliviado pela fala de Namjoon.

- Eu sei. Vou me lembrar disso. É só que essa coisa toda foi uma loucura. Um minuto, estou em casa dormindo na minha cama. No seguinte, eu estou pendurado em uma árvore na floresta, a centenas de quilômetros de casa. Então eu descubro que os lobisomens são reais. Jungkook e eu nos encontramos com o sexo... bem, tenho certeza que você sabe o que eu quero dizer. Mas tudo bem. Digo a mim mesmo que eu mereço umas férias. - Ele riu sem graça pra Namjoon.

Jin apareceu na cozinha e falou para Namjoon que Jungkook queria falar com ele. Quando Namjoon saiu Jin continuou a fazer o que ele fazia.

- Então... - Jimin começou meio constrangido. - Você também sonhou com Yoongi?

- Sim. Como foi o seu? - Jin quis saber curioso.

- Ele me fez ver que Jungkook não estava pedindo nada de mim que eu não era capaz de dar, se eu realmente quisesse. Então, enquanto eu ainda estava lidando com isso, minha prima chamada Hyuna me disse umas verdades. Ela me fez ver que a minha relutância em me comprometer resultava no medo de ser ferido. Agora, eu posso aceitar meus sentimentos por Jungkook e admitir eles. Gostaria de dizer a ele como me sinto, mas eu tentei antes e fiz uma bagunça com ele. Vou ter de mostrar a ele ou ele nunca vai acreditar em mim.

- E o que você pretende fazer?

Jimin então passou a em explicar a "Operação Jungkook".

Jin riu de algumas das coisas que ele decidiu, mas a maior parte foi muito favorável.

- Se você precisar de alguma ajuda, eu estou aqui para você. Pessoalmente, eu acho que você deve esquecer sobre a operação e apenas dizer a ele tudo o que você me disse. Você descobrirá que a Operação é desnecessária.

Antes que Jimin pudesse exercer essa linha de pensamento, Jungkook e Namjoon entraram na cozinha.

- Como foi com o Taehyung? Você descobriu o que você queria saber? - Jimin perguntou.

- Não muito. Fisicamente, ele está curado, mas não fomos capazes de obter qualquer informação dele sobre o que aconteceu. Ele sabe claramente o que aconteceu com ele, mas não está compartilhando essa informação com a gente. Ele também parecia estar muito desconfortável comigo. - reclamou Jungkook. - Eu preciso saber o que aconteceu para que eu saiba como proceder. Como alfa, eu sou responsável

pela segurança do meu povo. Eu não posso protegê-los, se eu não sei o que ou onde a ameaça está vindo.

Jimin estremeceu. Será? Jungkook era um homem grande. Era intimidante, sem sequer tentar ser. Se Taehyung foi atacado, e seus agressores eram homens como ele, não admira que se retraísse. Isso é o que faria.

- Posso tentar? - Todos eles viraram para si com surpresa. - Você disse que eu sou seu companheiro, certo?

- Você é - ele confirmou.

- Isso significa que eu sou meio um alfa líder, também, certo? Pelo menos, isso é de acordo com o que me disse Yoongi, quando ele estava explicando todo esse negócio para mim.

- Correto. Você é meu companheiro e leva os meus genes.

- Tudo bem. Então me deixe ir falar com ele e ver se ele se abre para mim. - Jimin estava razoavelmente confiante de que Taehyung o faria.

- Mas nós já tentamos. - Namjoon começou. - O que faz você pensar que ele vai falar com você quando ele não falou conosco?

- Hmm, eu não sou grande nem intimidador. E eu sou novo nisso. Isso significa que eu não tenho nenhuma agenda pessoal e sem segundas intenções. Eu poderia me preocupar menos com a política da matilha. Não há nenhuma razão para que ele não confiar em mim.

Jimin esperou pela palavra de Jungkook ja que ele era o alfa, ele tem a palavra final. Esperou pacientemente, projetando confiança até que ele disse para ir em frente.

- Tudo bem.

Jimin foi para o quarto onde Taehyung estava descansando. Bateu na porta e esperou até que ouviu uma voz dentro o convidando a entrar.

