História Yuyu Hakusho - Continuação - Capítulo 2


Escrita por: ~

Exibições 11
Palavras 398
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello!!

Capítulos especiais como esse aqui geralmente não tem nada da estória não, blz?

Geralmente eles trazem informações complementares à título de curiosidade.

Em breve estarei escrevendo a continuação da estória!!

Capítulo 2 - Capítulo Especial: "Curiosidades narradas por JS" - parte 1


Fanfic / Fanfiction Yuyu Hakusho - Continuação - Capítulo 2 - Capítulo Especial: "Curiosidades narradas por JS" - parte 1


 


     Lá no Mundo Espiritual, o carimbo de Koenma já tava começando a secar, de tanto que ele usava. Dentre varias tarefas de "Jorge São Tomé"(Jorge Watanabe), uma delas é substituir a tinta pra ajudar Koenma a carimbar melhor, mas ele foi tirar água do joelho...


     Na volta, ele viu que Koenma esqueceu a porta da sala do cyber café particular dele aberta, e ao fechar a porta, ele achou legal a web cam dele com o pc ligado filmando tudo.


     Ele acabou se distraindo com aquilo e começou a brincar e a falar sozinho, pensando que era algum professor dando aulas por vídeo-conferência:


     — Hum, hum...aqui quem fala é seu novo professor, Jorge São Tomé, e vou lhes dar aulas sobre a arma mais poderosa usada por Yusuke!


     — Os humanos da Terra costumam escrever o nome do golpe de diversas formas diferentes: leigan, reigan, raygun, reigun, leigun, etc...


     — Nos mangás dos outros países, eles nem sequer dão nome ao golpe...o Yusuke e a Genkai simplesmente saem atirando do nada, mas no mangá brasileiro eles escreveram a palavra: leigan. No entanto, pela tradução, "lei" significa "espiritual" ou "energia", ou coisa do tipo, e "gan" deveria significar "esfera" ou "bala" ou "arma", mas essa palavra "gan" não existe.


     — Essa palavra foi inventada pelos cartunistas tradutores do mangá brasileiro pra facilitar a pronúncia, deixando ela parecida com a ideia do negócio, porque "lei" é a inicial de "leikohadoken", e "gun" significa "arma", "revólver" em inglês, mas a pronúncia de "gun" em português é "gan", então o nome do golpe se pronuncia "leigan", mas escreve-se "leigun".


     — Se você procurar na internet, verá que até as wikipedias ensinam errado. Pois o formato que Yusuke faz com a mão pra atirar é o formato de uma arma, e arma em inglês é "gun". E apesar desse anime ser japonês, a influência cultural inglesa também tem pêso.


     — O golpe "shotgun" obedece o mesmo princípio: "shot" quer dizer "tiro", e "gun" é arma: "arma que dispara vários tiros".


     — Então nessa fanfic agente vai escrever sempre "Leigun" e "shotgun", mas as pronúncias são respectivamente: "leigan" e "shotgan".

     Impaciente, Koenma saiu e achou Jorge São Tomé em seu cyber-café particular, e reage:


     — Que qué isso, criatura, eu tô cheio de trabalho e você aqui brincando! Duzentas palmadas no bumbum, e duas semanas sem sobremesa!


     Imediatamente dois outros ogros levam JS pelo braço pra ser punido.


     — Nãããooo, Senhor Koeeenmaaaa,...me perdôôôaaaaa!!!
 


Notas Finais


Próximo episódio: "A familia canibal de Raizen"


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...