História You Will Be Here...? - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Burgerpants, Chara, Doggo, Flowey, Frisk, Gerson, Greater Dog, Grillby, Mettaton, Muffet, Napstablook, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags (friskxsans), Asgore, Asgoriel, Asriel, Chara, Chariel, Frans, Frisk, Hentai, Humantale, Mafiatale, Masktale, Papyrus, Papyton, Sanrisk, Sans, Sansxfrisk, Toriel, Undertale
Visualizações 173
Palavras 5.552
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - Preto e Branco


Fanfic / Fanfiction You Will Be Here...? - Capítulo 8 - Preto e Branco

— Sans, vamos Jogar xadrez? — Gaster pergunta enquanto se senta — Vamos... Eu sei que você está fazendo uma Careta por baixo da Máscara... — Gaster puxa um jogo de Xadrez de sua Gaveta — Preto... Ou branco?

 — Preto... — Sans fala enquanto se senta — Sem truques, Ok?

 — ora... Tudo bem... — Gaster usa sua magia Para arrumar as peçinhas do Xadrez na Mesa, feito isso ele faz a Primeira jogada — Então... Você era o Pai do Bebê que a Frisk perdeu...?

Sans acente com a Cabeça, e faz a Próxima Jogada

 — Você sabe as regras, não Sabe? — Gaster diz, Sans o encara Confuso — Oh, não estou falando das regras do Xadrez, estou falando das Regras da Máfia... Em relação as Mulheres... — Gaster fala, enquanto faz sua Jogada — Você violou 2 das mais importantes... 3 se não corresponder, e 4 dependendo da Idade da Frisk...

Sans faz uma Jogada — Eu poderia não ter assumido... Eu poderia fingir que Isso nunca existiu, Mas não... — Sans diz enquanto faz a Jogada no Xadrez — e Você sabe disso...

 — Palmas para o Sans! Ele assumiu a Bosta que fez! — Gaster dá um Sorriso por baixo da Máscara enquanto bate palma sarcasticamente, de um Momento pro outro ele muda de Humor, se levantando e Batendo na Mesa. Os piões quaze caem — Eu já disse pra você mais de um Quadrilhão de Vezes! Se quizer transar com alguem, Tem a porra da Merda daquela caralha de Puteiro — Gaster fala em um Tom alto, e então movendo calmamente o Xadrez — Sua vez

Sans move o Peão, e acaba "Matando" um Peão de Gaster —  Você está perdendo... —  Sans fala em relação ao Xadrez

 — Você está me deixando entediado — Gaster diz, enquanto faz uma Jogada, Ele acaba Derrotando 1 peão e 1 Cavalo de Sans — Entenda, tomar atidudes como as Sua...não mancha a Imagem da Máfia... Não apenas... Mancha a de Sua vitima, Sua Família e... — Gaster diz, Suspirando — Oque você acha que sua Mãe falaria de você nessa Situação

 — Pffft... Isso é um tipo de Bullyng? Sério... Que errado... — Sans fala enquanto faz sua Jogada — Por que não Pergunta pra ela?... — Sans faz uma Pausa — Heya, faz bastante tempo que Você não fala dela, Não é mesmo?...

 — Não mude de Assunto — Gaster diz e Faz sua Jogada — Quando tudo isso acabar, Quero que vá falar com a Frisk — Ele faz uma Pausa — Sem gracinhas. Sem jogos. Sem piadas ou Provocações, Entendeu?

 — Não, Eu sou autista, Demoro pra entender — Sans fala ironico, Enquanto bufava — Posso sair? Sério, essa Conversa já não tem mais continuação... A maioria das perguntas que Você queria realmente falar, são apenas deduções... —  Ele fala, enquanto se levanta

 — Tudo bem... Mas você está desistindo do xadrez... E você Sabe a Punição — Gaster se levanta da Cadeira, Seus olhos ganham uma coloração forte. Sans não se move apenas dá os ombros

~•~

Papyrus estava tomando sorvete enquanto estava sentado num Sofá chique da Mansão

Ele observava O subsolo inteiro pelo Vidro

 — Oi... Posso sentar aqui? — Pergunta Chara enquanto apontava pro Sofá

Papyrus dá um Sorriso por baixo da Máscara, e Encolhe suas Pernas — Mas é claro... Posso te chamar de Humana II?

 — tudo bem... Mas não entendo essa Obsessão de vocês Monstros de Chamar nós de Humanos... Somos iguais, Certo? — Chara pergunta enquanto encarava a Janela

 — Não... Nós monstros manipulamos, e Nascemos com o Sentimento de Esconder nossa indentidade... Você entende? — Papyrus Pergunta enquanto se Deliciava do Sorvete

 — Entendo... Mas eu Não sei se ser Humano é bom ou Ruim... — Chara fala enquanto esticava as Pernas

Papyrus ri — Dependendo doque você Considera Humano...

