História Your fault - Imagine Hoseok ( J-Hope) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 270
Palavras 1.368
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OIIIIIIIIIII PESSOINHAS, VOLTEI E ATE RÁPIDO DEMAIS >.< mas tuduh bem voltei pois amo vocês

Bem esse capitulo será maior \@w@ yeyyyy
Espero que se divirtam e como sempre amem muito o hoseokão
2 beijos da unnie

Capítulo 2 - Por que eu fiz isso?


Hoseok Pv'On
     
            

  Ela foi embora... sem dar nenhum adeus.. nem se despedir e eu... não pudi fazer nada além de gritar o nome dela para as costas da mesma e a ir embora, pra ser sincero eu sabia o motivo dela ir embora, dela estar desse jeito comigo, eu conhecia _____ desde pequena, aquela menina de cabelos _____ ( cor do seu cabelo ), olhos ____ ( cor dos seus olhos ). A gente ainda estava na 1ª serie, eu tinha acabado de entrar naquela pequena escola, ninguém me conhecia e eu não conhecia ninguém, ninguém queria falar comigo, ninguém se importava comigo, até que aquela pequena garota tentou falar comigo apesar de tudo, não importava em ser julgada, não importava com o que os outros pesavam, minha pequena _____.
            A partir dai nos tornamos amigos, e eu fui aprendendo mais sobre ela e a conhecendo, e o mesmo com ela, ela foi aprendendo sobre me e me conhecendo, isso aconteceu tão rapidamente que em quase 1 mês já sabíamos quase tudo sobre um ao outro, eu descobri os medos dela e elas os meus, descobri o motivo dos medos, algo que eu admirava e admiro em ____ até hoje que ela sempre tem um motivo, nunca é "porque sim" ou "porque não" ou também "apenas curiosidade" ou "sei lá", parecia que essa frase não existiam no vocabulário dela, isso era incrível, no minimo para mim, eu a admirava realmente por muitas coisas, _____ era praticamente perfeita pra mim.
           Em um dia quando a gente já estava acho que na 5° serie, eu num dia normal na casa de _____ apenas pra visitar mesmo, depois de nos tornamos melhores amigos, eu ia visitar tanto ela que os pais dela nem se importavam mais comigo, já confiavam em mim, nesse dia eu acabei fazendo uma promessa a ela, eu me lembro exatamente como aconteceu.

          Flashback on

         -Yah _____!- eu falei chamando a atenção dela que logo olhou pra mim.

        -Que foi hoseok?- Ela dizia num tom calmo, ela sempre respondia qualquer pergunta que eu fazia com a maior paciência, quando ela não tava de mal humor óbvio.

        -Por que você se aproximou de mim, naquela época, na 1ª serie.- eu a olhava com um olhar curioso.

        -Na mesma época, minha melhor amiga havia se mudado e eu perdi o contato dela.- ela fez uma pausa e pensou um pouco - Pra ser sincera eu sei que ela apenas não queria mais falar comigo, ela praticamente me abandonou... ei hoseok você não vai me abandonar nunca né?- ela dizia de certa forma preocupada, eu dei um riso que como ela mesmo dizia " quando você ri me deixa mais feliz, mais calma, me conforta.. eu gosto disso" e agora ela que me olhava com curiosidade nos olhos.

        -Óbvio que não ____!Porque pergunta isso?- Eu falei

       -Pra ser sincera não gosto de ser abandonada... não é como se alguém fosse gostar disso né ___!- Ela falou consigo mesma por um instante e eu peguei a almofada que estava no meu lado e abracei a mesma arqueando um sobrancelha.
   
       -Você tem medo de ser abandonada?- Eu falei e na mesma hora ela mexeu a cabeça 3 vezes pra cima e pra baixo demostrando que sim, ela tinha medo. -Yah ____, tudo bem, nunca lhe abandonarei!-

       -Mesmo? Promete?- Ela me olhou mostrando o mindinho e logo eu enlacei o meu mindinho no dela dando um sorriso fechando os olhos e minha boca ficando num formato de coração.
    
         -Prometo!- Ela sorriu mostrando os dentes e fechando os olhos também mas a boca dela não formava um coração, ela até já havia tentado me imitar, tentando fazer um coração com a boca mas nunca conseguiu e eu ri me lembrando desse fato na hora.

