Jornal Ficha Liberty Wings


Por: ~


Ficha Liberty Wings

A nossa maior glória não reside no fato de nunca cairmos, mas sim em levantarmo-nos sempre depois de cada queda.


Ficha


Nome completo: Violeta Di Fiori
Violeta significa ‘‘equilíbrio entre a matéria e o espírito, a terra e o céu, os sentidos e a razão’’ ‘‘violeta é o símbolo da alquimia’’ ‘‘ cor do segredo’’.
Di Fiori significa ‘’Desabrochar de flores’’

Apelido: Geralmente todos a chamam de Vita, apenas o par a chama de Levi.

Idade: 18 anos

Aparência: Chitoge Kirisaki
Possui longos cabelos numa coloração loira com mechas rosadas que geralmente então soltas em dias frescos ou frios, quando o sol está muito quente ela tende a amarra-los em um bagunçado coque. Seu cabelo é liso e em certos casos é encontrado com uma fita vermelha.
A garota tem olhos pequenos, que são bem claros, assim como o mar, eles podem parecer um pouco cansados, mais é só impressão, ao contrário, eles são pequenos, mas atentos a qualquer coisa, seu olhar é verdadeiro, mas também pode ser falso em certos casos. Quando está brava, irritada ou magoada muitos não conseguem distinguir como ela está se sentindo, pois suas emoções são muito parecidas uma com as outras.
Seu corpo é bem pálido e mediano, apesar de pequena ela possui lá suas curvas, fazendo assim com que o corpo tenha uma aparência fofa e ao mesmo tempo de uma quase adulta. Em suas costas há uma cicatriz muito visível, que ganhou quando ainda morava com os pais, ela não gosta de mostra-la aos outros e por isso o único que sabe sobre isso é o par.
Ela tem uma boca pequena e rosada, que muitas vezes esconde um sorriso encantador e divertida. Suas mãos são pequenas e macias, assim como seu rosto, que é coberto por uma camada vermelha nas bochechas, porque ela fica corada com muita facilidade, apesar de tentar não demonstrar isso em público.
Vita tem longas pernas, mas na maior parte do tempo são cobertas por grandes meias que a deixam confortável, usa roupas bem largas ao mesmo tempo em que fazem de seu visual uma coisa divertida e simples.


Personalidade: Uma pessoa que é conhecida por suas muitas personalidades.
As pessoas a conhecem pelo jeito gentil que ela os trata e ao mesmo tempo pelo jeito determinado.
É uma garota otimista, serena e divertida. Não mede esforços para ajudar seus amigos e espera que os mesmos façam isso por ela, na verdade espera que pelo menos os mesmos a alegrem nas horas ruins, difíceis e boas no decorrer do tempo.
Sabe como ser responsável em algumas horas, mas é muito distraída em muitas outras. Algumas pessoas se irritam pelo fato dela ser assim, mas fazer o que? Ela diz que não vai mudar por uma pessoa... Se todos ligassem para a opinião de alguns o mundo seria um desastre não é mesmo?
Quando irritada, é um tanto problemática, mas não chega a bater boca ou agredir mesmo tendo uma força absurda. Às vezes se faz de durona, mas como todos sabem ela é uma pessoa de bom coração.
Não gosta de deixar os outros preocupados e faz o possível para ver todos sorrindo e ao mesmo tempo tenta alegrar a si mesma. Poucos sabem que a mesma é um tanto tímida na frente de garotos.
E muitos sabem sobre sua determinação e coragem diante dos que ama. Assim como alguns, ela não gosta muito de se expressar ou relatar sobre os fatos que ocorreram no passado, pois quando isso acontece ela tende a se sentir um tanto magoada por causa de seus pais e isso faz com que a garota tenha uma crise de pânico (ou mais ou menos).
Ela ama dormir, mas sempre que isso acontece ela tem grandes pesadelos envolvendo os pais, amigos e familiares que ela tanto ama. Por isso quando não está dormindo fica rondando por entre os grandes locais da casa a procura de algo para fazer, ou apenas para passar o tempo.

Roupa de batalha:


Roupa casual: (A foto ao lado, é a que ela usa para fugir)