 — Huh... Mas, não estamos no Inverno? Por que está tomando sorvete no inverno? — Chara pergunta enquanto fazia uma careta de duvida por baixo da Máscara

 — É que eu tenho dó do cara que vende Sorvete no inverno... Ele não ganha nenhum dinheiro... — Papyrus diz, Mas logo se envergonha e começa a Ficar nervoso — N-Não que eu Te-Tenha coração mole nem nada Do Tip-Tipo... Ok?!

 — pfff... Tudo bem... — Chara fala enquanto ria. Ela desvia o olhar, e Percebe que Frisk estava andando apressada — Aquela é...? Frisk! — Chara se levanta do sofá e vai falar com Frisk — E então, precisa ajuda em al-... Você está bem?

Chara estava segurando gentilmente Frisk que se encontrava distraída, a Mesma soltou um Suspiro. Papyrus se levantou e se aproximou de Chara e Frisk

 — Eu to bem... To indo pra saída... Vamos? — Frisk pergunta — ham... Espere... Eu preciso dar a Aula de treinamento Pro garoto... Bem! Vamos! — Ela diz, Distraída

Papyrus Ri — Wowie... Eu pensava que era Algo grave... Humana! cade o inútil do Meu irmão? Ele estava com você agora de pouco... Certo? — Papyrus pergunta

Frisk acena com a Cabeça.  — Ele deve estar falando com Gaster ainda

Papyrus agradece e segue caminho até a Sala principal onde Ficava Gaster

Ao chegar lá, Antes mesmo de abrir a Porta. Papyrus se assusta com o Corpo de seu irmão voando escada abaixo, todo Machucado

 — Sans?! — Papyrus grita assustado, quando o Mesmo olha pra dentro da Sala, Gaster estava com Projéteis de sua Magia por sua volta — Pai...?

 — Oh... Como vai Papyrus? Eu... Eu estava cuidando de umas Coisas com o Sans... Não se preocupe... —  Gaster diz e faz uma Pausa — Por favor... Não quero ser rude, mas, Tente ficar fora disso pelo seu próprio Bem... — ele diz normalmente — Eu vou chamar um enfermeiro pra ele...

 — O... Oque? — Papyrus diz, Confuso enquanto encarava o Corpo caído de seu Irmão

~•~

A Campainha Tocou, Frisk se levantou do sofá e andou até a Porta abrindo uma Fresta, Era Undyne

 — Olá pirralha... Posso falar com a Alphys? — Undyne pergunta, Frisk abre passagem pra Undyne entrar — Eu vou demorar... Como sempre...

Frisk ri — Tudo bem, já me acostumei... —  Frisk ia fechar a Porta, mas alguem impede. Era o Garoto que seguia toda hora a Undyne —  Uh... Oi?

 — Yo! Oi!... Assim, posso entrar...? — o Garoto entra

Frisk o encara Desconfiada enquanto fechava a Porta — Qual seu Nome?

 — Eu não posso falar... mas Todos me chamam de Monster Kid! Yo! Você tem sorte de conhecer Undyne! — o Garoto se joga no sofá da Sala e encara Frisk — Ai! Que falta de educação! Nem pedi pra entrar! — ele Se levanta, e vai em direção a Saida, mas Frisk o segura

Frisk ri — Não, ta tudo bem... Pode se sentir a Vontade — Ela diz enquanto sorria por baixo da Máscara, os Espinhos que seguiam pela costa do Garoto chamava a atenção de Frisk — Oh, você também é um Monstro...

 — É! Legal né? mas Não desenvolvi minha Magia ainda... — Monster kid fala enquanto se sentava novamente no sofá — e Você, desenvolveu a Sua?

 — Não, eu sou Humana... — Frisk diz — Espera... não desenvolveu sua Magia..? Quantos anos Você tem? — Ela fala, Curiosa enquanto se sentava ao Lado do Monster Kid

 — 14 e Meio... Só vou fazer aniversário daqui a Alguns Meses... Eu não aguento mais esperar! — Ele fala inflando as Bochechas —  e Você?

