História You are my destiny - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Eliane Giardini
Personagens Eliane Giardini, Personagens Originais
Tags Eliane Giardini, Werner Schunemann
Exibições 116
Palavras 415
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Amor de primavera e chuva de verão🎶

- José Augusto

Capítulo 10 - Chuvas de Verão


Eliane sorrio e beijou Werner, deixaram a comida de lado e se amaram no sofá mesmo. Com beijos e carícias intensas e foram se desvesilhando das roupas. Werner apertava o corpo de Eliane enquanto o sugava os seios dela. Eliane gemia e acariciava o Werner. Werner se volta para a boca de Eliane e a beija de forma voraz e não perder mais tempo e a penetrar.

A penetrava com urgência e a beijava de forma sedenta, a penetração se intensificava e os gemidos eram abafado pelos beijos, Werner a penetrava  com mais força e o corpo de Eliane já dava sinais que estava chegando ao cume, então Werner acelerou o ritmo para que chegasse ao ápice juntos e ficaram abraçados no sofá

Werner - Vamos comer agora?

Eliane (sorrio) - Vamos!

Os dois lancharam e conversaram e depois foram assistir um filme e assim a tarde passou e Eliane foi para casa, pois tinha que organizar a suas malas, por que amanhã seria a estréia e dois dias depois eles iriam viajar.

Werner estava na sua casa e já estava organizado, tudo estava pronto para a viajem e também a supresa que ele tinha organizado para Eliane na turnê.

Estava lendo um livro, mas a leitura não entrava na sua cabeça, apenas pensava em Eliane e decidiu ir na casa dela, deixou o livro de lado, se arrumou e pegou um vinho na sua adega e quando estava pegando a chave do carro , escuta campainha tocar, então ele pensa: "só pode ser a Eliane", vai encontro da porta entusiasmado, ao abrir...

Tânia - Olá Werner ( dar um abraço)

Werner fica sem reação, mas retribuir o abraço.

Werner - O que faz aqui ? Aconteceu alguma coisa com as crianças?

Tânia ( sorrio) - Eles não mais crianças, Werner, mas não aconteceu nada, calma, não vai me convidar para entrar?

Werner - Desculpa, pode entrar sim ( deu passagem para ela entrar e ajudar com as malas) Mas o que aconteceu então, para você chegar antes?

Tânia - Eu recebi um e-mail que a minha exposição vai ser antecipada, tive que vim as presas para cá,eu sei que deveria ter avisado, mas foi uma surpresa para mim também, tem algum problema?

Werner - Não Tânia, não tem problema, pode ficar o tempo que precisar, o quarto de hóspedes está organizado.

Tânia senta no sofá e Werner numa poltrona que fica próxima ao sofá e os dois conversam um pouco. Tânia nota no sofá um brinco e olha para o Werner .

Tânia - Você já tem outra mulher? 



Notas Finais


Peço desculpas pelos erros na gramática no cap anteriores, escrevo a fic no próprio aplicativo e geralmente escrevo a noite, ontem especificamente estava morrendo de sono, tentarei fazer uma melhor revisão dos capítulos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...