História Yu-Gi-Oh! Academy Imperial Warriors; The Heart Of Monsters - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Yu-Gi-Oh!
Tags Colegial, Comedia, Drama, Romance, Suspense, Yaoi, Yugioh
Exibições 41
Palavras 3.879
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heeeeeeey meus amados leitores, sentiram saudade? Eu espero que sim! hahaha

Bom, como vocês puderam perceber eu sumi por bastante tempo, mais de mês para ser exato. Fui completamente bombardeado pelos enormes trabalhos da faculdade para fazer, e até essa segunda feira eu estava em semana de provas, agora que elas finalmente acabaram, tirei um tempinho para relaxar e lógico, escrever esse capítulo delicioso pra vocês. Peço desculpas pela enorme demora! Por tanto não desistam de mim! Pois eu jamais desistirei de vocês! Só pelo que comentem assim que puderem, isso me anima a continuar e me diz "tem pessoas lendo, não podemos parar, não é mesmo?" Preciso do apoio de vocês!

Nesse capítulo específico eu trago um deck completamente original, a ideia foi totalmente feita por mim, portanto, eu espero que gostem tanto quanto eu. Aos leitores do Nyah, deixarei linkado as músicas e sinalizarei os momentos para ouvir em (ON) e para desligar em (OFF), aos leitores do Social, deixarei escrito o nome das música, vocês pesquisem e ouçam enquanto leem, por favor!

#1 - Orochimaru Full Theme
#2 - Death Note OST - Domine Kira

Capítulo 19 - Rest In Peace - O Retorno de Darkion


Fanfic / Fanfiction Yu-Gi-Oh! Academy Imperial Warriors; The Heart Of Monsters - Capítulo 19 - Rest In Peace - O Retorno de Darkion

Ele já causou muitos estragos, isso precisa ter um fim. Vamos derrotá-lo!” pensava Alice, ouvindo Helena em seu subconsciente. Logo depois que Sid e Sorat desapareceram, a Chave e a Balança do Milênio caíram no gramado do pátio, Serenity pegou a chave enquanto Pierre recolheu a balança. Agora todas as relíquias foram reunidas novamente.

ㅡ Todos os sete pecados foram derrotados e as relíquias recuperadas.  Chegou a hora! ㅡ indagou Zach, olhando todos ao redor. Alice, Logan, Sam, Serenity, Pierre, Aaron e Zane assentiram positivamente, todos pareciam estar prontos para enfrentar o que viria a seguir. No entanto, eles sequer imaginavam que algo já estava acontecendo….

 ㅡ É melhor não tentar tirar essas pulseiras, ainda não sabemos o que pode acontecer. ㅡ alertou Sean Phoenix ao ver uma aluna tentando arrancar a pulseira dada por Apollo para o torneio em dupla que ocorreria na academia.

 ㅡ Espera… Cadê a Morgana e a Chantal?  ㅡ questionou Alice, olhando ao redor a procura das duas.

 ㅡ Elas estavam aqui agora, não?! ㅡ perguntou Sam, procurando as duas no meio da multidão.

 ㅡ Isso não é bom! Vamos nos separar como se fossem as duplas do torneio para encontrá-las, lembrem-se, não podem andar muito distante do seu parceiro de pulseira. ㅡ relembrou Zach, temendo que o pior pudesse acontecer a aqueles que desobedecem aquela ordem. “Não é muito inteligente continuar com isso no pulso, mas também não seria inteligente tirar, afinal, não sabemos o que pode acontecer. A essa altura eu não estou raciocinando direito, tudo está uma confusão…” refletia o loiro.

 ㅡ Vamos procurá-las... ㅡ disse Sean, organizando grupos de buscas para caminharem pelo campus da academia.

 ㅡ Serenity, quero que fique para cuidar dos mais novos. ㅡ alertou o docente, pedindo o favor para a estudante.

 ㅡ Fazer o que né...ㅡ resmungou Serenity, tomando a frente dos outros alunos.

 

Alice e os outros foram em busca de Chantal e Morgana, cada um para um ponto diferente, todos combinaram de se encontrar no pátio central.

ㅡ Acha que…? ㅡ questionou Pierre, andando ao lado de Zach. O loiro balançou a cabeça positivamente, ele parecia estar preocupado com elas. “Finalmente conseguimos derrotar os pecados e elas desaparecem? Não pode ser coincidência…” pensava.