 — 15... Eu pensava que você era bem Menor de idade... — Frisk diz

Undyne sai do Quarto da Alphys e passa pela sala — Oh! Eu falei pra Você esperar lá Fora! — Undyne diz pro garoto — Me desculpe Frisk! Esse pirralho me segue desde que eu Me conheço por Monstro... — ela fala, Olhando pra Frisk — mas acho que não vou precisar tirar ele... Você fez um Amigo! — ela faz uma Pausa — Ok, vou pegar alguns Salgadinhos na Cozinha... — Undyne vai pra cozinha, e Logo volta pro quarto da Alphys sem nem dar chance de Frisk falar

 — Oque...? — Frisk pergunta — vou te chamar de MK... Quer assistir Algo? — Ela pergunta enquanto encarava o Garoto

 — Eu não quero atrapalhar...! — Ele fala, enquanto desviava o Olhar

Frisk Ri — Não, eu estava Esperando Alphys para a Sessão de Anime, Mas já que Undyne veio acho que Foi cancelada... —  Frisk diz meio alto pra Que alphys Ouça

Logo lá estava Alphys, Correndo pra sala — N-UNCA IREI CANCELAR ALGO COMO I-SSO! V-Vam-vamos para a Se-sessão!

~•~

Grillby estava andando pela Rua, quando foi abordado por Asriel, ao se Mostrar desarmado, Asriel tranquilizou Grill que não iria machuca-lo

 — Eu... Só quero que você me dê uma Única informação... — Asriel fala enquanto acompanhava Grillby — Primeiro: como A Chara está? Segundo: onde ela Está? Terceiro: Ela está mesmo fiel a Máfia?

Grillby suspira — Primeiro: Não conheço essa tal de Cha... Ra? Segundo: A Mesma resposta da Primeira, Terceira: Eu não sei, Eu tenho duas Bolas, mas nenhuma é de cristal. — O Homem fala enquanto ignora Asriel

 — Cara, Por favor! Você sabe que você seria a Última pessoa que eu Iria ferir naquela Máfia... —  Asriel diz — Me responde pelomenos a Primeira!

 — Eu. Não. Sei! Se continuar me perseguindo irei chamar reforços! — Grillby Fala

Asriel Bufa — Tanto faz... Eu tenho infiltrados na Máfia, posso Recolher informações de lá —  Ele faz uma Pausa — você irá se arrepender disso

 — Pff... Ninguém mas te apoia, Você está indo longe demais... — Grillby diz, enquanto Ria

~•~

 — E então, em apenas 7 minutos eu perdi tudo que era mais Valioso na Minha vida... Meus irmãos... minh Esperança... Eu falhei em Protege-los! — Diz a Garota de cabelos carmesim do Anime

A Sala estava escura, O Colchão de Chara estava jogado no Chão, Alphys e Undyne em cima dele

Enquanto no Sofá, estava Monster Kid e Frisk, o Garoto descansava sua Cabeça no Ombro de Frisk

Chara estava no quarto de Frisk Dormindo, já que não gostava de Anime. E Alphys odiava isso...

 — Então, Foi esse o seu Passado? Parece ser assustador... — Diz o Homem do Anime

 — Oque? Você não está pensando que eu Me matei, Não é? Eu nunca iria Fazer isso! — Diz a Garota do Anime

Undyne Ri — Qual o Nome desse anime?

 — Ange-... — Alphys Diz, mas é interrompida pela Campainha — Eu atendo... — Ela se levanta e vai até a porta, ao abrir, alphys se depara com Sans, por baixo de sua máscara tinha um faixa do curativo que passava por volta da sua cabeça, algumas partes estavam sangrando — Sans?

 — Heya alphys... Posso entrar? — Sans pergunta enquanto apontava pra parte de dentro, Alphys apenas deixou Sans entrar

 — Porra Sans, no meio do anime, se não sabe oque é cultura não estrague as dos outros! — Undyne fala, Sans foi pra sala e encarou Frisk

~•~

 — Oque queria fala?  — Frisk pergunta A Sans

Eles estavam indo para o Subsolo ter um Passeio pacifico para o Grillby, e na entrada, Frisk ficou curiosa

 — E por que está Machucado? — A pequena fala, perguntando novamente

 — Kiddo... Eu odeio fazer promessas... Mas... — Sans encara a Pequena enquanto sorria gentilmente para a Mesma — Digamos que um certo PAI filho da puta me obrigou a algumas coisas enquanto me Machucava de um jeito satisfatório

 — você fala como se Fosse masoquista... Que estranho... — Frisk diz enquanto abafava uma Risada — ah, Então Gaster fez isso? — ela Cutuca a Ferida na cabeça do Sans

 — Yup, eu te Mostraria o outro machucado, Mas ta em um lugar que Eu só mostro em casos Especiais... —  Sans diz, Frisk cora

 — Para de ser Pornografico! — Frisk diz, Sans sorri por baixo da Máscara

 — Ora kiddo, Você está com uma Mente muito poluida, eu estava me referindo ao Meu rosto, Obrigado. — Sans fala — Bem, Eu sei que já falei isso Antes, mas me desculpe

 — Por oque dessa Vez? — Frisk pergunta enquanto andava encarando o Chão —  Eu acho que você se cobra muito

Sans ri — Well, Por te violar, brincar com Você, te xingar, te engravidar, te machucar, te preocupar e... E... —  ele fala normalmente — Heya, chegamos.

