História Young Love - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Romance, Yoonkook
Visualizações 19
Palavras 951
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem pela minha ausência de atualização de fanfic (wtf)
Mas eu tive enormes problemas:
- Tudo que eu tinha em meu pendrive foi excluído, nele tinha todo o conteúdo de Young Love, o final e as imagens dos capítulo, e todas as fanfics que eu pretendia finalizar e pensava um dia em posta-las no Spirit... e tudo isso causado pelos meus COLEGAS DE CLASSE, está ou estava (é amanhã, dia 14) uma gincana da escola e eu era a encarregada de produzir/gravar e editar ele, but, ficaram demorando para gravar o vídeo e um dia antes dar o vídeo eu fui a responsável de editar e demorou pra CARAMBA, e depois de todo editado e mandado para a mulher lá eu percebi que TUDO NO MEU PENDRIVE SUMIU, fiz de tudo para fazer os arquivos voltarem mas nada...
(sério, ainda tô super sad das minhas coisas terem sumido assim, sem mais nem menos)


GRAÇAS Á GOKU EU SEMPRE QUANDO NÃO TENHO NADA PRA FAZER NA AULA, PEÇO EMPRESTADO O CELULAR DA MINHA MELHOR AMIGA (Katarine, não é o nome dela mas chamo ela assim ♥ ou vagabunda imprestável, é amor demais ksksks) E O YOUNG LOVE SURGIU ENQUANTO EU NÃO TINHA NADA PRA FAZER, no inicio era apenas uma short-fic que nunca sairia dali, mas com a fúria em minhas costas de Katarine eu acabei deixando ela maior e postei.


♥ EU TE VENERO, KAT ♥


POR ENQUANTO FICARÁ SEM CAPA FOFINHA, MAS QUANDO EU ESTIVER EM CASA EU COLOCAREI, OK? ^~^

Capítulo 2 - Cap.2: Immotiless Min


O pequeno Coelho já se encontrava no hospital, onde dentro de sua pequena cabecinha era um lugar onde poderosos magos ajudavam a curar os humanos, pensou um pouco e algo veio em sua mente, Min dizendo que ele era um mago que iria proteger seu melhor amigo, Coelho.

- Min é um mago, ele vai ficar bem! - Olhou para Sra. Min que depois de tanto chorar deu um sorriso e passou as mãos nos cabelos de Kook que sorriu, um sorriso que curava qualquer tristeza.

- Obrigado, Jungkook - Ela passou o pano de seda fino abaixo dos olhos que escorreu uma lágrima - Você deveria ir para casa sua mãe ficará preocupada.

- Não, Não! - Negou balançando frenético sua cabeça - Se MinMin acordar e Coelho não estiver ao seu lado, Min ficará triste! - Sra. Min sorriu docemente com tal inocência de Kook, pegou o celular e discou um número que para Kook era grande, contou o tanto de toques que Sra. Min discou, era alto e ainda não tinha aprendido.

- Hãm... Sra. Jeon? - Sra. Min falou depois de esperar um tempo com o celular perto do ouvido, ligeiramente o Coelho que antes estava em pé sentou-se, sorrateiro como o seu pai o ensinou e tentou ouvir a conversinha que interessou ao ouvir que era sua mamãe.

- Jungkook está comigo no hospital, não aconteceu nada com ele... Yoongi sofreu um acidente - Olhou para Sra. Min que tentou não deixar lágrimas caírem, em vão - Depois o levarei, ah, você irá vir? Obrigado, Kyung-ok - Desligou o celular e o pôs dentro de sua bolsa vermelha vinho de lado, viu o médico de aproximar e levantou-se.

- MinMin! MinMin! - Disse repetidas vezes para o médico que se assustou com o garoto.

- Oh, Min Yoongi, certo? - Sra. Min concordou - Ele ficará bem, mas o acidente deixou sequelas - Um susto repentino, fez Sra. Min cambalear pra trás.

- Como assim? 

- Ele ficará um tempo usando cadeiras de roda, seu estado não é grave apenas ficará dois dias de observação, podem ir visita-lo.