ㅡ Vão indo, eu vou dar uma olhadinha na loja. ㅡ ordenou Alice, obrigando Logan e Sam a continuarem a seguir em linha reta, Logan parecia relutante em deixar a garota andar sozinha por aí, mas Alice fora mais insistente.

 ㅡ Vai ser bem rápido, eu já alcanço vocês. Só quero conferir...ㅡ explicou a estudante, despedindo-se deles com um aceno com as mãos.

 ㅡ Bloom, me ajude a encontrá-las.  ㅡ decidida, Alice adentrou a loja de Card Shop da Madame Chantal ao lado de Bloom Diva. A pequena fada confirmou com a cabeça, voando pelo âmbito para ajudar a menina a encontrá-las o mais rápido possível. Depois do ataque dos dragões dimensionais, a loja estava um caos, estantes jogadas ao chão, prateleiras quebradas e toda a vidraçaria das vitrines tornaram-se cacos de vidro que cobriam o piso.

 ㅡ Acho que elas não estão aqui mesmo. ㅡ quando ela estava prestes a dar meia volta e sair da loja, percebeu algo estranho acontecer no balcão. Curiosa, Alice aproximou-se em passos lentos ao lado de Bloom para saber do que se tratava.

 

ㅡ Chantal? ㅡ chamou Alice, espiando por cima do balcão. Uma pequena e frágil Madolche Queen Tiaramisu estava caída no chão, aparentemente ferida.

 ㅡ O que aconteceu? Onde está a Chantal? ㅡ brandiu a garota, pulando rapidamente o balcão da loja e levantando cuidadosamente a Madolche do chão. “Por que eu consigo tocá-la, ela não é um espírito?” pensava.  Compadecida, Bloom fez uso de seus poderes para curar Tiaramisu que parecia estar cansada, ela tentava falar, mas lhe faltava ar.

 ㅡ Tri-an-g-ulo ㅡ em meio a fala cortada e respiração ofegante, a alma de Tiaramisu conseguiu alertar a Alice que se tratava de um triângulo.

 ㅡ O triângulo você quer dizer a pirâmide que está nos céus da academia? Elas estão abaixo dele, é isso?! ㅡ questionou uma última vez, a garota precisava de respostas claras. Já sem forças, a pequena Madolche apenas fez um sinal positivo com as mãos antes de desmaiar de cansaço. “Você vai ficar bem, só precisa descansar” pensava Alice, deixando-a confortavelmente em cima do sofá da loja antes de sair rumo ao pátio principal.

 

ㅡ Não encontramos nada. ㅡ admitiu Logan, entristecido. Ele e Sam fizeram todo o trajeto dos fundos da academia, porém, sem sucesso.

ㅡ Idem. ㅡ comentou Zach, fazendo bico. Ele e Pierre olharam todos os andares no interior da academia, e por último, deram uma olhada na sala do diretor.

 ㅡ Mas vimos que a sala do diretor está vazia e aquele espelho estranho já não estava mais lá. ㅡ comentou o loiro, temendo o pior.

 ㅡ O triângulo! ㅡ gritou Alice, correndo na direção dos colegas para chegar o mais rápido possível. Todos arquearam a sobrancelha tentando entender do que ela estava falando.

 ㅡ Essa pirâmide no céu. Ela está abaixo dos portões da academia, temos que ir até lá. ㅡ informou a menina, recuperando o fôlego aos poucos. Todos trataram de correr imediatamente para mais próximo dos grandes portões da academia, e enquanto se aproximavam, vislumbravam Morgana duelando contra Apollo, Chantal parecia estar caída no chão, desacordada. 

ㅡ Chantal! ㅡ gritou Alice, correndo o mais rápido possível para alcançá-las. Morgana virou-se para trás ao ouvir o grito, mas foi esse seu erro. No momento em que a mulher se distraiu, Apollo conjurou um de seus tentáculos humanoides e a prendeu fortemente, ativando o efeito de um de seus monstros no cemitério. Morgana tentou se soltar, mas era inútil. Ambos estavam com 1000 pontos de vida cada, mas era a vez da docente, Apollo a impediu  de fazer a jogada, ativando erroneamente o efeito de um de seus monstros, zerando os pontos de vida de Morgana.

ㅡ Adeus, Morgana! ㅡ despediu-se Apollo, sugando a alma do corpo da mulher, exatamente como havia feito com Chantal antes deles se aproximarem, mas era tarde demais, a professora já havia perdido o duelo.