Eles param na frente do Grillby'z e ficam um Tempo observando o Lado de fora, até que decidem entrar

 — por que Estou sentindo que não Deveria ter saido do Apartamento? — Frisk diz enquanto se sentava numa cadeira perto do Balcão, sans Senta do lado dela

 — Relaxa, como eu disse, não estou com segundas intensões Hoje e... Desde muito tempo... Se acontecer algo será sua obra — Sans levanta o braço, Chamando Grillby. O Restaurante estava cheio — Vou querer uma Porção de... Batatas fritas — Sans fala, Grillby anota o pedido

 — Sans... Eu estou com duvida em algo... — Frisk fala, e faz uma Pausa. Sans a encara com dúvida — Qual a qualidade dw um Chefe... Eu sei que ele é importante, mas Eu nunca os vejo fazendo nada!

 — Sup, deixa eu te explicar, Momento aprendizado — Sans ri e suspira — O trabalho de um Chefe, é gerenciar o controle de dinheiro, os Membros, as Tarefas, os Suspeitos e geralmente comanda ataques e roubos... Sem contar que eles guardam os relatórios de todas as Ações... — Sans diz

Frisk acena com a cabeça como se tivesse entendido — Uh, mas... Eu... Eu ouvi em algum lugar, que, Gaster tinha uma Mulher com que era Casado, era sua Mãe... Raven — Sans parece ter se engasgado com algo

 — Hey pivete, Tem certas coisas que você não pode saber... Heh... Vamos mudar de assunto, ok? — Sans diz

Frisk nega com a Cabeça — Por favor...! pelomenos me fala se ela ainda está na Máfia...!

 — Kiddo... Haha, não acredito que vou falar isso — Sans suspira e encara Frisk seriamente — Raven era da Máfia, mas Foi sequestrada algumas semanas depois de ter o Papyrus... e ela passou exatamente a Mesma coisa que Chara, ela foo convertida a se aliar a Mafia que a Sequestrou, Feito isso... Gaster simplesmente foi tomado pela dor de traição, e abandonou a Missão de Resgate...

 — Mas ele não sabe que ela Foi forçada? — Frisk diz indignada — afinal, Ela é esposa Dele, mãe de Você e do Papyrus!

 — Yup, Gaster tentou resgatar ela, mas ela Se recusou... Pelomenos foi isso que ele Me contou... — Sans fala enquanto abaixava a Cabeça —  Heya, Não conte isso pra ninguém, ok?

 — Pfff, Eu não sou que nem Você! Eu sei guardar segredos! — Frisk Fala, a Sua frente Grillby colocava o Pedido que sans Fez, a garota abre a parte da boca da Máscara e come uma por uma enquanto falava

 — Sabe, Asriel queria fazer isso... Ele queria fazer a mesma coisa que a nossa mafia fez com a Chara... — Sans fala — Ele queria te sequestrar, te manter lá... Até você ficar tão desesperada por liberdade que pagaria qualquer preço... — Ele diz, enquanto abaixava a Cabeça — é um Jogo que é jogado por todas as Máfias, é bem Comum...

Frisk se espanta — Entendi... Mas por que não deu Certo?... Aliás, como vocês me acharam?

 — pff, Simples, Asriel não deveria ser apressado o suficiente pra te amarrar em uma Cadeira... Ele te colocou em um quarto? — Sans pergunta, Frisk acente — huh... Ele não te Estuprou nem nada, né?...

 — Huh? — Frisk vira a cabeça, curiosa

Sans ri — Deixa pra lá... Se ele te Colocou num quarto com condições favoráveis, Ele queria dar uma Amostra grátis doque você teria se você se juntasse a No Light... E depois de alguns dias, Te trancar em uma Sala para relatório, e em seguida te colocar em uma Cela até você perder a noção do tempo lá fora... — Sans fala — Ops, estou falando mais doque devia — Ele pega uma Batata frita, e Abre a parte da boca

 — Você ainda não me falou sobre a Conversa com Gaster — Frisk diz enquanto colocava um monte de batata na Boca de uma Vez

 — Claro... — Ele suspira — Ele falou sobre a gravidade de ter um Herdeiro da Máfia com uma Pessoa qualquer que eu nem tenho afinidade e Blá blá... E sobre as Regras da Máfia...

Frisk inclina a Cabeça pro lado em Duvida — Qual regra?

 — Como numa Máfia normal, Geralmente as Mulheres iriam ser abusadas, como por exemplo... Se algum membro de uma Máfia estuprar Alguma Mulher na máfia que não Trabalha fazendo programa, Ele pode correr risco de Ser executado... — Sans diz — e enquanto ele me Matava, ele falou sobre a Importancia que teria se eu escolhece alguem Cedo...

