História You're not in my plans - segunda temporada - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ed Sheeran, One Direction
Personagens Ed Sheeran, Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais
Tags Califórnia, Ed Sheeran, Harry Styles, Liam Payne, Los Angeles, Louis Tomlinson, Niall Horan, Romance
Exibições 66
Palavras 1.844
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá! Ahh essa semana passou se arrastando pra mim! Mas enfim o sábado chegou e eu tenho uma capitulo muito legal pra vocês hoje! A partir daqui as coisas começarão a andar entre o nosso amado casal Varry!
Xx Vane

Capítulo 6 - My little baby - Van Morrison


Fanfic / Fanfiction You're not in my plans - segunda temporada - Capítulo 6 - My little baby - Van Morrison

-Ed arruma esse cabelo. - Vitoria disse na sala.
-Amor já está arrumado.
-Vem aqui que eu dou um jeito. 
-Como estou? - Lena perguntou parando ao meu lado no espelho.
-Amiga você está um arraso, vai fazer o Niall babar. - ela revirou os olhos rindo.
-Com certeza ele só vai olhar, nunca mais chego perto da boca deliciosa daquele irlandês. 
-Suas palavras são um pouco contraditórias. - falei rindo.
-É, talvez sejam. - ela riu.
-Estou pronta. - falei terminando de passar meu batom vermelho.
-Você deveria usar batom forte mais vezes, combina com a sua pele branquinha. - Vitoria comentou.
Eu não costumava usá-lo muito mesmo, mas achei que combinaria com a ocasião.
-Podemos ir meninas? - Ed nos chamou da sala.
Vitoria estava com um short escuro de cintura alta, uma blusa preta longa, com aberturas dos lados e a parte da frente estava amarrada, nos pés suas amadas sandálias de guerreiro, era como eu costumava chamá-las. Helena estava com um short branco, uma camiseta cinza bem larguinha, que deixava sua barriga aparecendo um pouco, e sua tradicional botinha nos pés. Eu estava com um short de cintura alta também, só que mais claro que o de Vih, vestia um croppet branco que deixava um filete da minha barriga à mostra, e nos pés o tênis da adidas que roubei da minha irmã antes de vir pra cá. 
Ed estava com uma bermuda jeans e uma camisa xadrez, bem casual. Em Los Angeles estava um calor infernal, e por isso a festa começaria apenas a noite, para nos livrar do sol quente em nossas cabeças.
Estávamos indo para a festa de aniversário do Louis, e era isso o que eu precisava, uma festa, para me animar, para me sentir viva, mesmo sabendo que ele estaria lá, isso estranhamente não me incomodava, eu não tinha mais motivo para me esconder dele.
Perguntei a Ed se o aniversário do Louis não era dia 24? Já que estávamos no começo de dezembro. Ele disse que Louis costuma comemorar no começo do mês por causa do Natal e eu assenti entendendo a questão.
A casa dele era um pouco afastada da cidade, demorou um pouco para avistarmos a casa lotada de gente com luzes coloridas espalhadas por todo o jardim. Assim que nos aproximamos pude ver uma enorme piscina, a música era extremamente alta e convidativa. 
-Uma bebida? - um garçom nos abordou logo na entrada e todos nós aceitamos.
Andamos mais um pouco e achamos Louis conversando animadamente com alguns de seus convidados.
-Louis! - Ed chamou o cumprimentando.
-Eu não vou te dar feliz aniversário porque sei bem quando é o seu aniversário verdadeiro. - Vih falou e Louis riu assentindo.
-Não acredito que você está aqui de novo! Fiquei bem triste quando soube que você foi embora. - Louis disse me abraçando.
-Demorou mas eu voltei, como não voltar pra esse lugar? - ele riu concordando.
-Você precisa ver o Freddie um dia desses, está tão grande. - ele comentou.
-Eu adoraria ver aquele menininho de novo. - sorri pra ele.
-E como está? Voltou para trabalhar não foi? 
-Sim. Bom as coisas estão indo muito bem por lá se você quer saber. - falei feliz ao pensar nisso.