 ㅡ Seu desgraçado. ㅡ numa súbita reação de fúria, Sam gritou e ameaçou correr pra cima do diretor para tentar socá-lo no rosto, mas um dos tentáculos do humanoide impediu o estudante, lançando para longe novamente, Logan, Pierre, Aaron e Zane amorteceram a queda do colega.

 ㅡ Como você pôde fazer tudo o que fez? Somos seus alunos! ㅡ brandia Zach, olhando nos olhos de Apollo. No entanto, os olhos do diretor não pareciam normais, na verdade, ele estavam negros, obscuros, o glóbulo esbranquiçado já não existia mais. O diretor se recusava a responder, apenas gargalhava assustadoramente da situação.

 ㅡ Você vai pagar pelo que fez!  ㅡ prometeu Alice, posicionando-se diante do homem, fechando os punhos.

 ㅡ Não, Alice. Dessa vez não. Tenho assuntos pendentes com ele. Eu disse que eu mesmo o derrotaria.  ㅡ Sean Phoenix, tomou a frente, encarando o diretor com seriedade e fúria em seu semblante.

 ㅡ Sabe que de todos os professores você sempre foi o que eu menos gostei? ㅡ admitiu Apollo, gargalhando freneticamente de si mesmo.

 ㅡ Lhe darei motivos para gostar menos ainda. Tenho um desafio pra você. Duele comigo e se eu vencer, você devolve a alma de Morgana e Chantal. ㅡ argumentando, Sean queria ter certeza que ainda havia chances de salvá-las.

ㅡ E se eu vencer? ㅡ questionou Apollo, curioso. Aos poucos, o tom branco de sua pele tornava-se acinzentado, como se estivesse apodrecendo aos poucos.

ㅡ Então você terá minha alma para sempre. ㅡ garantiu Sean, abrindo mão de sua própria vida.

 ㅡ Fechado. ㅡ confirmou Apollo, sua antiga aparência neutra imponente deu lugar a um semblante mais louco e perturbado, ele parecia estar possuído por algum espírito maligno.

 [#1 Música: On]

Os alunos afastaram-se do lugar para dar mais espaço ao professor, Alice e Zach se aproximaram dos corpos de Chantal e Morgana e juntos conseguiram afastá-las de Apollo, enquanto o duelo se iniciava

.ㅡ Você acha que elas estão bem? ㅡ perguntou Zach, colocando cuidadosamente Chantal na cadeira de rodas, Alice o ajudou a erguer a mulher.

 ㅡ O professor precisa vencer, senão... ㅡ respondeu Alice, sincera. A garota mordiscava o lábio, tensa com a possibilidade do professor perder o duelo.

 Apollo Stéfano se posicionava diante de Sean com um sorriso debochado e diabólico nos lábios, ele estava totalmente seguro de si. “Sem falhas, Apollo”, a voz de Darkion ecoava na mente do diretor.

ㅡ Eu começarei! ㅡ anunciou Apollo, puxando as cinco primeiras cartas de seu deck. Inesperadamente o homem descartou todas as cartas da sua mão ao cemitério.

 ㅡ Por que? ㅡ questionou Zach, chocado. Todos os presentes arquearam a sobrancelha com a jogada do homem. “Ele é louco? Por que fez isso? Não faz sentido”, refletia Alice. “Isso é algum tipo de estratégia, ele não jogaria todas as cartas da mão no cemitério só pra chocar todo mundo.”, pensava Zane. Apollo ria das reações dos alunos, era como se ele estivesse rindo dos pensamentos de cada um deles. 

ㅡ Não conhece meus monstrinhos, Sean? Pode chamá-los de Rest in Peace… Diga-me como você pretende matar o que já está morto?  ㅡ questionou Apollo, provocando o professor. Ele olhava fixamente para Sean. Sua presença era obscura e maligna, era como um lobo preparando-se para avançar e sua presa, O homem seguia de cabeça baixa, apenas esperando o diretor encerrar sua jogada.

 ㅡ Ativo o efeito de RIP Kesabel, e por cada monstro RIP no cemitério, você perderá 300 pontos de vida. Então já começamos com um dano de 1500. Encerro meu turno.  ㅡ declarou o loiro com um sorriso nos lábios. No mesmo momento, Sean ergueu a cabeça com um semblante confiante. Sean ainda tinha 6500 pontos de vida. 

