História You Belong with Me (Você pertence a mim) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Maite Perroni
Tags Drama, Revelaçoes, Romance, Violencia
Visualizações 10
Palavras 1.751
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


🐼 Olá Seja BEM VINDO!
🌺 Espero que gostem...

🐾Tenha uma boa leitura.

Obs: Me ajudaria muito se deixasse o seu comentário.

Capítulo 1 - Barbara sua diabinha.


MADRI/ Janeiro.
   
.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
             ♡Barbara.
   ❥o Acordo, e quando vejo estou toda nua, e quando olho para o lado vejo que não estou em minha casa e nem com Livinho, *Passo a lingúa em volta da boca*, agora me lembro aonde estou, vim para casa ontem a noite depois de um show que fiz numa BOATE, para um amigo, *Olho pro lado* e ele e um amigo bem intimo que adoro estar com ele quando venho em MADRI.
   ❥o Me levanto bem devagar, para que ele não acorde, e vou até o banheiro toma o meu banho, e ligo para James trazer minha roupa. "James" e o homem de minha confiança, e falando nisso ele e Gay e ainda mais e casado, e seu marido trabalha pra mim, mais meu irmãozinho mau imagina a vida que eu levo escondida dele.
   ❥o Mais eu tenho que toma cuidado para que ele não descubra o que eu faço, porque eu sei muito bem que daqui algumas semanas posso está no lugar de Justin, e isso vai ser uma pessima idéia, porque eu sei os perigos que que vou correr, principalmente com Rafael sumido, e sem eu saber aonde ele está.
✖o✖

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
Gabriel: *Paro na porta* Não acredito que está tomando banho sem mim.
Barbara: *Sorriso maldoso* Não queria te acorda. *Saio do banho e pego a toalha*
Gabriel: *Puxo ela para o meus braços* Tem certeza que precisa ir?
Barbara: *Beijo ele* Preciso sim. *Saio andano* Falando nisso, eu sei muito bem que Livinho está atráz de mim.
Gabriel: *Pego em seu braço* Sabe que pode viver comigo, não sabe.
Barbara: *Coloco uma camisa* Sim eu sei, mais no momento eu não posso. *Dou um selinho nele* Quem sabe um dia?
Gabriel: *Sorrio* Sim quem sabe um dia.
Barbara: *Abro a porta e coloco meus ocúlos* Nós vemos por ai.
    ♡Gabriel.
   ❥o Barbara deixa qualquer homem maluco, mais quem tem ela em seus braços tem que toma cuidado, para não ser morto, pelo seu namorado que aliais e CORNO, e ela não tem medo do perigo, mais tenho medo que um dia ela se machuque... Ou melhor espero que não.
   ✖o✖

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
Barbara.
   ❥o Desço as escada, pego minha bolsa, meu salto, e meu celular e saio correndo pela porta, quando escuto a voz de Justin, e quando saio fecho a porta, James chega bem na hora que entro no carro, e ele sai dali antes que Justin nos veja.
✖o✖

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
James: *Dirigindo e dou risada* Amiga você não tem medo do perigo né.
Barbara: *Dou risada* Sabe que não. *Olho pra ele* Mais você devia ter me avisado que Justin estava aqui.
James: *Olho pra ela* Eu te avisei sim. *Sorriso malicioso* Mais acho que estava tão ocupada que nem olhou o celular.
Barbara: *Faço careta* E mesmo, e que a noite foi tão boa que não queria que ninguém me atrapalhasse.
James: *Sorrio* E eu sei. Mais quase morri por sua causa.
Barbara: *Faço bico* Porque? *Irritada* Quem e que teve a ousadia de rela um dedo em você.
James: Livinho quase me matou.
Barbara: *Irritada* NÃO ACREDITO QUE AQUELE VERME IA TE MATA.
James: Sim ia, só porque eu não falei aonde você estava.
Barbara: E fez bem.
James: Sim eu sei que fiz. Mais da próxima vez, não traga ele junto pra Madri.
Barbara: Na verdade foi ele que me trouxe.
James: Então da próxima vamos dopa ele, porque assim eu não serei morto quando ele pergunta de você.
Barbara: *Risada malefica* Ótima idéia.
    ♡Gabriel.
   ❥o A empregada bate na porta e mando ela entra, e ela me avisa que Justin está lem baixo a minha espera, e que quer fala comigo.
✖o✖

