História Zootopia - Casos de uma dupla animal! - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Zootopia - Essa Cidade é o Bicho
Tags Judy, Judy Hopps, Mistério, Nicholas Wilde, Nick, Zootopia
Exibições 91
Palavras 1.837
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mais um capitulo para vocês, espero que gostem tanto de ler esse capitulo quanto eu gostei de escreve-lo.

Boa leitura a todos.

Capítulo 5 - Flores



Judy

 

Já faz um pouco mais de um ano que conheço Nick, e em todo esse tempo não houve um dia em que eu visse ele tão nervoso, bem talvez não fosse essa a palavra correta para descrever como ele aparentava estar.

Ele não conseguia parar de roer as garras enquanto caminhavamos, suas orelhas estavam abaixadas quase como se houvesse um enorme criminoso o amedrontando. Era estranho ver aquele raposo tão confiante e malandro tão incomodado?  Seria essa a palavra correta? 

O dia estava bem frio, conseguia até ver minha respiração se eu prestasse atenção. Eu vestia apenas uma calça e uma camisa de manga comprida, e para me aquecer usava um leve casaco de moletom. Ja o nick estava mais arrumado, usava uma camisa social, calça beje e um lindo sweater beje estampado com flocos de neve vermelhos. 

A casa da mãe dele ficava a poucas quadras do nosso predio, ainda me pergunto o porque de ele nao ter ido antes até la, isso atiçou minha curiosidade então não resisti e acabei por perguntar.

-Por que não visitou sua mãe antes? 
 Ele olhou para mim quase como se saisse de um transe causado por seu nervosismo.

- Ja faz muito tempo que não vejo minha mãe - Disse ele olhando para frente - Desde que eu sai de casa 17 anos atrás... nunca tive coragem de olhar ela nos olhos depois que começei a aplicar golpes.

- E como sabe que ela ainda mora naquele lugar? - Perguntei ja imaginando qual seria a resposta. 

- Eu sempre ia la apenas pra saber se ela se mudou ou nao, sempre tentei tocar a campainha, perguntar como ela estava e dizer que sentia a falta dela... - Nick parou por um momento - E uma vez eu até toquei, mas quando ouvi que ela estava se aproximando sai correndo e me escondi atrás de uma parede... a verdade é que eu tinha vergonha de olha-la nos olhos denovo.

- Então é por isso que nunca foi visita-la - Disse - Você tinha medo do que ela pensaria de você, tinha medo da reação dela ao te rever.

- Sim...

Nick aparentava estar muito arrependido, podia ver em seus olhos que ele sentia falta da mãe mas ainda tinha muito medo.

- E que tal se você comprar um presente para ela? - Sugeri enquanto tentava anima-lo - Aposto você sabe do que ela gosta! 

Nick abriu um sorriso e olhou para mim bem animado.

- Flores - Disse nick - Ela sempre adorou flores de todos os tipos.

- Flores né - Digo pensativa.

E em alguns segundos uma ideia bem louca veio a minha mente.

- Ja sei aonde vamos - Disse a ele - Mas vamos ter que desviar a rota.

- E aonde você pensou em ir? - Disse ele em um tom de duvida.

Dou um sorriso, pego o celular do meu bolso e começo a digitar alguns numeros. O celular toca algumas vezes ate que finalmente sou atendida.

- Aah cenourinha? - Pergunta nick - Com quem você esta falando? 

- Oi Mr.Big tudo bem? - Digo com um tom bem feliz - Sim sim, ta tudo bem comigo... não não, não tem ninguem que eu queira interrogar.

A cara de espanto de nick merecia ser fotografada de tão engraçada que estava.

- O senhor tem um florista correto? Pode enviar um carro para nos buscar? - Digo enquanto olho para nick me segurando para não rir

- Estamos no centro, a umas 4 quadras do DPZ... 5 minutos? Tudo bem estaremos aqui... pra você tambem, tchau. 

