História Zombie Hunter - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias High School of The Dead, Naruto
Personagens Kurama (Kyuubi), Naruto Uzumaki
Visualizações 209
Palavras 4.193
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Ecchi, Escolar, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Galera, este capítulo tem uma luta bem melhor que a anterior, já que alguns leitores não ficaram muito satisfeitos com a luta entre Naruto e Zabusa. O próximo capítulo terá hentai como todos esperam! A partir deste capítulo vou colocar o título do próximo capítulo.

Boa leitura.

Capítulo 11 - Batalha por supremacia! Os mortos tem um líder shinobi.


Fanfic / Fanfiction Zombie Hunter - Capítulo 11 - Batalha por supremacia! Os mortos tem um líder shinobi.

Naruto e Saeko andava silenciosamente pelas ruas da cidade. Mesmo que Naruto fosse um shinobi e os zumbies não eram desafio, bom pelo menos, não eram até momentos atrás quando Zabusa ressurgiu como um zumbie. Naruto sabia que algum shinobi estava por trás disso, mas ainda não tinha nenhuma suspeita. Não, isso era mentira, Naruto só conseguia pensar em uma pessoa capaz disso, mas rezava para que estivesse engando.

 

“Também estão aqui.” Naruto fala calmamente vendo a enorme quantidade de zumbies naquela rua.

 

“Parece que não conseguiremos voltar para a casa da Takagi assim.” Saeko fala séria ao lado do loiro. Ela ainda não tinha entendido o motivo dele ter se separado do restante do grupo.

 

“Eu não estou preocupado com isso.” Naruto fala começando a andar. Saeko estranhou que Naruto não fazia nenhum som ao andar.

 

“O que você está procurando exatamente?” Saeko sussurra andando ao lado dele.

 

“Lembra quando aquele ataque de fogo veio em nossa direção?” Saeko acenou a cabeça em concordância. “Aquele ataque foi um Ninjutsu. Quando eu fui investigar àquela hora, eu descobri que veio de dois shinobis das nações elementais.”

 

“Shinobis das nações elementais? Mas como eles vieram para esse mundo?” Saeko tinha ouvido a história de seu amado e perguntou curiosa.

 

“Na verdade, um deles fugiu.” Naruto responde sinceramente. “Mas o mais estranho é que o segundo shinobi tinha morrido quando eu tinha doze lá.”

 

“Mas se esse cara morreu nas nações elementais, como ele está neste mundo?” Saeko perguntou, mas Naruto não tinha um resposta.

 

“Ele era um zumbie.” Naruto confessa sério. “Ele voltou, agora como um zumbie. O real problema é se tiver mais zumbies como ele. Já pensou nisso? Zumbies já estão matando as pessoas, agora imagina um deles que pode falar, é inteligente e pode usar Ninjutsu.” Saeko fechou a cara com essa informação. Se eles pudessem lutar que nem o Naruto, a humanidade seria exterminada do dia para a noite.

“O que aconteceu com ele? O zumbie shinobi que você enfrentou?” Saeko pergunta com uma voz preocupada.

 

“A única coisa boa nisso tudo é que se pode matá-los se destruirmos a cabeça.” Naruto fala tranquilizando-a.

 

“Se já sabe disso, porque estamos aqui afinal?” Saeko pergunta confusa.

 

“Porque provavelmente quem está por trás disso está naquela direção.” Naruto fala apontando para bem longe com o polegar.

 

“Como sabe que ele está lá?” Saeko pergunta surpresa. Ela não sabia exatamente onde ele estava apontando, mas parecia bem longe. Desde que o apocalipse zombie começou, Naruto demonstrou habilidades sobre-humanas.

 

“Porque ele está me provocando já há algum tempo.” Naruto responde sinceramente. “Ele quer que eu vá até ele.”

 

“Isso não é uma armadilha?” Saeko pergunta preocupada.

 

“Provavelmente, mas eu não tenho escolha.” Naruto responde vendo uma expressão preocupada em Saeko. Querendo tranquilizá-la, falou. “Não se preocupe. Vai ficar tudo bem.”

 

“Isso parece perigoso.” Saeko fala preocupada. “Como você vai detê-lo?” Naruto não respondeu e eles continuaram a andar. Vinte minutos mais tarde, eles ainda não tinham avançado o suficiente. Naruto pegou Saeko no colo como um princesa.