-Que bom que estão. 
-Vamos dançar? - Lena perguntou no meu ouvido. 
Pedi licença para Louis e fui com ela para a pista que tinha sido montada no jardim dele.
Tinha muita gente famosa lá, encontrei a Jesy da Little Mix quando fui pegar mais bebida, e apesar de não ser muito fã da banda dela, a cumprimentei elogiando suas músicas, ela foi um amor. Eu e Lena esbarramos com o Diplo e vimos também o Avicii.
-Pega um coquetel de frutas pra mim por favor? - pedi para Lena que estava indo pegar mais uma bebida.
Me dirigi para um canto, para poder esperar Helena voltar. Antes de chegar até lá esbarrei com uma garota loira, que derrubou sua bebida no meu tênis.
-Aí meu Deus desculpa! - ela disse olhando o que tinha acontecido.
-Não, está tudo bem. - falei chacoalhando o pé.
-Molhou muito? - ela parecia mesmo preocupada.
-Tá tudo bem, daqui a pouco seca. - sorri amigavelmente para ela, quando olhei melhor seu rosto tive a impressão de já ter a visto em algum lugar.
-Sou Chloe. - ela me estendeu a mão e eu apertei.
-Vanessa. - ela sorriu mas parecia saber exatamente quem eu era. 
-Bom, vou indo, desculpa mesmo.
Disse a ela que estava tudo bem novamente e segui meu caminho, me sentei no murinho chacoalhando o pé de novo, eu teria que lavá-lo antes de devolver para o quarto da minha irmã, ela me mataria se soubesse que eu o peguei e ainda derrubei bebida nele.
-O que foi? - Helena perguntou vendo o que eu estava fazendo.
-Uma garota derrubou bebida no meu pé sem querer.
-Pelo menos não foi na sua roupa. - concordei sabendo que seria pior se isso tivesse acontecido.
Peguei meu coquetel da mão dela agradecendo. Ficamos sentadas ali por um tempo até eu perceber que ela já não estava mais sentada do meu lado, e sim na minha frente conversando com Niall Horan. 
Eu acho que sobrei, balancei a cabeça em negativo, eles se pegariam a qualquer segundo, eu tinha a certeza disso, então levantei indo procurar Vitoria e Ed.
Passei pelas pessoas na pista de dança e fui onde eles estavam antes da gente sair pra dançar, infelizmente, nenhum deles estava lá.
Fui para a parte da piscina e encontrei Louis na mesma com uma garota, ele estava se divertindo e quase cai na piscina quando um garoto esbarrou em mim na hora de pular.
Sã e salva, sai de perto daquela área perigosa e me sentei num banquinho mais afastado, desistindo de procurar Ed e Vih.
-Sozinha? - olhei para a pessoa que me perguntou isso me surpreendendo com quem encontrei.
-É. - respondi apenas isso e virei o rosto. Meu coração estava acelerado.
-Me desculpa por aquela conversa que tivemos, eu sei que fui um idiota com você. Eu só... - ele suspirou desistindo de tentar me explicar. - Fui um idiota, desculpa. - assenti meio que aceitando suas desculpas.- Uma bebida para brindar a paz? - ele perguntou sorrindo enquanto pegava duas taças da bandeja do garçom.
-Rosa pra mim, azul pra você. - falei pegando o rosa de sua mão pois eu sabia o que era, já a azul eu não tinha tanta certeza.
-Experimenta o azul. Tenho certeza de que não provou esse e só pegou o rosa porque sabe que é de frutas. - seu olhar era divertido. 
-Tá bom vai. - ri pelo fato dele ter descoberto meu pequeno truque.
-É de limão com Curaçau Blue, vodka e soda. - tomei um gole enquanto ele falava.
-É gostoso. - sorri.
-Você deveria experimentar todos, são muito bons, não se contente a apenas um sabor. - assenti aceitando seu conselho.
-Harry onde você estava? Te procurei pela festa inteira! - a mesma loira que derrubou bebida no meu tênis apareceu. Foi aí que me lembrei de onde a conhecia.
-Eu só estava dando uma volta. - ela percebeu minha presença. - Essa é a Vanessa. - Harry nos apresentou.
-Eu sei, nos esbarramos por aí. - ela sorriu pra mim e eu retribui.
