História You're Mine - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts Got7
Visualizações 5
Palavras 528
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Estava com uns problema de saúde, então dei uma afastada, mas aqui estou eu de novo.
Espero que gostem
E desculpa qualquer erro

Capítulo 2 - 2


Maya On 

Estava no "meu" quarto esperando alguém me apresentar o Senhor Park. Na minha cabeça ele era um velho, nojento, asqueroso. 

Não tinha nada pra fazer nesse lugar, desci pra sala esperando encontrar algo pra fazer e advinha: isso mesmo nada. Mas que mierda mesmo.

- O que a Senhorita faz fora do seu quarto? - Olhei pra trás e vi um rapaz muito bonito, ele era alto mas nem tanto, tinha os lábios carnudos, cabelos platinados e um corpo que UAU.

- Eu não tinha nada pra fazer então resolvi descer pra ver se achava algo. - Ele me olhou de cima baixo, isso é meio irritante.

- Não quero saber se você não tem nada pra fazer, não irá sair do seu quarto enquanto eu não permitir. - Quem esse babaca acha que é? Até parece que eu vou ouvir o que ele diz.

- Desculpa mas quem é você pra falar assim comigo? Você não tem o direito de dizer o que devo sim ou não fazer. - Palhaçada viu. 

- ESCUTA ASSIM SUA VADIAZINHA EU SOU O DONO DESSE LUGAR, EU SOU PARK JIMIN, ENTÃO TUDO QUE EU MANDAR VOCÊ FAZER, VOCÊ IRÁ FAZER. SE NÃO ME OBEDECER, SERÁ PUNIDA. - Depois desse super grito ele saiu puxando meu braço. Ele foi em direção ao "meu" quarto me jogou lá dentro e trancou a porta. 

Corri pra cama e comecei a chorar. Porque ele está fazendo isso comigo?! Eu nunca fiz nada pra ele, nem o conheço pra fazer isso.

Park Jimin On

Depois de ter estourado com a menina, fui pro meu escritório, fiquei pensando em como ela é parecida com mulher que meu pai amou.

Meu pai nunca gostou da minha mãe, mas ele precisou casar com ela pra conseguir assumir o lugar do pai dele. Como ele é homem precisava suprir suas vontades então foi quando minha mãe ficou grávida de mim. No fundo minha mãe sempre soube que meu pai amava outra mulher. Minha mãe também sabia que meu pai a traia com outras mulheres, mas ela não fazia nada, aceitava tudo. Até que ela começou a ficar doente e faleceu, foi difícil não ter a presença dela, então assim fui ficando igual ao meu pai, um idiota que não sabe como tratar uma pessoa descentemente, trai a namorada e assim vai. Minha namorada é uma tonta, ela acredita que eu irei esperar ela até o casamento(ela ainda é virgem), eu não vou me casar com ela, nem sei porque ainda estou junto com Sook, ela é uma corna, os chifre dela é tão grande que não sei como passa pela porta. Ela sabe das coisas que eu faço mas sempre continua comigo.

Depois de ter bebido um monte, caio no sofá, ouço a porta do meu escritório abrir olho e percebo que é Sook.

- Ohh meu amor por que você está a assim? 

- Sook não enche, não estou com saco pra nada, vai embora, o que você veio fazer aqui? 

- Eu vim ficar com você, esqueceu que eu já tinha avisado?

- Esqueci, mas agora eu quero ficar sozinho, vai embora, ANDA SAI DAQUI.

- Calma Jimin eu estou saindo. - Ela sai batendo a porta.


Continua...


Notas Finais


Bom amores espero que tenham gostado
Beijos no kokoro baladeiro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...