História You can hear my heart? (Narusasu) - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, TenTen Mitsashi
Tags Boys Love, Família, Narusasu, Romance, Sasunaru, Yaoi
Visualizações 503
Palavras 1.442
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Obrigado a todos que favoritaram e comentaram a fanfic até o presente momento, infelizmente chegamos ao final de mais essa fanfic, obrigado aqueles que também leram minhas outras fanfics, espero que tenham gostado e que desfrutem desse capítulo!

Capítulo 16 - Você quer? (FINAL)


Fanfic / Fanfiction You can hear my heart? (Narusasu) - Capítulo 16 - Você quer? (FINAL)

*Sasuke* 

 

Depois de almoçar com Naruto-san me encontro com Neji e vamos juntos para a faculdade, conto à ele tudo o que Naruto-san me falou e ele escuta atentamente. 

-Obrigado Neji, por cuidar de mim, por não contar, por nos deixar sozinhos naquele dia – sorrio. 

-Você é o meu melhor amigo e eu sempre vou cuidar de você, apesar de que agora você parece ter alguém para fazer isso no meu lugar... Além do mais parece que vocês não perderam tempo mesmo hein?! 

-Do que você está falando? – sinto meu rosto esquentar. 

-Você é tão obvio Sasuke... É claro que você e o Naruto-sensei fizerem aquilo... – ele dá uma risadinha. 

Tampo sua boca antes que ele continue falando, meu coração está batendo muito rápido, porque ele faz isso comigo? E se alguém escuta aqui na faculdade? Além do mais eu não posso ficar lembrando disso a todo o momento, se não começarei a me distrair e querer ir novamente para perto do Naruto-san. 

-Você está tão vermelho Sasuke, eu estou realmente feliz por você – ele afaga minha cabeça e sorri. 

 

*** 

 

Depois do longo seminário vejo que tenho uma mensagem do Naruto-san pedindo para que eu vá a sua casa as sete da noite, porque ele quer que eu vá nesse horário especificamente? Vou para casa um pouco decepcionado pois queria vê-lo nesse exato momento. 

Depois de tomar um banho, me deito um pouco, minha cadeira ainda dói um pouco. Será que ele vai querer fazer isso hoje de novo? Porque estou corando só de pensar nisso? Não seja pervertido Sasuke, a verdade é que eu queria ir morar com ele. 

Abraço meu travesseiro, eu devia conversar com meu pais sobre isso? Digo sobre o fato de que eu seja gay, e talvez esse seja um bom momento, já que ambos estão em casa, respiro profundamente e me levanto, e agora ou nunca. 

Ambos estão na cozinha, isso é uma obra do destino? Me sinto nervoso agora, muito nervoso, não posso fugir, tenho que fazer o que é certo. 

-Mãe, pai.... H-Há uma coisa que tenho que contar para vocês 

-O que houve filho? Algum problema na faculdade?  

-N-Não é isso... 

-Você está bem de saúde?  

-E-Estou... Mãe, pai eu sou gay –  digo rapidamente. 

Minha mãe e me pai ficam me encarando por alguns segundos como se tivessem processando a informação em seguida minha mãe se aproxima de mim e afaga minha cabeça. 

-Independente da escolha sempre te amaremos e estaremos ao seu lado querido, não importa se você gosta de meninas ou meninos, desde que esteja feliz tudo ficará bem, não é amor? 

-Sim, sua mãe está completamente certa, te amamos incondicionalmente e sempre te apoiaremos – meu pai sorri. 

Sinto as lágrimas se acumularem nos meus olhos, estou tão feliz de ter pais assim e uma amigo que também foi capaz de me aceitar completamente, sei que muitos pais, familiares e amigos nunca aceitariam isso, mas os meus sim, tenho muito orgulho do que tenho agora. 

-Obrigado por me apoiarem, estou realmente muito feliz agora, como nunca estive antes 

Minha mãe me abraça e afaga minhas costas, as lágrimas que saem agora dos meus olhos são de alegria, não vejo a hora de contar isso pro Naruto-san. 

-Mas me diz filho, se você está contando isso é porque tem alguém que você gosta não é? Como ele é? Onde o conheceu? Não me diga que é o Neji... 

-Não, não é ele mãe – digo rindo. 

Devo contar sobre o Naruto-san? Ou devo perguntar à ele primeiro sobre isso? É melhor perguntar já que não temos uma relação formal. 

-Por hora é um segredo, mas em breve vou apresentá-lo e vocês irão amá-lo. 

 

*** 

Meu coração está batendo forte, quero chegar logo na casa do Naruto-san, quero contar logo à ele sobre a conversa com meus pais e dizer que quero que eles o conheça, não quero esconder isso deles. 

Bato na porta e Naruto-san abre quase de imediato, ele cheira tão bem, que me sinto seduzido, quero abraça-lo e sentir seu cheiro mais de perto, sinto meu rosto esquentar ao pensar que ele está assim porque realmente quer fazer aquilo. 