 

“N-Naruto, o-o-o q-q-que v-v-você está f-f-fazendo?!” Saeko pergunta corada e ao mesmo tempo feliz com o contato deles.

 

“Se formos andando vai demorar muito.” Naruto explica sorrindo. “Posso te levar? É mais rápido do meu jeito.” Apesar da pergunta, Saeko respondeu acenando vigorosamente a cabeça em positivo. Ter uma chance de ser tratada como uma princesa pelo homem que ama era um sonho.

 

Naruto começou a pular nos prédios o mais rápido que podia. Saeko ficou impressionada pelo velocidade do loiro, mas a cada minuto que passava seu coração acelerava fortemente. Ela não tinha dúvida nenhuma sobre seus sentimentos em relação ao Naruto.

 

“O que é isso?” Naruto parou em cima de um prédio no centro da cidade. A energia passou a se acumular muito maior e muito mais forte do que antes.

 

“O que foi?” Saeko pergunta curiosa vendo que ele parou.

 

“É melhor você ficar aqui.” Naruto fala friamente sem responder a garota. Ele a colocou no topo do prédio calmamente.

 

“Eu não vou ficar aqui, Uzumaki Naruto!” Saeko fala irritada. “Não pense que pode me dar ordens! Eu vou com você!” Saeko fala com medo do que poderia acontecer com ele.

 

“Desculpe. Mas isso não vai acontecer.” Naruto fala acertando a têmpora de Saeko, fazendo a garota desmaiar. “É melhor que você fique aqui. Nenhum zombie chegará até aqui.”

 

Naruto pulou mais de uma dúzias de prédios, ficando a uma boa distância de Saeko. Se Madara realmente estivesse vivo, ele não queria Saeko por perto. Naruto estava pensativo enquanto conversava alguma coisa com Kurama, ele o tinha chamado para conversar antes do possível encontro com Uchira Madara.

 

Naruto não demorou para chegar em uma praça bem cuidada, com muitas flores um local adequado para se levar a família, mas Naruto não podia pensar nisso agora. Ele sabia que o responsável pelo apocalipse zumbie estava o observando.

 

“Quer que eu te chame formalmente?” Naruto faz a pergunta para o nada. “Sinceramente, já passamos desta fase não acha, Uchira Madara.”

 

Pelo próximo minuto nada aconteceu. Mas não demorou para o ar na frente de Naruto passar a circular fazendo-o lembrar do poder de Obito. Três segundos depois lá estava ele. Com os braços na frente do corpo de forma arrogante, suas vestimentas não tinham mudado em nada, a única mudança era que ao invés do sharingan, Rinnegan estava no lugar (Imagem da capa).

 

“Eu realmente não esperava que você ainda estivesse vivo.” Madara fala calmamente com seu jeito arrogante.” Aposto que o velho Rikuudou tem algo a ver com isso. Mas tanto faz, aqui não tem um inimigo que valha a pena lutar.”

 

“Como assim “Eu ainda estivesse vivo”? O que isso quer dizer?” Naruto pergunta confuso. Madara riu em resposta.

 

“Se você não sabe, tudo bem.” Madara responde displicentemente.

 

“Como diabos você sobreviveu?” Naruto fez um pergunta crucial. “Você foi reencarnado com o Edo Tensei e virou um junchuuriki e perdeu seu Bijuu morrendo logo em seguida. Não tinha como você ter sobrevivido.” Madara riu de forma espalhafatosa.

 

“Você é um tolo, Uzumaki Naruto.” Madara fala rindo do loiro.

 

“O que?” Naruto pergunta apertando os punhos.

 

“Eu estou dizendo que você não pode me derrotar, não mais.” Madara fala friamente. “O tempo que você podia fazer isso, passou.”

 

“É você que está por trás do Zumbie do Zabusa?” Naruto pergunta tentando manter a calma para obter informações.

 

“De quem mais seria?” Madara fala zombando. “É incrível o que se pode fazer com chackra hoje em dia.”

 

“Como diabos veio parar aqui neste mundo?” Naruto pergunta trincando os dentes. “Qual o seu objetivo com tudo isso?”

 

“Não sou obrigado a responder.” Madara fala sério. “A conversa acabou. Eu estou para matá-lo e nada mais.

 

“Você pode tentar.” Naruto fala do mesmo modo que Madara.

