História Your Smile In My Mouth-Camren - Capítulo 45


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, One Direction
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, Lauren Jauregui, Louis Tomlinson, Normani Hamilton, Zayn Malik
Tags Camren
Exibições 451
Palavras 1.257
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Poesias, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 45 - Não é um Adeus, e sim, Um Até Logo


Fanfic / Fanfiction Your Smile In My Mouth-Camren - Capítulo 45 - Não é um Adeus, e sim, Um Até Logo

Camila VOZ

Zac ainda está tentando me convencer a ir com eles pro lago patinar...

-Vai ou não Camila?-ele me pergunta

-Deixa pra outro dia. Sexta podemos ir os três, o que acham?-falo sujestivo e os irmãos se entreolham

-Camila, quando foi a última vez que você patinou no gelo?-emi pergunta

-Nunca-dou de ombros- por isso vamos os três juntos. Emily me ajuda a patinar, se eu cair o Zac me levanta e eu deixo ele rir do meu tombo-falo e batemos as mãos e rimos

-Então vou pro banho e vocês ficam ai-ele diz e sobe as escadas

-Vai querer ajuda no trabalho?-emi m e pergunta pendurando nossos casacos

-Eu me viro só, não se preocupe. Vou começar-falo e ela assente

-Vou fazer chocolate quente, vai querer?-ela pergunta e me viro pra ela antes de subir as escadas

-Claro, se importa de me chamar quando estiver pronto?-falo e ela diz que vai me chamar 

Subo as escadas e deixo a mochila na cama, sigo pro banheiro e tomo meu banho, volto pro quarto e ouço emi falar com zac um horario pra voltar e visto um conjunto de peças intimas e ouço alguém bater na porta

-Posso entrar?-emi pergunta

-Entra-falo e vejo a porta abrir

Ela para e fica me olhando inteiramente e vejo que segura os chocolates na mão

-Des-desculpa eu não... É que voc..-ela gagueja e eu riu e escuto zac falar abafado 

-Por que minha irmãzinha está gague..-ele para e me olha de ponta a ponta- jando...

-O que vocês tem? É quase a mesma coisa que biquini, nunca virão não?-falo vestindo um blusão 

-Camilinha, meu amor, casa comigo agora!-zac fala rindo e sai do quarto

-Desculpa por isso-emi fala e me entrega o chocolate quente

-Não tem problema, ele só está brincando e eu e você temos as mesmas coisas-falo e ela senta na cama comigo

-Eu vou fazer compras, você quer alguma coisa?-ela me pergunta

-Quero, morangos e um pote de nutella-falo entregando o dinheiro pra ela

-Anotado, Cabello. Volto em algumas horas-ela diz e sai do quarto

Pego as folhas e começo a ler e responder. Ler e responder. Tem algumas coisas que não sei então ligo o notebook e a tela inicial abre e me mostra a tela de proteção, eu e Lauren, primeira foto que vi ela sorrir. Não entendo como ela e a professora podem ser tão parecidas. Parece aquelas cenas de The vampire Diars, onde Elena é a cópia de Katherine... Bem louco. Foco no trabalho e termino de responder, guardo todo o material, e vejo se tenho algum e-mail.

De: Camila Cabello

Data: 28 de novembro de 2016  20:08pm

Para: Lauren Jauregui

Assunto: Chegada

Oi, Lauren. Eu queria ter voltado pra você no porto, queria ter te esperado mais no aeroporto. Te vi na pista de vôo, Dj te segurando com um dos seguranças, não sabe o quanto me doeu o peito por ver aquela sena. Mas você demorou muito pra me dizer "Te Amo" e eu não pude mais esperar. É meu sonho de medicina pediátrica, não pude recusar. Não é um adeus, e sim, um até logo. Não podemos esperar uma a outra, não sei se terei propostas de emprego por aqui, mas 5 meses são o tempo que termino os estudos então talvez eu fique por aqui. Você não sabe o quanto me doi falar isso, mas não pertencemos uma a outra agora. 

                                                                                                                                                                              -Da Camz...