- Oi, Eu sou Jimin. Você deve ser Taehyung. - Entrou no quarto e fechou a porta atrás dele. Quando chegou perto da cama, ele disse: - Uau, você é muito bonito. Cara, eu nunca teria imaginado. Na noite passada, você estava uma bagunça. Quem teria imaginado que aquele lobo se transformaria em um cara lindo. Você parece bem, em comparação com a outra noite.

Quando Taehyung apenas ficou sentada ali com sua boca aberta, Jimin corou.

Oh, eu sinto muito. Isso foi rude, não foi? Eu estou sempre fazendo isso, deixando escapar o que eu penso. Você pensaria que eu devo aprender a controlar minha boca. Eu sou novo em todo esse negócio, e ainda estou aprendendo o que é bom e o que não é. Eu nem sabia que vocês eram reais até algumas noites atrás.

- Está tudo bem. Não me ofendi. Eu posso ver como isso tudo pode ser estranho para você. Posso lhe fazer uma pergunta?

- Claro. - Jimin não poderia imaginar que tipo de informação ele iria querer dele, mas ele estava no jogo.

- Por que você cheira Jungkook?

- O que você quer dizer com 'cheiro Jungkook? - Jimin discretamente se inalando.

- Você carrega o seu perfume em seu corpo, como se fosse companheiro dele.

- Oh, isto. - Jimin disse. Era uma coisa boa ou ruim? - Bem, de acordo com ele, eu sou seu companheiro. Tenho a marca da mordida para provar.

- E porque ele não é acasalado?

- Eu já te disse, eu sou companheiro dele.

- Sim, você disse. Entre nós, cada companheiro usa a marca do acasalamento como um aviso aos outros. Você está marcado. Jungkook não está. Por que ele não foi marcado?

- Você quer dizer que eu estou acasalado e ele não está? Ninguém me disse que eu tinha que marcar ele também, nem mesmo Jungkook. Você acha que eles não teriam mencionado algo importante como isso? Eles me contaram tudo sobre este negócio de companheiro, mas deixaram isto deslizar sob o radar. Alguém terá que dar algumas sérias explicações. Me espere até pôr minhas mãos no meu companheiro...

- Espere! Vocês são companheiros de verdade?

Jimin passeou ao redor do quarto. Ele queria ir enfrentar Jungkook, mas ele precisava dar um jeito nisso antes.

- Foi o que me contaram. Sendo humano, eu preciso acreditar nas informações qur eles me dão. - Após essa última notícia bombástica, Jimin estava começando a questionar o quão aberto estavam sendo com ele. Parecia haver um monte de informações convenientemente deixadas de fora desse bate papo de coração para coração, que tinham tido. - Por quê? Faz diferença?

- Sim, faz. Companheiros Verdadeiros são muito raros. As maiorias dos Alfas, não esperam por eles. Eles seguem para o acasalamento rápido e fácil, em vez de correr o risco de não encontrar o companheiro de verdade, e eles forçam as ômegas em seu bando a fazerem o mesmo.

- Jungkook mencionou isso. Ele disse que preferia esperar, em vez de apenas se conformar com qualquer uma. Ele queria algo real. - Com tudo o que estava acontecendo, Jimin tinha esquecido essa parte da conversa até que Taehyung fez pensar nela.

- E sobre os ômegas no bando? Será que ele as força a ter companheiros?

- Você tem que saber que eu só estou aqui alguns dias, mas sei que você é o primeiro ômega homem existente. E quanto aos outros, eu nao sei. Mas o Namjoon que é o segundo no comando tambem encontrou o companheiro dele. Então eu poderia dizer que não. Isso é importante?

- Meu irmão é um desses alphas que insistem que todas em idade fértil sejam acasalados, especialmente as mais fortes. Tem sido uma fonte de discórdia entre nós. Jimin, eu não quero te cortar, mas você poderia chamar Jungkook de volta para o quarto? Houve um mal-entendido. Estou disposto a falar com ele agora.

- Claro, não há problema. Eu vou buscá-lo. Se precisar de alguma coisa, basta falar. - Jimin saiu do quarto, a sua mente ocupada com o pensamento de Jungkook não ser acasalado. Quando entrou na cozinha, Jungkook, Namjoon e Jin estavam esperando por ele.

- Jungkook, ele quer ver você. - Ele parecia surpreso, mas logo deixou a sala para atender a intimação.