ㅡ Minha vez! ㅡ indagou, puxando uma carta em sua fase de puxo. Logan e Sam perceberam a autoconfiança do professor com o duelo e ficaram orgulhosos dele por isso. “Mas acredito que confiança não será o suficiente para vencer. Toma cuidado, professor...” pensava Logan.

 Sean começou invocando normalmente Superheavy Samurai Soulpiercer(ATK: 1200/DEF: 0) Depois equipou da mão o monstro Superheavy Samurai Soularbitrator em Soulpiercer.

ㅡ Agora eu ativo o efeito de Soularbitrator! Tributando o monstro equipado por ele, eu posso invocar especialmente um monstro superheavy samurai do deck para o campo e eu invoco...ㅡ  o professor invocou especialmente  Superheavy samurai Scales(ATK:800/DEF:1800) em modo de defesa.

 E já que Soulpiercer foi tributada e enviada ao cemitério, Sean pôde ativar seu efeito, ela permite que o usuário adicione um monstro Superheavy samurai do deck para a mão, a carta adicionada foi Superheavy Samurai Trumpeter.

ㅡ E quando Scales é invocado, ele me permite invocar especialmente outro superheavy samurai de nível 4 ou inferior da minha mão para o campo. ㅡ explicava Sean, invocando outro Superheavy Samurai Soulpiercer. Apollo assistia as jogadas de seu adversário com indiferença e imponência, era como se ele não estivesse ali. Zach analisava toda o jogo e quais seriam os maiores riscos de Sean. “Não faço a menor ideia do que aquelas criaturas no cemitério podem fazer. O que ele quis dizer com ‘matar o que já está morto?’” questionava o loiro.

ㅡ Já que não tenho nenhuma carta mágica ou armadilha no campo ou no cemitério, eu posso invocar Superheavy Samurai Trumpeter especialmente no campo. ㅡ indagava, invocando Trumpeter (ATK:300/DEF:600) em defesa. “Isso professor”” pensava Sam.  Apollo formou um sorriso debochado no canto dos lábios, ele parecia já esperar as jogadas do homem.

 ㅡ Agora eu sincronizo os Superheavy samurai Trumpeter, Scales e Soulpiercer para invocar... ㅡ brandiu Sean, invocando especialmente o Superheavy Samurai Warlord Susanowo(ATK:2400/DEF:3800) em modo de defesa, O docente ergueu o olhar para encarar o diretor e estranhou o que viu. Mesmo com uma de suas jogadas mais brilhantes, Apollo não reagia, continuava parado, com um olhar fixo e vago ao mesmo tempo.

 ㅡ Superheavy Samurai Warlord Susanowo ataque os pontos de vida de Apollo diretamente! ㅡ ordenou, confiante em sua façanha. Todos os alunos vibravam com sua jogada, graças ao efeito dos Superheavy Samurai, eles podem atacar em modo de defesa e a defesa é aplicada no cálculo de dano. “Ele fará 3800 de dano direto”, pensava Logan. E por um instante todos acharam que o ataque seguiria sem pausa, porém uma aura negra rodeou o corpo do monstro synchro de Sean, impedindo que ele atacasse.

 ㅡ Que merda é essa? ㅡ questionou o professor, sem entender o que seria aquela sombra.

 

ㅡ Achou mesmo que causaria dano direto em mim? Tolo! Esse é o efeito do Rest in Peace Yekun, enquanto ele estiver no cemitério, você não pode me atacar diretamente. ㅡ revelou Apollo, levantando a cabeça de tanto gargalhar da reação do homem.

 ㅡ Espera… Kesabel, Yekun? Esses nomes… Já sei!  ㅡ afirmou Zach, temendo pelo pior.

 Já sabe do que? Desembucha! ㅡ brandiu Alice, aflita.

 ㅡ Kesabel e Yekun são dois dos cinco anjos caídos que se rebelaram contra Deus logo depois de Lúcifer, o deck dele é de anjos caídos.  ㅡ explicou o loiro, tenho quase certeza absoluta de sua teoria.

 ㅡ Eu nunca gostei dessa sua mania de bancar sabichão. Mas o loirinho aí tem razão. São, de fato, anjos caídos. ㅡ confirmou Apollo, prestes a fazer mais uma bombástica revelação.

ㅡ E isso não é tudo. ㅡ garantiu o diretor, abrindo um largo e bizarro sorriso nos lábios.

