Jornal Poetisa


Por: ~


Poetisa

O poeta morre
       Toda vez que escreve
       Porque cada letra é um pedaço de si que se deixa voar.

        Escrever é conceder à vida
        Uma força célebre e guerreira
        Capaz de transformar
        Qualquer multidão.


Escrevo poesias molhadas,
devido à muitas lágrimas, ou,
pelas águas de mais um imenso mar
no meu peito ?

Escutando: Seafret - Oceans

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...