- Ele te contou algo? - Jin tinha feito a pergunta, e Jimin poderia dizer que Namjoon estava igualmente interessado na resposta.

- Sim. Ele me disse que eu estava acasalado com Jungkook, mas aparentemente ele não está acasalado a mim. - Jimin não estava feliz com isso.

- Não se preocupe com isso. - disse Jin. Fácil para você dizer, Jimin pensou. - Ele está acasalado a você, mesmo que ele ainda não foi marcado por você. A marcação vai ocorrer quando você estiver pronto, como parte do processo de acasalamento.

- É uma tentativa de me vincular a ele, mas de deixá-lo livre para sair com quem quiser? - Jimin não queria acreditar nisso. Ele ainda estava assustado sobre descobrir que Jungkook não estava acasalado a ele, especialmente agora que tinha tomado a decisão de ficar com ele.

- Senhor, não. Onde conseguiu ter uma idéia como essa?

- Eu não sei. Acho que minha imaginação está correndo solta. Por que é a primeira vez que estou ouvindo isso? Teria sido bom saber esta informação mais cedo, em vez de ser surpreendido.

- Provavelmente porque nunca ocorreu a qualquer um de nós mencioná-lo. Todos nós acreditamos que ele é seu companheiro. Nunca houve qualquer dúvida disso. A marca teria acontecido naturalmente, uma vez que o aceitou.

Depois disso Jimin se tranqüilizou, a conversa mudava para outras coisas. Ele disse a Jin sobre sua visita à cidade e as impressões que teve. Mencionou a idéia de Jungkook de um programa de estágio de ensino médio para ensino de veterinários. Namjoon achou uma grande idéia.

Enquanto eles estavam discutindo, Jungkook voltou para a cozinha com Taehyung andando atrás dele.

- Taehyung está agora sob a proteção da matilha e prometeu sua lealdade a mim. Não vou entrar em detalhes do que aconteceu. Namjoon, organize uma escolta para ele voltar a sua casa e arrumar suas coisas. Ele vai viver na casa da minha mãe até que possa encontrar acomodações próprias. Ele também vai precisar de um emprego, uma vez que que a maior parte do trabalho que ele fazia era para sua matilha. Verifique entre o bando e veja quem está contratando.

- Que tipo de trabalho você faz? - Jimin estava curioso a respeito de que tipo de trabalho no bando se fazia necessário receber um salário.

- Eu sou um contador. Eu lidava com as contas das empresas para o meu antigo bando e os seus membros.

- Você está falando sério? Considere-se contratado. Estive mantendo os livros para minha empresa, mas está começando a ser demais. Se você está disposto e disponível, você pode fazer isso.

- Eu estou interessado. Que tipo de negócio que você tem?

- Eu tenho três lojas de consignação em Seul. Eu também realizo muitos negócios através da minha loja na Internet. Meus gerentes lidam com as contas o dia-a-dia, mesmo que eu verifique se tudo está correto. Está começando a ocupar mais tempo do que eu estou disposto a dedicar. Se você se dedicar as contas para mim, seria de grande ajuda.

- Sim, eu vou assumir o cargo. Podemos discutir taxas e serviços mais tarde.

- Eu já terminei por aqui. Você está pronto para ir para casa? - Jungkook perguntou a Jimin.

- Você é bem-vindo para ficar para o jantar. Há mais do que suficiente. - disse Namjoon oferecendo.

- Talvez outra hora. Eu estou pronto para ir para casa. - Jimin puxou Taehyung para o lado. - Eu vou falar com você amanhã sobre mais informações do trabalho. - Então, ele seguiu Jungkook.


Notas Finais


Jimin teve uma descoberta hj^^
Acho que teremos uma linda amizade Vmin por ai^^

Enfim, espero que tenham gostado^^

Desculpe os erros;-; eu sempre escrevo pelo celular e o corretor é um grande inimigo kkkkk

Nos vemos nos próximos capítulos 😊

AH! OBRIGADA A TODOS VCS QUE ACOMPANHAM A FIC, AOS QUE FAVORITARAM, OS QUE COMENTAM!!!

AGRADEÇO A TODOS DO FUNDO DO MEU CORAÇÃO ♡♡♡
VERDADE VERDADEIRA!!

❤💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...