Fecho a tela do notebook e me jogo na cama agarrada ao travesseiro e choro, choro por tudo que acabei de enviar pra ela e por tudo que aconteceu. Meu pai tem razão, são meus estudos e vai ser melhor assim, foi a chance única que meu pai conseguiu pra mim e não posso jogar tudo pro ar e sair correndo atrás de Lauren, já fiz muito isso. Cheguei no meu limite de desculpas, mas eu a amo tanto, tanto, que a única coisa que vai me ajudar agora é a distância, graças a ela vou ser forte pra não voltar atrás.

Desço na cozinha e vejo que Emi ainda não voltou, pego uma maçã e sento no balcão e fico um tempo olhando pro nada. Ouço a porta abrir e então desço do balcão e vejo que é zac e não emi. Ele deixa os patins na sala junto com o casaco.

-Camilinha, está muito sexy ultimamente-ele diz e rouba minha maçã

-Ei, não se acostuma a roubar minhas maçãs não-falo voltando a sentar no balcão

-Claro que não, mas nunca vamos passar disso, então, tenho que aproveitar-ele fala e da outra mordida na maçã- Cê quer água?

-Quero!-falo e ele joga o que sobrou da maça no lixeiro e pega duas garrafinhas de água para nós e me joga uma

-Vamos assistir algum filme?-ele pergunta bebendo água

-Vamos, qual? E como foi no lago?-pergunto saindo de cima do balcão

-Maze Runner. E foi legal lá você e minha irmã deveriam ter ido. Faz pipoca?-ele diz e pega o filme na sala e eu volto pra cozinha

-Pipoca pra quantas horas de filme?

-Duas, Camila- ele coloca o dvd e deixa parado e vem me ajudar na cozinha- o que acha de pedirmos pizza?

-Perfeito, peça e ligue pra sua irmã, estou preocupada com sua demora 

-Okay, senhora responsável-ele diz e sai correndo pelas escadas

Faço as pipocas e olho na geladeira e só tem suco pra beber, Zac chega na cozinha e diz que já encomendou a pizza com refrigerantes e que Emi ficou com o carro preso na neve e teve que dormir na casa dos pais por ser perto do supermercado. Então vamos pra sala e comemos a pipoca, quase na metade do filme a pizza chega e ele insiste até que eu o deixo pagar...

Continuamos a assistir e desligamos o aquecedor, optamos pela temperatura normal e ligamos quando formos dormir...

-Está com dores no pescoço?-pergunto e pego outro pedaço de pizza

-Não, é que a posição no sofá está desconfortável- so agora percebo que estou ocupando um grande espaço 

-Vem, deita aqui-falo e ele me olho- deita no meu colo, coloca a cabeça aqui-falo e ele ri

-Ta falando sério?-ele pergunta após ver me expressão fria 

-Deita logo Zac, para de gracinha- digo e ele deita a cabeça nas minhas pernas e continuamos assistindo o filme

Do nada me pego fazendo carinho nos cabelos dele e o mesmo se meche e me olha com um pouco de dificuldade.

-Você faz um bom cafuné, Camz...-ele diz e um lágrima me percorre o rosto 

Ele se senta de frente pra mim e me abraça, fico nos braços dele, um abraço forte e com um tom de casa, me sinto bem. Ele me abraça e alisa meu cabelo, depois me afasto o olhando e ele enxuga minhas lágrimas e beija minha testa.

-Quer falar o que foi?-ele me pergunta e permaneço em silêncio

-Lauren... Ela me chamava de Camz, como você acabou de me chamar-falo e ele segura meu queixo fazendo-me olhá-lo 

-Quer que eu pare de te chamar assim? Podemos inventar vários outros apelidos tipo... Rouba maçã-ele fala e me faz da um leve riso

-Esse tá mais pra você do que pra mim-falo e o abraço- Pode me chamar como quiser, não tem problema

-Okay.. rouba maçã-ele fala e ganha um tapinha meu 

Terminamos de ver o filme e são 22:06pm, fomos  pro quarto depois de arrumar a bagunça, amanhã vamos acordar cedo porque vamos andando até nosso rumo. Me deito e logo durmo abraçada ao travesseiro mas lágrimas ainda me escapam...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...