 — E qual é? Eu to curiosa! —  Frisk grita enquanto franzia a Testa por baixo Da Máscara

Sans solta um Profundo Suspiro — Bem... Acho que não te contaram ainda, Mas... Quando um Chefe ou até mesmo representante tem uma Noiva/Namorada, ele Tem que dividir o cargo com ela... Como por exemplo, o Velho se relacionou com uma Mulher anônima, que é em último caso se ele não se interessa em Ninguém, já Gaster, se Relacionou com... Você sabe quem... — Ele faz uma Pausa — E, automaticamente o cargo foi dividido entre Gaster E... Ela

 — E isso é Bom ou ruim? — Frisk pergunta

Sans ri — Claro que é Bom, Quando o Cargo é dividido, o Trabalho é diminuído... É como Rachar um biscoito ao meio, e dividir com Outra pessoa... — Ele fala — Well, falando em Biscoito, as Batatas acabaram...

 — uh? — Frisk pergunta, as Batatas não tinha acabado

Sans ri — Kiddo, as Batatas acabaram... As batatas estão na Linha da conversa... As Batatas estão vigiando a conversa... — Ele diz enquanto tirava a Arma lentamente do Bolso

 — oque...? — Frisk não estava entendo, Quando se deu conta que havia um Informante vigiando a Conversa — Ah... Entendi...  — Frisk saca uma Pistola 380, Apontando pro Homem que estava ao seu Lado — Pede pinico

 — Oque? — o Homem pergunta, sem entender

Sans ri — Cara... Eu odeio ter que sujar o Restaurante do Grill... — Ele suspira — Ok, Pode atirar...

Frisk puxa o Gatilho, o Homem cai pra Trás morto, As pessoas se assustam com o barulho, porém ignoram quando veem doque se trata

 — Oh... Não se preocupem, Meu funcionário limpa pra vocês... Vão querer mais algo? — Grillby pergunta

 — Nope — Sans fala encarando Grill

Grillby sorri por baixo da Máscara —  Ótimo... agora é hora de você me Pagar...

 — Coloca na Minha conta... — Sans se levanta junto de Frisk, e vai pra saida so Restaurante

 — Até amanhã Sans... Eu já tenho permissão pra Fazer tarefa? — Frisk pergunta

Sans ri — Kiddo, Quando eu falar que você terá, Você vai ter... Por enquanto não te liberei de Nada. — Ele diz, Frisk bufa e se vira pra ir Embora — Heya, Amanhã as 8 me encontra na frente da Floricultura

 — Qual floricultura? — Frisk pergunta com dúvida

 — Na abandonada, que era dos Seus Pais... Eu tenho que resolver uma Coisa lá... Não se atrase! — Ele dedilha o Rosto de Frisk — Boa noite...

~•~

 — Acorda sua filha da Mãe! —  Chara chutava o colchão que a Frisk estava deitada — Vamos... Levante!

 — Uh... Chara? Me deixa dormir... — Frisk se vira, ignorando Chara

 — Levanta! —  Chara dá um chute forte no colchão, fazendo Frisk se assustar

Frisk se levanta — To acordada! Porra!

 — Acho bom mesmo, Eu fiz café da Manhã, e eu Envenenei ele todo... bom dia e Tal, agora levanta dai porque eu Preciso guardar o Colchão... — Chara diz em deboche

Frisk se levanta —  Você não precisa envenenar a Própria comida pra ela ser Ruim... — ela diz, E ri — Bom dia pra você... A alphys já Levantou?

 — Sim, parece que Undyne saiu no meio da Madrugada... — Chara fala — Alphys está no quarto trabalhando...

Frisk vai pra Cozinha e encontra a Mesa cheia de Doces da marca da Muffet, Por aranhas, Para aranhas... De aranhas...

A comida estava Boa, Muffet sabia realmente trabalhar com Doces, Agora a parte que Chara fez estava totalmente bagunçada, mas ela se Esforçou

Após comer, Frisk foi pro quarto e pegou seu celular, começou a Checar as mensagem

" Sdds de certas pessoas ~Muffet

Calma, o andrew já ta indo ai na sua casa, acabei de mandar ele ~Mettaton

Eu não to com sdd do Andrew :/ ~Muffet

Nossa, ke groça... Vou flar q vc não qr q ele vá lá... ~Mettaton

NÃO FALA PORRA NENHUMA METTATON ~Muffet

Bom dia pra Vocês ~Papyrus

MettaCu ~Sans

Oq? ~Papyrus

Nada ~Sans

Sdds da net discada do vizinho :v ~Bretty

Pse, agr nois tem WIFI HEUEHU ~Catty

Comassim net do vizinho? Vcs mora na mansão... ~Sans

Mais um certo alguem colocou wifi no quarto ~Catty

Tipo, sua Senha é SUUPER fácil... ~Bretty

... cara, eu Odeio mto vcs... ~Sans

O meu sonho de consumo é que um Cometa caia na cabeça do Sans ~Mettaton

Eu adoraria virar filho único... ~Papyrus "