Armas: Uma espada, mesmo sendo de uma família que só usa armas


Realeza ou Liberty Wings: Realeza

História: Filha de um grande chefe da máfia, Ângelo Di Fiori e sua esposa, Ellena Di Fiori, os dois se conheceram por acaso quando o homem estava em serviço e logo se apaixonaram. A garota desde a infância era considerada como a joia preciosa do pai, que por sua vez não deixava que a pequena se envolvesse diretamente com o lado negro da família.
Vita sempre foi vista como a garotinha indefesa que não poderia fazer nada, a não ser que algum dos capangas de seu pai estivesse ali para acompanha-la, isso gerou muito confusão e conflito em sua escola fazendo assim com que a mesma tivesse que sair. Desde muito nova ela conviveu ao lado de outros dois garotos, que foram salvos por seu pai ainda na infância. Os mesmos então passaram a protegê-la e quem ousasse machuca-la acabaria por estar em uma grande enrascada.
A jovem nunca foi a favor de ser protegida e sempre que podia dava um jeito de escapar dos olhos dos ‘irmãos’, mas nem sempre seu plano dava certo. Aos sete anos seu pai decidiu treina-la e fazer da mesma uma pessoa forte, que assim poderia se juntar ao ramo da máfia junto dos demais familiares.
Ela passou seis anos em treinamento, enquanto esta estava sobre a vigilância de seu irmão mais velho que a ajudou e fez da garota uma pessoa forte e competente. Foi então que ela entrou para a máfia e foi nomeada como membra oficial, mas para sua surpresa seu pai apenas a queria ali para informar a todos que Vita ficaria noiva de um rapaz totalmente desconhecido.
A garota então se revoltou e disse ao pai que não iria se casar, o mesmo ficou furioso e propôs a ela um acordo, Vita teria de ganhar uma luta contra o homem, se ganhasse sairia dali sem se casar, ao contrário... Teria de aceitar. Ela então lutou com o pai, mas antes que pudesse dar um único golpe, ele a jogou no chão fazendo com que seu corpo não aguentasse e caísse imóvel no chão gelado do grande salão.
Vita então foi levada para o hospital e isso fez com que ela ganhasse em suas costas uma grande cicatriz, ‘presente’ que ganhou após fraturar a mesma durante a luta. Sua mãe ficou muito preocupada com o estado da única filha e decidiu envia-la de volta ao Altera sem que ninguém soubesse.
Ela então passou a morar na casa de sua tia e seu marido, os dois a acolheram e desde que Violeta possuía quinze anos foi tratada como filha dos dois. Mas a alegria do casal não durou mais que três anos, a garota estava voltando da escola quando reparou que seus tios haviam chegado a casa mais cedo do que frequentemente. Entrou no estabelecimento e horrorizada os viu caídos no chão, ainda vivos para sua alegria. Um homem alto então disse que não os mataria, mas com um único acordo, ela teria de ir com o mesmo, sem fazer perguntas ou tentar escapar.
Como ela amava sua família decidiu que era melhor fazer o que o homem mandará e o seguiu. Para assim então nunca mais encontrar sua mãe ou qualquer outro que lhe era importante.
Violeta foi levada novamente até Atlas, cidade em que sua família se encontrava. O pai ficou muito furioso com a garota e a mesma novamente ficou machucada após tentar enfrentar seu pai. Logo descobriu que a mãe estava bem, apenas assustada com o ocorrido.
Ângelo então decidiu desistir do casamento, mas fez com que Vita concordasse em nunca mais fugir e também não poderia praticar lutas ser sua permissão, além de não sair da casa.

Opção sexual: Heterossexual

Possui magia? Não, mas ela é muito ágil e muito boa em lutas próximas, com ou sem sua espada em mãos.

Algum segredo?: -Apesar de ajudar os outros e os fazer felizes, não sabe como alegrar a si mesmo em alguma circunstancia grave. Por isso gosta de cantar melodias quando está sozinha.
Foge muitas vezes de casa
Ela é contra as regras do reino

Medos: Perder pessoas importantes para ela
Que seu par a abandone ou que o mesmo conte de sua cicatriz para os outros.
Trovões e relâmpagos.
De que seu pai a mate


Algo a mais?:
-Ela ama coisas vermelhas
-Quando não consegue dormir fica sentada em sua cama pensando ou fica perambulando por algum local
-Cicatriz nas costas

-Frases mais usadas por ela:
“Ideias pré-fabricadas são ideias mal fabricadas.”
“Eu estava ali, por você, e você me mandou embora.”
“Quando as pessoas estão sozinhas elas fazem coisas que irão se arrepender depois.
“E naquele momento eu seria capaz de jurar que éramos infinitos.”


Perguntas:

Trabalha bem em equipe? Ela é bem atenciosa quando se fala em equipe, apesar de na sua vida não ter convivido muito com as pessoas, ela as entende e faz o possível para que as mesmas acreditem em seu potencial.

Qual o nível na realeza? Ela é filha de um mafioso muito conhecido e uma aristocrata.

Consegue matar sem sentir pena? Ela tende a matar apenas aqueles que fazem mal aos outros, não sente nada, pois sabe que os mesmos já fizeram coisas terríveis para os demais e precisam saber que na vida nem tudo é de graça.


A perseverança é mais eficaz do que a violência, e muitas coisas que, quando reunidas, são invencíveis, cedem a quem as enfrenta um pouco de cada vez.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...