É vergonhoso, mas eu gosta quando ele me toca, quero que ele me toque mais. 

-Entra Sasuke – ele sorri. 

-Naruto-san tem algo que eu quero te contar... 

Não posso deixar de contar isso, é importante, tenho que contar antes que ele comece a me beijar, pois se ele o fizer minha mente ficará em branco. 

-Algo aconteceu? Você está bem? 

Me dou conta que hoje aqui está um pouco escuro, tudo está sendo iluminado por velas, será que ele está sem luz? Olho para a cozinha e vejo uma mesa posta para duas pessoas, isso é uma espécie de encontro? Meu coração com certeza vai sair do peito. 

-Estou bem... Não é algo ruim, na verdade é algo muito bom, mas o que é isso? Um encontro? 

-Sim, é uma noite especial para nos dois, eu queria fazer as coisas apropriadamente – ele pega algo no bolso, uma caixinha – Sasuke, você quer estar ao meu lado pelo resto da sua vida?  

Ele abre a caixa e há um par alianças dentro, ele quer passar o resto da sua vida comigo? Ele toca na minha bochecha e faz com que eu olhe nos seus olhos. 

-Claro que quero – sorrio – E você quer? Quer realmente passar o resto da sua vida ao meu lado? 

-Faz tempo que quero... – depois de colocarmos a aliança, me jogo em seus braços. 

-Estou tão feliz – me afasto – Hoje conversei com meus pais sobre ser gay... Eles me aceitaram tão bem e até me deram seu apoio e eles querem conhecer a pessoa por quem estou apaixonado... Será que essa pessoa também quer conhecê-los? 

-É só me falar o dia e eu farei isso com muito orgulho – ele beija meus lábios. 

Sua língua brinca com a minha e ele explora minha boca, tão bom! Quero mais, me toque mais, ele arranca minha blusa e volta a me beijar, suas mãos tocam em todos os lugares onde minha pele está nua, me sinto tão excitado, mesmo que ele ainda não tenha me tocado naquele lugar. 

Ele entrelaça seus dedos nos meus e me conduze para o quarto. Ele me empurra na cama e arranca minhas calças, me deixando só de cueca, em seguida ele passa a língua no meu pênis por cima da cueca mesmo, solto um gemido. 

Na nossa outra noite percebi que não importa o quanto eu tente, não consigo reprimir meus gemidos quando ele me toca, ele tira minha cueca e começa a fazer um boquete em mim, minha mente já está praticamente em branco, isso está me levando a loucura. Em poucos segundos acabo gozando na sua boca. 

Ele começa a lamber o meu ânus e isso me deixa ainda mais excitado, ele começa a usar seus dedos, os sons que saem da minha boca e do meu corpo me deixam envergonhado, mas não há nada que eu possa fazer. 

-R-Rápido...  

-O que você quer Sasuke? É só me dizer – ele dá um sorriso malicioso. 

-Q-Que malvado... E-Eu quero que você coloque... 

Ele faz o que eu pedi e sinto um arrepio percorre todo o meu corpo, ele beija meus lábios enquanto aumenta a velocidade das estocadas, minha mente está totalmente em branco. 

-Eu te amo Sasuke 

-Eu também te amo – digo abraçando-o 

 

*Naruto* 

 

Ouço a campainha tocando e abro meus olhos, Sasuke dorme agarrado em mim, tão lindo! Beijo o topo da sua cabeça e me levanto lentamente para não acordá-lo. A campainha volta a toca e apresso o passo para atender, quem pode ser? 

Ao abrir a porta me deparo com Gaara e Satoru que tem os olhos vermelhos. 

-Bom dia Naa-chan! Desculpa vir tão cedo, mas o Satoru começou a chorar que queria estar com você e mesmo que eu tenha tentando de tudo, ele não quis ficar... 

-Bom dia Gaara, bom dia Satoru – digo pegando-o – Tudo bem amigo, você já fez o bastante por mim, obrigado. 

-Outro dia eu venho aqui para conhecer o seu Sasuke – ele sorri e vai embora sem ao menos me deixar responder. 

-Naa-chan, Satoru com saudades 

-Eu também senti saudades Satoru –  faço carinho na sua bochecha e ele começa a ficar sonolento. 

Acho que ele já está acordado há um bom tempo, caminho de volta para o quarto e Satoru sorrir ao ver Sasuke dormindo na cama, em seguida cai no sono. Deito na cama e Sasuke volta a me abraçar, agora sim minha família está completa, me sinto tão feliz e completo. 

-Eu realmente amo vocês dois, obrigado por fazerem parte da minha vida – sussurro. 

 

FIM


Notas Finais


Espero que esse final tenha fica do agrado de vocês e que no geral tenham gostado da fanfic, fiquei muito feliz com os comentários XD Para aqueles que quiserem acompanhar minha próxima fanfic dos dois pode me adicionar (aceitarei todos), obrigado mais uma vez e até a próxima!!! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...