 Inesperadamente, Apollo fez crescer graças em suas mãos, todos os alunos se preparavam para se defender dos possíveis ataques do homem, mas eles não eram o alvo de Apollo, mas sim seu próprio corpo. O homem começou dilacerar suas costas, cravando fundo as garras afiadas que cortavam e causavam feridas profundas em sua pele. Alice, Zach, Logan e Sam viraram o rosto, a cena era bizarra demais para ser assistida, Sean o encarava com aversão e nojo. Apesar das costas de Apollo estarem com feridas expostas não saía sangue de seu corpo, na verdade, era expelido um líquido escuro, era como se  fosse sangue preto. “Aquilo parece graxa ou petróleo” pensava Zach.

 ㅡ Estão gostando? ㅡ questionou Apollo, quebrando sua própria coluna vertebral, no lugar de sua coluna de humano, cresceu uma longa e apodrecida coluna não-humana, deixando o corpo do docente completamente desfigurado, ele parecia uma verdadeira centopeia humana.

 ㅡ Esse show de bizarrice não vai ser o suficiente pra me vencer, não tenho medo de você, tenho nojo. Encerro meu turno.  ㅡ declarou Sean, corajoso.

 ㅡ Pois então é a minha vez. ㅡ proclamava Apollo, puxando uma carta em sua fase de puxo.

 ㅡ Ativo novamente o efeito de Kesabel, e você perde 300 pontos por cada monstro Rest in Peace no meu cemitério e assim você perde 1500 pontos novamente. ㅡ dizia o diretor, gargalhando do professor. Sean agora tinha 5000 pontos de vida. O docente mordia  o lábio inferior, a tensão começava a tomar conta de sua mente. “Eu não posso perder”  pensava.

 ㅡ Ativo o efeito de Yekun, o banindo do cemitério, eu posso enviar mais dois monstros RIP do deck ao cemitério, e eu envio... ㅡ proferia Apollo, enviando Penemue e Kesabel ao cemitério. E assim que o efeito de Yekun foi ativado, o loiro pode ativar em sequência o efeito de Penemue, o embaralhando de volta ao deck, o usuário pode retornar um monstro Rest In Peace que foi banido de volta ao cemitério e Apollo retornou RIP Yekun.

 ㅡ E novamente uso  o efeito de Yekun, e o bano do cemitério, enviando mais um cópia de Kesabel e Penemue ao cemitério. ㅡ proferia o homem , orgulhoso de suas jogadas. E para completar seu combo, Apollo ativou novamente o efeito da segunda cópia de Penemue, o retornando ao deck, ele pôde retornar ao cemitério os 2 Yekun que foram banidos, “Ele está apenas dando voltas, e´como se se ele quisesse lotar no cemitério.” pensava Zach.

 ㅡ Agora eu irei banir Yekun, Kesabel, Penemue, Gadrel para invocar...ㅡ proferia o loiro, sendo envolvido por uma poderosa aura negra, o pior parecia estar por vir…

 ㅡ Rest In Peace Kasyade! ㅡ brandiu Apollo ao invocar Kasyade(ATK:???/DEF?2000) em modo de ataque. Zach ficou boquiaberto com a imagem da criatura, parecia um verdadeiro demônio. “Ele parece ser tão real…” questionava Alice.

 ㅡ Quando Kasyade é invocado, ele pode banir todos os monstros do campo e do cemitério do meu oponente e ele ganha 2000 pontos de ataque por cada monstro banido. Contando com o seu synchro, você tem um total de 5 monstros que serão banidos e isso deixará meu Kasyade com…ㅡ Apollo gargalhava da expressão do docente, ele parecia não ter mais esperanças, o diretor estava confiante demais. Kasyade ficou com (ATK:10.000/DEF;2000)

 ㅡ Não! ㅡ gritou Zach e Alice em conjunto, Sean continuava de cabeça baixa, como se aceitasse a derrota.

 ㅡ Adeus, professorzinho de merda! Ataque Kasyade, ele esse destroço humano para o inferno! ㅡ Apollo ordenou o ataque, o professor estava prestes a sofrer 10.000 de danos diretos. Todos os alunos estavam aflitos, ele realmente iria perder? Lego engano.

 ㅡ Ainda não!  ㅡ revelou Sean, descartando Swift Scarecrow e colocando fim na fase de batalha de Apollo.

 ㅡ É isso aí, professor! ㅡ celebravam Sam e Logan pela brilhante jogada do docente.

