História You Found Me - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais
Tags Angel, Anne, Drama, Gemma, Greg, Harry, Justin, Romance
Exibições 27
Palavras 745
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey!

É a minha primeira Fic, então relevem.
Eu pensei nessa fic muito rápido, e logo fui escrever, mas um problema gigantesco que eu tenho é a sinopse.
Ta eu não vou ficar enrolando, aqui vão alguns avisos:

* Clara é interpretada por Ashley Greene, e tem 22 anos.
* Harry tem 27 anos.
* Clara vive com Anne e Gemma, que tem 25 anos e é casada com Greg.
* A história se passa em 2015.
* Eu peço que vocês comentem, porque eu meio que me movo deles, mas sem pressão.
* Eu não tenho dia pra postar.
* Plágio é crime, além de ser ridiculamente ridículo.

Enjoy <3

Capítulo 1 - Prólogo


P. o. V. Clarabelle Angeline Monroe.

Encarei a moça grávida de vestido longo e florido, que conversava com o seu suposto marido. Olhei para a sapatilha amarela em meus pés, olhando para frente de novo. Ela falou algo para o homem ao seu lado que assentiu, e veio se sentar ao meu lado. Estranhei, mas sorri para ela nervosa com a demora de Gemma naquela sala com o médico.

- Olá, você ta esperando alguém? – ela perguntou, cruzando as pernas, e deixando sua barriga redonda ainda mais evidente.

- Sim, minha amiga está grávida de quatro meses, veio descobrir qual o sexo do bebe. – respondi, olhando para a barrida dela. - quantos meses?

- Sete, é uma menininha. – eu sorri como se dissesse parabéns. Olhei para a porta da sala médica, vendo o médico olhar apressadamente para os lados, olhando sua prancheta.

- Quem aqui é a Clara? – eu levantei, indo até ele. – venho comigo, por favor. – o acompanhei pelos corredores, até entrar em uma sala bege. No fundo eu já sabia o que tinha acontecido.

Olhei em volta, vendo Gemma abraçada com Gregory, chorando. Eu já tinha visto essa cena antes.

~~*~~

Anne e Gemma sempre foram minha família desde os meus sete anos, quando meus pais morreram num acidente aéreo. Anne é minha madrinha e meus pais eram padrinhos da Gemma, e por isso ficaram com a minha guarda. Gemma sempre foi uma irmã pra mim, e desde criança me dizia que ia se casar com um príncipe e ter três filhos. O primeiro sonho se realizou. O segundo não. Gemma já engravidou três vezes, mas nunca conseguiu segurar o bebe por muito tempo. E é bastante incomum, porque ela só tem 25 anos, uma idade perfeita pra engravidar. Gemma de casou com Gregory o ano retrasado, e na primeira vez que engravidou perdeu o neném com dois meses. Eu fiquei triste, mas ela só tinha dois meses. Já na segunda vez, eu fiquei arrasada. Quando você é madrinha de uma criança, é como se você fosse à segunda mãe dela. Porque se acontecer alguma coisa com a mãe, você fica com a guarda dela. E foi muito difícil pra mim, pra Gem e o Greg, perder mais um neném, ainda mais com seis meses. Agora, a terceira vez que ela perde, eu não sei o que eles vão fazer.

Gemma tem um irmão chamado Harry, eu já o vi de vista no casamento com Gregory, mas nunca conversei com ele. Ela me disse que ele é dono de uma gravadora famosa, na qual já passaram Rihanna, Justin Bieber, Bruno Mars e outros artistas. Gem me disse que de repente ele me arranje um trabalho como compositora lá já que eu faço faculdade pra isso.

Desci as escadas rapidamente, olhando para Anne, que assistia TV, com um cobertor roxo. A lareira estava acesa, deixando a sala de estar aquecida. Sentei ao lado dela, pegando uma das xícaras que ela tinha na mão.

- Oi. – disse, me encolhendo no meio da coberta. Ela sorriu, mostrando suas profundas covinhas. Anne sempre foi uma mulher linda, e se eu chegar à idade dela com a beleza que ela tem, sou uma pessoa abençoada.

- Não vai pra faculdade hoje? – tomou um gole do seu café quente.

- Não to com cabeça. – olhei para a TV, que passava um jornal qualquer.

- Clara, o Greg pediu pra você passar lá no apartamento deles. – tomou o café, e pegou o controle pra trocar de canal.

- Está bem. – eu disse, sentindo algo vibrar no sofá e Anne atendeu no mesmo instante.

Subi as escadas de novo, indo para o meu quarto e pegando apenas um calçado melhor pra dirigir. Como já era tarde da noite, não iria voltar pra casa, ia ficar no apartamento da Gem. Não ia levar bolsa porque já tinha meu próprio quarto com roupas lá. Então iria assim mesmo, com pijama dos Simpsons, casaco da Nike e meus óculos de grau da Prada.

Corri pela escada, vendo os quadros com fotografias do casamento de Gem e Greg, da minha formatura de ensino médio, e de fotos de festas de aniversário. Anne ainda falava no telefone, e parecia gostar do que ouvia, então, apenas acenei para ela, que sorriu e acenou de volta. Entrei na garagem, vendo o carro de Anne e o meu, um Insignia 2014. Entrei no mesmo, abrindo o portão branco da garagem, e logo saindo pelas ruas pouco movimentadas de Londres.  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...