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
Gabriel: *Coloco o colar* Okay. Diga a ele que eu já desço.
Empregada: Sim senhor. *Fecho a porta*
    ♡Gabriel.
   ❥o Espero que ele não tenha vido Barbara, porque se não vai da merda, termino de me arruma e desço as escada.
   ✖o✖

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
Gabriel: *Fumo minha maconha* O que te tráz a minha casa Justin?
Justin: *Sorriso maldoso* Negócios?
Gabriel: *Me sento* Então diga, o que eu posso fazer por você.
Justin: *Bebo meu whisky* Vender uma das suas Boates?
Gabriel: E porque eu venderia uma de minhas boates.
Justin: *Pego minha arma* Não se faça de idiota. Eu sei muito bem que minha irmã, esteve em sua boate.
Gabriel: *Sorrio e cruzo as mãos* Sim ela esteve, mais ela só fez um show e nada mais.
Justin: Então você quer me dizer, que não sabe pra onde ela foi depois.
Gabriel: *Balanço a cabeça* Não sei não.
Justin: Porque com Livinho ela não estava. 
Gabriel: *Bato na mesa* AQUELE TRASTE NÃO MEREÇE ELA.
Justin: *Dou risada* E você mereçe.
Gabriel: Seria um namorado melhor, do que aquele seu amigo.
Justin: *Aponto a arma pra ele* FIQUE LONGE DA MINHA IRMÃ.
Gabriel: *Estalo os dedos e meus homens apareçe apontando armas para Justin* Isso eu não posso garantir. AGORA SAIA DA MINHA CASA.
Justin: *Balanço a cabeça* Eu vou sai. Mais pode ter certeza que eu vou volta.
Gabriel: *Ergo as mãos* Estarei esperando.
    ♡Justin.
   ❥o Saio da casa de Gabriel, pego meu telefone e faço uma ligação para Livinho.

Livinho: *Atenho o celular* Justin!
Justin: Aqui ela não estava.
Livinho: *Taco o copo na parede* MAIS QUE MERDA! AONDE BARABAR SE METEU.
Justin: Se você não sabe imagina eu. Espero que ela esteja bem, porque se alguma coisa aconteçer com ela, EU JURO QUE TE MATO.
Livinho: *Surpreso* Mataria seu melhor amigo?
Justin: Sim mataria. *Desligo o telefone*
   Chamada desligada.
Justin.
   ❥o *Pensativo* Aonde será que minha irmã se meteu, ela não pode ter sumido assim tão facilmente eu preciso acha ela antes do Livinho.
      ENQUANTO ISSO.
✖o✖

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
James: *Tenho uma visão* Há não.
Barbara: *Paro de mexer no celular* O que foi?
James: Adivinha.
Barbara: *Reviro os olhos* Não vai me dizer que Livinho colocou seus homens inteiro pra me procurar.
James: EXATAMENTE.
Barbara: *Bufo* Vai demora muito pra chegarmos.
James: Não, estamos quase chegando.
Barbara: *Passo pro banco de tráz* Acho que já está na hora deu muda de roupa.
James: Também acho. *Sorriso de lado* Karol disse que vai confirma que estava com você.
Barbara: Se sabe o esquema né.
James: Eu só sei que vocêis duas são malucas.
Barbara: Sempre fomos. E não e de hoje.
James: Percebi mesmo. *Dou risada*
       ♡Barbara.
   ❥o *Sorriso de lado* Troco de roupa rapidamente, e passo para o banco da frente, e quando estamos quase chegando vejo Livinho gritando com seus homens, e começo a dar risada, porque eu sei que isso vai ser interressante, desço do carro e mando James entra pelos fundos e quando apareço no portão, vejo que Livinho fica feliz em me ver mais ao mesmo tempo ele está irritado.
     ❀o❀ Foto da Roupa nas Notas Finais.