 

Os olhares se fuzilavam. Íris azuis e negras se encaravam a distância. Não havia qualquer movimento. Os dois oponentes se calados, fitando um ao outro. O clima de tensão era tamanho, o centro da cidade estava vazio com exceção de Naruto e Madara.

 

Naruto deixara que o chackra alaranjado o envolvesse como um manto. O poder de Kurama se unia ao seu corpo de forma harmoniosa. O chackra flamejante tomara completamente o corpo do Uzumaki, modificando a aparência do mesmo. A transformação mais poderosa além do Modo Bijuu, a segunda versão do Modo Kurama estava ativada.

 

Do outro lado, Madara cerrou os olhos por alguns instantes, abrindo-os em seguida. As íris rubro-negras agora pendiam nos olhos do Uchira fundador de Konoha. O padrão do Doujutsu, todavia era incomum. Isso significava que Madara não usaria primeiramente a versão básica do Sharingan, pelo contrário, assim como Naruto, atacaria com sua “melhor arma” logo no início do combate. O olhar revelava o poder eterno do jutsu ocular do clã Uchira, o Fuumetsu Mangekyou Sharingan.

 

Madara formou o selo do cavalo, inspirou profundamente e atacou primeiro.

 

“Katon: Goukamekkiaku! (Elemento Fogo: Devastação do Inferno)” – Madara soprava uma gigantesca onda de chamas em Naruto. O Uzumaki via se aproximar dele uma imensa e aterradora muralha de chamas. O loiro esboçou um sorriso de satisfação. Ele vira este jutsu pela primeira vez na guerra.

 

“Este jutsu de novo, não é? Não importa. Ele é só uma distração. Quando eu uso o Modo Kurama, técnicas de fogo não funcionam em mim. E o mais importante: você sabe muito bem disso, Uchira Madara”. – Pensa Naruto.

 

Ele aguardou imóvel o muro de labaredas vir em seu encalço. Quando as chamas se aproximaram, Naruto elevou o tamanho de seu braço direito com o poder Bijuu, criando a partir do chackra um gigantesco punho cerrado. Em seguida, usou o braço gigantesco para socar diretamente o que estava a sua frente.

 

Aconteceu exatamente como Naruto havia previsto. O jutsu de fogo nada mais foi que uma simples distração. Madara se aproveitara que o fogaréu impediria que Naruto o visse criar um braço esquelético com o Susano´o e, de forma combinada, socar contra a direção que Naruto estava inicialmente. O que, todavia, Madara não esperava naquele momento era que seu golpe combinado fosse desfeito com outro soco da parte de Naruto, forte o bastante para destruir a mão do Susano´o. Madara arqueou a sobrancelha, impressionado.

 

Naruto surgiu de trás das chamas, investindo de forma veloz contra Madara. Nas mãos trazias seu jutsu mais famoso.

 

“RASENGAN!” Atacou o Uzumaki.

 

“CHIDORI!” Madara rebateu com um jutsu inesperado. Naruto arregalou os olhos em surpresa, mas não baixou a guarda.

 

O choque das duas técnicas foi intenso e barulhento. Chidori e Rasengan, os jutsus que estavam fadados a se colidirem cumpriram este papel. Os dois recuaram alguns passos, ainda se analisando.

 

Naruto moldou seu manto de chackra, formando as nove caudas de Kurama. Depois, o loiro as fez perfurarem o chão e atravessarem o subsolo até alcançarem Madara.

 

O Uchira era rápido e se movia com habilidade. As caudas irromperam do chão inesperadamente. Direita, esquerda, retaguarda, frente, noroeste, nordeste, sudeste, sudoeste e centro. Não havia uma direção da qual Naruto não abrangesse. No entanto, o oponente de Naruto era ninguém menos que Uchira Madara, o único ninja que poderia lutar contra ele no mundo fora Sasuke. Madara se movia entre os ataques de Naruto, evitando-os sem problema algum. Enquanto saltava entre as caudas de chackra, Madara acumulava chackra de Raiton em sua mão esquerda.

 

“Raiton: Raijuu Hashiri no Jutsu! (Elemento Raio: Técnica da Fera de Eletrecidade).

 

O chidori na mão do Madara se estendeu até formar uma besta de eletricidade quadrúpede e estritamente veloz que Madara podia controlar a distância.  

