História You Don't Own Me - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Batman, Esquadrão Suicida
Personagens Coringa (Jack Napier), Harleen Frances Quinzel / Harley Quinn (Arlequina), Oswald Chesterfield Cobblepot (Pinguim), Pamela Lillian Isley, Personagens Originais, Selina Kyle (Mulher-Gato)
Tags Arlequina, Coringa, Esquadrão Suicida, Harley Quinn, Hera, Joker, Poison Ivy, Relacionamento Abusivo, Romance
Exibições 658
Palavras 845
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


5 dias pra postar um capítulo, isso não existe! Dmmdmdmdks
Desculpa a demora, eu só tenho tempo de escrever a noite, e fico até 3 ou até às 5 da madrugada escrevendo pra vcs :/
Enfim, boa leitura!

Capítulo 25 - Uma grande recompensa


A palhaça andou até Joker e sorriu de orelha a orelha — Bom dia, Pudd... — Ela foi interrompida pela mão pesada do palhaço batendo em seu rosto.
Harley Quinn caiu no chão pelo impacto e se encolheu no chão gelado.

— Sua vagabunda! — Ele gritou pegando nos cabelos de Harley Quinn e puxando-os até o quarto — Nunca mais me chama desse apelido idiota!

A palhaça chorou se debatendo de dor, seu couro cabeludo parecida estar em chamas por conta da agressão repentina. Ela estava confusa, o que ela tinha feito?! Ela não tinha sido uma garota má. Pelo menos não dessa vez.

— O que eu fiz, Mr. J?! — Ela gritou quando foi jogada no chão do quarto, Harley se arrastou para trás enquanto Joker se aproximava mais e mais dela.

— Você vai aprender uma lição, monstrinha. — Ele colocou um sorriso no rosto e chutou a palhaça, a visão da mesma ficou turva.

Harley Quinn acordou num estalo, na mesma hora se levantou e olhou para o lado, vendo a ausência de Joker na cama de casal bagunçada.

— Só um sonho. Só um sonho muito ruim... — Ela disse se levantando e andando até o banheiro.
(...)

Joker levantou-se da cadeira rente a mesa do café e andou até escada, ele iria acordar Harley Quinn, mas o mesmo percebeu que ela estava a descer.

Com um roupão transparente, fazendo seu shorts minúsculo vermelho e regata também vermelha aparecerem naquele tecido esvoaçante e bonito.
Estava sem maquiagem, apenas com seu coração tatuado no rosto lavado. Em segredo, Joker a achava linda assim, com a cara limpa, cabelos bagunçados e roupas incrivelmente provocantes aos olhos dele e de qualquer outro homem.

— Bom dia, Pud... Mr. J! — Ela corrigiu e abriu um sorriso forçado. Joker não gostou nenhum pouco disso, e semicerrou os olhos descofiado.

— Bom dia, Harley. Dormiu bem? — Indagou ele se sentando na mesa e voltando a tomar o seu precioso café.

Harley pensou no sonho, ou melhor pesadelo, que tera antes de acordar mas balançou essa drástica lembrança para fora de seus pensamentos — Sim, bem.

— Ótimo... A Samambaia trouxe sua medicação.

— Medicação? — Harley Quinn se perdeu durante as palavras do amante.

— Sim. A Samambaia disse que seria importante para sua recuperação que você continuasse com doses diárias — Enquanto Joker falava, Harley Quinn fez uma nota mental para lembrar que quando o palhaço falava Samambaia ele se referia a Hera.

— E onde está?

Joker se abaixou ainda sentando e puxou uma pequena maleta, que estava escondida de baixo da mesa. Colocou a mesma em seu colo, e tirou uma seringa já com o conteúdo amarelado que Harley tanto odiava.

— Eu pensei que eu só tomaria a medicação... — Ela choramingou quando viu Joker andando até ela com sua agulha brilhosa e ameaçadora.

— Eu sei que você tem medo de agulha, amor. Mas você pode ganhar uma ótima recompensa comportando-se. — Ele sorriu parando atrás de Harley Quinn e inclinando-se para frente.

Beijou delicadamente o pescoço da amante, a palhaça sorriu com tal gesto, já que isso era o máximo de carinho que Joker a dava.
O palhaço enfiou a agulha delicadamente na pele de porcelana dela, enquanto Harley segurava a enorme voltade de se debater. Mas como Mr. J disse, ela poderia ganhar uma grande recompensa se fosse uma boa garota.

Ela espremeu os olhos e só os abriu quando Joker anunciou:
— Viu? Não doeu tanto!

Harley Quinn sorriu e se levantou com uma certa pressa em direção ao palhaço, ela ficou na ponta dos pés e puxou a nuca de Joker para um beijo calmo. De certa forma cheio de luxúria mas também cheio de agradecimento pelo mesmo ter sido delicado.
Joker a puxou para seu colo e a levou até o sofá da sala de estar, onde Harley riu de animação e alegria. Seu roupão caiu no chão.

O casal tinha tamanha disposição para fazer sexo todos os dias possíveis, estavam mais ligados do que nunca.

Com roupas espalhadas pela sala, os dois se encontravam ofegantes, arfando ar com os corpos se chocando. Os dois se beijavam impetuosos, as línguas entrelaçadas como em uma dança e os dentes de Joker mordendo fracamente a ponta da língua da palhaça.
(...)

A loira entrou na banheira e se afundou na água morna, era um dos raros dias que ela não tinha absolutamente nada para fazer. Já que após o café, Joker se trancou  em seu escritório e começou a fazer Deus lá sabe o que.
Harley Quinn sabia que tinha uma festa pela noite, mas a mesma ainda teria um bom tempo de descanso até lá.
(...)

— Como foi as férias? — Perguntou o comissário sério.

— Não tão boas. Você descobriu a localização?

— Sim. Você realmente pretende matá-los? Quero dizer, isso não vai contra a sua regra?

— Eu infelizmente terei que quebrar essa regra.

O comissário assentiu com a cabeça compreensivo — É bom ter você de volta na cidade, Batman.


Notas Finais


"Um Toque Do Destino" - https://spiritfanfics.com/historia/um-toque-do-destino-6647188

A fanfic vai acabar logo logo :( e eu já vou avisando, o final não vai ser tão feliz...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...