História You are my determination - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Flowey, Frisk, Mettaton, Napstablook, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Auundertale, Chara, Frisk, Genocide, Mistério, Romance, Sans, Sansxfrisk, Undertale, Violencia
Exibições 69
Palavras 1.203
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Fluffy, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Super Power, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Heya amores leitores, eu sei que ta saindo tarde e provavelmente vou pegar pouco público por isso, mas queria muito postar hoje então ta ai, espero muito q gostem, ah e me desculpem pelos erros de ortografia se tiver algum...

Capítulo 2 - Feita de LOVE


Fanfic / Fanfiction You are my determination - Capítulo 2 - Feita de LOVE

     O botão de resete. Aquele o qual eu deveria ter apertado a muito tempo. Minha mão chega bem próxima, mas eu não tenho coragem, é como se algo dentro de mim realmente quisesse continuar.
     Mas eu não quero mais, não aguento mais isso, estou esgotada, cansada e totalmente vuneravel

'Você não chegou tão longe para desistir não é? Não pode fazer isso, basta pensar em todo o progresso que fez até agora, você está tão perto de acabar a rota e só por causa de uma dificuldade inútil, um comediante ridículo, vai resetar? Não, não, não Frisk, você é muito mais que isso'

     A voz, aquela pequena voz no fundo da minha mente de novo, sempre me convencendo a ter Determinação, a seguir em frente. Aperto o botão de continuar.
     Desvio do primeiro ataque com facilidade, estou aprendendo seus movimentos, contra ataco, mas Sans desvia com facilidade e da uma de suas risadas seticas

Sans : Por que? Por que ainda esta fazendo isso? Chega frisk, isso já foi longe de mais.
    
     Me joga do outro lado da sala, estou bem, estou bem, só preciso me recompor.
"Eu acho que não, você disse que eu não entendia, mas eu acho que a única pessoa confusa aqui é você Sans, quantas vezes eu tenho que dizer, eu não vou parar, EU NÃO CONSIGO parar" - Ataco ele novamente

Sans : Não consegue? Ou não quer? Todos nós temos escolhas criança. Olha eu já desisti faz tempo, e ir para superfície nem me agrada mais tanto assim, então abaixe a porcaria da arma, e resete, pois se depender de mim você não chegará ao fim disso.

     Enquanto fala, ele não para de atacar, parece que essa luta é eterna, começo a chorar, é difícil de se concentrar em uma luta com alguém quando você ama essa pessoa, quando você sabe que essa pessoa te ama. A última luta, que me senti assim, tão abalada foi com Toriel, minha mãe. Por isso, logo após, consegui matar todos sem piedade, o pior já tinha sido feito mesmo.

'Exatamente frisk, vamos, acabe com ele, ele não é nada'

      "Eu vou resetar querido, arrumarei tudo, mas depois que eu acabar com você e o próximo" - ataco ele com tudo, ele desvia

Sans : "vou resetar, vai ficar tudo bem", não Frisk, heh heh, você sabe né, eles não vão lembrar disso, mas você vai, eu vou, vai consegui fingir seu bom sorriso e amizade na cara deles, sabendo que já matou com suas próprias mãos cada um? Além disso, eu saberei que você é uma traidora, acha mesmo que irei te ajudar como nas outras rotas? Enxergue a realidade Frisk, você nunca mais vai ter seu final Feliz de novo.

     Ele chegou muito próximo de mim enquanto falava essas palavras, não me atacou, mas me machucou mais do que se tivesse o feito, elas foram quase que um tapa e essa proximidade em que nos encontravamos fazia meu coração e meu estômago se revirarem.
     De repente, foi como se eu tivesse acordado de um sonho, ele tinha toda razão, eu fiz merda. Quando me dou conta já estou chorando, desesperada. Mas sei, sei como concertar, se eu poupar alguém, eu acabo com a rota Genocide. 'VOCÊ ESTA MALUCA?'