Harry não parecia assustado pelo nosso encontro, nem mesmo preocupado, estava relaxado, normal. Já eu me sentia um pouco desconfortável, caramba eu era a droga da ex dele, estava entre ele e a sua atual agora, que se mostrou um amor de pessoa e também não parecia se incomodar com esse pequeno detalhe. Me perguntei se ela sabia mesmo quem eu era, 
se ele havia contado para ela sobre mim, ou se ela sabia do nosso relacionamento pelas coisas que a mídia disse. Eu não sabia, mas ela parecia saber mais sobre mim do que eu sobre ela.
Apesar daquele olhar doce e gentil, ela estava pronta para lutar por Harry caso eu atrapalhasse sua vida, talvez ninguém pudesse enxergar aquilo nela, mas eu podia ver, não era por maldade, apenas por precaução. Mantive meu olhar calmo, tentando mostrar que eu não era um perigo para ela.
-Vamos dançar amor? - ele assentiu e ela me deu um tchauzinho educado puxando Harry pela mão.
-Experimente o verde, tem abacaxi, menta e hortelã, você vai gostar. - ele piscou.
Dei mais um gole na bebida azul em minha mão e sorri. As coisas pareciam em ordem agora, o alívio que senti quando vi meu Harry ali, me pedindo desculpas e me dando seu coquetel azul. Tudo estava melhor, eu não tinha mais aquele enorme peso nas costas de estar brigada com ele, isso era incrivelmente libertador, me senti feliz naquele momento. Sozinha ali observando de longe Lena e Niall irem para um lugar mais reservado como se ninguém os tivesse vendo, achei também Vih e Ed, disfarçados em um dos sofás no fundo da festa, para que ninguém os atrapalhasse, meu olhos viram Louis na piscina parecendo uma criança, estava completamente bêbado, olhei para Harry e sua namorada, se divertindo na pista de dança. 
-Só observando? - Liam se sentou ao meu lado.
-É bom só sentar e olhá-los as vezes. Tudo em seu devido lugar.
-Nem tudo. - ele olhou para Harry e sua namorada.
-Eles estão felizes. 
-E você? 
-Não estamos falando de mim. 
-Ah estamos sim. - um silêncio pairou sobre nós por alguns segundos.
-Como está Sophia? 
-Bem, está ali conversando com as amigas. - outro momento de silêncio, não era um silêncio constrangedor.
-É estranho como as coisas mudam não é? - ele concordou. - A alguns anos atrás, eu era louca pela banda de vocês. E agora eu conheço todos vocês, e todos vocês sabem da minha vida amorosa com um dos membros da banda. 
-Você era uma fã? - ele riu incrédulo.
-Que isso? Eu sou uma fã ok? - rimos de novo.
-É Vani, o mundo dá voltas, e muitas. Tudo acontece por um motivo. - e quando ele disse isso, me lembrei de Lena, que costumava me falar isso.
-Percebi.
-Não o deixe escapar de novo. - ele se levantou. - Você tem uma nova chance. - fiz que não com a cabeça.
-Você está errado, as coisas estão bem assim, todo mundo está feliz. 
-E você? - ele voltou a fazer a mesma pergunta do início dessa conversa. - Só porque você se colocou em primeiro lugar uma vez, não significa que nunca mais possa fazer isso. Não é culpa sua. - ele foi se distanciando. - Até mais. - acenou dando uma piscadinha.
Engoli em seco, eu estava mais confusa do que um relógio desregulado.
O garçom passou por mim me oferencendo uma bebida, olhei para os coquetéis e tinha apenas um verde, todos os outros eram rosas.
Dei um pequeno sorriso e peguei o verde agradecendo o garçom. Harry tinha razão, eu gostei. Aquele era um dos melhores coquetéis que eu já tinha tomado na vida. 


Notas Finais


Ficaram felizes com eles fazendo as pazes? O nosso amorzão Liam teve uma participação maior nesse capítulo! Vocês gostaram? E o que acharam da Chloe? Não esperavam que ela seria legal né? Isso torna as coisas mais difíceis para Harry e Vane. Espero que tenham realmente gostado desse capítulo porque é um dos meus preferidos. Beijos, até semana que vem!
Goodbye :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...