 

“Ei! Aquele é um jutsu do Kakashi-sensei!” Pensa Naruto impressionado.

 

A fera elétrica se aproximava com ferocidade de Naruto. O loiro saltou drasticamente para trás, inspirou a maior quantidade de ar possível e contra-atacou.

 

“FUUTON: RENKUUDAN NO JUTSU! (Elemento Vento: Técnica de Bala de Ar Perfurante)” Naruto, de uma vez, soprou uma imensa esfera de vento contra o jutsu de Raiton de Madara.

 

Um projétil esférico de ar foi soprado por Naruto. Um ataque maciço e concentrado de chackra. O justu de Madara foi reduzido a nada. O Uchira se viu obrigado a usar uma manobra mirabolante de esquiva.

 

Todavia, quão grande foi a surpresa de Madara ao ver que Naruto surgira á sua retaguarda com um Rasengan em punho.

 

“Agora eu te peguei, Madara!” Disse o Uzumaki.

 

Madara olhou por cima do ombro para Naruto. O loiro estava prestes a consumar o ataque e encerrar a luta, mas não o fez porque Madara conseguiu se recuperar a tempo. O olho do Uchira começava a sangrar.

 

“Esse jutsu é...” Pensa Naruto arregalando um pouco os olhos.

 

“Amaterasu.”

 

Naruto teve que recuar. Com a velocidade do Modo Kurama, foi capaz de evitar as chamas negras, fugindo no instante exato e deixando o fogo queimar o alvo errado. Naruto reapareceu à frente de Madara.

 

“Porque? Porque o Madara consegue usar as técnicas do Sasuke?” Naruto pensava confuso. Ele podia ter copiado, mas de alguma forma ele sentia que não era simples assim.

 

Foi a vez de Madara atacar. Assim que Naruto reapareceu em sua frente, Madara o atacou com sua arma em forma de violão (não sei definir a arma dele, mas acredito que todos conheçam) envolta com chackra de Raiton. A arma de Madara passou a milímetros da cabeça de Naruto, chegando a cortar alguns fios de cabelo do mesmo. O moreno manobrou sua arma para baixo, visando perfurar as costas desprotegidas de Naruto. Naruto se esquivou, mas não foi capaz de evitar um pequeno corte em seu braço direito.

 

“Aquela arma é estupidamente afiada!” Pensa Naruto irritado.

 

O loiro recuou, desistindo do combate direto. Madara persistia no ataque, pois via que estava em um bom momento no combate. Naruto estava acuado. Madara apareceu repentinamente ás costas de Naruto, brandindo sua arma e mirando no pescoço do Uzumaki. Naruto apoiou a mão direita sobre a mão de Madara que empunhava a arma. Desta forma, ganhou impulso para chutar com a perna esquerda o rosto de Madara. Uma manobra impressionante de Naruto. Naruto continuou no ataque. Um chute na boca do estômago de Madara, uma cotovelada, uma joelhada, e mais um chute. Madara foi arremessado para trás. Entretanto, o Uchira manobrou e aterrissou em pé. Madara pulou para cima.

 

“Katon: Gouryuuka no Jutsu! (Elemento Fogo: Técnica do Grande Dragão de Fogo).” Cinco projeteis similares a dragões foram disparados contra Naruto.

 

“É só mais uma distração. Eu não vou usar o Suiton para isso. Não agora.” Disse Naruto consigo mesmo.

 

O loiro formou as nove caudas novamente e as usou para contra-atacar Madara. O loiro sorriu ao ver que suas caudas haviam bloqueado, entre as chamas, uma flecha do Susano´o de Uchira Madara.

 

“Como eu disse, era só uma distração. O ataque principal era a flecha do Susano´o!” Naruto sorriu confiante. “Mas essa forma de lutar...Me lembra muito o do Sasuke. O que diabos está acontecendo aqui?” Naruto pensa confuso.

 

Ainda no ar, Madara desfez o pequeno Susano´o. Madara fez um movimento de mãos que Naruto não reconheceu e assim uma cortina de fumaça o cegou por três segundos.

 

“Chidori Nagashi.”

 

O Uchira aterrissou com um golpe descendente. Um ataque capaz de perfurar o solo da cidade. O corpo de Madara estava envolto em uma camada de raios. O Chidori Nagashi permitiu ao Uchira ganhar mais poder destrutivo e velocidade em queda. Naruto saltou para a esquerda e sequenciou os selos manuais.