"Me me perdoe sans" - choro em desesepro - "Eu eu, n-não sei-i o que estou fazendo, você tem razão"  'NÃO FAÇA ISSO FRISK'

Sans : *suspiro* finalmente, amor, sei o quanto deve ser difícil, voltar atrás depois de tudo que fez, venha cá, vamos enfrentar isso juntos

     Me jogo nos braços dele, ele me abraça...
     Sinto algo perfurando minha barriga e uma dor enorme, estou morta.

Sans :  Eu sinto muito minha criança, se ainda resta em você o mínimo de sentimentos por mim, você não vai voltar

     Não vou Sans, eu não vou, estou pronta para apertar o resete, eu sei que nada vai ser igual, mas tenho que ao menos tentar...

'Você está loucaaa?'
  
     Algo começa a se materializar na minha frente, uma... garota? A garota que esteve na minha cabeça esse tempo todo. De repente, em um único movimento, ela me joga pra longe do botão Reset.

'Saudações! Eu sou Chara, a humana, permita me deixar bem claro algumas coisas, você acha que pode ir resetando assim? Desde quando você está  no controle  q u e r i d a. Sim sim, muito tolinha você, achando que o esqueleto ia te poupar, tsctsc'

"Me deixe em paz, por que esta fazendo isso? Deixe eu resetar, deixe me concertar as coisas" - corro até  o botão reset mas ela me segura pelo braço e aponta uma faca para meu peito, em seguida me arrasta até o continuar. 'Aperte'

"NÃO" - tento empurra lá, mas não consigo
'Se não vai fazer isto, EU MESMA FAÇO' - Ela me prende com um braço enquanto eu me debato e aperta CONTINUAR

Sans : ham, parece que você não se importa tanto assim não é?....
An? Mas que porr...

     Voltei ao salão, mas por algum motivo, ou bug, ela não estava na minha mente, estava em meu corpo, meu corpo era instável, alternando entre mim e Chara
"Aqui estamos denovo , só eu e você não é comediante?"

Sans: ......

"Vá embora chara, calada frisk, NÃO" - eu estava lutanto, lutando tanto que derrepente tudo escureceu para mim, achei que ela tinha vencido, mas quando recobrei minha conciencia, avistei a, na minha frente, no salão de Julgamento

'Que seja, mate o agora, ou eu mesma farei, matarei você  e ele'

"Chara, não precisa ser assim, me escute..." - eu estava tremendo

'Você  é  tão  estúpida, acha MESMO que pode me mudar com suas palavras? MORRAAA'

     Ela veio com tudo para cima de mim, eu tentei desviar mas... Algo me empurrou com tudo para o canto da sala, ao mesmo tempo que ossos surgiam do chão e perfuravam Chara, ela riu em deboche, mas, incrivelmente em seguida, virou.... pó? Não faz sentido, ela não é monstro... minha cabeça doi por conta da pancada.
     Me levanto meio tonta, Sans está logo ali, encarando o que sobrou de Chara, há uma espera constrangedora em silêncio e tensão, não sabemos se ela pode voltar...

Sans: Reset, agora

"Sans eu, eu sinto muito, agora você entende, não era eu e..."

Sans : Era você Frisk, não ache que por causa disso você está incrivelmente perdoada, como eu já disse você acabou com seu final feliz, foi você que começou com o Genocídio, ela só entrou no final, não temos tempo para conversas, vá embora

"Mas sans" - não aguentei, entrei em prantos - "eu... ela... eu prometo melhorar, eu quero..."

Sans: Vá pro inferno, você quer que eu lhe mate para ter certeza que você não vai continuar é isso?

     Ele parecia estar chorando também, mas eu não tinha certeza a minha visão estava um pouco turva naquele momento, sem falar absolutamente uma palavra a mais, ele sumiu...
     Eu me virei e apertei o botão reset

    


Notas Finais


Ta ficando legalzinho né? Eu to até gostando... Quando vê só eu mesmo affs, vamo lá me ajudem ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...