 ㅡ Eu não ficaria tão feliz… Sean vai ter que fazer alguma coisa agora, caso contrário... ㅡ afirmou Zach, observando o cemitério de Apollo. “Ele ainda tem alguns RIP ali, Sean vai ter que pensar muito antes de fazer uma jogada”

ㅡ Você só está adiando a derrota, seu verme. Encerro meu turno.  ㅡ declarava Apollo, encerrando sua vez.

[#1 Música: Off]

 ㅡ Olha que ironia, você parece uma centopeia podre e o verme sou eu? Minha vez! ㅡ debochava Sean, confiante de si. “Isso tem que funcionar, eu preciso salvar Morgana e Chantal!” pensava.

 ㅡ Vou confiar em você, amigão!  ㅡ  Sean sussurrou para a carta que estava em sua mão.

 ㅡ Invoco normalmente Superheavy Samurai Flutist e ativo seu efeito! Tributando ele, eu posso invocar especialmente um monstro superheavy samurai da mão para o campo e eu invoco... ㅡ proferia Sean. “É tudo ou nada….”

 ㅡ Invoco Superheavy Samurai Big Benkei por soul summon! ㅡ brandia Sean, dividindo parte de sua alma com o monstro que tinha a conexão mais forte. “Como ele foi capaz disso?” questionava Apollo.

 ㅡ Quando Big Benkei é invocado por soul summon, ele coloca todos os monstros do oponente em modo de defesa e zera  os pontos de defesa deles. Ele bane todos os monstros no cemitério do oponente e causa 1000 pontos de dano por cada monstro banido. Você ainda tem 2 Kesabel e um Yekun, então causará 3000 de dano.  ㅡ proclamava Sean, banindo os monstros do cemitério do diretor e deixando-o com 5000 pontos de vida. “Desgraçado!” pensava Apollo.

 ㅡ Brilhante! ㅡ elogiava Zach, entusiasmado com as jogadas do professor.

 ㅡ Ainda não terminei. Equipo Superheavy Soulhorns, concedendo um segundo ataque ao Big Benkei nesse turno. Agora sim, Apollo. Vamos brigar de igual para igual. Ataque Kasyade, Big Benkei!  ㅡ proferia o docente, envolto por uma aura negra, seus cabelos tornaram-se mais escuros e seu corpo parecia brilhar no meio de toda aquela energia.

 ㅡ Esqueci de avisar que Big Benkei invocado por soul summon causa dano perfurante, então nesse ataque você vai levar 1500 de dano.   ㅡ dizia Sean, deixando Apollo com apenas 3500 de vida. e destruindo RIP Kasyade.

 ㅡ Isso é impossível, você não pode seu verme, eu iria vencer, isso não pode ser!   ㅡ resmungava Apollo, desesperado.

ㅡ É isso que acontece quando vocês mexem com aqueles que amamos! Destrua ele, Big Benkei. Ataque diretamente!  ㅡ ordenou o ataque, brandiu em alto em bom som a sua voz, zerando automaticamente os pontos de vida do oponente.

 

Morgana e Chantal acordaram no momento em que os pontos de vida de Apollo chegaram a zero, o diretor estava de cabeça baixa, imóvel. Sean correu até Morgana e a abraçou fortemente.

ㅡ Pensei que eu fosse te perder... ㅡ admitiu o docente, afastando-se da mulher e a encarando nos olhos.

 ㅡ Jamais.  ㅡ afirmou Morgana, aproxima seu rosto ao dele, selando um beijo apaixonado e ardente.

 ㅡ Aê! ㅡ celebravam Logan, Sam, Zane e Aaron, batendo palminhas para o casal. Alice e Zach olhavam para Chantal para saber se ela estava bem,  até então, todos estavam bem.

 

ㅡ Tolos. ㅡ disse Apollo, chamando a atenção de todos para si.

 ㅡ Seu traíra, se não tivesse trapaceado, eu mesma teria te derrotado! ㅡ revelou Morgana, furiosa. Sean segurava no braço da professora, tentando acalmá-la.

 ㅡ Acham mesmo que acabou? Acham mesmo que será só isso? Vocês, por um instante, acharam mesmo que a invocação por alma seria suficiente? Presenciem a volta à vida do nosso Deus! ㅡ proclamava Apollo, concluindo o ritual de invocação.