           Flashback Pv'Off

   
        Mesmo sabendo disso eu me afastei dela, eu era extremamente apaixonado por ela, no 2º do colegial que é o ano que estamos agora pelo menos, aquele amor que eu tinha por ela só aumentava, principalmente eu ela tava ficando cada vez mais bonita, mais inteligente, entre outras coisas, resumindo ela ficava cada vez mais perfeita do que era, e eu pensava que aquele amor nunca seria correspondido, ou melhor ainda penso pra ser sincero, e para ver se esse amor que eu sentia parava, passava eu me afastei dela.
         No começo ela ia atrás perguntando pra mim coisas como "o que houve?", "aconteceu algo?", "fiz algo de errado?" e etc, depois de um mês ela parou de me seguir, mas sempre que me via ela continuava a perguntar, depois de 3 meses ela parou de perguntar e as vezes só chamava meu nome mesmo, depois de 4 meses ela aparentemente não fazia mais nada, mesmo assim eu não conseguia parar de ama-la, pra ser sincero eu até cheguei achar que ela desistiu rápido, a conhecendo, e realmente ela desistiu rápido e tinha um motivo como sempre, o irmão mais velho dela no qual ela mesmo era muito apegada estava muito doente, ele estava com câncer e isso a fez ficar muito triste, sabendo que ela já perdeu o irmão mais novo uma vez também por doenças mas não por câncer exatamente.
         Ela precisava de um consolo, alguém pra desabafar, ela estava péssima, custava para se alimentar direito, dormir e etc, nessa hora eu realmente queria me aproximar dela mas o que me faltava era coragem, eu não conseguia mais me aproximar dela depois de ter me afastado por 4 meses, eu não consegui criar coragem... Eu a "abandonei", depois de algumas semanas não muitas, o irmão dela não suportou a cirurgia e faleceu infelizmente, ela começou a ficar pior do que estava e agora se coragem me faltava, estava pior eu estava em -1000 de coragem, por causa das noites mal dormidas, e a falta de alimento ela estava visivelmente pior, nesse momento umas pessoas que não gostavam muito dela se aproveitaram disso, e começaram a falar mal dela, a bater e varias outras coisas horríveis, e eu não a ajudei...  
       Por que eu fiz isso? Esse era o pensamento agora que mais ecoava na minha mente naquela aula chata de historia, até o sinal tocar me acordando de qualquer pensamento e fazendo eu socar tudo pra dentro da minha bolso, colocar um casaco e sai dali com pressa estava praticamente correndo para chegar logo em casa, eu queria chorar mas não seria na frente de ninguém, com essa pressa toda nem notei alguém me chamando.

       -Hoseok. Hoseok! HOSEOK PORRA!- Era Taehyung me chamando, só quando ela gritou que eu conseguir escutar, e me virei bruscamente pra o ver com uma cara de " você ta surdo porra?".

            - Que foi?-Eu falei mais rápido que o normal como eu disse eu estava com uma puta pressa, quando ele notou isso e que eu estava quase chorando ele logo me puxou pelo braço para a quadra da escola que naquele horário não tinha ninguém, estava vazia, ela pegou uma bola de basquete e ficou quicando no chão me olhando.

          -O que aconteceu hyung?- Ele perguntou - Qual o motivo da pressa e de você estar praticamente chorando? Não me diga que é por ____ de novo?- Eu assenti com a cabeça e ele arqueou uma sobrancelha curioso e com cara de tipo "me conta antes que eu te obrigue", eu sempre falava tudo pro Tae, podemos dizer que ele era meu psicologo e conselheiro.

           -Ela saiu da escola e a culpa é minha Tae- Eu disse com a voz tremula

           -Ah não nem venha se culpar não, primeiramente a culpa por parte é sua sim pelo menos pelo o que eu sei, não é só culpa sua e segundo  você se afastou dela pra parar de gostar dela ou pra se arrepender? Se você gosta dela apenas vá atrás, você pode mudar de escola também e etc, mesmo que o amor não seja reciproco, você já ta na merda, agora só falta por Glitter na merda, pior do que já ta não pode ficar- Ele falava e eu o olhei com uma cara não muito boa de mistura de choro, e tristeza e raiva - Ta ta,mas de qualquer forma a decisão é sua, o que vai fazer?-

         -Eu.... 

   


Notas Finais


E ACABOU O CAPITULO DOIS!!! DEIXANDO TODO MUNDO CURIOSO.. eu espero...
O que acham que vai acontecer pessoinhas?
UNI MONI MONI ~@^@~ ignorem sou meio doida
Até o próximo capitulo e dois beijos de sorvete pra vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...