Nada de interessante, Frisk começa a Trocar de roupa

~•~

Point Of View ~Frisk

Estava comendo uma Barra de chocolate que continha cereal dentro... As ruas estavam quaze vazias, as lojas estavam ou se fechando ou já estavam fechadas

outras Ficavam abertas, as poucas pessoas que andavam pela rua usavam máscaras humanas e muito poucas de monstro

eu estava andando pela calçada em direção a Floricultura, um carro preto estava estacionado em frente a Floricultura, Encostado nele estava Sans fumando

 — Que demora kiddo... Eu falei pra não se atrasar... — Sans fala — pff... Vamos?

 — vamos Onde? — Eu pergunto

Sans joga o cigarro no chão, e o amassa com a sola do sapato —  Eu não expliquei, não é? Vamos resolver o negócio de seus Pais... Mas de agora em diante, quem faz perguntas sou eu...

 — e se eu Quizer perguntar? — Eu pergunto, sans se aproxima de mim

 — Você já fez uma pergunta, não pode... — Sans diz — Enfim, senhorita Herdeira da Floricultura, Vamos entrar

Sans anda até a Floricultura, e confere pra saber se ela estava trancada. E após isso, ele Chuta a Maçaneta até ela se entortar e Abrir

 — Sabe... Você poderia ter perguntado pra mim se eu tinha as Chaves da Floricultura... — Eu digo — Aliás, quem faz perguntas é você...

 — Você tem a Chave?

 — o vizinho da frente guarda a chave da Floricultura dentro do mato do coqueiro... — Eu falo, enquanto entro

O lugar estava escuro, as Flores estavam muchas e ligeiramente mortas, as que eram de Plástico estavam mofadas e com uma Coloração Verde Nojenta

Porém, estranhamente o cheiro ainda era Bom, era Limpo. Tinha duas marcas de sangue no chão, provavelmente era de meus País

Sans se agachou no local onde tinha terra e lixo, e Começou a Vasculhar com uma Luva

 — Oque está fazendo? — Eu pergunto

Sans ri — Eu que faço perguntas... procure nos Fundos...

Eu ando até o Fundo da Floricultura, onde tinha uma Porta de metal incrivelmente amassada. Ela não era daquele jeito.

Eu passei por ela, e me deparei com mesa e cadeira virada de cabeça para baixo, Havia um pequeno panfleto branco no chão, Intacto

Eu pego ele, Estava escrito:

Venha se Juntar para Monsbrato! Temos vagas para atiradores mirim e informante! Enterrado: xxx-xxx-xxx ", Haviam varios numeros depois disso, eu Guardei o Panfleto e continuei a Procurar

Havia uma faca no chão, porém ela não estava com marca de sangue.

Eu me espanto quando ouço um barulho de metal, era Apenas sans tentando abrir a Porta de metal

 — Achou algo? — Sans pergunta, eu acento com a cabeça. Sans levanta as Mãos, tinha uma camisinha usada — Achei isso enterrado...

Eu faço uma Expressão de nojo, Então pego o panfleto que achei no chão — acho melhor esquecer isso...

 — Isso oque? Estamos só começando... —  Sans fala enquanto pega o panfleto e lê —  Ora.. Monsbrato...

Eu solto um suspiro — Vamos esquecer isso... Só sabemos que foi a Monsbrato. Apenas isso... — Eu Tento sair da Floricultura, Mas Sans toca no meu ombro, chamando minha atenção —  Uh? Oque?

 — Esses números... É uma cordenada... Vamos pra Lá! —  Sans fala

Eu ri — Ótimo, é uma Coordenada, mas como vamos encontrar o Local? Eu duvido que você saiba o local exato apenas vendo os... — Eu olho pra Sans, ele estava digitando os Números no celular — Números...

 — Achei... É na Floresta... Mais exatamente, Perto da cachoeira,  perto do território principal da Monsbrato... — Sans fala, enquanto guardava o Celular — E então, vamos pra lá?

 — Eu Trouxe apenas uma Arma, e estou sem colete... Não vai dar... — Eu falo

Sans ri — Ótimo, Vamos amanhã então. — Ele dá meia volta e sai da Floricultura

~•~

 — Onde estavam? — Papyrus pergunta pra mim e pro Sans — Mettaton Ligou pra vocês, mas Não atenderam... Pensava que não iriam Aparecer!  — Papyrus faz uma Pausa — Gaster está esperando o Relatório Faz 2 Horas. E pra Onde você foi?

