História You Make Me Begin. - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, V
Tags Bts, Jungkook, Lemon, Taehyung, Taekook, Vkook, Yaoi
Exibições 191
Palavras 1.132
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OI LEITORES CHAN <3
Voltei com mais um cap, dessa vez com a nova amiga Do Jungkookie. A garota na capa é ela. espero que gostem do cap, logo tem mais, bjs <3

Capítulo 13 - New friend.


Fanfic / Fanfiction You Make Me Begin. - Capítulo 13 - New friend.

Jungkook's POV 

Chutando uma pedrinha desde que saí de casa agora pela manhã. Fingindo que nada aconteceu na noite anterior, completamente destruído. por dentro e por fora, as enormes olheiras debaixo de meus olhos não escondem isso, parece que vou ficar cego quando os raios do sol da manhã atingem meu rosto tirando toda a minha tentativa de concentração. Está frio, são sete horas da manhã e estou fazendo meu caminho pra escola. Sem a mínima boa vontade pra isso, vestindo qualquer roupa que peguei no armário de qualquer jeito. Estava andando de cabeça baixa e meio sonolento devido á noite sem dormir quando ouvir algo como um ''Hey''' vindo da frente de uma lojinha de conveniência no caminho próximo á escola. Uma garota, encostada numa pilastra na frente da loja, ela tinha cabelos pretos que caiam até baixo dos ombros, ela usava algo que parecia o uniforme da minha escola, mas usava uma jaqueta por cima que cobria até quase metade da saia. usava também um par de meias beirando os joelhos e sapatos pretos. Parecia bem fofa, pra falar a verdade. levantei minha cabeça para encará-la e ela sorria de forma doce sem mostrar os dentes.

- Você parece acabado. - Ela disse se aproximando de mim. - Posso ir junto com você até a escola?
- Hm.. claro.. é o mesmo caminho então acho que tudo bem.. - Tentei sorrir, falho. - 
- Você parece triste.. o que houve? - Ela parecia se preocupar.
- N-nada.. eu só.. tô com sono.. Ah.. meu nome é Jungkook, e o seu? - Perguntei enquanto começávamos a caminhar.
- Haruna -  Ela sorriu. -  Im Haruna.
- Ah.. Belo nome.. o meu é Kim Jungkook, originalmente Jeon Jungkook, Agora Kim. - Respondi ainda andando de cabeça baixa.
- Jungkook é muito formal, não acha? Posso te chamar de Kookie?  - Ela perguntava me com a cabeça baixa virada pro lado para ver meu rosto.
- Claro.. como quiser.. - Respondi logo a vendo se animar e bater palminhas.
- Kookie.. chegamos, nos vemos no intervalo? - Ela perguntou enquanto caminhavamos para nossas salas, coincidentemente entrando na mesma sala.
- Acho que nos vemos o dia inteiro. - Dei uma pequena risada.
- Posso sentar ao seu lado? - Ela perguntou enquanto íamos para  a ultima fileira de carteiras da sala.
- Uhum.. - Respondi colocando minha mochila sob a mesa e me sentando na cadeira, logo me debruçando na mesma na esperança de aproveitar a aula de inglês pra dormir.

*********

A aula finalmente acabou, o dia finalmente acabou. Vamos seguir a rotina, voltar pra casa, comer, dormir. Guardei meu material sem pressa alguma, afinal pressa não existia no meu vocabulário se fosse pra voltar pra casa. Joguei a mochila na costa pendurada por uma alça apenas e fiz meu trajeto até fora da escola. ao Passar do portão sentindo alguém caminhar atrás de mim. Haruna? Ela já não tinha ido embora?