A ligação termina e eu guardo meu celular no bolso. 

- Você ta me dizendo que vamos visitar o Mr.Big? - Disse nick incredulo.

- Ele tem um dos melhores floristas de zootopia, tenho certeza que vai nos ajudar a conseguir o melhor buque de todos! - Digo confiante - E eu tambem quero ir ver minha afilhada! 

- De todos os lugares insanos que eu poderia imaginar... - Disse ele antes de respirar fundo - Tudo bem, você venceu, mas da proxima me avisa antes! 

Eu não pude conter os risos quando Nick começou a roer suas unhas ainda mais intensamente.

- Esta tudo bem Nick, o Mr.Big ja te perdoou lembra? - Digo tentando acalma-lo.

- Mesmo assim não me sinto confortavel indo lá - Disse ele tentando fingir não estar com medo. 


--

 

Passam alguns minutos e uma enorme e luxuosa limosine branca para ao lado da calçada, de dentro dela sai um enorme urso polar vestido em um terno negro com flores brancas em seu bolso. 

- Senhorita Hopps, Senhor Wilde? - Pergunta o urso.

- Sim - Dizemos em coro.

- O Mr.Big os aguarda em sua casa, permita-me levalos até la.

- Obrigada - Disse entrando no carro.

- É - Concorda nick - Obrigado

.
--

 

A viagem foi bem agradavel, o aquecedor do carro nos deixava quentinhos e aconchegados, ao nosso lado haviam varias bebidas diferentes, dos mais diversos sucos naturais aos mais caros vinhos.

Não demorou muito até que finalmente chegassemos na mansão.


--

 

Entramos na mansão e caminhamos até o escritorio. Lá, Mr.Big nos aguardava e ao seu lado um velho conhecido.

- Sejam bem vindos a minha casa - Disse Mr.Big levantando seu anel.

Um de cada vez beijamos o minusculo anel e em seguida nos posicionamos em frente a mesa.

- Fico agradecida por ter nos recebido hoje senhor - Digo gentilmente - Precisamos da ajuda de seu florista.

Emmit Lontrosa se aproximou de nós e nos cumprimentou com um forte abraço.

- A quanto tempo nao nos vemos oficial Hopps - Disse Emmit com um largo sorriso.

- Por favor... me chame de Judy - Disse a ele.

- E então, como posso ajudar? - Perguntou o senhor lontrosa.

- Precisamos de um buque, mas não pode ser qualquer um - Digo animada - Queremos o buque de flores mais lindo de Zootopia.

- E para o que seria isso Judy? - Perguntou Mr.Big - Para o casamento de vocês? 

Senti meu rosto esquentar como nunca antes, e podia ver pela expressão de vergonha de nick que tudo que ele queria assim como eu era pular naquela piscina de agua semi congelada que o Mr.Big usava para se livrar de pessoas que ele considerava problematicas. 

- Na... na na na... - Tento dizer mas não consigo terminar uma frase.

- Por que não disseram antes, eu em pessoa irei organizar a festa e... - Disse Mr.Big ja pedindo para que um de seus funcionarios anotassem o que ele iria falar em seguida.

- NÃO - Dissemos em coro.

- Que isso, não precisam ter vergonha - Disse Lontrosa - Foi o proprio Mr.Big que organizou meu casamento e...

- Não vamos nos casar - Dissemos em coro ao interromper o senhor Lontrosa.

- Então para que querem um buque - Perguntou Mr.Big confuso.

- É um presente para a mãe do nick - Digo juntando todas as minhas forças.

Na hora o clima voltou ao normal, Mr.Big se ajeitou em sua poltrona e logo disse.

- Por que não disseram antes? - Disse ele - Tenho certeza que meu florista irá conseguir algo lindo para vocês presentearem ela. 

- Obrigado - Dissemos em coro

Enquanto saiamos da casa eu perguntei para o Mr,Big sobre sua filha e minha afilhada mas ela não estava lá. segundo ele ela havia saido para visitar algumas amigas e levou a pequena Judy com ela.