[Música #2: On]

 ㅡ Eu, servo celestial, abro mão da minha própria vida para trazer Darkion uma vez mais a este mundo. Que ele prospere, que ele destrua, que ele reine soberano, e extingua aqueles que forem contra sua vontade! ㅡ o homem continuava a dilacerar seu próprio corpo até não restar absolutamente nada. Assim que Apollo caiu no chão, morto, um espelho negro flutuava diante dos presentes. Todos os alunos da academia se aproximaram para saber o que estava acontecendo. Um portal médio surgiu ao lado do espelho, servindo de passagem para Darkion, o Senhor dos Espelhos Místicos. Sua aparência era de soberania, seu semblante beirava a perfeição, no momento em que tocou o chão, todos foram arremessados para trás, caindo de costas no chão, sua chegada rasgava os céus e estremecia a terra, todos sentiam medo e muito frio ao estarem diante de tanto magnitude. Darkion abriu calmamente os olhos e a primeira pessoa que viu foi Alice Orchesta, ela foi a única que não foi arremessada quando ele pisou no chão.

 

ㅡ Você! ㅡ brandiu Alice, encarando com revolta.

 ㅡ Alice, cuidado, ele não é igual aos outros, é poderoso demais!  ㅡ afirmava Zach, tentando se levantar.

 ㅡ Infelizmente eu não posso matá-la, nós podemos nos ferir, mas não, matar. Mas com a ajuda dos seus amigos, eu receio poder...ㅡ comentou Darkion, observando Alice com um ar de superioridade e desprezo.

 ㅡ Está louco se pensa que eles te ajudariam. ㅡ rebateu Alice.

 ㅡ Eles não terão escolha. ㅡ afirmou o Senhor dos Espelhos, levantando sua mão esquerda. Darkion sugava toda a energia espiritual de todos os alunos que estavam com a pulseira dada por Apollo. Sam, Logan, Zach, Zane, Pierre, Aaron e todos os outros discentes tentavam arrancar o objeto de seus pulsos mas já era tarde demais, Darkion conseguiu criar uma esfera de energia a partir do poder dos próprios alunos da academia. Alice deu dois passos para trás, assustada.

 

ㅡ Adeus, Alice Orchestra! ㅡ despediu Darkion, lançando a esfera na direção do coração da garota.

 ㅡ Não! ㅡ gritou Logan, desesperado e sem saber o que fazer. A esfera acertou o peito de Alice, fazendo-a cair desacordada no ato.

 No entanto, momentos antes da esfera tocar seu peito uma pequena e discreta luz ficou na frente do ataque, como se tivesse atordoado-o. Chantal abriu um largo sorriso ao ver a cena, ela foi a única que percebeu o que havia acontecido.

[Música #2: Off]


Notas Finais


Kesabel - http://i.imgur.com/HOTrmEF.jpg
Yekun - http://i.imgur.com/yKasGRG.jpg
Penemue - http://i.imgur.com/E2Fq5S3.png
Gadrel - http://i.imgur.com/nEo2Eoq.jpg
Kasyade - http://i.imgur.com/nJic8e1.png

Imagem da Centopeia Humana - https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/564x/5a/3c/51/5a3c5160a7d8a08ad734369d84463e46.jpg
________________________________________________________________________

O que será que aconteceu com Alice Orchestra? Onde está Candice? O poderia ser aquela pequena luz? Todas essas e outras perguntas serão respondidas no próximo capítulo que se chamará "Memórias - A Garota no Espelho", tentarei ser breve e não demorai muito para postar, ok? Não desistam de mim, pois eu não desisti de vocês! hahaha Até o próximo ♥

—_______________________________________________________________________

Tio Thi agora tem um parceiro, queridos leitores! Eles não apenas me ajudam na divulgação da história, mas como a estimulam e incentivam outras pessoas a lerem. Meu querido colega Renato Kira deu vida à personagem que vocês tanto amam. Isso mesmo, graças ao YuGiOh! Sem Limites, Alice Orchestra agora existe mesmo, ela é finalmente uma personagem original!

Para conferirem a arte linda criada por Renato, atualizarem-se no cardgame e estarem por dentro nas novidades do universo de Yu-Gi-Oh, não deixem de visitar:
Site do Yu-Gi-Oh Sem Limites: www.yugiohsemlimites.xyz/
Curtam também a page do Facebook: www.facebook.com/YugiohSemLimites/

Para mostrar apoio ao nosso parceiro, não deixem de acessar os links do site e da página, ok leitores? Tio Thi agradece e muito! Obrigadooooooo ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...