- Eu estava esperando você. - Ela se aproximou ficando ao meu lado e sorrindo.
- Pensei que você já havia ido embora, Haruna. - Disse enquanto fazíamos nosso caminho de volta.
- Haruna? Eu não sou  a presidente da turma ou coisa assim, Me chame de Haru, Kookie. - Ela sorriu. - Acho que podemos ser amigos, certo?
- Certo.. - Respondi ajeitando meu gorro na cabeça.
- Kookie, você parece tão triste.. Já que não quer me contar, vamos nos divertir um pouco, que tal? - Ela segurou meu pulso gentilmente me guiando até a lojinha na qual eu havia a encontrado pela manhã. E de repente saiu andando pelos corredores. Logo voltando até mim com dois maços de cigarros e uma garrafa de whisky barato.
- M-mas.. - Disse e logo fui interrompido por ela me puxando pra fora da loja.
-Shh.. sem mas, vamos nos divertir um pouco, Jungkookie.

Fui levado por ela até uma espécie de parquinho abandonado que tinha atrás da praça. Os balanços ainda estavam lá, os unicos intactos no meio dos outros brinquedos quebrados dali. Nos sentamos um em cada balanço e ela me entregou um dos maços de cigarro puxando um isqueiro de dentro do bolso da jaqueta. Aquelas ações eram totalmente contraditórias á pessoa que ela aparentava ser. Abrimos o Whisky e sem pudor algum começamos a tomá-lo, desfrutando da fumaça dos cigarros saindo por nossas bocas e sentindo o gosto horrível e ao mesmo tempo satisfatório daquele álcool barato e nojento. 

- Se sente melhor, Kookie? - Ela perguntou.
- Nunca me senti mal, pra ser sincero. - Simplesmente cuspi, estava mentindo, mas não deixaria claro. - Podemos ir pra casa agora?
- Uhum.. Vamos.. - Ela disse largando a garrafa em qualquer canto do lugar. - 

Caminhamos até em casa com mentas fortes  na boca pra amenizar o gosto  e o cheiro horrível do álcool, e finalmente chegamos até minha casa.

Kookie, pode me dar um copo d'água? - Ela pediu, enquanto estavamos no portão da minha casa.
-Claro.. ah. entra.. - Disse abrindo o portão e  logo a porta entrando em casa e vendo minha mãe no sofá assistindo á um filme, eu creio. - Mãe.. essa é uma amiga.. Haruna, dá escola. - Disse passando rapidamente por ela e indo a cozinha com a menina.
- Obrigada. - Ela pegou o copo bebericando um pouco da água.
- Por nada. - Respondi largando minha mochila no balcão.
- Já estou indo, Jungkookie.. Nos vemos amanhã. - Ela disse saindo dali e passando por minha mãe na sala. - Até outro dia, Sra. Kim. - E logo foi embora. assim que ela saiu vi minha mãe se aproximar de mim me enchendo de perguntas. pff. - 
' - Ela é sua namorada, Jungkookie? - Minha mãe disse se debruçando no balcão e sorrindo. - 
- Não! Ela é só uma amiga da escola, Aish. - 

 

Dias se passaram, duas ou três semanas, e eu continuava chorando em silêncio. Dessa vez diferente pois tinha Haru. Ela frequentava minha casa muitas vezes na semana, e me ajudava quando eu precisava fugir de tudo, Haru quem me trazia mais âmpolas de cocaína, mais bebidas e cigarros. Ela sabia que eu precisava e queria me ajudar, de certa forma. Sempre vinha em minha casa, bebíamos juntos quando minha mãe não estava, Usavamos sabe Deus que tipo de drogas com diferentes cores e modos de serem usadas. Quando minha mãe estava, não podíamos nos divertir. Ela passava a maior parte do tempo falando que Haru deveria namorar com ''Seu pequeno Jungkookie.'' vulgo, eu. Eu gostava da companhia de Haru, gostava de me divertir com ela, amenizava a dor. A sensação do êxtase no meu corpo por causas das pilúlas e drogas me fazia esquecer toda aquela saudade. Haru, Obrigado por aparecer.

 


Notas Finais


Mereço comentários? <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...