- Obrigado, doutor - Os olhos do pequeno vagou por todo o saguão do hospital, não sabia o que significava aquela conversa mas parecia não ser bom.

- Obrigado, mago! - Ele agradeceu e fez o médico dar uma singela risada e saiu. 

- Venha, Kook - Sra. Min pegou as pequenas e magrinhas mãos do Coelho e andou pelo saguão, o garoto parecia ter se assustado, nunca gostou de hospitais, mesmo que ele nunca havia ido até um, em sua pequena memória.

- Eles disseram que ele está no quarto 25 - Depois de alguns passos lá estava em sua frente, o quarto, o garotinho abriu a porta com enorme nervosismo vendo seu amiguinho dormindo, com um tubo grande nele.

- O que é isso? Não está machucando o MinMin? - Sra. Min sentou-se na enorme poltrona ao lado de seu filho, passou as mãos pelo seu rostinho.

- São tubos mágicos que vão curar o Min - Ela sorriu, gostaria de preservar a tal pureza e inocência do pequeno Coelho.

- Oh, faz sentido! - Foi até seu amigo e tocou sua mãozinha quentinha - Min é um poderoso mago que precisa de magia, e isso dentro é magia que só pode ser vista pelos magos! - Sra. Mim sorriu novamente.

- Está com fome, Kook? 

- Min deve estar.

- Quer ir no banheiro, Kook?

- Min deve querer ir.

- Jungkook! - Chamou a atenção do pequeno que estava super preocupado com seu melhor amigo - Você deve se preocupar consigo mesmo, sei que gosta do Min mas ele não iria gostar ver você mal por causa dele, eu cuido do Min.

- Mas eu posso ajudar!

- Claro que pode, mas tente se manter bem, Kook - Ela levantou-se - Você pode ficar um pouco com o Min? Buscarei alguns lanches para nós, tudo bem?

- Sim! - Ele levantou-se ficando sentado no lugar da Sra. Min - Cuidarei do mago, com minha vida -   Passou os dedos entre os de Min que continuava imóvel e dormindo.

- Obrigado, Kook - Ela saiu deixando o pequeno junto com seu filho que não se separava dele.

  Ficou vários minutos ao lado de seu melhor amigo até a porta se abrir e relevar uma pessoa diferente, ao fechar a porta foi mais claro que era Park Jimin.

- O que está fazendo aqui? - Perguntou para Chim que apenas andou até ele.

- Vim visitar o Min.

- Mas ele não gosta de você - Comentou tentando não ser rude com seu amigo.

- Eu sei, vim mesmo para te ver - Olhou para os lados envergonhado - Sinto que é minha culpa.

- Não é, Chim! - Coelho pulou da pequena cadeira e deu um rápido abraço em Chim - Tenho que ficar perto do Min sempre. 

- Entendo, ele é o mago! - Chim sentou-se na frente de Coelho ao lado também do adormecido mago.

 Os dois ficaram horas ali mesmo que a Sra. Min tenha aparecido com lanches para os garotos, á noite a Sra. Jeon apareceu e levou Chim e Coelho para casa.

- Minha mamãe vai me buscar? Ou vou ficar com o Kook? - Perguntou Chim para Sra. Jeon que dirigia o carro.

- Eu irei te deixar em sua casa, Chim - Disse parando no sinal vermelho - Na próxima vez você poderá ir dormir lá em casa.

- Certo, titia! - Chim havia sido deixado em casa e já Kook foi imediatamente para sua cama ao chegar no seu lar, dormiu ainda angustiado que Min acordasse logo.


Notas Finais


Vocês devem ter notado, ou não, que eu coloquei a fanfic em +16, e o motivo é que o Spirit não deixava eu colocar a fanfic em 14 por conter Shounen-Ai que o significado é "Boys Love" ou como um yaoi, só que mais leve, mas a fanfic é livre, não conterá palavras de baixo escalão, sexo, drogas etc.


Espero que tenham gostado ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...