 

“Fuuton: Kazekiri no Jutsu (Elemento Vento: Técnica do Vento Cortante)” Naruto girou o pescoço para a direita enquanto soprava a lâmina de vento contra Madara, de forma que seu ataque ganhasse um alcance maior.

 

Madara não teve dificuldade alguma em desviar do ataque de Naruto. Girou o corpo no ar e desviou do ataque.

 

“Fuuton: Rasenshuriken!” Naruto não esperou Madara ter tempo de se recuperar. Enquanto o Uchira desviava do Kazekiri no jutsu, Naruto criou dois Rasenshuriken e os lançou contra Madara. O Uchira ainda estava manobrando no ar quando foi atacado, assim seria impossível usar uma manobra de esquiva novamente. Naruto escolhera o tempo exato para atacar.

 

No entanto, Naruto sabia que Madara não seria derrotado de uma forma estúpida daquelas. O chackra roxo envolvia o corpo de Madara. Posteriormente, ossos roxos de chackra se formavam em volta do corpo do Uchira, protegendo-o completamente dos ataques do Uzumaki.

 

“Como eu imaginava.” Naruto sorriu satisfeito. “Você ia usar o Susano´o.”

 

Naruto abriu sua mão direta e nela moldava chackra. O jinchuuriki formava mais um Rasenshuriken, só que desta vez, adicionou o chackra do Kurama em uma escala maior. Madara, por sua vez, adicionava a segunda e a terceira camada em seu Susano´o, respectivamente. Uma lâmina das chamas negras do Amaterasu se formava no braço direito do Susano´o, no braço esquerdo, a base do arco, que além de disparar as flechas do Susano´o poderia usar para defesa.

 

Naruto lançou o Rasenshuriken contra Madara. O Uchira atacou com a lâmina de Amaterasu e pôs a base do arco na frente do Susano´o, precavendo-se para a colisão.

 

O choque das técnicas foi, como o esperado, assombroso. Um turbilhão de chamas negras se formou no meio da cidade.

 

“Kagutsuchi!” Madara ativou o poder de seu Mangekyou Sharingan direito e fez desaparecer as chamas do Amaterasu, clareando seu campo de visão.

 

Quando o fogo negro desapareceu do meio da cidade, Madara arregalou os olhos. Naruto não estava lá. O Uchira procurava com os olhos o Uzumaki, encontrando-o. O problema, é que Madara encontrou Naruto tarde demais.

 

Naruto havia saltado durante a explosão de chamas negras para que dessa forma, Madara não o encontrasse a tempo. Naruto usou o chackra do Kurama mais uma vez para socar o Susano´o de Madara à queima roupa. A defesa do Uchira nunca funcionaria a tempo. O soco na cabeça do Susano´o foi preciso e esmagador. A defesa absoluta de Madara fora espatifada diante do Uchira. Madara não conseguiu fazer nada além de evitar que o soco de Naruto o acertasse. Saltando para trás, Madara evitou o golpe de Naruto por muito pouco. Naruto era incansável no combate. Persistia no ataque, agora com um soco de esquerda. Madara desviou o rosto e atacou com sua arma.

 

Naruto, para poupar chackra da Kyuubi porque sabia que tinha algo errado, desfez o Modo Kurama e investiu contra Madara. Madara achou curioso a atitude de Naruto e, de certo modo, gostou. Aquela luta estava sendo interessante.

 

A arma de Madara e a pequena lança de Gekidama de Naruto se cruzaram mais uma vez. Naruto atacava e Madara defendia e contra-atacava de imediato. Quando Madara estava mais ofensivo, Naruto se mostrava hábil suficiente para deter quaisquer ataques de seu oponente. As lâminas se colidiam com uma frequência insana de repetições.

 

Em um movimento rápido, Naruto sacou a outra lança de Gekidama com a mão esquerda, tentando ludibriar a defesa do Uchira e descompassar seus movimentos. Percebendo a tempo, Madara saltou para trás. Naruto adicionou chackra de Fuuton em suas armas de forma que elas tivessem um aumento, assimilando-se a espada de vento.

 

“Ele não está usando o Limbo? Porque? O que diabos está planejando, Madara?” Pensa Naruto calmamente.

