História You're my star. - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Intriga, Namjin, Romance
Exibições 65
Palavras 1.641
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Fantasia, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Quase um mês sem postar né??? A omma sente muito meus brigadeirinhos T-T prometo que no próximo vai ter o talento esperado HOT (sim, eu fiz um do Eunhyuk de teste e eu acho que ficou bom pro primeiro hot ent...)

Boa leitura ^^

Capítulo 27 - Real dream


Fanfic / Fanfiction You're my star. - Capítulo 27 - Real dream

POV's Taehyung ON



Como eu não gosto de dormir sozinho, essa ideia de ter o próprio quarto não me alegrou nada, então eu sempre durmo com Jungkook ou Hoseok e como não achei o maknae no quarto dele então fui dormir com o hyung.


- J-Hope hyung, ta acordado? - Indaguei abrindo a porta com o travesseiro embaixo do braço.


- Entra Tae. - O mesmo respondeu com a famosa voz do Batman, ta não é a voz do Batman, mas quando ele ta bravo ou triste a voz dele tende a ficar mais grossa, super grossa e parece até a do Batman.

Entrei lentamente e fechei a porta do mesmo jeito. A cama do J-Hope era encostada na parede pelo lado direito e ele estava sentado na ponta da cama do lado esquerdo de cabeça baixa.


- O que ouve? - Sei que costumo fazer várias perguntas a todos os membros, e as pessoas que eu mais pergunto são J-Hope e Suga, mas fazer perguntas é necessário para resolução de qualquer problema (#TaeTaeFilosofo).


- Eu só... To pensando. - Respondeu ainda de cabeça baixa, me sentei do lado dele e continuei a perguntar.


- É sobre a Jiwool? - Olhei para ele.


- Creio que sim.


- Aish. - Deitei na cama olhando para o teto. - Você contou que beijou ela foi?


- Não, to assim porque... Vi o Jungkook entrando no quarto dela, provavelmente eles irão dormir juntos. - Respondeu bufando no final.


- COMO?! A Jiwool e o Jungkook vão... - Falei espantado me levantando.


- Não Taehyung! Você só pensa essas coisas! A Jiwool é muito inocente pra isso. - O mesmo deu uma tapa na minha nuca.


- Mas a um tempo você disse que eles poderiam estar transando e tudo mais. - Falei massageando a nuca.


- Isso foi antes de conhece-la direito. - Falou se acalmando.


- Ok então, temos que dormir J-Hope, eu não durmo aqui não, vou ver se o Suga deixa eu dormir com ele. Tchau. - Saí do quarto e daquele clima tenso que se formou e fui até o quarto do Suga hyung.

No começo ele revidou, mas depois de muita insistência minha ele deixou eu dormir no chão, mas eu sou esperto né? Quando ele dormiu eu subi na cama e me deitei. e.e


                          [...]

POV's Taehyung OFF


POV's Jiwool ON


Após o almoço novamente os meninos decidiram fazer brincadeiras na piscina, ta virando rotina agora. Yoongi por incrível que pareça se interessou e foi com eles, só eu e Jungkook ficamos na casa armando um plano para contar que estamos namorando para os oppas. Decidimos fazer que nem criança quando quer pedir alguma coisa a mãe, enquanto eles estavam na piscina, trancamos as portas e arrumamos toda a casa, sim, até o quarto do Jin e do Namjoon que ninguém, repito, NINGUÉM tem coragem de entrar. Eu não sei o motivo porém também não tenho coragem por causa de tantas coisas que o Tae e o Yoongi falam sobre esse quarto. O importante é que deixamos tudo um brinco e como já estava quase na hora do jantar o fizemos também. Eles entraram, tomaram um banho e vieram pra sala de jantar onde eu e Jungkook os esperávamos pouco receosos.


- Fizeram jantar... - Jin citou ao sentar-se juntamente com os outros. - Limparam toda casa inclusive meu quarto e o do Namjoon, o que aprontaram? - Ele nos olhou com aquele olhar fuzilador que só mães sabem fazer.


- Nós... Temos uma notícia. - Jungkook respondeu me abraçando de lado. - Sabemos que vocês tinham bastantes suspeitas e tudo mais.


- Então decidimos contar de uma vez que estamos namorando. - O interrompi.


Nos entreolhamos esperando a reação dos hyungs que por um momento permaneceram paralisados um olhando para o outro até que enfim Jimin resolveu falar.


- Vou contar pro Junghwan. - Após o mesmo falar ele começou a comer seguido por Hoseok que não falou nada.


- Parabéns! Finalmente temos um casal hétero nessa família né Namjoon? - Tae comemorou olhando pro hyung.


- Você me respeita em? - Namjoon deu um soco no ar na direção de Tae que fez os mesmos rirem.


- Eu já sabia disso, desconfiava que o Jungkook gostava da Jiwool, ele era bastante tímido perto dela e tudo mais, mas o nosso maknae mudou graças a Jiwool, agora ele é um homem.


- O quê?!?!? Você tirou a pureza minha irmã?!?!? - Jimin se levantou vindo até Jungkook.


- Não foi isso que eu quis dizer Jimin! - Jin gritou. - Jungkook está mais maduro, apenas.


- Sim... - O baixinho -não mais do que eu- se acalmou e voltou a jantar.


Nem Yoongi e nem Hoseok falaram nada ao decorrer do jantar, apenas concordaram em lavar a louça pois eu e Jungkook não faríamos nada segundo Jin pois já havíamos arrumado a casa e tudo mais. 


