História Yume Nikki - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 26
Palavras 1.011
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Mistério, Romance e Novela, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Estupro, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Olhos fechados


Fanfic / Fanfiction Yume Nikki - Capítulo 2 - Olhos fechados

 

Eu sempre andei de olhos fechados, afinal, era tudo um sonho.

Em questões de segundos, eu já estava dormindo.

O que aconteceu com aquela menina que perdeu seus pensamentos?                           

 

X

Eu deveria recolher todos os efeitos para dar um fim nisso. Ainda faltava um número compreensível de efeitos não recolhidos devido à complexidade de suas localizações, mas, nessa semana, eu recolherei todos.

Em meu sonho, abri a porta de meu quarto e saí. Logo, me deparando com o Nexo — que era o lugar onde havia portas para os mundos. Meio relutante, me aproximei da porta de coloração roxa azulada, que daria ao Mundo da Neve. E, ainda de olhos fechados, abri a porta.

 

Mundo dos Sonhos, Mundo da Neve.

O Mundo da Neve era um local simples, porém bonito. Era composto principalmente por iglus e algumas árvores meio azuladas. E, fazendo jus ao nome, nevava incessantemente nesse mundo. Uma música relaxante podia ser ouvida.

A primeira coisa que senti ao abrir a porta para esse mundo foi um frio intenso percorrer pela minha espinha.

Eu ignorei o frio e comecei a andar, procurando por algum NPC ou um efeito. Não era como se o frio não fizesse parte da minha vida. Seja ele vindo de pessoas ou do frio que sempre permanecia em meu quarto.

Enquanto andava, preso no loop desse mundo, senti um pedaço de papel se prender em minha perna, era um jornal velho e meio rasgado. Curiosamente, eu me abaixei e tomei-o em minhas mãos. Ele dizia algo sobre “um incêndio atinge casa local, matando uma criança com idade...”. Embora eu já saiba do que esse caso se trata, as letras estavam embaçadas demais para ler. A minha preocupação não era com esse caso, mas sim como esse jornal veio parar no Mundo dos Sonhos...

— Olá. Eu já estava com saudades de você! — eu senti um par de mãos pequenas pousadas em meus ombros, me fazendo virar de frente para a pessoa.

Era Akire, uma NPC, possuía cabelos coloridos e olhos magentas. Sua idade era cerca de dez anos. E, devido ao frio desse mundo, ela sempre usava roupas de frio. Ela, também, era um dos poucos NPCs que possuíam traços humanos. Ela sorriu gentilmente para mim.

Por algum motivo, o Mundo da Neve tinha uma peculiaridade: A NPC principal desse mundo, Akire, deveria carregar consigo uma enorme lâmpada, que era como a energia do mundo dela. Caso a lâmpada quebre, o Mundo da Neve derrete.

— É um prazer te ver aqui! — ela falou empolgadamente — Veio passear um pouco? Ou está só de passagem?

— Eu vim procurar efeitos... — eu disse inexpressivamente.

— Oh, eu posso ajudar, se quiser! Afinal, eu gosto da sua companhia... Visto que Yuki-onna¹ nunca aparece e Okaa² nunca acorda. — ela disse parecendo meio desconfortável.

Yuki-onna era um efeito inspirado no folclore do país. Ela é uma mulher jovem e bela, que está sempre usando um kimono. Eu ainda não recolhi esse efeito por causa do que Akire mesma falou: ela nunca aparece.

E “Okaa” era uma senhora que dormia permanentemente em um iglu. Sim, ela está viva. Okaa, na verdade, não foi criada por mim, e sim involuntariamente pela mente de Akire... Eu realmente não sei o porquê dela nunca acordar ou o porquê desse nome.

— Sua ajuda é bem-vinda, Akire.

Escutamos passos vindos de trás, então, rapidamente, eu ativei o efeito “faca”.
Ao ver o efeito em minha mão, Akire começou a dar passos para trás, tentando afastar-se de mim. Ela provavelmente estava com medo do efeito, como todo NPC normal fica. Por um momento, ela quase derrubou a lâmpada no chão.

O barulho era apenas folhas de uma árvore balançando devido ao vento. Suspirei e desativei o efeito, fazendo com que a NPC de cabelo colorido se acalmasse.

— Eu não estava indo matá-la. — eu disse.

— Desculpe... É que ontem eu vi uma água-viva de passagem por aqui. E você sabe o que elas significam, não sabe?

— Sim... Que estranho, não me lembro de ter matado nenhum NPC.

Akire me olhou um pouco desconfortável, mas deu de ombros e mudou de assunto, tirando algo parecido como um PSP do bolso.
— Clary me deu isso... Ela também fez um para você.

Eu olhei para a tela e, pelo que eu entendi aquilo mostrava sua biografia e suas estatísticas. O de Akire dizia o seguinte:

“Nome: Akire
Localização: Mundo da Neve.
Reage aos efeitos: faca, cano de ferro e gato.
Efeitos possuídos: Lâmpada”

— Essa lâmpada que segura é um efeito... Dê-me ela. — ordenei.

— O q-quê? Se eu entregar...

— Não, o mundo apenas derreterá se ela for quebrada. Eu cuidarei bem dela, prometo.

Akire olhou para mim, e depois para a lâmpada. — Eu... Não posso. Preciso deixar o meu mundo a salvo. — disse ela.

Sem paciência para esse tipo de coisa, eu ativei o efeito faca, fazendo com que Akire arregalasse os olhos. Sua "animação", que era normalmente andando calma e sorrindo, mudou para uma animação assustada e eufórica, andando rapidamente para os lados, procurando por uma saída. Mas, nós estávamos em um iglu, e eu bloqueava a saída.

De repente, eu ouvi passos atrás de mim. Me virei para perceber a presença de Yuki-onna. Ótimo! Eu precisava do efeito Dela! Ela percebeu o efeito que estava em minhas mãos, e começou a se afastar rapidamente.

— Espere! — eu desativei o efeito “faca”.

Recolher o efeito de um NPC era simples, eu precisava apenas tocá-lo e pronto. E assim, eu o fiz.

Após ter o efeito Yuki-onna recolhido, o ativei, fazendo nevar dentro do iglu que estávamos. Eu fui até Akire, que ainda estava paralisada.

— Por favor, Akire. Me entregue a lâmpada. Eu cuidarei bem dela, é uma promessa.

Ela foi até a mim e me entregou. — Cuide bem dela, okay? — Akire sorriu gentilmente para mim.

— Ok. Agora, eu estava indo procurar a passagem para outro Mundo. Quer me acompanhar até lá?

— Claro! — Ela continuava sorrindo.

 

Aqui, todas as regras DEVEM ser obedecidas. E a primeira delas é: nunca me desobedeça ou me irrite.

Anotação 1: Akire é gentil, mas está permanentemente perdida.

Até mais, diário dos sonhos.

 


Notas Finais


Era Akire, uma NPC, possuía cabelos coloridos e olhos magentas. Sua idade era cerca de dez anos: https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/236x/96/45/1f/96451f03c635fd742eaaf008d2b53812.jpg
https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/originals/cb/92/0b/cb920bc81b7797429f0195933169c53a.jpg
http://data.whicdn.com/images/71863247/large.jpg

Músicas do mundo: https://www.youtube.com/watch?v=vsyDYqcU_5E
https://www.youtube.com/watch?v=3o-DZpeRjvk

Yuki-onna: Em japonês, mulher das neves.
Okaa: Uma dica, está faltando algumas letras...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...