 

O loiro lançou duas kunais contra Madara. O Uchira desviou das duas armas e contra-atacou Naruto.

 

“Katon: Hosenka no Jutsu! (Elemento Fogo: Técnica da Flor da Fênix)” Madara soprou sucessivas bolas de fogo contra Naruto.

 

O Uzumaki executou os selos manuais necessários, inspirou profundamente e lançou seu jutsu.

 

“Suiton: Suishouha no Jutsu! (Elemento Água: Técnica da Onda Chocante de Água).” O jutsu de Suiton avançou furiosa e impetuosamente contra Madara. O Hosenka no Jutsu já havia sido detido, restava seu usuário. Naruto reativava mais uma vez o Modo Kurama em sua segunda versão.

 

Toda a água foi dissipada para longe de Madara devido a um feixe escuro de luz roxa. A aura roxa tomada a forma de um gigante de quatro braços e armadura completa. Em poucos segundos, Naruto encarava a forma perfeita de Susano´o.

 

Um gigante humanoide de armadura. Em dois braços, o Susano´o formava uma flecha com o fogo do Amaterasu e a mirava contra Naruto. Com o segundo par de braços, o Susano´o erguia uma imensa espada de chamas negras.

“Impressionante, Naruto!” Dizia Madara. “Você ficou mais forte desde a última vez que lutamos! Eu sei que, no exato momento em que seu jutsu de Suiton encobria a minha visão, você usou o Kage Bunshin no Jutsu. Não tente me enganar desse jeito patético!”

 

Madara dizia isso, pois, bem acima dele, a uma altura quase imperceptível, um segundo Naruto caía em sua direção. Em suas mãos, o clone trazia um ataque devastador: Bijuu Dama Rasenshuriken. Um jutsu que ele aperfeiçoou nesses dez anos no novo mundo.

 

O naruto original, revestido com o Modo Kurama, também formava um Bujuu Dama Rasenshuriken.

 

“E aí, Madara? Qual ataque deve ser mais forte? O meu ou o seu?”

 

“Porque não tiramos a prova?” Madara desafiou.

 

“FUUTON: BIJUU DAMA RASENSHURIKEN!” Das duas direções, Naruto atacou.

 

“ENTON: SUSANO´O KAGUTSUCHI! (Elemento Chama: Susano´o, o Deus das Chamas).” O Susano´o de Madara disparou a flecha e, simultaneamente atacou com a espada de chamas negras.

 

Uma explosão colossal era visto por toda a cidade, não o feixe de explosão podia ser visto a quilômetros de distância. A soma dos dois ataques culminou em uma onda explosiva de ampla magnitude. Era impossível dizer o que se passava dentro da área de combate que fosse diferente de uma explosão. A intensidade dos ataques era tamanha que, por longos minutos, tudo o que se via era um feixe de luz negro das chamas do Amaterasu mescladas ao absurdo poder do Bijuu.

 

Passados vinte e cinco minutos toda a poeira baixou, revelando um fosso de cinquenta metros de profundidade. O chão do centro havia sido devastado completamente. O nível da área estava agora a muitos metros abaixo do normalidade. Este era um resultado de uma luta entre dois shinobis muito poderosos.

 

Ajoelhados, com as camisas destruídas, com hematomas e sangue escorrendo, os dois shinobis se encaravam. A respiração estava pesada para ambos. O cansaço e o acúmulo de ferimentos eram agravantes consideráveis naquele combate. Um combate digno dos lutadores.

 

“Ainda bem que não tem ninguém por perto para se machucar.” Naruto olhava a destruição ao redor.

 

“Naruto! Se a minha energia natural não tivesse reagido a tempo, você teria sido destruído!” Kurama fala irritado em seus pensamentos.

 

“Você nunca muda. Sempre se preocupando com o bem-estar dos outros.” Madara fala calmamente.

 

Naruto acumulava chackra do Kurama em sua mão direita, preparando um jutsu. Madara reativou o Fuumetsu Mangekyou Shraringan.

 

“Suiton: Rasenshuriken! (Elemento Água: Shuriken Espiral)”

 

“Amaterasu!”

 

O fogo negro devorou o jutsu de Naruto por completo. Madara sorriu satisfeito.

 

“Enton: Kagutsuchi! (Elemento Chama: Deus das Chamas).” Com o Kagutsuchi, Madara moldou as chamas do Amaterasu lançando contra o jutsu de Suiton até formar uma mão de chamas e atacar Naruto.

