História You're Crazy, But I Love You! - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Amizade, Bts, Romance, Tae, Taehyung, Trabalho
Exibições 156
Palavras 1.303
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem... <3

Capítulo 9 - I will not lose you, I can not lose you!


Fanfic / Fanfiction You're Crazy, But I Love You! - Capítulo 9 - I will not lose you, I can not lose you!

Eu acordei em um lugar estranho, tudo branco. Onde exatamente eu estou? Comecei a olhar, procurando por algo ou alguém que eu conhecesse, então percebi, estou em um quarto de hospital. Olhei para o outro lado e vi uma enfermeira em pé, mexendo em alguma coisa. Murmurei baixo. 

-Kim Tae Hyung! Não faça esforço... 

-Oque aconteceu? 

-Pelo que eu sei, você invadiu a pista contraria e bateu de frente com um outro carro... Você só teve ferimentos leves. - Então me lembrei, Sohyun estava comigo! 

-Sohyun?! Cade ela?! - Me apavorei

-Ela... Está em observação... 

-Eu quero falar com alguém! 

-Vou chamar... Com licença e por favor, não tente se levantar! - A enfermeira deixou o quarto 

Depois de algum (Longo) tempo de espera, escutei um tipo de ruídos e depois quando foi se aproximando mais, já parecia uma conversa, vi a maçaneta da porta se mexer e logo a mesma se abrir, dando espaço para Jin e Hoseok. 

-Como se sente? - perguntou Omma Jin

-Sobre o que?

-Corpo? Ferimentos? - Hoseok falou enquanto deu uma leve risada

-Taehyung, ficamos preocupados! Todos os membros, mais só podia entrar 2 pessoas, então resolvemos que o mais velho e o melhor amigo deveriam entrar... 

-Eu quero saber da Sohyun... Ela está bem? - os dois se entre olharam, e eu consegui sentir, coisa boa não é.

-Ela... - Jin deu uma pausa

-Não me enrolem! Contem a verdade! - eu já estou completamente apavorado por dentro, por culpa minha eu a machuquei. Por causa de uma simples e boba discussão estamos no hospital...

-Sohyun perdeu muito sangue... O estado dela é... Grave... E pelo que ficamos sabendo, ela está em coma. - Jin dava leves pausas enquanto falava, tudo culpa minha!

-AISH! - Gritei - É CULPA MINHA... 

-Tae, não foi culpa sua... - Hoseok tentou me acalmar 

-Como não?! - Falei em um tom alto, porém, não gritei 

-Você vai receber alta amanhã... - Hoseok começou a falar más eu o interrompi

-Olha que ótimo?! Eu recebo alta e Sohyun que não teve culpa nenhuma está em coma e está em estado grave! Oque quer que faça? - os dois abaixaram a cabeça. 

-Não tem nada que a gente possa falar pra te fazer se sentir melhor... O Jeito agora é esperar e torcer para Sohyun ficar bem.  - Falou Omma Jin

[...]

Eles foram embora, eu tentei dormi, não consegui, além da cama ser extremamente desconfortável, eu não consigo parar de pensar nela (Sohyun). Foi culpa minha... Se ela morrer? Não! Ela não vai. 

~Quebra de Tempo~

Eu recebi alta, fui pra casa a exatos 2 dias. Não me deixaram ir ver a Sohyun ainda, mais parece que o estado dela não está nenhum pouco melhor, está estável, permanece do mesmo jeito. E meu sono também, eu tenho muito, porém não consigo dormir. Dirigir? Ainda não consigo entrar no carro direito, antes de chorar. Mais hoje, eu vou vê-la, vou visita-la no hospital, eu não queria ver ela daquele jeito, mais eu realmente sinto que devo visitar ela todos os dias de agora em diante. A culpa foi minha. E ninguém ira tirar isso da minha cabeça, quanto a minha paixão pela Sohyun, eu ainda não consigo entender. E nem quero, por enquanto não, quando ela estiver melhor e sair do hospital, eu irei pensar sobre o tal assunto. Me sinto tão culpado. 

[...] 

Cheguei no hospital, e fui até o quarto onde ela estava. Só de olhar pelo vidro, senti meus olhos se enxerem de lagrimas. Tomei coragem e entrei. O ambiente não é agradável, nem um pouco. Cheguei bem pertinho da cama, e todos aqueles aparelhos nela, não consegui segurar, uma lagrima insistente escorreu pelo meu rosto e rapidamente eu a limpei.