 — Espera! Sans, você não falou pra Ninguém pra onde iamos?!  — Eu falo enquanto encarava ele — Porra Sans!

 — Fala pro Gaster que depois eu Entrego o relatório. Mais pra frente eu Explico onde a gente tava... — Sans diz — Leve Frisk pra casa, avise mettaton pra não se meter

 — Se meter? Onde? — Papyrus pergunta enquanto cruzava os Braços

Sans ri — Ele vai saber doque eu to falando... Enfim, Até mais tarde Kiddo. Amanhã de Manhã continuamos — Ele bagunça meu Cabelo

 — Sans, vocês Não estavam...? — Papyrus Pergunta, Surpreso

 — Pff, Claro que não. — o Tom de Sans muda pro sério

Papyrua Bufa — Ok, mas leve Frisk pra casa, Você sabe se teleportar — Ele Diz — Até mais Humana... — Papyrus acena pra mim, e Se distância

 — Sup, Vamos kiddo. — Sans toca meu Ombro e me teleporta pra porta do apartamento. — Mala entregue — Ele fica parado me encarando

 — Eu não vou te convidar pra dentro... — Falo, abrindo a porta

Sans ri — Eu nem queria mesmo...

~•~

Point Of View ~Narrador(a)

 — Bom dia Frisk! — Monster kid Fala, enquanto mantinha nas Mãos uma frigideira — Fiz café pra Você, Undyne e Alphys sairam cedo pra fazer compras... Eu não queria atrapalhar, então Alphys me deixoi aqui... E.... Você ta me escutando? — Ele disse, ele estava sentado na Cama de Frisk — Frisk?... Hey, Cara... FRISK!

Frisk levanta assustada — Oque foi?! Oque aconteceu?! — Ela encara o Amigo — Ah... Bom dia... Tarde? Que horas são?

 — Umas Sete da manhã... Desculpe por te acordar... — Monster Kid fala, enquanto esconde a Frigideira por trás das Costas — Espero que não se importe por ter usado a Comida pra... Cozinhar... Logicamente — MK estava desviando o Olho, pois Frisk estava sem Máscara

 — Não, está tudo bem... Me espera na sala... Vou trocar de Roupa — Frisk diz, MK acente e sai

A Pequena esfrega os Olhos suavemente com o Punho, e Anda até sua Suite

Pelo espelho, ela viu Seu rosto amassado, fazendo marcas do lençol da Cama pelas bochechas. Seus olhos Ramelados, e seu Cabelo incrivelmente Bagunçado. Ela se deu conta que estava usando a Roupa Que Sans havia esquecido há Muito tempo. Já virou costume dormir com Aquela blusa

Depois de fazer suas Necessidades, Ela decidiu Tomar um Banho rápido

Durante o banho, ela percebeu que estava com uma Cicatriz gigante na Barriga, por alguns segundos a Garota se espantou, Mas ignorou. Já que havia cicatrizes pelo seu corpo todo, Uma a mais não faria diferença

Ela suspirou, e Fechou os olhos. Logo inclinando a Cabeça pro teto. Quando Frisk se lembrou que O Monster Kid estava esperando, De imediato a Garota desligou o Chuveiro e se enrolou nuna Toalha

Alguns Minutos depois, ela já estava Arrumada, Colocou sua Máscara e guardou uma Pistola na Bolsa, e por baixo da Roupa estava um Colete anti-bala

Ela saiu do Quarto, Monster Kid estava na Sala assistindo TV de um Jeito totalmente Inocente

 — Yo! Cara, Eu vou pro Subterrâneo daqui a Pouco, quer ir comigo? — Monster Kid fala, Frisk apenas acente. — Tem comida na Cozinha... Se você quizer...

 — Uh... Não, Vou comer no Grillby... Vamos? — Frisk fala, Monster kid se levanta e desliga a TV. Ambos andam até a Saida Do Apartamento

Eles passam pelo corredor do Prédio, em Silêncio. E logo entram no Elevador

Uma Música tediosa começa a Tocar

 — Ah, eu estava vendo por ai... E seu nome está nas Informações da Máfia, Como alguem importante... — Monster Kid fala, Frisk passa a Encara-lo — Hey, você é a Melhor atiradora entre todas as Máfias... E a Terceira melhor entre todos os gêneros da Máfia

 — Como assim a terceira melhor entre todos os Gêneros da Máfia? — Frisk pergunra, repetindo a Fala de monster Kid

Ele ri — Acho que você é a Melhor atiradora entre as Mulheres... Mas quem  te venceu?... Aliás, Não sabia que você era Boa em arma... Nem que tinha uma... Nem que... Você entendeu — Monster kid fala, Meio embaraçado

 — Ai está mais algo que nunca Saberemos. — Frisk fala — Enfim, você sabe Atirar ou Lutar? Ou até mesmo manipular magia

A Porta do elevador abre, Ambos saem do Prédio, Porém ambos encontram o Carro da máfia estacionado ali

 — Uh, isso não é da Máfia da Undyne? — Monster kid Pergunta, Enquanto tampava a Luz, e se aproximava do Vidro pra ver se Alguem estava Dentro do Carro — Oque está fazendo aqui?