 

O ataque do Uchira serpenteava pelo chão, consumindo tudo em seu caminho e perseguindo Naruto incessantemente. O loiro recuava enquanto mantinha os olhos atentos a qualquer movimento que Madara pudesse fazer. Naruto enquanto desviava fez um Rasenshuriken e lançou contra Madara que parou seu ataque.

 

Madara surgiu a pouco centímetros de Naruto, chutando-lhe o rosto. Naruto caiu e, ao se erguer, viu a arma de Madara, tocar-lhe o pescoço. Naruto estava rendido.

 

“Acabou, Naruto.” Disse Madara com seu jeito arrogante.

 

“Pois é, Madara. Acabou.” Naruto sorriu.

 

Foram as últimas palavras de Naruto antes do mesmo se desfazer em fumaça.

“Um Kage Bunshin?” Madara arregalou os olhos. “Quando foi que ele...É claro. Quando eu usei Kagutsuchi. O Naruto se aproveitou da escuridão das chamas negras para fugir do meu campo de visão, deixando um clone no lugar.”

 

De forma inesperada, as rochas em volta de Madara se transformaram em vários clones de Naruto. Madara se via atacando de todas as direções possíveis.

 

“Naruto Tai Rendan! (Combo do Naruto de todos os lugares).” Gritavam os clones.

 

“Faça melhor, Naruto!” Madara ativou seu Susano´o e golpeou com as duas espadas do mesmo os clones de Naruto. Madara mantinha a estabilidade na defesa e no ataque, um a um, os clones de Naruto eram destruídos por Madara.

 

Apesar do bom ritmo de Madara na luta, o Naruto original foi mais rápido. Conseguiu desviar dos ataques do Susano´o, o Uzumaki saltou para perto da cabeça do Susano´o. O punho estava cerrado, o olhar sério e confiante.

 

Naruto expandiu seu punho. O soco acertou em cheio. O Susano´o de Madara foi arremessado para trás com violência até, finalmente, desaparecer completamente. As costas desprotegidas de Madara se chocaram contra um prédio de vinte andares e ele o destruiu e só foi parar no solo, com o prédio em ruínas.

 

Madara se apoiava no joelho. Estava ofegante e exausto. Naruto caminhava lentamente na direção do Uchira. O olhar do loiro era sério e concentrado. Naruto estava de olho em qualquer movimento por parte de Madara.

 

“Levante-se, Uchira Madara!” Ordena Naruto sério.

 

Madara, ainda joelhado, sorriu. Levantou-se devagar e encarou Naruto.

 

“Rasengan!” Naruto atacou Madara.

 

“Chidori!” Madara contra-atacou.

 

E mais uma vez Chidori e Rasengan iriam colidir, porém, Madara aproveitou a aproximação de Naruto e desviou. Com o braço direito, o Uchira imobilizou o braço de Naruto que usava o Rasengan e com o esquerdo, golpeou à queima roupa o Uzumaki com o Chidori. Madara pretendia matá-lo naquela momento. O problema era que Naruto, com o golpe recebido, explodiu em fumaça.

 

“Mais um Kage Bunshin?” Perguntou Madara.

 

“Estou aqui, Madara!” A voz grave, gritante e vibrante de Naruto era ouvida à retaguarda do Uchira.

 

Madara mal se virou e se viu socado com força no rosto por Naruto. Madara caiu no chão mais uma vez.

 

Ele estava prestes a se levantar novamente e atacar Naruto, mas quando tentou esboçar um sorriso, viu a mão de Naruto e centímetros de seu rosto. Na palma da mão de Naruto estava uma minúscula esfera negra, do tamanho de uma bolinha de plástico. Madara sabia que, apesar do tamanho, aquilo era um ataque devastador. Uma Bijuu Dama, por menor que fosse seu tamanho, jamais deveria ser desconsiderada. Se Madara desse mais um passo, seria explodido pelo golpe de Naruto. O Uchira se viu imponente. Estava rendido, estava derrotado. A batalha chegava ao fim.

 

“Acabou, Madara. Eu venci.” Seriamente, falou Naruto.


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Deixem nos comentários o que acharam!

Próximo capítulo: O novo poder de Madara. Os sentimentos de Saeko.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...