-Oi... - Falei baixo - Hyun, é o TaeTae, espero que você melhore e fique bem logo.

Algo me surpreendeu, ela respirou mais forte, eu me assustei. Mais olhei pra uma enfermeira que estava olhando pelo lado de fora que sorriu e eu entendi que isso era normal. Olhei pra enfermeira novamente que fez um sinal com as mãos, como se estivesse dizendo para falar mais. 

-Me desculpe Hyun... Eu não estou nada bravo com você. E quando sair daqui, iremos nos divertir muito juntos! Como fazemos desde que nos conhecemos... Ahh Hyun, eu vou vir aqui todos os dias! Não irei de deixar sozinha! Vou te contar todas as novidades também... - Minha voz começou a falhar, eu já estava chorando - Me perdoa pequena Hyun... - pausei - Me perdoa... - a última parte saiu quase em um sussurro - Eu vou sair, é rápido, daqui a pouco eu volto... - Passei as mãos pelo meu rosto, limpando as lagrimas, meus olhos ainda estavam inchados, mais isso não tem como esconder

Fui até a sala de espera, onde todos os membros estavam me esperando. 

-Andou chorando? - Perguntou Jimim, eu não respondi 

-Ela vai ficar bem... - Jungkook falou. Do nada algumas enfermeiras correram, e eu as vi entrar no quarto onde Sohyun está. 

-Oque tá acontecendo? - perguntei baixo, quando fui correr Namjoon me segurou

-HEY! Calma. - Falou o mesmo 

-Como?! - Um médico veio até nós. E eu gelei na mesma hora. 

-Vocês estão aqui por causa da paciente Sohyun? - Perguntou 

-Sim... - Omma Jin tomou a frente da situação 

-Bem, só pode ser milagre... - Oi? Pera, como assim?

-Oque quer dizer com isso doutor? - Perguntou Jungkook 

-Bem, ela, depois que o senhor saiu do quarto, ela teve uma leve melhora repentina! Ainda não acordou, mais provavelmente por causa dos remédios e calmantes para ela não sentir dores... Iremos diminuir as doses e ver qual será a reação da paciente! Acho que seria bom o Sr.Taehyung vir frequentemente para vê-la, você parece ajudar bastante na recuperação dela, é algo que raramente acontece, vocês devem ter uma ligação muito forte pra isso... - Senti minha bochechas corando levemente, e vi os membros dando sorrisinhos 

-Eu posso ir agora? - perguntei e o Médico fez sinal de sim com a cabeça e então eu corri para  o quarto. 

Cheguei no quarto e a mesma enfermeira que estava me vigiando mais cedo estava lá. 

-Eu não sei oque você falou com ela... Mais, parece que ela se sente bem com a sua presença, oque quer que seja que você tenha falado pra ela, se quer que ela melhore, continue a conversar com ela, ela pode escutar tudo, ela só não tem forças pra responder... - A enfermeira saiu do quarto 

-Hey Hyun, eu falei que voltaria rápido não é? - Acabei me lembrando, foi por causa de um atraso, meu atraso, que a discussão começou, esqueça Tae, agora, fale com ela, isso é mais importante. - Se lembra que eu falei que iria cantar pra você algum dia? Acho que vou cantar um pouco para nos distrairmos, oque acha? 

"Eu te quero muito, muito, muito, muito

Eu te quero muito, muito, muito, muito, muito, muito

Eu te quero muito, muito, muito, muito

Eu te quero muito, muito, muito, muito, muito, muito

Não importa o quanto doa, me aperte mais, para que eu não possa escapar

Abrace-me fortemente e me balance até que eu fique inconsciente

Beije meus lábios, lábios, esse é um segredo que fica apenas entre nós dois

Eu estou viciado nessa prisão que é você

Eu não posso adorar ninguém mais além de você

Eu sabia muito bem que estava bebendo do cálice envenenado

Meu sangue, suor e lágrimas, minha última dança

Leve-os todos

Meu sangue, suor e lágrimas, minha respiração fria

Leve-os todos

Eu te quero muito, muito, muito, muito

Eu te quero muito, muito, muito, muito, muito, muito

Eu te quero muito, muito, muito, muito

Eu te quero muito, muito, muito, muito, muito, muito"- BTS, Blood Sweat & Tears

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado, e não me matem por favor!!!!

COMENTEM <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...