 — Humana! Parece que Fez um novo amigo! Vamos logo com isso! — Papyrus aparece, Provocando pulos de susto com os Menores — Assustei vocês? Desculpe, Não era Minha intensão

 — Papyrus! Yo, como é Treinar com a Undyne?! — Monster kid Pergunta ansioso pela Resposta, Papyrus sorri por baixo da Máscara e Exibe os Músculos que Não tem

 — Faz tempo que eu Não treino com a Undyne, Mais se você continuar perseguindo Ela, Irá conseguir seu Próprio Treino! Foi assim que eu Consegui o Meu! — Papyrus fala —  Wowie, Sans me pediu pra vir te buscar, se Quizer levar esse Seu amigo junto, Não haverá problemas

 — Sans? Quem é Sans? — Monster kid Pergunta enquanto puxava a Manga de Frisk

Frisk tosse — O Sans... É irmão mais Velho do Papyrus... Representante da Máfia e... Só, Você viu ele ontem de Noite quando estava assistindo

 — Oooh! — Monster kid fala, Como se tivesse entendido — é que a Undyne fala Mal dele, dai eu pensava que ele fosse tipo um "Inimigo de 8 pernas"

 — Eu não entendo, Sans sempre falou que ele tinha 3 Pernas, Você fala que ele tem 8, e eu Só vejo 2! — Papyrus fala na Maior inocência —  Espera... — Ele fica pensativo —  Meu deus... Frisk, me perdoe por falar isso

~•~

 — Então... Oque está pensando em Fazer final de Semana? — Chara pergunta, ela tinha Saido escondida do Apartamento — Sua vida é muito Neutra, ninguém sabe oque Você vai fazer...

 — Ah, Eu geralmente Cuido da Confeitaria, Converso com Gaster sobre a Economia, E tenho que aguentar as Merdas que saem da Boca do Metta... — Muffet fala — Você não deveria estar aqui...

 — Eu sei, mas Mesmo estando Livre, ainda me sinto presa... acho que Pra acabar com essa Sensação eu preciso andar pelada Pela rua... — Chara fala normalmente —  Isso sim é sentido de Liberdade

Muffet ri — Você não poderia estar falando sério... Afinal, se eu Fosse você, eu já Iria ter voltado pra No Light a Muito tempo... — Muffet diz — Não Conte pra ninguém que eu Disse isso, Mas se uma Máfia inimiga me soltasse, eu iria fugir na Primeira Oportunidade.

 — Pense bem... Se eu Fugir, Sans irá mandar alguem atrás de Mim, ou até Varias pessoas... Mas, Você concorda Comigo que se ele Conseguir, eu Iria ser morta. — Chara fala

 — Mas você já ressuscitou, Consegue fazer isso Denovo, certo? — Muffet diz, enquanto Confeitava alguns Bolinhos

Chara ri — Claro... Mas... Espera! Você conhece o Poder da Determinação? —  Ela se espanta, Mas logo ignora — Bem, Se eu viver outra Vez, teria que me afastar da Máfia, e, Eu aprendi Sobre seus Sistema de vigia... Uma de suas Aranhas iria me achar em Minutos... Minha vida se tornaria um Inferno.

 — Ora, Parece que você sabe pensar... Afinal... — Muffet diz enquanto sorria por baixo da Máscara —  Mas e quanto a Asriel?

 — Se eu Voltar pro Asriel, ele irá querer dar a Vingança sequestranso Frisk, e se ele Sequestrar ela, Sans irá vir atrás. E isso Causará Mortes de Muitas pessoas... — Chara Fala — Afinal, Asriel só pensa na Ideia uma Vez, ele não concretizá ela até dar Certo...

Muffet se espanta e se aproxima de Chara — Eu Pensava que você só gostava de Matar pessoas...

 — Não que eu Goste, e nem que não Goste. Mas isso causaria morte de Pessoas que eu considero alguem especial. Você acha que Sans não iria querer matar Asgore e Toriel? Se algo acontecer comigo, o Equilíbrio que Vivemos hoje será rompido. — Chara fala — Entende?

 — Sim... Bem pensado...

~•~

 [|||Toby continue>→>||]





Notas Finais


Minha mão esta doendo, Demorei pra postar pq Meu fone quebrou, e sem Música eu Perco a Inspiração, por isso esse Cap ta uma Bsta #MiDoaUmFonePlease #GemePlease


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...