Fiquei mais aliviada pelo fato dos meninos terem aceitado que eu e Jungkook estamos namorando, tentei falar com Yoongi, mas ele se trancou na sala de instrumentos e e ficou tocando alto então eu preferi não insistir em nada.

Falei com Luan um bom tempo e depois de assistir dorama com o Jin todos foram dormir, e Yoongi parou de tocar.


- Vamos dormir? - Jungkook indagou se aproximando e logo depositou um selinho na minha boca.


- Pode ir dormir, não estou com sono. - O beijei calmamente e logo me afastei.


- Não demore, venha pro meu quarto hm? - Ele me abraçou e após ele se afastar eu assenti.


A casa estava completamente silenciosa, na cozinha eu só ouvia os barulhos da faca cortando o pão enquanto eu fazia alguns sanduíches. Fiz isso porque sempre que Yoongi se tranca no quarto eu fico em frente aporta com um lanche pra ele, já virou rotina e só porque o Jungkook voltou agora eu não quero deixar de fazer isso, além de que as nossas melhores conversas são de madrugada.


Após ter arrumado tudo na cozinha e subi e me sentei em frente a porta encostada na parede ouvindo o baixo som do piano. A melodia de I Need U é linda, ainda mais quando é tocada pelo Yoongi.


- Você ta aí? - Depois de um tempo o ouvi o mais velho ainda com a porta fechada.


- Está com fome? - Indaguei ainda sentada.


- Sim. - Ele abriu a porta e me olhou. - Muita fome.


Levantei e peguei o prato com os sanduíches. - Aqui estão, sei que não quer conversar, eu só não queria te deixar com fome. - Entreguei o prato a ele e fui andando pro meu quarto, mas antes de completar meu ato senti meu braço sendo puxado.


- Vamos conversar um pouco, por favor. - O olhei e sem hesitar entrei com o mesmo na sala.


Sentamos no tapete depois dele trancar a porta e eu o observei enquanto o mesmo comia. Ele era fofo quando enchia a boca de sanduíche deixando um adorável bico em sua boca enquanto mastigava.


- Você vai continuar me olhando? - Indagou ainda com a boca cheia e eu assenti. - Você não vai parar neh? - Neguei com a cabeça.


- Min Yoongi, você é fofo. - Sorri.


- Você mente muito mal Park Jiwool. - Reclamou e logo voltou a comer.


- Por que você não falou nada quando eu e Jungkook falamos e estamos namorando pros outros? - Deitei no tapete olhando pro teto.


- Eu já sabia, ou você não se lembra que me contou?


- Mas você e o J-Hope oppa ficaram calados, e não me encararam o resto da noite.


- Eu não tinha assunto. - Ele se deitou do meu lado. - Sabe... Assim que eu te vi, senti atração por você, e comecei a gostar de você, mas é como sempre aconteceu comigo. Quando você gosta de alguém... - Ele me olhou. - Outro sempre chega primeiro. - O mesmo suspirou.


- Peço desculpas, se soubesse que iria causar de certa forma sofrimento, nunca teria me aproximado do Jungkook, nunca teria dito a ele que o amo, e pra cotar o mal pela raíz, nunca teria aceitado entrar em uma banda de sete garotos. - Suspirei e mirando o teto branco enquanto Yoongi me encarava.


- Me permite fazer uma coisa? - Indagou levantando um pouco.


- Qual? - O olhei meio confusa.


- O que acontecer aqui, vai continuar aqui. - Ele ficou em cima de mim e me beijou.


Fiz de tudo para afasta-lo, mas ele continuou com a insistência e sem pensar no erro que estava cometendo eu cedi. O beijo era doce e delicado, mesmo estando em cima de mim ele era totalmente delicado e cuidadoso e de certa forma -não sei como- eu conseguia respirar. Aos poucos ele foi se afastando e eu olhei nos olhos do mesmo.


- Esse beijo nunca aconteceu Jiwool. - Ele me deu mais um selinho e se levantou indo em direção a porta.


- Jiwool? Jiwool você ta aí? - Yoongi passava a mão inúmeras vezes na frente do meu rosto.


- An? Quê? - Levantei assustada.


- Você ficou olhando pro teto do nada. - Falou confuso. Então eu tava imaginando?


- Eu preciso ir. - Levantei e saí da sala indo pro meu quarto.


"Meu Deus eu tava sonhando acordada, que sonho...."

Entrei no meu quarto e Jungkook não estava lá, então fui pro dele. Como ele estava dormindo não quis acorda-lo, então só deitei ao seu lado e o abracei por trás já que ele estava de costas para mim.


- Com quem você estava? - Indagou depois de um tempo.


"E eu jurando que ele tava dormindo."


- Com o Yoongi oppa, fiz um lanche pra ele, conversamos um pouco e aqui estou. - O abracei mais forte.


- Não quero você perto dele. - Ele virou-se para mim. - Você é minha Dakaria Bloon, só minha. - Desta vez um beijo verdadeiro envolveu meus lábios.


Conseguia sentir o ar quente de Jungkook e a forma que ele me deixava sem ar. Suas mãos passeando pelo meu corpo e o puxando contra si me deixava totalmente sem fôlego.


Notas Finais


Até o próximo meus brigadeiros ♡♡ semana de prova eu não tive tempo nem inspiração pra escrever, e ainda tem um trabalho do meu curso segunda T-T
Vida sofrida essa a minha

Tchau, não desistam de mim, amo vcs ♡sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...