História Your Bunny - Capítulo 16


Escrita por: ~, ~Gabs-chan e ~_Stranger_Girl_

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Daddy Kink, Jikook, Namjin, Taegi, Vhope, Vkook, Yoonseok
Visualizações 57
Palavras 735
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hi... desculpem pela demora... boa leitura.

Capítulo 16 - Como derreter um coração


Jungkook on:

Estava com Jimin sentado em meu colo,  assistíamos um filme qualquer ao qual nem me preocupei em saber o nome. Ele por  outro lado, parecia estar vidrado no mesmo. Não queria continuar assistindo aquilo, era mais um daqueles romances colegiais que Jimin era fascinado. Passei meus braços por sua cintura fina, logo acariciando o local pude notar um sorriso  surgindo dentre os lábios do menor. Ele é fofo. Apoiei minha cabeça em seu ombro, porém meu rosto se encontrava na direção de seu pescoço, dei uma pequena risada sapeca e aproximei meus lábios do mesmo, ele parecia inquieto o que só melhorava a situação. Percebo que se arrepia quando chego mais perto, fingindo ainda estar surpreso com os acontecimentos do filme.

- Olha que legal o filme, não é, Kookie?!- diz, dando uma risada meio nervosa. Estreito os olhos

- Nada me parece mais interessante que você no momento.- dou beijos no seu pescoço e sorrio em seguida. Ele solta um pequeno gemido, e o abraço pela cintura. Não queria prestar atenção ao filme, mas ao mesmo tempo, queria que aquele momento nunca acabasse. Sentia algo estranho. Algo como se... como se aquele momento não fosse se repetir de novo. Suspiro. Meus sentimentos sempre acabam ferrando as melhores partes da minha vida. Nunca consigo pensar positivo sobre algo ou alguém, sempre desconfio que aquilo não vai durar muito, que não vai continuar tudo perfeito como parece. E se estivesse certo? Ah, estava com medo. O aperto mais, colando nossos corpos. Sorri. Seu sorriso. Eu ficaria triste se me deixasse, apesar de não saber exatamente o que estava sentindo por ele. Ainda assim, não aguentaria o perder. Não confiava que continuaria acordando do seu lado, vendo seu rosto meio amassado, seus olhinhos se abrindo vagarosamente, se virando pro lado e murmurando algo como: "Bom dia, Kookie...". Ah, eu sentiria muita falta do seu cheiro, do seu jeito, de tudo.

- Minnie.- falo, inseguro.- Eu... eu... te amo...- ele me encara por um segundo, colando nossas bocas no mesmo instante. Seus olhos se fecham e ele sorri durante o beijo.

- Eu também, Kook. Prometa que nunca vai me deixar, hum?- comenta, passando seus lábios sobre os meus, com carinho. O viro pra mim e seguro seu queixo.

- Eu não conseguiria. Nunca. Prometo.- aperto sua cintura e sorrio. Estava um pouco melhor agora. Tinha feito uma promessa. Não deixaria de cumprir. O baixinho selou nossos lábios novamente, em  um beijo carinhoso, retribuí sem nenhuma cerimônia, apesar de não amá-lo, tenho que admitir que o mesmo tinha um dos melhores beijos que já havia provando, só não supera o de Taehyung. Ah, Taehyung, como eu queria que estivesse comigo neste momento.

Inconsciente, imaginei o dono de meus pensamentos no lugar do Park. Não sei por que razão, mas acabei levando nosso pequeno ósculo que começará lento e calmo ao outro extremo, em questão de segundos estávamos disputando por espaço, nossas línguas se moviam em sincronia, puxei o menor pela nuca aprofundando um pouco mais o ósculo.

Infelizmente, o ar se fez presente, redobrei a consciência piscando os olhos freneticamente, Jimin deve ter achado minha confusão engraçada já que começou a dar aqueles risinhos que só apenas ele sabia, mostrando-me seu eyes smile que sempre achei seu charme particular. Porém, após alguns minutos me dei conta de que não era Taehyung ali na minha frente, que não era ele a quem eu havia beijado, não era meu Taehy.
Sabia que algo em mim estava errado, só não esperava que fosse tanto.

Droga, o que está acontecendo comigo?!

Jimin me abraçou apertado, não sabia mais o que pensar. Minha mente estava a um turbilhão de pensamentos que não se cessavam. Fui interrompido de meus pensamentos com doce voz do baixinho.

- Kookie? -questionou-me com as bochechas rubras. - Se ... se o Taehyung voltasse - ele parou bruscamente sua fala tomando fôlego - Você ainda me amaria? -  disse tudo de uma vez. Prendi a respiração durante alguns segundos. Realmente, eu estava confuso.
Franzi o cenho em sinal de confusão, porém ao avisar aquelas orbes negras tive uma senti uma pequena dor em meu peito. Ele esperava uma reposta positiva, mordia os lábios carnudos em sinal de nervosismo. Não, não e não. Eu tinha que fazer isso.


- Sempre - respondi, com um sorriso que se assemelhava ao de um coelho. Sabia que  aquilo derreteria seu coração.

Notas Finais


~~Byee


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...