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
Livinho: *Irritado* MAIS QUE PORRA BARBARA ISSO E HORAS DE CHEGA.
Barbara: *Tiro minha arma e aponto pra ele* Quantas veses eu vou ter que fala pra você não grita comigo.
Livinho: *Fumo minha maconha* Você e minha e eu falo do jeito que eu quiser.
Barbara: *Sorriso maldoso* Você que pensa.
Livinho: *Desconfiado* O que quer dizer com isso.
Barbara: *Reviro os olhos* Nada que seja da sua conta.
Livinho: Com quem você estava?
Barbara: *Pego meu celular* Com a Karol, que confirma. *Estico o celular*
Livinho: *Pego o celular* Isso aqui fica comigo, até eu descobrir a verdade.
Barbara: *Risada maligna* FODA-SE. Não tenho nada a esconder.
Livinho: Será?
Barbara: *Atiro em seu braço* Eu que o diga.
Livinho: MAIS QUE PORRAAAAA. *Coloco a mão em cima aonde ela atirou*
Barbara: *Me aproximo dele* Da próxima vez que quiser me trair,vê se não deixa a vadia vir fala comigo viu.
Livinho: *Olho pra ela* Do que você esta falando.
Barbara: *Bato em seu rosto* Você sabe do que eu to falando e não se faça de idiota. *Saio andano e guardo a arma*
     ♡Barbara.
   ❥o Quando olho pra tráz vejo Livinho ainda sangrando, e mando os segurança o ajuda-lo, e falo que eu não quero se encomodada com nenhum problema do meu namorado.
    ❥o Entro pela porta e James bate palma, porque ele sabe o que eu acabei de fazer, mais o que eu mau imaginava e que meu irmão estaria bem aqui.
✖o✖

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
Justin: Será que podemos conversa.
Barbara: *Ergo uma sombrancelha* Sobre?
Justin: Você.
Barbara: Não tenho nada para fala com você Justin. *Subo as escada*
Justin: *Furioso* BARBARA EU AINDA SOU SEU IRMÃO.
Barbara: NÃO E NÃO. UM IRMÃO QUE VENDE A PROPRIA IRMÃ, NÃO E MEU IRMÃO. *Bato a porta do quarto*
Justin: *Taco o copo na parede* Mais que MERDA.
     ♡Justin
   ❥o Subo as escada correndo, e quando eu dou um chute na porta do quarto de Barbara que ela me recebe com duas armas apontada pra mim.
✖o✖

.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*¸.*♡*.¸¸.*☆*.¸¸.*♡*.¸¸.*☆*
Barbara: *Olhos vermelhos e irritada* TINHA QUE SER NÉ JUSTIN.
Justin: Só assim pra você fala comigo. *Ergo a sombrancelha* Abaixa essa arma.
Barbara: *Sorriso maligno* NÃO.
Justin: BARBARA.
Barbara: Já disse que não Barbara.
Justin: *Desconfiado* Eu ainda to curioso com quem você aprendeu a ser desse jeito.
Barbara: Com alguém que não e da sua CONTAAAAAA. *Aponto a arma para o seu pé* Vai fala o que quer, ou ta dificíl.
Justin: *Me aproximo devagar* Vai me escuta.
Barbara: *Atiro no teto* Fica aonde você está, não confio em você perto de mim.
Justin: Porque não?
Barbara: *Reviro os olhos* Sabe o porque né.
Justin: *Ergo minhas mãos em forma de redenção* Ba e serio vamos conversa sem briga.
Barbara: EU JÁ DISSE QUE NÃO JUSTIN, E SE NÃO TEM NADA PRA ME FALA, SAI DO MEU QUARTO.
Justin: Ta impossivel fala com você né.
Barbara: Sim está. *Aponto com a arma pra fora* Agora sai do meu quarto.
Justin: *Me viro* Ainda vamos ter essa conversa.
Barbara: *Reviro os olhos* Tanto faz. *Bato a porta e tranco a porta*
       ♡Barbara
   ❥o Como viram não estou me dando muito bem com meu irmão, pelo simples motivo dele ter me vendido para o Livinho, mais mau ele sabe do que eu sou capaz, Justin pensa que só sou uma dançarina de boate, mais mau ele imagina que eu tenho os meus negócios em alguns paises e tenho gente de confiança que controla tudo, porque perto da minha familía eu tenho que ser a santa que não sabe negociar em nada, mau eles sabem do que eu sou capaz de fazer.
      Continua.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...