Nos despedimos e fomos embora.


-- 

Entramos em um carro e junto ao senhor Lontrosa fomos levados até a sua loja de flores.

- Esperem aqui, ja irei retornar - Disse o senhor Lontrosa.

E lá ficamos enquanto nos encaravamos.

- Nos casar? Que bobeira - Disse nick abafando suas risadas com a pata.

- Muita bobeira - Concordo.

- Não é nem como se gostassemos um do outro dessa maneira - Disse ele enquanto coçava os olhos.

- É - Digo em risos - Não é como se estivessemos apaixonados ou algo do tipo.

- E você não esta? - Disse nick me olhando com um sorriso malicioso no rosto - Porque eu sei que posso ser bem atraente para algumas femeas.

Coro um pouco mas logo revido.

- Har har... Eu apaixonada? Quem sabe numa proxima vida - Digo com um riso forçado - E se você é tao atraente, por que nunca te vi sair com nenhuma outra raposa? 

- Sou solteiro por opção querida - Disse ele ageitando a gravata - Mas tenho certeza que eu conseguiria arrumar uma namorada se eu estivesse afim! 

- Eu pagaria pra ver - Digo.

"Eu apaixonada? Nem em um milhão de anos... Eu nao me apaixonaria pelo Nick, ele é meu... ele é meu amigo" - Penso por alguns instantes até que o senhor Lontrosa volta com um dos buques mais lindos que ja vi.

O buque era quase como um sonho, possuia lindissimas rosas vermelhas e brancas, copos de leite, tulipas, orquideas e mais algumas que eu nem sabia o nome.

- Obrigado senhor Lontrosa, foi de grande ajuda - Disse nick ao pegar o buque - Quanto lhe devo? 

- Vocês salvaram minha vida, a cidade e todos os predadores, somos nós que devemos a vocês, isso fica por conta da casa! - Disse ele com um olhar de gratidão.

- Muito obrigado - Dissemos juntos.

- Ah e tem mais uma coisa, o Mr big me pediu para entregar isso - Disse ele ao pegar uma caixa do bolso .

- O que é? - Perguntei.

- Não sei, o Mr.Big disse que era um presente dele para vocês darem a sua mãe nick. 

- Diga que ficamos muito agradecidos - Disse Nick enquanto saia da loja.

- Temos que ir senhor lontrosa - Disse a ele enquanto seguia nick que ja havia chamado um taxi.

-Voltem mais vezes! - Disse ele.

- Voltaremos.


--

A viajem de taxi não durou nem 10 minutos e finalmente estavamos em frente a casa da mãe do nick. Ele não a visitava a anos e eu podia ver em seus olhos o medo do que ela diria. 

Segurei sua mão e com um sorriso disse...

- Vamos lá, toca a campainha.

Nick respirou fundo, puxou toda a coragem que tinha e com certa relutancia apertou a campainha.

Demoraram alguns segundos até que a porta finalmente se abriu e dela saiu uma raposa, ela era bonita e parecia uns 20 anos mais jovem do que a idade indicava, ela vestia um belo vestido que chegava ate suas canelas e em seus pés estavam lindos sapatos artesanais e em seus braços uma pequena manta para se proteger do frio.

A raposa mais velha parecia ter entrado em choque ao ver a pessoa que lhe esperava do lado de fora, e sem perceber derrubara manta no chão que caiu dobrando-se sobre ela mesma. 

- Ni... Nicholas? - Disse ela ainda em choque.

- Oi mãe. 
 


Notas Finais


Mais um capitulo concluido com sucesso, muito obrigado a todos que leem, favoritam, comentam... voces me animam muito a continuar com a fic. E como sempre digo estou esperando ansioso por seu feedback e os comentarios, e sempre que puder irei responder e conversar com vcs. Abraços a todos!

Ps: Pode ser que tenha mais um capitulo de madrugada! :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...